Mensagens Amor Saudades

Encontradas mais de 254 Mensagens Amor Saudades:

Voz No Vento

Ouço uma voz no vento
Que me chama,
Sinto um perfume que enfeitiça,
Uma sensação que me assusta...
Perfeitamente sei de quem é a voz,
O perfume, e porque sinto uma sensação é assustadora.
A voz é a do meu amor,
O perfume é o de seu corpo,
E a sensação é a saudade
Que machuca minha paz.
Meus olhos já não choram,
Porém meu coração está aos prantos
Desde que você se foi...
Disfarço, finjo estar bem,
Mas é impossível passar o dia sem me lembrar de você.
Sinto vontade de procurá-lo,
Mas não posso,
Pois não basta só eu sentir saudades.
Voz no vento
Que não para de me chamar,
Quer me enlouquecer,
Porém sei me defender...
Fico aqui parada
Para que o vento não me leve até você,
Pois assim talvez eu descubra
Qual o desejo que está nessa voz que não cessa
Desse vento que me toca
E me transforma...

Postar no Facebook
Dicas Para Superar o Fim do Namoro

1 - Viva as emoções

Antes de botar um fim definitivo no namoro, tenham uma boa e velha DR. Conversem sobre tudo que se passou entre o casal, sem acusações, mas com argumentos que incentivarão a evolução de cada um. Bote para fora tudo o que sente e deixe bem claro o motivo do fim. Caso tenha tomado um fora, explique como se sente e não tenha vergonha de se expressar. è melhor chorar tudo de uma vez do que chorar aos poucos.

2 - Fique sem ver o ex por um tempo

Entenda de uma vez por todas que a regra número 2 para quem quer dar um fim em uma história de amor, sem dores de cabeça, é ficar um tempo sem ver o ex. Assim será possível desintoxicar dos anos vividos e guardá-los como boas lembranças. Ver o ex com frequência, além de criar esperanças para ambos os lados, desenvolve um vínculo não agradável e situações – como o ciúmes – que serão corriqueiras e futuramente incontroláveis.

3 - Se puder, dê um tempo nas redes socais

Uma pesquisa feita pela Western University (Canadá) revelou que 88% dos usuários do Facebook acessam o perfil de seus respectivos ex-namorados e 52% assumiram que ficam com ciúmes das fotos publicadas no mural dos antigos namorados. Por isso o Facebook, Twitter e até o saudoso Orkut é um prato cheio para cair em um bad romance. Para não se tornar uma stalker profissional, determine um prazo longe das redes, por exemplo, um mês e cultive o outro lado da vida.

4 - Leia um livro

Já percebeu que o pior inimigo de quem precisa ficar longe do ex é a mente? Por isso, ocupe-a da melhor maneira possível. Não troque a vontade de vê-lo por um hábito novo, mas sim, ocupe a mente com outros interesses seus. A leitura é uma ótima pedida, afinal, dá para desencanar do roteiro real e viver outra história e até mesmo entender melhor o que se passa na própria vida, baseada nas histórias lidas.

5 - Ligue para uma amiga

Quando a saudade for forte e a vontade de ver o ex for maior ainda, ligue para uma amiga. Prefira aquela que acompanhou o relacionamento por mais tempo e que vai entender sem julgamentos o que se passa no momento. Desabafe mesmo, ela vai entender perfeitamente seu lado. Só não vale ligar todos os dias, afinal ela não é sua psicóloga, mas sim, sua amiga.

6 – Segure-se antes do próximo relacionamento

Com o tempo, após o fim do namoro, todo mundo sabe que bate uma carência. É ai que mora o perigo. Nada de trocar uma paixão antiga, por uma nova paixão. Às vezes, aparece aquele amigo legal que de repente nem se sente atraída, mas por estar fragilizada acaba se envolvendo demais. Depois do fim de um namoro é normal ficar frágil e assim se apaixonar facilmente também. O ruim disso é substituir as emoções e até comparar as atitudes do atual, com o ex. Não é saudável, seja verdadeira consigo mesma.

