Dicas para uma Semana Feliz

Uma nova semana é sempre motivo de grande alegria. E acho que esta será imensamente feliz! Não contemos os dias, não façamos contas às horas que demoram a passar.

Só a beleza importa e ela está presente em todos os instantes do dia. É que acordar e respirar é a maior bênção que alguém pode ter! E a vida não acontece só ao final de semana; ela merece ser desfrutada todos os dias em grande estilo! Boa semana!

Mensagens Relacionadas

Amor, paz e alegria é tudo que preciso para tornar estes dias memoráveis. Bom final de semana!

Você está começando um nova semana, talvez pensando em tudo o que tem para fazer e traçando suas metas para os próximos dias. São muitos os lugares que vai percorrer, várias as pessoas com quem terá que conversar, por isso não desperdice a oportunidade de deixar sua marca.

Espalhe um pouco de amor por onde quer que passe e transmita positividade a todos aqueles que se cruzarem no seu caminho. Isso não é uma obrigação, mas trará felicidade à sua vida. Boa semana!

Boa semana! Iniciam agora sete novos dias que representam sete novas dádivas na sua vida. Desfrute todos os momentos desta semana abençoada em grande estilo.

E não se esqueça que a alegria, a paz e o amor são a resposta para qualquer instante de maior dificuldade. Fé no coração e sorriso no rosto é só o que precisamos para tornar esta semana maravilhosa e inesquecível!

Cada profissional é responsável pela gestão da sua carreira. Até aqui, nada de novo. O que mudou foram os pressupostos para a conquista de um emprego e respectiva manutenção. Evidentemente que os conceitos de lealdade ou respeito continuam a ser válidos e importantes, mas não são suficientes.

Com a crise econômica que se sente um pouco por todo o mundo, surgiram os sucessivos despedimentos. Todos nós já passamos pela experiência, direta ou indireta, de uma situação de desemprego, à qual com relativa frequência até somos alheios e apenas vítimas.

Qualquer situação desta natureza exige que esses profissionais se posicionem no mercado de uma forma diferente. É conveniente mudar hábitos, rotinas, atualizar competências, desenvolver habilidades, diversificar/solidificar conhecimentos e, também, manter ativa a rede de contatos.

Falava há dias com um familiar próximo sobre o tema. Aos profissionais no ativo
é hoje passada uma mensagem de contenção que surge de todos os quadrantes. É preciso destreza para manter o posto de trabalho mas isso nem sempre é tarefa fácil.

Como se pode conter o descontentamento? Como alterar hábitos que não conduzem ao sucesso? É forçoso promover uma contínua atualização em contraponto com a tendência para nos acomodarmos e, em consequência, contribuirmos nós mesmos para uma certa estagnação da carreira.

A mudança deve assentar na procura da excelência, da competência e da especialização na área em que se trabalha ou se quer vir a trabalhar. Deixam-se sete dicas.

1. Promova um comportamento ético afastando-se de jogos duplos e não tenha receio de utilizar as palavrinhas milagrosas: por favor, obrigado, bom dia!

2. Mantenha uma dose acertada de humildade não faz mal a ninguém e é de graça. É preciso informar o que se pensa e vivemos em democracia. Mas faça-o de forma correta. Especialmente quando comunica com quem tem um estatuto diferente ou mais experiência profissional, ou já não se é tão jovem

3. Tente fazer aquilo de que gosta: a motivação aumenta quando temos oportunidade de fazer o que apreciamos.

4. Seja competente e mantenha-se a par das novidades no âmbito da sua profissão e, se possível, acompanhe as áreas conexas. O que nos torna diferentes aos olhos de um empregador assenta nas competências profissionais e nos pormenores, ou no que podemos dar como extra: capacidade de trabalho, criatividade, solidariedade

5. Cultive os relacionamentos profissionais e promova relacionamentos positivos. Este aspecto, além de determinante no bem-estar de cada um, é altamente apreciado em equipe.

6. Alcance metas definindo uma estratégia e sendo empreendedor. Tenha iniciativa, visão e foco nos objetivos, não apenas nos alvos que quer cumprir.

7. Cuide da imagem exterior é o que se vê primeiro e use de bom senso na
seleção da indumentária, seja diferente pela positiva. Aqui, como noutros aspectos, a palavra de ordem deve ser: profissionalismo!

(Susana de Salazar Casanova)
(Sábado)

1 - Viva as emoções

Antes de botar um fim definitivo no namoro, tenham uma boa e velha DR. Conversem sobre tudo que se passou entre o casal, sem acusações, mas com argumentos que incentivarão a evolução de cada um. Bote para fora tudo o que sente e deixe bem claro o motivo do fim. Caso tenha tomado um fora, explique como se sente e não tenha vergonha de se expressar. É melhor chorar tudo de uma vez do que chorar aos poucos.

