Mensagens de Reflexão sobre a Vida


Toc, toc, toc...
Aqueles estampidos ecoavam por toda mata, como se fossem tiros de uma arma. O
machado rachava sua pele. Suas folhas tremiam, a cada pancada desferida contra seu
corpo.
Lentamente, feroz arma atinge sua alma. E ela, não mais podendo sustentar-se, cai
como um gigante. Deixa pequenos órfãos jogados pelo chão, tão pequenos e sozinhos
que o homem pisa-os sem dó ou piedade.
Eles são pequenos e fortes, sabem que sua vida não terminou. Aguardam, repousando
na terra, uma gota de água para que explodam em vida.
Natureza boa, perfeita, derrama lágrimas, num instante. Logo em seguida vem o sol
dar ânimo e coragem para aqueles pequeninos.
Começam a crescer, dar sombra, flores e frutos para homens e animais, nada pedindo
em troca.
São tão generosas, que até mesmo retiram as toxinas do ar, devolvendo-o puro e
fresco para todos.
E a vida continua... Elas são o que são. Fazem sua parte, sem querer nada em troca.
E o homem, injusto, só lhe dá uma coisa: toc, toc, toc...

Amado e eterno amigo, gostaria de agradecer os momentos de grande ternura, que nos piores momentos, você meu estendeu a mão, me orientou, me ensinou que na vida, há sempre um melhor caminho a seguir, que a melhor vitória de um ser humano, é quando ele consegue perdoar e extrair a felicidade com pequenos e talvez desconhecidos gestos.
Obrigada amigo por estar ao meu lado nesta vida, abrindo caminho para minha elevação espiritual nesta vida, obrigada por nossos melhores momentos, sempre obrigada.

As coisas de maior valor que podemos obter da vida não custam nenhuma moeda sequer. Elas são conseguidas junto aqueles que tem os bens mais valiosos que se pode possuir e que jamais poderão ser comprados: O Amor e a amizade. Com esses dois bens podemos dizer com toda a certeza que somos as pessoas mais ricas do mundo e que sempre haverá motivos para querermos compartilhar dessa riqueza com aqueles que ainda se sentem pobres de espírito. Com essa riqueza podemos mudar o mundo e fazê-lo lembrar também que antes de qualquer metal ou joia ser considerado precioso já havíamos nascido ricos e que isso que hoje em dia é considerado precioso e indispensável é apenas um acessório. Todo o ouro e riqueza que muita gente tenta desesperadamente adquirir nada mais são do que bijuterias comparado a essas verdadeiras riquezas que podemos oferecer. Um dia o que é de valor mesmo será notado. E até lá cabe a cada um de nós mostrar o que é e onde se encontra esse grande valor: O valor de se estar vivo e poder sentir a vida através do amor que os outros tem a nos oferecer.

Olhemos ao nosso redor e veremos inúmeras possibilidades de sermos úteis ao nosso próximo. Há tantos que necessitam de uma palavra amiga, um sorriso, um aperto de mão, um telefonema. Há momentos em que uma mínima atitude da nossa parte pode ser essencial para devolver a alguém a coragem e a força para continuar na caminhada da vida.
Não nos furtemos em prestar nossa solidariedade a quem quer que seja. Somos todos irmãos, filhos do mesmo Criador.
Hoje alguém está necessitando do nosso amor, do nosso carinho, da nossa amizade e da nossa compreensão, mas amanhã poderemos ser nós mesmos os necessitados. Então, deixemos que nossos melhores sentimentos possam emergir, que nossa luz possa brilhar
e iluminar a escuridão que esteja circundando a vida de tantos ao nosso redor. Como nos disse Jesus: “Brilhe a vossa Luz”!

Peça ao céu um pouco de silêncio
e procure conversar com a noite.
Faça de cada ilusão uma saudade repita mais de mil vezes que tudo passou e porque passou.

