Mensagens de Decepção Amorosa

Encontradas mais de 39 Mensagens de Decepção Amorosa:

Mágoa, o Cárcere da Alma

Nós sofremos mais por causa das pessoas do que por causa das circunstâncias. As pessoas nos fazem chorar mais do que as vicissitudes da vida. As pessoas nos decepcionam e nós decepcionamos as pessoas. Os relacionamentos dentro da família, no trabalho e até igreja, algumas vezes, se tornam tensos. Feridas são abertas na alma e mágoas profundas se instalam no coração. Amizades são rompidas, casamentos são abalados, relacionamentos sólidos entram em colapso. Nesse processo, a comunicação é rompida, o silêncio gelado substitui as palavras de amor e a desconstrução da imagem do outros se torna uma verdadeira ação de desmonte.

O resultado do adoecimento das relações humanas é a mágoa. Esse sentimento de amargura se instala no solo do coração e lança suas raízes trazendo perturbação para a alma e contaminação para os que vivem ao redor. A mágoa é a ira congelada. A mágoa é o armazenamento do ressentimento. A mágoa é entulhar o coração com rancor, é alimentar-se do absinto do ranço, é afogar-se no lodo do ódio, é viver prisioneiro da armadilha da vingança.

A mágoa é uma prisão. Ela é o cárcere da alma, o calabouço das emoções, a masmorra escura onde seus prisioneiros são atormentados pelos verdugos da consciência. Quem se alimenta da mágoa não tem paz. Não tem liberdade. Não tem alegria. Não conhece o amor. Não tem comunhão com Deus. Não pode adorar a Deus, nem trazer sua oferta ao altar. Quem retém o perdão não pode orar a Deus nem receber dele o perdão.

A mágoa é autodestrutiva. Ferimo-nos a nós mesmo quando nutrimos mágoa por alguém. Guardar mágoa no coração é como beber veneno pensando que o outro é quem vai morrer. Quem guarda mágoa no coração vive amarrado pelas grossas correntes da culpa. Quem vive nessa masmorra adoece emocional, física e espiritualmente. Há muitas pessoas doentes porque se recusaram a perdoar. Na igreja de Corinto havia pessoas fracas, outras doentes e algumas que já estavam mortas em virtude de relacionamentos adoecidos (“Quero, entretanto, que saibais ser Cristo o cabeça de todo homem, e o homem, o cabeça da mulher, e Deus, o cabeça de Cristo.” 1Co 11.3). Tiago ordena os crentes a confessarem seus pecados uns aos outros para serem curados (“Confessai, pois, os vossos pecados uns aos outros e orai uns pelos outros, para serdes curados. Muito pode, por sua eficácia, a súplica do justo.” Tg 5.16). Há muitas pessoas vivendo cativas no calabouço do diabo, prisioneiras do ódio, acorrentadas pela mágoa, cuja vida espiritual está arruinada. Gente que precisa ser liberta dessa prisão existencial, desse cativeiro espiritual.

O Salmista Davi orou pedindo a Deus para tirar a sua alma do cárcere (“Tira a minha alma do cárcere, para que eu dê graças ao teu nome.” Sl 142.7) A chave que abre a porta dessa masmorra é o perdão. O perdão traz cura onde a mágoa gerou doença. O perdão traz reconciliação onde a mágoa gerou afastamento. O perdão traz alegria, onde a mágoa produziu tristeza e dor. O perdão restitui aquilo que a mágoa saqueou. O perdão é a faxina da mente, a assepsia da alma, a limpeza dos porões do coração. Perdoar é zerar a conta. É nunca mais lançar no rosto da pessoa a sua dívida. Perdoar é lembrar de sentir dor. Perdoar é não retaliar. É pagar o mal com o bem. É abençoar aqueles que nos amaldiçoaram. É fazer o bem àqueles que nos fizeram o mal. Perdoar é ser um vencedor, pois é vencer o inimigo não com a espada, mas com o amor. Perdoar é sair do cárcere da alma, é ser livre, é viver uma vida maiúscula, superlativa e abundante. Perdoar é viver como Jesus viveu, pois ele não retribuiu o mal com o mal, antes por seus algozes intercedeu. Perdoar é ter o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus.