7 - Trabalhe a autoestima

Ficar triste por dentro, transparece por fora. Por isso, dê um trato no visual! Se estiver insatisfeita com o peso é hora de investir em uma nova dieta, mude o look, invista naquele esporte que sempre teve vontade, compre uma roupa nova, etc. Nenhuma mulher resiste a mimos, não há humor que não melhore!

8 - Desacredite nas falsas esperanças

Ninguém quer deixar o posto de ex, para ser step de ninguém, certo? Portanto, aquela ligação de madrugada, a mensagem no celular que o ex mandou só para saber se está tudo bem, pode ser até fofo, mas deve acabar ali, sem resposta. Isso vale também para você, mocinha! Nada de ficar pedindo ajuda para ele, ou ligando quando bater a saudades. Enquanto os dois lado não estiverem prontos para se ver, qualquer olhar 43 é uma bomba relógio.

9 - Faça uma reavaliação do namoro

Depois de um tempo, reflita os momentos vividos a dois e faça uma autoavaliação sua perante o namoro acabado. Veja quais foram os pontos mais frágeis e como agiria se fosse atualmente. Lembre-se que não é para cair na tristeza, ou nostalgia. A autoavaliação está longe de ser um túnel do tempo ao antigo namoro! É um exercício para evoluir seus atos e ver fora da situação o namoro como um todo.

10 – De quem é a culpa?

Tentar remoer o que já aconteceu só piora as coisas. No namoro, só o casal realmente sabe o que aconteceu durante o período juntos. Se existiu alguma coisa a qual te magoou, supere e continue a vida para frente. Não adianta ficar tentando saber quem errou e esclarecer mais ainda o que já acabou. A vida continua!

(Corpo a Corpo)

Postar no Facebook
Eu Tenho Saudades

de tudo que marcou a minha vida...
Quando vejo retratos, quando sinto cheiros,
quando escuto uma voz,
quando me lembro do passado, eu sinto saudades...


SINTO SAUDADES
de amigos que nunca mais vi,
de pessoas com quem não
mais falei ou cruzei...

SINTO SAUDADES
da minha infância,
do meu primeiro amor,
do meu segundo,
do terceiro,
do penúltimo
e daqueles que ainda vou vir a ter,
se Deus quiser...

SINTO SAUDADES
do presente, que não aproveitei de todo,
lembrando do passado e apostando no futuro...

SINTO SAUDADES
do futuro, que se idealizado,
provavelmente não será do jeito
que eu penso que vai ser...

SINTO SAUDADES
de quem me deixou
e de quem eu deixei,
de quem disse que viria e nem apareceu;
de quem apareceu correndo,
sem me conhecer direito,
de quem nunca vou ter
a oportunidade de conhecer.

SINTO SAUDADES
dos que se foram
e de quem não me despedi direito;
daqueles que não tiveram como me dizer adeus;
de gente que passou
na calçada contrária da minha vida
e que só enxerguei de vislumbre;
de coisas que eu tive
e de outras que não tive mas quis muito ter;
de coisas que nem sei que existiram
mas que se soubesse,
de certo gostaria de experimentar;

SINTO SAUDADES
de coisas sérias,
de coisas hilariantes,
de casos,
de experiências...

SINTO SAUDADES
do cachorrinho que eu tive um dia
e que me amava totalmente,
como só os cães são capazes de fazer,
dos livros que li e que me fizeram viajar,
dos discos que ouvi e que me fizeram sonhar,
das coisas que vivi
e das que deixei passar,
sem curtir na totalidade;
Quantas vezes tenho vontade de encontrar
não sei o que,
não sei aonde,
para resgatar alguma coisa
que nem sei o que é e nem onde perdi...

Vejo o mundo girando e penso que
poderia estar sentindo SAUDADES em
japonês, em russo, em italiano, em inglês,
mas que minha saudade,
por eu ter nascido brasileiro,
só fala português embora, lá no fundo,
possa ser poliglota.
Aliás, dizem que costuma-se usar sempre
a língua pátria, espontaneamente,
quando estamos desesperados,
para contar dinheiro, fazer amor
e clarear sentimentos fortes,
seja lá em que lugar do mundo estejamos.