Lá fora o ar pode estar pesado, mas o desejo a seguir ,
é amar, é respeitar, liberte-se dos preconceitos e
saia por aí, vai passear, ironize essa amargura e faça dela uma sombra fértil, tanto que não vale a pena pensar.

Não sinta receio de nada;
A vida é assim, tudo acaba...

Mas existe um amanhã de saída ,
do meio e da chegada, é sempre um amanhã para hoje que é feito de aventuras.

Olhe-se no espelho e gaste tudo de bom que você tem pra dar, aquele que viu, ouviu, adorou, e mesmo aquele que sofreu.

Afirme-se no desejo de quem sempre encontrará outros desejos mais fortes, tudo é natural, tudo partiu de dentro de nós.
E um dia em algum lugar existiu durante 20 minutos um alguém que comparou e fez de você algo melhor.

Vibre com a lua,
mas contra a tempestade.
Fique feliz por ainda saber sorrir ...
Vá! Levante a cabeça,
imponha no rosto uma expressão feliz, tudo é fácil.
Notou?
Abra a janela e preste atenção
nos pássaros brancos
que voam no céu...

Tudo é paz, naturalidade e franqueza .
Porque esta melancolia?
Lembre-se de um sonho, de
alguém que está sempre ao seu lado,
mesmo você não estando e
sinta como é fácil ser feliz.

Passamos quase a vida toda à procura da felicidade, desejando às pessoas queridas, sempre esperando ela chegar como se fosse algo inalcançável. Mas será que é mesmo tão difícil assim ser feliz ou somos tão exigentes ao ponto de não enxergarmos a presença da felicidade?

Às vezes o problema está na definição do que pra gente é felicidade, como nem sempre o que nos leva a ser feliz é definido fica muito mais difícil obter algo que não é conhecido. O primeiro passo para encontrar a felicidade é se perguntar o que te faz feliz, sabendo isso já está a meio caminho de conquista-la.

Desta forma você irá perceber que nas pequenas coisas pode também ser encontrada a felicidade. Não necessariamente está no carro importado, ou naquele emprego tão desejado, muitas vezes pode estar em um simples abraço bem apertado.

Você ... Que Um Dia Teclou Comigo;
Você ... Que Me Procurou, Esperou E Encontrou;
Você ... Que Conseguiu Transmitir Carinho E Afeto Através De Uma Máquina;
Você ... Que Não Me Conhecia, Mas Já Me Dedicava Uma Parte Do Seu Tempo;
Você ... Que Me Ouve, Cuida E Cativa;
Você ... Que Por Trás De Uma Gravata Com Linhas Douradas E Uma Imagem Séria,
Revela Uma Pessoa Incrivelmente Doce;
Você ... Que Chegou Devagarinho, Com Esse Jeitinho Todo Especial De Ser;
Você ... Que Me Faz Voltar A Olhar A Vida De Uma Forma Que Eu Já Não
Acreditava Ser Possível;
Você ... Que Com Sua Sinceridade Me Fala A Verdade Em Frases Abertas;
Você ... Que Eu Gostava E Nem Sabia Que Existia;
Você ... Que Já Me Faz Falta.

De que é feito este sentimento?

Engraçado, eu sempre fiquei pensando em que momento da vida foi criado esse sentimento....a amizade.

Quem será que compôs o primeiro par de amigos da face da terra?

Fico imaginando que eles devem ter tido muitas dificuldades nesse relacionamento, afinal, foram os pioneiros em dar carinho, aparar arestas, serem muitas vezes incompreendidos e ainda assim estarem sempre de braços abertos para receber o outro quando preciso.

Bom, mas o tempo passou e hoje já sabemos muitas coisas sobre amizade.

Há de se entender que a amizade não é algo somente que nos traz alegrias e esse é o maior desafio dela.

Há de se aceitar que se pode ter amigos diferentes de nós, em raça, religião, temperamento, criação, cultura. Isso na verdade não é importante na amizade, nem chega a ser um obstáculo.