Chegou a hora de raiar a liberdade em sua vida. A Palavra de Deus liberta: “Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará” (Jo 8.32). Jesus Cristo liberta: “Se o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres” (Jo 8.36). É hora de sair do cárcere que prende a sua alma com as grossas algemas da mágoa. É hora de experimentar a liberdade do perdão. É hora de tomar posse da vida abundante que Jesus lhe oferece!

(Rev. Hernandes Dias Lopes)
(Vivos)

Postar no Facebook
Ser Feliz Não É...

SER FELIZ

Ser feliz não é ter um céu sem tempestades, caminhos sem acidentes, trabalhos sem fadigas, relacionamentos sem decepções.
Ser feliz é encontrar força no perdão, esperança nas batalhas, segurança no palco do medo, amor nos desencontros.
Ser feliz não é apenas comemorar o sucesso, mas aprender lições nos fracassos.
Ser feliz não é apenas ter júbilo nos aplausos, mas encontrar alegria no anonimato.
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver a vida, apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.
Ser feliz não é uma fatalidade do destino, mas uma conquista de quem sabe viajar para dentro do seu próprio ser.
Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história.
É atravessar desertos fora de si e ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma.
É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.
Ser feliz, é não ter medo dos próprios sentimentos.
É saber falar de si mesmo.
É ter coragem para ouvir um “não”.
É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.
É beijar os filhos, curtir os pais!
É ter momentos poéticos com os amigos, mesmo que eles nos magoem.
Ser feliz é deixar viver a criança livre, alegre e simples que mora dentro de cada um de nós.
É ter maturidade para falar: “Eu errei”.
É ter ousadia para dizer: “Me perdoe!”
É ter sensibilidade para expressar: “Eu preciso de você”.
É ter capacidade de dizer “Eu te amo”.
E, quando você errar o caminho, recomece tudo de novo. Pois assim você será cada vez mais apaixonado pela vida. E descobrirá que...
Ser feliz não é ter uma vida perfeita.
Mas usar as lágrimas para irrigar a tolerância.
Usar as perdas para refinar a paciência.
Usar as falhas para esculpir a serenidade.
Usar a dor para lapidar o prazer.
Usar os obstáculos para abrir as janelas da inteligência.

Augusto Cury

Postar no Facebook
Despedida

Por mim, e por vós, e por mais aquilo
que está onde as outras coisas nunca estão,
deixo o mar bravo e o céu tranquilo:
quero solidão.

Meu caminho é sem marcos nem paisagens.
E como o conheces? - me perguntarão.
- Por não ter palavras, por não ter imagens.
Nenhum inimigo e nenhum irmão.

Que procuras? Tudo. Que desejas? - Nada.
Viajo sozinha com o meu coração.
Não ando perdida, mas desencontrada.
Levo o meu rumo na minha mão.

A memória voou da minha fronte.
Voou meu amor, minha imaginação...
Talvez eu morra antes do horizonte.
Memória, amor e o resto onde estarão?

Deixo aqui meu corpo, entre o sol e a terra.
(Beijo-te, corpo meu, todo desilusão!
Estandarte triste de uma estranha guerra...)
Quero solidão.

(Cecília Meireles)

Postar no Facebook
Expectativas e Frustrações

Uma decepção pode diminuir o tamanho de um amor que parecia ser grande. Uma ausência pode aumentar o tamanho de um amor que parecia ser ínfimo. É difícil conviver com esta elasticidade: as pessoas se agigantam e se encolhem aos nossos olhos. Nosso julgamento é feito não através de centímetros e metros, mas de ações e reações, de expectativas e frustrações.

(Martha Medeiros)