Eu acredito que um simples "I Miss You",
ou seja lá como possamos traduzir SAUDADE
em outra língua,
nunca terá a mesma força e significado
da nossa palavrinha.
Talvez não exprima, corretamente, a imensa falta
que sentimos de coisas ou pessoas queridas.

E é por isso que eu tenho mais SAUDADES...
Porque encontrei uma palavra para usar
todas as vezes em que sinto este
aperto no peito, meio nostálgico,
meio gostoso, mas que funciona melhor
do que um sinal vital quando se quer falar
de vida e de sentimentos.
Ela é a prova inequívoca de que somos sensíveis,
de que amamos muito
do que tivemos e lamentamos as coisas boas
que perdemos ao longo da nossa existência...

SENTIR SAUDADES, é sinal de que se está vivo
e a vida, mesmo com tantas saudades,
depois dos amigos,
é o bem maior que possuímos !

Postar no Facebook
Perdoe-me

Perdoe-me a falta de romantismo
Mas, preciso dizer, minha preferência recai sobre amores reais.
Nada fantasiado me atrai.
Não preciso de lençóis de seda, cavalos brancos ou anéis de prata.
Embora ache belos muitos tipos de aliança
A única coisa que elas me lembram é que não preciso delas.

Perdoe-me a falta de jeito
(E que esta não se confunda com falta de amor)
Mas não sou dada a declarações fervorosas.
Demonstro afeto no cotidiano, nos pequenos gestos,
no estender a mão quando tu precisares.
Sou útil, mas nem sempre meiga. Assim me expresso.

Perdoe-me também a ausência de choramingos.
Se me fizeres chorar
Entenderei que é hora de nos afastarmos.
Não quero ninguém ao meu lado por insistência.
Amor de verdade, pra mim, é antes de tudo digno.

Perdoe, ainda, minha necessidade de ficar só.
Ela nasceu comigo, antes de tu existires como tal em minha vida,
e em nada ameaça o que sinto por ti.
É apenas eu sendo quem sou.
E mesmo na minha solidão, tu estás lá, sublime.
Não preciso de companhia urgente:
te recebo em minha vida porque gosto de ti. Simples assim.

E, por último, mas não menos importante
Perdoe-me por não te idealizar.
Apesar de meu silêncio, vejo teus defeitos com lupa, em detalhes,
e escolho ficar contigo pelo que és, não pelo que eu gostaria que tu fosses.
Não importa o que eu gostaria ou não:
embora eu não despreze os sonhos, o que sinto ecoa na realidade.
É dela que eu vivo.

(Juliana Davi)

Postar no Facebook
Lei do Amor

Quando o amor ainda está mesclado com os inpulsos do instinto e do
desejo, nós o encontramos sob o nome de PAIXÃO.
Quando o amor traduz afiinidade, carinho e respeito mútuo,
nós o chamamos de
AMIZADE.
Quando o amor rsvala pelos caminhos áridos do ciúme e da posse, ele
aprisiona, e é quando encontramos o APEGO.
Quand o amor liberta,, nós o chamamos de renúcia.
Quando o amor ainda está fechado em si mesmo, como semente escura e
esnclausurada, nós o chamamos de EGOÍSMO.
Quando o amor se
expende como um
Sol ardente, em
benefício do
semelhante,
torna-se
divino, e o
chamamos de
CARIDADE.

O ÓDIO é apenas a ausência de amor, assim como a sombra é a
ausência de luz, ou então...

....é o amor traído e, por isso mesmo, tempestuoso
O amor é como o Sol...
....está por toda parte.
A diferença está na maneira refletimos
O amor é a força que une os mundos...
....até mundos tão diferentes como
eu e você...
.... está presente nos pequenos seres...
.... e até nos recantos mais escondidos do coração.
Quando nos afastamos desse AMOR, sentimos o frio e a infelicidade na
alma.
Se nos aproximamos dele, sentimos a paz e a alegria. Porém, esse amor
terá matizes diversos, segundo a nossa capacidade de percebê-le em
nós.
Essa é a LEI da vida...
Estamos imersos nesse AMOR.
E é para ele o destino de tods nós.
AMAI-VOS
Vós sois AMOR.

Postar no Facebook
Aos meus amigos...