Há de se saber que as regras principais da amizade são o respeito, a consideração, a tolerância e a humildade.

O respeito é primordial, aliás em qualquer tipo de relacionamento ele se faz necessário. Pessoas têm seus limites e esses limites devem sempre ser respeitados. O fato de termos amizade e intimidade com alguém , não nos dão o direito de violar certas regras que estão implícitas em uma amizade.

A consideração é um fator muito importante também. Não adianta sermos tudo de bom para alguém e nos momentos mais delicados e necessários para esse alguém, não termos a consideração que se resume na atenção de vida.

Espera-se mesmo que a amizade, como qualquer outro sentimento, seja uma via de mão dupla. Não existe a possibilidade de só darmos,jamais recebermos e ainda assim sermos realizados nesse sentimento.

Não se trata de um toma lá dá cá, mas se trata de um eu me lembro quando eu precisei e você esteve comigo, portanto agora você precisa e eu estou aqui, e isso há de ser feito com um sorriso nos lábios e muito amor no coração.

A tolerância, talvez seja essa a parte principal.
Há de se entender que nenhum ser humano vive em total estado de bom humor a vida toda. Haverá dias que os ânimos não estarão bons, o coração de um deles não estará bem.
Isso sem contar que as pessoas em geral têm os mais diversos tipos de temperamentos e portanto de atitudes.

Há de se saber que para se ter um amigo, alguns momentos desagradáveis dele teremos que suportar, passar por cima mesmo, ignorar, sabendo inclusive que ele em algum instante fará o mesmo por nós se for amizade verdadeira o que ele sente.

Há de se saber, aceitar e entender, que a perfeição em termos de ser humano não existe, cometemos todos, diversas vezes, falhas, enormes falhas. Nenhum de nós é o rei da verdade, nenhum de nós está certo o tempo todo... em algum momento o nosso amigo é que será a parte certa e por mais que o nosso orgulho nos impeça de dizer, teremos que aceitar.

A humildade há de precisar se fazer presente sempre.
Amigos que não convivem com isso, dificilmente conseguirão levar esse relacionamento avante.
Há de se ter humildade pra dizer coisas simples:

Eu não sei,você me ensina?
Eu não consigo,você me ajuda?
Eu não posso, tenho medo, você vai comigo?
Eu errei,você me perdoa?
Eu me arrependi, você me desculpa?
Eu não fui fiel a você, me dá outra chance?
Eu disse o que não devia, você pode esquecer?
Eu ando negligenciando nossa amizade, você me permite recuperar esse tempo perdido?

Amigos não se orgulham de ter orgulho, eles se orgulham é de passar por cima dele no momento que se fizer necessário. Orgulho de amigos tem que estar em tê-los como amigos e em poder dizer a qualquer um:

Sim, ele tem um milhão de defeitos, comete mil erros, falha muitas vezes... mas é meu amigo! ·
... e nessa última frase....mas é meu amigo está implícito, e portanto, apesar de tudo, é com ele que conto na hora da dor e na hora da alegria.

Ser humilde numa amizade não significa se humilhar, significa provar ao outro o seu grau de importância na nossa vida.

Por fim, uma amizade há de ter altos e baixos sim, há de atravessar furacões, cair em abismos, há de se despedaçar, se arrastar, ser vulnerável... mas se for amizade de verdade, há de voltar, envolta em ferimentos, apoiada numa bengala, sangrando até... e há de encontrar o seu companheiro com o curativo nas mãos, amor no coração e disposto a dar o perdão!

Ser amigo é todos os dias aprender alguma coisa nova, é sempre ter algo de que se arrepender, por alguma coisa que se deixou de fazer num momento em que teria sido importante ter feito.

Ser amigo é principalmente dividir uma emoção, saber acalentar um coração e deixá-lo voar pra longe de nós quando ele precisar.