Postar no Facebook
O Convite

Não me importa o que você faz para sobreviver.
Quero saber qual a sua dor e se você tem coragem de
encontrar o que seu coração anseia.
Não me importa saber sua idade.
Quero saber se você se arriscaria parecer com um louco por amor,
pelos seus sonhos, pela aventura de estar vivo.
Não me importa saber quais planetas estão quadrando sua lua.
Quero saber se você tocou o âmago de sua tristeza,
se as traições da vida lhe ensinaram, ou se omitiu por medo de sofrer.
Quero saber se você consegue sentar-se com as dores, minhas ou suas, sem
se mexer para escondê-las, diluí-las ou fixá-las.
Quero saber se você pode conviver com a alegria, minha ou sua, se pode
dançar com selvageria e deixar o êxtase preenchê-lo até o limite sem
lembrar de suas limitações de ser humano.
Não me importa se a estória que você me conta é verdadeira.
Quero saber se você é capaz de desapontar o outro para ser
verdadeiro para si mesmo, se pode suportar a acusação da
traição e não trair sua própria alma.
Quero saber se você pode ser fiel e consequentemente fidedigno.
Quero saber se você pode enxergar a beleza mesmo que não sejam bonitos
todos os dias, e se pode perceber na sua vida a presença de Deus.
Quero saber se você pode viver com as falhas, suas e minhas, e ainda estar
de pé na beira do lago e gritar para o prateado da lua cheia.... ?Sim?!
Não me importa saber onde você mora ou quanto dinheiro tem.
Quero saber se você pode levantar depois de uma noite de pesar e
desespero, exausto, e fazer o que tem de fazer para as crianças.
Não me importa saber quem você é, ou como veio parar aqui.
Quero saber se você estará ao meu lado no centro do fogo sem recuar.
Não me importa saber onde, o que, ou com quem você estudou.
Quero saber o que sustenta o seu interior quando todo o resto desaba.
Quero saber se você pode estar só consigo mesmo e se verdadeiramente
gosta da companhia que carrega em seus momentos vazios.
Feliz caminhada a todos.....
Desejo que encontrem a coragem e sabedoria
para serem verdadeiros consigo mesmos.
Obrigado por permitir-me partilhar um presente...

Postar no Facebook
Quase

Ainda pior que a convicção do não, a incerteza do talvez é a desilusão de um "quase".

É o quase que incomoda, que entristece, que mata, trazendo tudo que poderia ter sido e não foi.

Quem quase ganhou ainda joga, quem quase passou ainda estuda, quem quase morreu está vivo, quem quase amou, não amou.

Basta pensar nas oportunidades que escaparam pelos dedos, nas chances que se perdem por medo, nas idéias que nunca sairão do papel por essa maldita mania de viver no outono do quase....

Pergunto então, às vezes, o que nos leva a escolher uma vida morna; ou melhor, não pergunto, contesto.

A resposta sei de cor, está estampada na distância e frieza dos sorrisos, na frouxidão dos abraços, na indiferença dos "Bom dia", quase que sussurrados.

Sobra covardia e falta coragem até pra ser feliz.

A paixão queima, o amor enlouquece, o desejo trai. Talvez esses fossem bons motivos para decidir entre a alegria e a dor, sentir o nada, mas não são.

Se a virtude estivesse mesmo no meio termo, o mar não teria ondas, os dias seriam nublados e o arco-íris teria somente tons de cinza.

O nada não ilumina, não inspira, não aflige nem acalma, apenas amplia o vazio que cada um traz dentro de si.

Não é que fé mova montanhas, nem que todas as estrelas estejam ao alcance, para as coisas que não podem ser mudadas resta-nos somente paciência, porém, preferir a derrota prévia à dúvida da vitória é desperdiçar a oportunidade de merecer.

Pros erros, há perdão; pros fracassos, chance; pros amores impossíveis, tempo. De nada adianta cercar um coração vazio ou economizar alma. Um romance cujo fim é instantâneo ou indolor não é romance.

Não deixe que a saudade sufoque, que a rotina acomode, que o medo impeça de tentar.

Desconfie do destino e acredite em você. Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando porque, embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive, já morreu!

Postar no Facebook
Medo de Decepcionar

A admiração não vem do nada e nem desaparece sem motivos substanciais: se o amor deriva da admiração, o mesmo acontece com esse sentimento!

O medo que tantas pessoas têm de que seus amados se desinteressem delas é infundado: quando o amor acontece, só uma grave decepção o ameaça.

O medo de decepcionar o amado costuma ser exagerado, pois isso só acontece quando o que ama comete uma falta grave, uma efetiva deslealdade.

O verdadeiro amor, numa fase, é sentido como gerador de grande exigência de perfeição justamente pelo medo exagerado de decepcionar o amado.

Em virtude do caráter exigente do relacionamento amoroso de boa qualidade, muitos são os que fogem dele, buscando alianças mais confortáveis.

Aos poucos, os que se amam se acalmam e esse medo vai se atenuando: percebem que encantam seus parceiros por serem exatamente aquilo que são!

(Júlio César)

Postar no Facebook
A Essência da Amizade

Amizade é algo que nasce dentro do coração, é um sentimento puro e leve... Amizade não é cobrança, é confiança. Amizade não se define com palavras, se define com emoção. Amizade não te leva a sofrer, não decepciona...