Para aquelas pessoas que fazem meu coração sorrir...
Para a galera que sempre esteve junto
até mesmo quando eu não estava disposta...
Para a pessoa que eu esperava que
me chutasse quando caí, e
que foi uma das primeiras que
me ajudou a levantar...
Para as pessoas que fizeram a
diferença em minha vida...
Para as pessoas que quando
olho para trás, sinto muitas saudades...
Para as pessoas que me aconselharam
quando me senti sozinha, e me ajudaram
a entender que não importa em quantos
pedaços meu coração tenha se partido, pois
o mundo não irá parar para que eu o conserte...
Para as pessoas que me deram um força quando
eu não estava muito animada.
Para as pessoas que amei...
Para as pessoas que abracei...
Para as pessoas que encontro
apenas em meus sonhos...
Para as pessoas que encontro
todos os dias e não tenho a chance de
dizer tudo o que sinto olhando nos olhos...
Para mim...
O que importa não é O QUE
eu tenho na vida, mas
QUEM eu tenho na vida...
Por isso...
Guardo todas as pessoas
importantes da minha vida em
uma caixinha dentro
do meu coração...

Postar no Facebook
Mais Você

De todos os amores por mim vividos até hoje,
o seu foi o mais intenso.
De toda a saudade,
a sua foi a mais forte.
De todos os beijos,
o seu foi o mais gostoso.
De todo calor,
o seu foi o mais ardente.
De todas as almas,
a sua foi a mais gêmea.
De toda ânsia de cometer loucuras,
a sua foi a que mais me atentou.
De todos os corpos,
o seu mais me instigou.
De todas as esperanças em amores depositadas,
o seu foi o que teve mais crédito.
De toda a vontade de ficar junto,
a vontade que me domina é a sua.

Por isso de todos os amores eternos por mim prometidos,
o seu será o único cumprido a risca.

Postar no Facebook
Estou sentindo falta

Estou sentindo falta de um romance em minha vida,
Estou sentindo falta de pensar em alguém com carinho
Estou sentindo falta de ter alguém do meu lado
Estou sentindo falta de saber que alguém me quer bem
Estou sentindo falta de querer ouvir a voz dele
Estou sentindo falta...
Estou sentindo falta, de quando ao acordar lembrar de alguém e sorrir sozinha
Estou sentindo falta de querer que o tempo corra para com ele encontrar
Estou sentindo falta daquilo que tive por tão pouco tempo,
E que não imaginava que era tão bom
Estou querendo que alguém sussurre em meus ouvidos palavras de carinho
Não, talvez eu não o queira,
Estou querendo alguém que me trate da maneira como ele me tratava
Estou querendo alguém que me olhe, que me toque, que me beije, que me escute da maneira como ele fazia
Estou sentindo falta de sentir saudades de alguém
Estou sentindo falta de saber que alguém está pensando em mim!
Estou mesmo sentindo falta de mim, e de como eu era quando eu o tinha do meu lado.
Na verdade não é dele que eu sinto mais falta e sim das coisas que nós fazíamos juntos
Dos pensamentos que tínhamos iguais
Nas nossas conversas na hora do almoço, das nossas conversas com olhares
Dos nossos encontros à noite, da saudade que eu sentia quando não o via
E do prazer que ele me dava,
Quando com muita vontade me abraçava, me beijava infinitamente...
Estou sentindo falta dos detalhes, das palavras, dos olhares
Estou sentindo falta de não invejar os casais que passam ao meu lado sorrindo
Nem sei se estou querendo muita coisa,
O que eu queria mesmo é que alguém me fizesse feliz da mesma forma como eu estava!
Será que é tão difícil assim?
Será que um dia eu vou conseguir?
Algumas pessoas nascem para amar e outras nascem para viverem sozinhas e amar apenas o mundo
Eu me sinto no segundo grupo, como uma poetisa solitária
Não é à toa que dizem que a solidão é o fim dos que amam
Acho que o meu destino será sempre sentir falta, sentir sempre aquele vazio...
Há um vazio, uma falta dentro de mim...
Estou sentindo muita falta de uma alegria que não tem fim!!!