Mas ser amigo é especialmente se recolher num cantinho e esperar esse coração voltar pra nossa mão no momento que ele achar que é bom.

Como descrever um sentimento mais brilhante que o sol? Como falar de um amor mais forte do que a própria morte? Você eliminou a escuridão dentro de mim, venceu o meu medo, abriu os meus olhos para que eu pudesse ver a beleza da vida.

Antes de te conhecer, eu morria um pouco a cada dia, a cada desgosto, a cada desilusão. Mas quando você entrou em minha vida, foi como se eu tivesse ressuscitado. Você me deu uma vida nova, com cores que eu nunca tinha visto. Agora tudo é mais bonito, mais alegre, mais especial. Tudo porque você mudou o meu mundo.

No nosso aniversário de namoro, gostava de poder retribuir tudo aquilo que você me faz sentir. Quando você estiver nos meus braços e as minhas palavras falharem, espero que o bater do meu coração consiga transmitir o amor inabalável que eu sinto por você.
Parabéns a nós!

Na luz do teu olhar
Encontro a verdadeira razão
Da existência do amor
Que no meu coração vive a crescer.
Caminho no mundo a te buscar,
Mas a cada dia revivo a sensação
De não merecer o teu amor
Ou sequer a teu lado viver.
Queria poder aos ventos cantar
A mais bela e doce canção
Pra te dizer com muito amor:
-Não quero te perder
Queria ser o que respiras no ar
E penetrar em teu corpo, na intenção
De encontrar a razão do temor
Que te faz desprezar o meu querer.
Queria por fim te amar sem medo,
Sentir-me parte do teu coração,
embriagar-me no teu amor
E nunca mais chorar por não te ter.

Ótima semana para você!

Chore, grite, ame.
Diga que valeu, que doeu, que daqui pra frente só vai melhorar.
Perdoe, insista, ame novamente.
Não leve a vida tão a sério.
Descomplique.
Quebre regras, perdoe rápido beije lentamente.
Ame de verdade, ria descontroladamente e nunca lamente nada que tenha feito você sorrir...

(Vinícius de Moraes)
(Pensador)

A vida do samurai andava um inferno.

Dúvidas sobre o Bushido lhe atormentavam. Para ter paz, precisaria aprender mais sobre um dos princípios deste código dos samurais.

O guerreiro precisava aprender sobre compaixão. Ele nunca teria paz se vivesse apenas pela coragem e disciplina. A compaixão era um dos valores que norteavam o caminho do cavaleiro, o Bushido.

Aquele samurai se perguntava se não teria desviado do caminho ao cortar cabeças indefesas e não ajudar inimigos em dificuldades. Teria ele perdido o poder da compaixão? Teria ele perdido a honra? Por que sua vida estava um inferno e como seria alcançar o céu?

As dúvidas levaram o guerreiro em busca de um local sagrado – na esperança de encontrar um mestre que o tirasse de seu inferno e lhe ensinasse o que era o céu. Enquanto ia se aproximando do templo zen budista os lavradores se afastavam daquele homem. Chegando lá, o samurai exigiu ser levado à presença do monge chefe. Este ensinava na cozinha. O homem armado de espada ouviu os ensinamentos do outro, armado de uma colher. O mestre ensinava os aprendizes sobre a importância de transformarem em prática o pensamento zen. A importância de praticarem de fato o que quer que fossem ensinar. O mestre zen parou de falar e com sua colher remexeu cuidadosamente o cozido de legumes na panela. Voltou a falar do aspecto sagrado de cada ação cotidiana, que a prática da preparação diária do alimento é a mesma prática do caminho da iluminação.

“Pense que as panelas são você mesmo... Veja que a água é a sua própria vida...”

E voltou a mexer o cozido, borrifando temperos que ao caírem na panela exalaram vapores aromáticos...