Amizade traz carinho, afeto, amor. Amizade não se mostra só em um sorriso, e sim nas lágrimas. Amizade não é feita só de momentos bons, mas sim de momentos difíceis que a gente divide.Amizade não começa por acaso, é destino. Amizade se descobre todo momento, nas pequenas coisas.

Amizade não está perto somente quando você precisa, porque está perto sempre. Amizade não engana, não finge, não desaparece, não deixa de existir. Amizade sempre cresce, ela é parte de nossas vidas, é o que nos completa no caminho.

Amizade é eterna, não é sentimento finito. Amizade começa antes mesmo de nos conhecermos em carne e osso, ela é do Espírito. Amizade não termina com a morte, ela renasce pra ser ainda mais forte...

Nunca pense que perdeu uma amizade, pois se perdeu não era amizade.

(Mensagens e Poemas)

Postar no Facebook
Parabéns pelos 15 Anos

FELIZ ANIVERSÁRIO...
Celebra a alegria de fazer anos de esperança.
Conta teus anos não pelo tempo,
mas pelo espaço que fazes em teu coração.
Não pela amargura de uma dor,
mas pela ressurreição que ela traz.
Não pelo número de troféus de tuas conquistas,
mas pelo gosto de aventura de tuas buscas.
Não pelas vezes que chegaste,
mas pelas vezes que tiveste coragem de partir.
Não pelos frutos que colheste,
mas pelo terreno que preparaste
e as sementes que lançaste.
Não pela quantidade dos que te amam,
mas pela medida de teu coração
capaz de amar a todos.
Não pelas desilusões que tiveste,
mas pela esperança que infundiste.
Não pelos 15 ANOS que fazes,
mas por aquilo que fazes em teus anos.
Não pelas vezes que celebraste aniversário,
mas pelas vezes que teu aniversário
se tornou uma celebração de vida.
Com todo meu carinho...
FELICIDADES, SUCESSO, SAÚDE E MUITO AMOR, HOJE E SEMPRE !

Postar no Facebook
Vai Lágrima!

Há sempre uma lágrima escondida
Aquela que ficou por sair
Quando me vi partir
Dos sonhos de criança
E deixei atrás a esperança
Que em tempos guardei!
Aquela que não saiu
Quando me vi perdida
No meio da desilusão
Em que acordei!
Aquela que ficou retida
Quando me vi seguida
Pela realidade
Aquela que...jà nem sei...
Tantas vezes segurei
Em momentos de solidão
Em momentos de dor
Em momentos de amor
Agora digo: Vai, lágrima!
Deixa-me chorar a dor
Agora quero sentir o amor.

Postar no Facebook
Já Escondi Um Amor

Já escondi um AMOR com medo de perdê-lo, já perdi um AMOR por escondê-lo.
Já segurei nas mãos de alguém por medo, já tive tanto medo, ao ponto de nem sentir minhas mãos.
Já expulsei pessoas que amava de minha vida, já me arrependi por isso.
Já passei noites chorando até pegar no sono, já fui dormir tão feliz, ao ponto de nem conseguir fechar os olhos.
Já acreditei em amores perfeitos, já descobri que eles não existem.
Já amei pessoas que me decepcionaram, já decepcionei pessoas que me amaram.
Já passei horas na frente do espelho tentando descobrir quem sou, já tive tanta certeza de mim, ao ponto de querer sumir.
Já menti e me arrependi depois, já falei a verdade e também me arrependi.
Já fingi não dar importância às pessoas que amava, para mais tarde chorar quieta em meu canto.
Já sorri chorando lágrimas de tristeza, já chorei de tanto rir.
Já acreditei em pessoas que não valiam a pena, já deixei de acreditar nas que realmente valiam.
Já tive crises de riso quando não podia.
Já quebrei pratos, copos e vasos, de raiva.
Já senti muita falta de alguém, mas nunca lhe disse.
Já gritei quando deveria calar, já calei quando deveria gritar.
Muitas vezes deixei de falar o que penso para agradar uns, outras vezes falei o que não pensava para magoar outros.
Já fingi ser o que não sou para agradar uns, já fingi ser o que não sou para desagradar outros.
Já contei piadas e mais piadas sem graça, apenas para ver um amigo feliz.
Já inventei histórias com final feliz para dar esperança a quem precisava.
Já sonhei demais, ao ponto de confundir com a realidade... Já tive medo do escuro, hoje no escuro
"me acho,me agacho, fico ali".
Já cai inúmeras vezes achando que não iria me reerguer, já me reergui inúmeras vezes achando que não cairia mais.
Já liguei para quem não queria apenas para não ligar para quem realmente queria.
Já corri atrás de um carro, por ele levar embora, quem eu amava.
Já chamei pela mamãe no meio da noite fugindo de um pesadelo. Mas ela não apareceu e foi um pesadelo maior ainda.
Já chamei pessoas próximas de "amigo" e descobri que não eram...
Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada e sempre foram e serão especiais para mim.
Não me dêem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre.
Não me mostre o que esperam de mim, porque vou seguir meu coração!
Não me façam ser o que não sou, não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente!
Não sei amar pela metade, não sei viver de mentiras, não sei voar com os pés no chão.
Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra SEMPRE!
Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas, das drogas mais poderosas, das idéias mais insanas,
dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes.
Tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.
Você pode até me empurrar de um penhasco q eu vou dizer:
- E daí? EU ADORO VOAR!