Postar no Facebook
Relato

Nas janelas solitárias dos meus olhos, correm lágrimas de saudades.
Vejo com os olhos do coração a tua presença viva dentro de mim, sinto teu calor que me aquece.
Sinto teu corpo por perto, você nem imagina no que se passa comigo; Eu só quero ter você.
Pois te faço em sonhos;
Te quero em pensamentos;
Te escondo em meus ciúmes;
E te amo em desejos.
E te ter por momentos é a melhor coisa que poderia me acontecer.

Postar no Facebook
Dar um Tempo

Não conheço algo mais irritante do que dar um tempo, para quem pede e para quem recebe. O casal lembra um amontoado de papéis colados. Papéis presos. Tentar desdobrar uma carta molhada é difícil. Ela rasga nos vincos. Tentar sair de um passado sem arranhar é tão difícil quanto. Vai rasgar de qualquer jeito, porque envolve expectativa e uma boa dose de suspense. Os pratos vão quebrar, haverá choro, dor de cotovelo, ciúme, inveja, ódio. É natural explodir. Não é possível arrumar a gravata ou pintar o rosto quando se briga. Não se fica bonito, o rosto incha com ou sem lágrimas. Dar um tempo é se reprimir, supor que se sai e se entra em uma vida com indiferença, sem levar ou deixar algo. Dar um tempo é uma invenção fácil para não sofrer. Mas dar um tempo faz sofrer pois não se diz a verdade.
Dar um tempo é igual a praguejar “desapareça da minha frente”. É despejar, escorraçar, dispensar. Não há delicadeza. Aspira ao cinismo. É um jeito educado de faltar com a educação. Dar um tempo não deveria existir porque não se deu a eternidade antes. Quando se dá um tempo é que não há mais tempo para dar, já se gastou o tempo com a possibilidade de um novo romance. Só se dá o tempo para avisar que o tempo acabou. E amor não é consulta, não é terapia, para se controlar o tempo. Quem conta beijos e olha o relógio insistentemente não estava vivo para dar tempo. Deveria dar distância, tempo não. Tempo se consome, se acaba, não é mercadoria, não é corpo. Tempo se esgota, como um pássaro lambe as asas e bebe o ar que sobrou de seu vôo. Qualquer um odeia eufemismo, compaixão, piedade tola. Odeia ser enganado com sinônimos e atenuantes. Odeia ser abafado, sonegado, traído por um termo. Que seja a mais dura palavra, nunca dar um tempo. Dar um tempo é uma ilusão que não será promovida a esperança. Dar um tempo é tirar o tempo. Dar um tempo é fingido. Melhor a clareza do que os modos. Dar um tempo é covardia, para quem não tem coragem de se despedir. Dar um tempo é um tchau que não teve a convicção de um adeus. Dar um tempo não significa nada e é justamente o nada que dói.
Resumir a relação a um ato mecânico dói. Todos dão um tempo e ninguém pretende ser igual a todos nessa hora. Espera-se algo que escape do lugar-comum. Uma frase honesta, autêntica, sublime, ainda que triste. Não se pode dar um tempo, não existe mais coincidência de tempos entre os dois. Dar um tempo é roubar o tempo que foi. Convencionou-se como forma de sair da relação limpo e de banho lavado, sem sinais de violência. Ora, não há maior violência do que dar o tempo. É mandar matar e acreditar que não se sujou as mãos. É compatível em maldade com “quero continuar sendo teu amigo”. O que se adia não será cumprido depois.

Postar no Facebook
Adeus, meus sonhos!

Adeus, meus sonhos, eu pranteio e morro!
Não levo da existência uma saudade!
E tanta vida que meu peito enchia
Morreu na minha triste mocidade!
Misérrimo! votei meus pobres dias
À sina doida de um amor sem fruto,
E minha alma na treva agora dorme
Como um olhar que a morte envolve em luto.
Que me resta, meu Deus? morra comigo
A estrela de meus cândidos amores,
Já que não levo no meu peito morto
Um punhado sequer de murchas flores!

Postar no Facebook
É uma pena...

Que pena que você fugiu de mim
Que pena que você não quis me conhecer
Que pena que você não deu esta chance para nós dois!!!