Só que o samurai não queria saber de prática de “mestre cuca” coisa nenhuma! Ele não queria perder tempo da sua “busca espiritual” com futilidades diárias como culinária. Rompeu o silêncio dos vapores:

- Mestre: quero que me ensine sobre a compaixão. Quero que me ensine sobre o céu e o inferno.

O monge olhou longamente para o samurai. Reparou em seu calçado enlameado, em sua espada embainhada, em sua mente inquieta.

- Você não vai encontrar o que busca. Como posso ensinar a pureza e a beleza da compaixão a um homem com a bota, a espada e a mente completamente sujas? Sua presença deixa este templo feio e sujo. Seria melhor que saísse daqui agora!

O sangue do samurai se aqueceu mais rápido do que as panelas e em dois movimentos ele desembainhou a espada e preparou o ataque certeiro que faria rolar a cabeça daquele monge que desrespeitava a honra de um cavaleiro que, por sua vez, se afundaria ainda mais em seu inferno.

O monge permaneceu parado e quieto, mirando o outro com profundidade. Com a espada viajando pelo ar a poucos centímetros do seu pescoço, disse:

- Espere. Agora você já sabe o que é o inferno. Isto é o inferno!

O astuto espadachim fez parar sua katana antes dela atravessar a pele. Ficou espantado com a coragem e dedicação do mestre ao ensinar. O monge colocava suas palavras e sua própria vida à serviço do outro. Entendeu que a sua maior desonra não seria receber um insulto e sim praticar um ato violento.

O desejo de paz invadiu o guerreiro. Uma onda de compaixão o arrebatou.

O monge, enfim, enxergou o olhar iluminado e compassivo do samurai:

- Agora você já sabe o que é compaixão. Isto é o céu.

Nada melhor do que boas e merecidas férias com a sensação de dever cumprido. E quando podemos viajar então, fica ainda melhor! As férias são muito importantes para podermos repor as energias, retomar o fôlego, descansar e carregar as baterias nos divertindo e relaxando para voltarmos para o trabalho com toda a força para fazer a diferença.

E quando viajamos, as férias são ainda melhores, porque sempre conhecemos coisas novas e pessoas novas pelo caminho, que trazem referências diferentes para a nossa vida e que nos enriquecerão com as suas experiências.

Aproveite ao máximo a sua viagem de férias. Passeie, descanse, leia, dance, veja muitos e bons filmes, coma coisas diferentes, e tire muitas fotos para nos mostrar quando voltar! E não esqueça de comprar as nossas lembrancinhas. Estaremos aqui ansiosos esperando pela sua volta.

Divirta-se!

Basta uma brisa da praia
Pra gente ficar com vontade de amar
Um vento ousado na saia
Revela o desejo guardado no olhar
Basta uma noite de lua
Pra gente ficar na maré da paixão
E quando a pele está nua
A gente descobre que a vida é um tesão
Tá na cara que a gente se ama
Tá na cara que a gente se adora
Tá na cara
Pra gente é desejo, é paixão, é loucura
É mais, é tara
Tá na cara que a gente se quer
Tá na cara que a gente se gosta
Tá na cara que essa loucura
Não passa, não pára jamais, não sara.

Não digamos "não", nem "nunca mais"...
não digamos "sempre" ou "jamais"...
digamos, simplesmente: "ainda"!...
Ainda nos veremos um dia...
Ainda nos encontraremos na estrada da vida...
Ainda encontraremos a pousada,
o afeto almejado, a guarida...
Ainda haverá tempo de amar,
sem medo, totalmente... infinitamente...
sem ter medo de pedir, de implorar,
ou chorar...
Ainda haverá tempo,
para ser feliz novamente...
Ainda haverá tristeza,
ainda haverá saudade,
ainda haverá primavera,
o sonho, a quimera...
Ainda haverá alegria,
apesar das cicatrizes...
Ainda haverá esperança,
porque a vida ainda é criança...
e amanhã será outro dia!...