Carta de um Bebê

Mamãe e Papai, hoje sou a sua surpresa e a sua dor, o filho não sonhado, nem sequer imaginado. Enquanto crescia na sua barriga, temia os sonhos e projetos que faziam para mim e que não poderia realizar. Porém, se ao me olhar conseguissem ver além do quadro médico, achariam em mim toda beleza que meus olhos podem dar e a inteligência que a sua confiança pode fazer crescer em mim.

Posso ser o milagre de todos os dias, sou capaz de sentir, de entender, de ser... Porém, preciso de vocês ao meu lado com a doçura de um sorriso, cada vez que as minhas mãozinhas se enganam, com a terna paciência de esperar meu tempo, mais lento, com a sabedoria de me guiar, sem querer me transformar, com a proteção do seu respeito, para que todos me respeitem como sou, com a alegria de desfrutar o simples fato de amar e compartilhar a nossa vida, vencendo os preconceitos e desafiando as opiniões diversas.

Meu corpo é pequenino, mas está cheio de amor e se vocês me abraçarem forte, poderei lhes dar a força e a coragem de lutar. Só lhes peço a oportunidade de crescer com amor. Amo vocês!

Mensagem escrita por um pai.

Mensagens Relacionadas

Oi mamãe, tudo bom? Eu estou bem, graças aos Deuses. Faz apenas alguns dias que você me concebeu em sua barriguinha. Na verdade, não posso explicar como estou feliz em saber que você será minha mamãe. Outra coisa que me enche de orgulho é ver o amor com que fui concebido. Tudo parece indicar que eu serei a criança mais feliz do mundo!

Mamãe, já se passou um mês desde que fui concebido e já começo a ver como o meu corpinho começa a se formar, quer dizer, não estou tão lindo como você, mas me dê uma oportunidade! Estou muito feliz! Mas tem algo que me deixa preocupado... Ultimamente me dei conta de que há algo na sua cabeça que não me deixa dormir, mas tudo bem, isso vai passar, não se desespere.

Mamãe, já se passaram dois meses e meio, estou muito feliz com minhas novas mãos e tenho vontade de usá-las para brincar... Mamãezinha, me diga o que foi? Por que você chora tanto todas as noites? Porque quando você e o papai se encontram, gritam tanto um com o outro? Vocês não me querem mais? Vou fazer o possível para que me queiram...

Já se passaram 3 meses, mamãe, te noto muito deprimida, não entendo o que está acontecendo, estou muito confuso. Hoje de manhã fomos ao médico e ele marcou uma visita para amanhã. Não entendo, eu me sinto muito bem... Por acaso você se sente mal mamãe?

Mamãe, já é dia, onde vamos? O que está acontecendo mamãe? Porque chora? Não chore, não vai acontecer nada... Mamãe, não se deite, ainda são 2 horas da tarde, não tenho sono, quero continuar brincando com minhas mãozinhas. Ei! O que esse tubinho está fazendo na minha casinha? É um brinquedo novo? Olha! Ei, porque estão sugando minha casa? Mamãe! Espere, essa é a minha mãozinha!!! Moço, porque a arrancou?? Não vê que me machuca? Mamãe, me defenda! Mamãe, me ajude! Não vê que ainda sou muito pequeno para me defender sozinho?

Mãe, a minha perninha, estão arrancando! Diga para eles pararem, juro a você que vou me comportar bem e que não vou mais te chutar. Como é possível que um ser humano possa fazer isso comigo? Ele vai ver só quando eu for grande e forte... ai... mamãe, já não consigo mais... ai... mamãe, mamãe, me ajude....

Mamãe, já se passaram 17 anos desde aquele dia, e eu daqui de cima observo como ainda te machuca ter tomado aquela decisão. Por favor, não chore, lembre-se que te amo muito e que estarei aqui te esperando com muitos abraços e beijos.

Te amo muito!
Seu bebê.

Morte, porquê não vem e leva-me contigo,
libertando minha alma de tão cruel sofrimento?
A vida me deu o exílio, e eu a minha vida dei todo o meu amor,
queria eu não ser mais eu, queria ser alguém,
alguém que fosse feliz, que desse valor as coisas,
alguém em que eu mesmo pudesse acreditar.
Não tenho mais forças para continuar, não tenho mais esperanças,
e nem mais vontade de ser alguém, não tenho nem coragem de ir embora...
Porque? Porque? Porque?
Não sei porque ainda estou vivo, não sei porque choro,
não sei porque escrevo esta carta,
tudo o que sei é que nada mais sei.