Merecíamos muito dividir a nossa dor
Quem sabe daí, não brotaria um novo amor
Não foi por desespero não foi por solidão
Eu realmente queria conhecer melhor o teu coração

Mas, mais uma vez a vida,
Me negou a oportunidade de ser feliz.
E então passo os meus dias com esse fardo pesado
E com essa pergunta sem resposta em meu coração
- Como seria se você estivesse aqui para me tirar da solidão?

Não sei porque, não sei pra que, mas como eu queria te conhecer.
Minha vida quer saber?
Vou tocando como Deus permite,
mas a interrogação fica em meu coração.
- Será que com ele eu estaria chorando assim?

Queria saber como se sentiu
Queria saber o que ficou em sua cabeça
O que passou em seu coração
Mas você se cala
E não me dá o mínimo de atenção...

É uma pena você ter fugido
É uma pena eu não ter te seguido
Pois saiba que se você tivesse aberto seus braços para mim...
Tenho certeza que era neles que eu hoje repousava e me acalentava.
Que saudades do que a gente não conseguiu viver...

Postar no Facebook
Choro...

Choro porque um dia tive você,
porque tenho esperanças que volte
Choro porque em meu peito só há lugar para você,
porque a saudade é imensa,
Choro porque não são mais seus lábios que me beijam,
suas mãos que me acariciam
Choro porque ainda te amo.. muito!

Postar no Facebook
Além do horizonte

Se além do horizonte encontrares alguém que te ame mais do que eu, esqueça-me...

Mas quando a brisa fria e mansa tocar em seu rosto sereno, não se assuste!

São minhas saudades que te beijam em silêncio

Eu te Amo!

Postar no Facebook
A Nossa!

A todas as vozes que desaprenderam preces, ou mesmo que jamais aprenderam. A todas
as solidões individuais ou partilhadas, gritadas, colhidas ou caladas, nos corações e nas
almas. A todas as buscas que levaram a encontros, perdas ou abandonos. A todos os
silêncios de gestos e palavras que encobriram impossibilidade, refúgios, medos ou
ausências. E, principalmente, aqueles que disseram mais do que palavras. A todos os
braços e abraços que acolheram, aqueceram e ampararam, nos momentos em que a perda
já parecia certa e o abandono das forças de luta era aparentemente a única possibilidade
de resposta. Aos sorrisos esboçados ou assumidos que coloriram os rostos e enfeitaram o
mundo. A todas as crianças crescidas e pequenas que viveram momentos de descoberta e
não morreram para o aprender. A todo o Amor que nasceu e morreu, mas que teve seu
espaço de cor, força e brilho nas faces, corações e corpos. A todas as músicas e versos
que os artistas, ou não, exprimiram com suas emoções e nos ajudaram a compreender e
comunicar melhor as nossas. A toda voz ou carícia que não se negou, que ouviu o apelo e
respondeu com sua existência, sua expressão sua proximidade. A todas as orações
desesperadas, suplicantes ou agradecidas. A todos os "becos sem saídas" que deram em
novos caminhos e em outras possibilidades. A todos os desesperos que tiveram a
grandeza de pedir ajuda e dar a enorme descoberta de serem conhecidos na partilha e no
calor de um olhar, talvez perplexo, mas acolhedor. A toda a vida que se omitiu ou ousou,
que se transformou ou paralisou no tempo do medo. A todo o medo que a coragem
permitiu viver, e que a força não deixou que imobilizasse o gesto, e levou aos passos mais
adiante e aos caminhos mais além de antes do ontem. A todos aqueles que, disponíveis
para o novo, o invasivo, o ensaio, percorreram com seus olhos linhas como estas somando
as nossas, as suas vivências, indagações e descobertas e fazendo com isto que
amontoados de palavras se vestissem de significados, dedico esta mensagem como uma
liberdade de aproximação e um enorme desejo de que a busca de cada um não cesse
nunca, seja ela qual for, por mais que mudem as respostas ou que por vezes, nos desanime
a ausência delas. Um brinde aos encontros, que neste espaço de vida, puderam
acontecer...

Postar no Facebook