O Que é Ser Criança

Ser criança é achar que
o mundo é feito de fantasias.
Ser criança é comer
algodão doce e se lambuzar.
Ser criança é acreditar
num mundo cor de rosa,
cheio de pipocas.
Ser criança é olhar
e não ver o perigo.
Ser criança é sorrir
e fazer sorrir.
Ser criança é chorar
sem saber porquê.
Ser criança é se esconder
para nos preocupar.
Ser criança é
pedir com os olhos.
Ser criança é derramar lágrima
para nos sensibilizar.
Ser criança é isso e muito mais.
É nos ensinar que a vida,
apesar de difícil, pode tornar-se fácil
com um simples sorriso.
É nos ensinar que criança
só quer carinho e afeto.
É nos ensinar que,
para sermos felizes, basta apenas
olharmos para uma criança.

Mensagens Relacionadas

Em algum momento das nossas vidas já soubemos ser crianças e poucos são aqueles que não recordam com carinho essa fase tão encantadora das nossas vidas. Os mais novos residem em um mundo especial onde a brincadeira é a sua maior responsabilidade e por isso deliciam-se em não terem de pensar em mais nada.

Ser criança é ter mil sonhos no coração e acreditar que todos eles são possíveis. É fazer do imaginário a sua realidade, brincar com bonecos como se eles tivessem vida e pular e correr como se fosse dotado dos poderes dos seus heróis preferidos.

Não há alegria igual e tão genuína como aquela que mora no olhar dos pequenos. Eles são felizes sem saberem, sem preocupações e seus únicos medos são o escuro e as feras dos desenhos animados. Pena que todos cresçamos e tudo isso desapareça com o tempo. Ser criança é ter certeza que viver vale muito a pena!

Crescer é ruim.
Tem responsabilidades...
Por que nos enganaram?
Disseram-me que adulto
Tem liberdade para fazer o que quer
Mentira, adulto é preso
Preso ao trabalho, à rotina, à alguém
Queria poder passar a tarde brincando
Assistir pela décima vez
O filme da sessão da tarde
Ir dormir cedo e acordar
Com o beijo da mãe no rosto
E ainda ter que escutá-la gritando
Mandando ir tomar banho
Para fazer a tarefa de casa
Queria ver meu pai na reunião da escola
Atravessar a rua segurando
Bem firme em sua mão.
Ir à praia no domingo à tarde
E comer chocolate raspando a panela
Esperar meus pais no portão de casa
E contar como foi meu dia
Ah, se alguém souber uma fórmula
Para fazer o tempo voltar
Por favor me comunique
Estarei trabalhando.

Como é bom ser criança, e ter o dia para sonhar sem se preocupar com o amanhã. Brincar até à exaustão e depois dormir sem remorsos ou pesadelos.

Bagunçar tudo sem depois ter que arrumar. Fazer birra e chorar e minutos depois estar novamente rindo com toda a energia. Viver entre dois mundos, o real e o de fantasia, e em todos ser feliz.

Como é lindo esse tempo em que tudo é mais simples e as dores se curam com um mimo, um beijo da mamãe ou um doce gostoso. Como é bom ser criança!

Meu amor, minha amada esposa, mulher forte e corajosa, mãe carinhosa e dedicada. Em você se concentra o verdadeiro e mais profundo significado do que é ser mãe! Pois ser mãe é ser como você, e ter no corpo todo o encanto da criação, no ventre gerar vida, no coração amor infinito.

Ser mãe é ter como você, um coração tão grande quanto todos os oceanos multiplicados até ao infinito, uma paciência do tamanho do universo, e um sorriso permanente que acalma e conforta. Ser mãe é ser como você, sublime essência de proteção, amor incondicional e carinho que nunca esgotam.

Você está sempre presente, incansável, constante. Você sabe se impor quando é necessário, dar sem nunca exigir de volta. Você é mulher de infinitos encantos e fortalezas; esposa carinhosa e dedicada; mãe maravilhosa, protetora, atenta, exemplar. Você é aquela que melhor sabe honrar todos os nomes onde cabe o seu!

Saudade,
Do tempo em que eu ainda
brincava na rua de amarelinha,
Do tempo em que no olhar se via
a inocência e a vontade de viver,
Dos sorriso puros e dos sonhos tão bonitos.

Saudade,
Das bagunças, das traquinagens
e até dos tapas que a mamãe dava,
quando descobria alguma
arte feita por mim...

Bons tempos os de criança!
Tempo em que tudo era uma brincadeira,
Tudo era alegria
Tempo que não volta mais,
Restando assim, somente lembranças,
Daquele tempo de criança
Que os anos não trazem mais
E que a saudade,
Se encarrega de guardar
Com tanto carinho e amor
Dentro do coração...