(Clarice Lispector)

Postar no Facebook
Perdi Você Mais Uma Vez

É sempre você!!! Sempre foi você!

Desde que te vi pela primeira vez na minha infância foi você!!!

O mais atentado, o mais engraçado, o sorriso mais lindo.... o seu, sempre você.

Alguns momentos são tão inesquecíveis que me surgem como pesadelos, e eu não consigo evitar, tento o tempo todo fingir que você não existiu, mas a vida insiste em esfregar na minha cara tudo que você significou que ainda é tudo meu.

Um dia ficamos presos num temporal na rua, você estava lá pra me proteger, quando meu avô morreu, você estava lá pra me consolar, quando fiquei doente você ficou do meu lado, segurou minha mão e disse que eu ia melhorar, quando senti medo você me protegeu, quando chorei secou minhas lágrimas, sempre me disse o quanto eu era inteligente, e como eu podia fazer qualquer coisa que eu quisesse, acreditou em mim mais do que eu mesma acreditava o tempo inteiro.

Eu não sabia amar, nem que você era o amor da minha vida eu tinha noção, e nunca imaginei que um dia você iria embora!

E tantas vezes eu já fiquei olhando pro portão esperando o momento em que você chamaria o meu nome, e quando eu atendesse, me pegaria no colo e abraçaria apertado como sempre!!

Você e seu cansaço, sua cara de sono, me olhando com saudade... não tinha muita energia pra conversar, mas ficava ali me ouvindo tagarelar, coisas bobas enquanto você já era homem feito, cheio de responsabilidades e cobranças em todos os lugares! Eu não sabia!

Eu não notei que você estava infeliz, porque sempre fui egoísta demais pra enxergar você ali do meu lado, ombro a ombro, amigo, companheiro...

Aceitei a vida sem você, me conformei, porque eu nunca pretendi fazer você infeliz, mesmo sabendo que quando tudo acabou você também sofreu muito!
E agora, tantos anos depois, consegui eliminar qualquer pensamento positivo que você poderia ter ao meu respeito.

Hoje você tem certeza que eu desisti de tudo que eu acreditava, de que eu não sou mais a pessoa que você conheceu, e que não valorizo absolutamente nada do que sonhamos juntos.

Você agora sabe, que além de vazia, eu sou vulgar e sem motivos.
Eu jamais pretendi te decepcionar, te machucar, te prejudicar... e queria muito que você não ficasse exposto a pessoa que eu sou de verdade.

E como já te perdi antes tantas vezes e de várias formas, agora tenho certeza de que até qualquer recordação boa que poderia existir, foi substituída, pela realidade da pessoa cheia de defeitos que me tornei.
Eu não queria isso, mas sempre acabo chegando em você de uma forma ou outra.
Espero que essa tenha sido a última vez.

E que essa cicatriz eterna que voltou a sangrar por minha culpa, apenas para me lembrar que eu tenho/tive sentimento simmmmmmm, volte a ser apenas uma cicatriz, e que pare de doer tanto assim... porque eu não suporto mais sentir a mesma dor, e preciso de redenção, mesmo sem merecer!