Ao escrever esta carta espero traduzir em palavras tudo que não consegui dizer, pois não é nada fácil soltar tudo aquilo que está guardado dentro de mim. Esperei um certo tempo para pensar, senti que algo precisava mudar.

Nessas voltas que o mundo dá, muitas vezes passamos uns pelos outros sem perceber que algo começa a se mostrar. Há algo entre nós muito bonito, que se reflete no meu e no teu olhar, tão imenso quanto forte, tão doce quanto suave, tão verdadeiro e delicado, são meus sentimentos por você.

A verdade é que sinto uma enorme paixão que cresce e que crescerá ainda mais até se tornar num grande amor. Quando a chuva chegar não abra o guarda-chuva, espere a chuva te molhar, espere eu te enxugar também. Basta apenas um olhar para você me hipnotizar, basta apenas um sorriso para você me alegrar, basta apenas seu corpo para eu me arrepiar.

Amor é um sentimento delicado, coisa de apaixonado. Amor, é uma coisa singela, poucos os têm enquanto muitos os querem. Amor custa pouco, não custa nada, às vezes caro nos entorpece, nos fazendo crer que temos o que não podemos ter.

Procurei o que nunca existiu, e deixei para trás coisas que marcaram com o tempo, muito mais do que persistir e tentar guardar coisas que se foram com o vento. Palavras dizem tanto, gestos muito mais, mas olhares trocados são como filmes gravados, mostram os pensamentos, os sentimentos e muito mais!

Meu Coração,
Eu jamais te condenarei, te criticarei,
ou terei vergonha de tuas palavras.
Sei que és uma criança querida de Deus,
e Ele te guarda no meio de uma luz
radiante e amorosa.

Estou do teu lado,
sempre pedirei bênçãos em minhas orações,
sempre pedirei para que tu encontres
a ajuda e apoio de que necessitas.
Confio no teu amor, meu coração.
Confio que irás dividir amor
com quem merece ou necessita.
Que meu caminho seja o teu caminho,
e que caminhemos juntos em direção a Deus.
E te peço: Confia em mim.
Saiba que te amo,
e que procuro dar-te a liberdade necessária
para que continues batendo
com alegria em meu peito.

Farei tudo que estiver ao meu alcance
para que jamais te sintas incomodado
com a minha presença à tua volta.

(Paulo Coelho)

Meu querido Deus, eu espero que você receba a minha carta e que sinta as minhas palavras. Eu rezo para que você faça com que aqui em baixo se torne um lugar melhor. Nós não precisamos de tecnologias muito evoluídas, ou de carros que andem a altas velocidades, ou de arranha-céus. Também não precisamos de grandes templos e igrejas sumptuosas.

Deus, meu Senhor, nós só precisamos de mais paz e mais amor, mais generosidade, compaixão, mais altruísmo. Deus, eu sei que você criou um mundo com capacidade para dar comida suficiente para todos, e casas suficientes para todos. Mas Deus, desde que o mundo é mundo, as coisas parecem que estão sempre piorando. Eu sei, a culpa é do homem. Acho que não estamos fazendo a nossa parte, mas nós somos os seus filhos e precisamos de ajuda. Estamos perdidos e muitos de nós preferem não acreditar que podem confiar no Senhor.

Deus, me desculpe incomodar. Mas eu me sinto realmente revoltado com a morte de tantas crianças inocentes em guerras, e com tantas outras injustiças É triste ver sonhos de vida destruídos pela violência e pela ganância, e ver as riquezas da terra sendo disputadas e monopolizadas em vez de serem usufruídas por todos!

Deus, não sei se o Senhor tem estado muito atento, e eu sinto muito em lhe dizer isso, mas acho que estão destruindo o mundo que você criou. Por isso, quero lhe pedir que olhe por nós. Nem todos são maus, muitos inocentes estão sofrendo Deus, quero lhe pedir que menos lágrimas de dor e sofrimentos caiam, que menos sangue banhe o chão. Deus, eu rezo para que a paz caia sobre os homens. Espero que escute as minhas preces! Amém!