2 - Fique sem ver o ex por um tempo

Entenda de uma vez por todas que a regra número 2 para quem quer dar um fim em uma história de amor, sem dores de cabeça, é ficar um tempo sem ver o ex. Assim será possível desintoxicar dos anos vividos e guardá-los como boas lembranças. Ver o ex com frequência, além de criar esperanças para ambos os lados, desenvolve um vínculo não agradável e situações como o ciúmes que serão corriqueiras e futuramente incontroláveis.

3 - Se puder, dê um tempo nas redes socais

Uma pesquisa feita pela Western University (Canadá) revelou que 88 dos usuários do Facebook acessam o perfil de seus respectivos ex-namorados e 52 assumiram que ficam com ciúmes das fotos publicadas no mural dos antigos namorados. Por isso o Facebook, Twitter e até o saudoso Orkut são um prato cheio para cair em um bad romance. Para não se tornar uma stalker profissional, determine um prazo longe das redes, por exemplo, um mês e cultive o outro lado da vida.

4 - Leia um livro

Já percebeu que o pior inimigo de quem precisa ficar longe do ex é a mente? Por isso, ocupe-a da melhor maneira possível. Não troque a vontade de vê-lo por um hábito novo, mas sim, ocupe a mente com outros interesses seus. A leitura é uma ótima medida, afinal, dá para desencanar do roteiro real e viver outra história e até mesmo entender melhor o que se passa na própria vida, baseada nas histórias lidas.

5 - Ligue para uma amiga

Quando a saudade for forte e a vontade de ver o ex for maior ainda, ligue para uma amiga. Prefira aquela que acompanhou o relacionamento por mais tempo e que vai entender sem julgamentos o que se passa no momento. Desabafe mesmo, ela vai entender perfeitamente seu lado. Só não vale ligar todos os dias, afinal ela não é sua psicóloga, mas sim, sua amiga.

6 Segure-se antes do próximo relacionamento

Com o tempo, após o fim do namoro, todo mundo sabe que bate uma carência. É aí que mora o perigo. Nada de trocar uma paixão antiga, por uma nova paixão. Às vezes, aparece aquele amigo legal que de repente nem se sente atraída, mas por estar fragilizada acaba se envolvendo demais. Depois do fim de um namoro é normal ficar frágil e assim se apaixonar facilmente também. O ruim disso é substituir as emoções e até comparar as atitudes do atual com o ex. Não é saudável, seja verdadeira consigo mesma.

7 - Trabalhe a autoestima

Ficar triste por dentro, transparece por fora. Por isso, dê um trato no visual! Se estiver insatisfeita com o peso é hora de investir em uma nova dieta, mude o look, invista naquele esporte que sempre teve vontade, compre uma roupa nova, etc. Nenhuma mulher resiste a mimos, não há humor que não melhore!

8 - Desacredite nas falsas esperanças

Ninguém quer deixar o posto de ex, para ser step de ninguém, certo? Portanto, aquela ligação de madrugada, a mensagem no celular que o ex mandou só para saber se está tudo bem, pode ser até fofo, mas deve acabar ali, sem resposta. Isso vale também para você, mocinha! Nada de ficar pedindo ajuda para ele, ou ligando quando bater a saudade. Enquanto os dois lados não estiverem prontos para se ver, qualquer olhar 43 é uma bomba relógio.

9 - Faça uma reavaliação do namoro

Depois de um tempo reflita os momentos vividos a dois e faça uma autoavaliação sua perante o namoro acabado. Veja quais foram os pontos mais frágeis e como agiria se fosse atualmente. Lembre-se que não é para cair na tristeza, ou nostalgia. A autoavaliação está longe de ser um túnel do tempo ao antigo namoro! É um exercício para evoluir seus atos e ver fora da situação o namoro como um todo.

10 De quem é a culpa?

Tentar remoer o que já aconteceu só piora as coisas. No namoro, só o casal realmente sabe o que aconteceu durante o período juntos. Se existiu alguma coisa que magoou você, supere e continue a vida para frente. Não adianta ficar tentando saber quem errou e esclarecer mais ainda o que já acabou. A vida continua!

(Corpo a Corpo)

Recomendados para você

Como terminar um namoro:  dicas sobre o que fazer e não fazer
Como terminar um namoro: dicas sobre o que fazer e não fazer
Bodas de namoro: descubra quais são e dicas de como comemorar
Bodas de namoro: descubra quais são e dicas de como comemorar
25 formas de desejar um feliz aniversário
25 formas de desejar um feliz aniversário
Motivação pessoal: 8 dicas de automotivação para praticar diariamente
Motivação pessoal: 8 dicas de automotivação para praticar diariamente
Festa surpresa: dicas de como planejar uma festa incrível
Festa surpresa: dicas de como planejar uma festa incrível
18 frases de boa sexta-feira para celebrar a chegada desse dia fantástico
18 frases de boa sexta-feira para celebrar a chegada desse dia fantástico