(Cler Moraes)

Postar no Facebook
Quando se perde um Grande Amor

É tão difícil compreender as emoções quando se rompe uma relação. Às vezes, temos certeza que tudo passou e de repente tudo volta. Como definir se o que sentimos é amor ou não é? Se é saudade ou solidão? Tristeza ou decepção? Posse ou desejo? Perda. Quando se perde um grande amor, muitas dúvidas emergem sob o fundo do sofrimento. Para alguns é um momento de intenso crescimento. Muito se pode aprender, uma aprendizagem que nos faz humildes diante da própria fragilidade.

Deparamo-nos com o que é a dor, a impotência diante dos sentimentos, a paciência necessária para esperar passar, pois a dor de amor não passa na velocidade da net, do gigas, dos chips, e o tempo que isso leva é indeterminado, é pessoal e singular.

Aceitar os altos e baixos, os enganos, os tropeços, as dúvidas, a falta de controle. Aceitar a não certeza, o não acesso ao que o outro sente e pensa, a incoerência do humano, a fraqueza, o medo, a culpa, o erro que não tem concerto, a marca da mentira e o que fazer com tudo isso?

O tempo não volta e as coisas não se apagam, por amor que tentamos, mas nada vai permanecer do jeito que está. A incerteza do futuro corrói, o medo do que virá, a ansiedade pelo novo e desconhecido, a prisão do passado, do familiar, que falta faz, será abstinência? Temos sim abstinência do outro a quem amamos e perdemos, somos forçados a esquecer quando ainda, ainda não estávamos preparados.

O choro que insiste em voltar, a vida que segue, e o tempo que insiste em passar, a confusão que não consegue chegar ao fim, tempos distintos, tempos diversos, tempo de cada um. Amor perdido, amor doído, amor esquecido, quando? Quando você está preparado para correr o risco de passar por tudo isso de novo e lembrar da abundância de felicidade num coração que ama, e é também amado...

(Priscila Lima e Melissa Coutinho)
(Terapiólogas)

Postar no Facebook
Oito Versos

I
Com determinação para realizar
O maior bem-estar para todos os seres conscientes
Que eu possa sempre amar
Quem se sobressair, até a mais desejável jóia.

II
Quando me unir a outras pessoas,
Que eu me considere o menos importante
E veja o outro como supremo
Do fundo do meu coração.

III
Em todas as ações, que eu examine minha mente
E assim que surjam Klesha ou desilusões
Ameaçando a mim e aos outros
Que eu as enfrente e evite com firmeza

IV
Quando vir seres de natureza perversa
Pressionados pelo pecado da violência e aflição,
Que eu possa amar essas pessoas raras
Como se tivesse achado um tesouro precioso.

V
Quando os outros me tratarem mal,
Me insultarem, me caluniarem,
Que eu sofra a derrota
E ofereça a vitória a eles.

VI
Se alguém que tenha me ajudado
Com grande esperança tenha me machucado,
Que eu possa contemplá-lo
Como meu Guru supremo.

VII
Que eu possa, direta e indiretamente,
Beneficiar e alegrar todas as minhas mães
Que eu possa em segredo assumir
O mal e o sofrimento das mães.

VIII
Que tudo isso permaneça imaculado.
Mantendo em vista os Oito princípios,
Que eu, vendo todos os dharmas como irreais,
Possa me desligar de todos os cativeiros, samsara.

(Dalai Lama - Amor, Verdade, Felicidade: Reflexões para transformar a mente)

Postar no Facebook
Bater do Coração

Como descrever um sentimento mais brilhante que o sol?
Como falar de um amor mais forte do que a própria morte?

Você eliminou a escuridão dentro de mim, venceu o meu medo, abriu os meus olhos para que eu pudesse ver a beleza da vida...

Antes de te conhecer, eu morria um pouco a cada dia, a cada desgosto, a cada desilusão. Mas quando você entrou em minha vida, foi como se eu tivesse ressuscitado. Você me deu uma vida nova, com cores que eu nunca tinha visto.

Agora tudo é mais bonito, mais alegre, mais especial. Tudo porque você mudou o meu mundo.

No nosso aniversário de namoro, gostava de poder retribuir tudo aquilo que você me faz sentir. Quando você estiver nos meus braços e as minhas palavras falharem, espero que o bater do meu coração consiga transmitir o amor inabalável que eu sinto por você.

Parabéns a nós!

Postar no Facebook