Mensagens de Criança

Encontradas mais de 46 Mensagens de Criança:

Mensagens de Criança Mais Votadas

Todas as Mensagens de Criança

Ser Criança

Ser criança é achar que o mundo é feito de fantasias,
Ser criança é comer algodão doce e se lambuzar.
Ser criança é acreditar num mundo cor de rosa.
Cheio de pipocas
Ser criança é olhar e não ver o perigo.
Ser criança é sorrir e fazer sorrir.
Ser criança é chorar sem saber porque.
Ser criança é se esconder para nos preocupar.
Ser criança é pedir com os olhos.
Ser criança é derramar lágrima para nos sensibilizar.
Ser criança é isso e muito mais.
É nos ensinar que a vida, apesar de difícil,
Pode tornar-se fácil com um simples sorriso.
É nos ensinar que criança só quer carinho e afeto.
É nos ensinar que, para sermos felizes,
Basta apenas olharmos para uma criança.

Postar no Facebook
Você Criança

Você criança,
que vive a correr,
é a promessa
que vai acontecer...
é a esperança
do que poderíamos ser...
é a inocência
que deveríamos ter...

Você criança, de qualquer idade,
vivendo entre o sonho e a realidade
espargem pelas ruas da cidade,
suas lições de amor e de simplicidade!

Criança que brinca,
corre, pula e grita
mostra ao mundo,
como se deve viver
cada momento, feliz,
como quem acredita
em um mundo melhor
que ainda vai haver!

Você é como uma raio de luz
a iluminar os nossos caminhos,
assemelhando-se ao Menino Jesus,
encanta-nos com todo teu carinho!

Você é a criança,
que um dia vai crescer!
É a promessa,
que vai se realizar!
É a esperança
da humanidade se entender!
É a realidade
que o adulto precisa ver...
e também aprender a ser...

Postar no Facebook
Criança, Semelhança de Jesus

Já fui sonho, projeto, feto...
Hoje sou como o raiar de um novo dia
O brotar de uma semente
O desabrochar de uma flor.

Sou como uma doce melodia
Com autor e partitura
Só preciso que me "toquem" com ternura
Para que eu possa ser gente.

Do bem, quero ser sempre contexto
Não nasci para ser avesso
Sou portador de sol
Trago luz
Alegria e esperança
Afinal sou criança
Imagem e semelhança de Jesus!

Postar no Facebook
As Borboletas

Brancas
Amarelas
E pretas
Brincam
Na luz
As belas
Borboletas

Borboletas brancas
São alegres e francas.

Borboletas azuis
Gostam muito de luz.

As amarelinhas
São tão bonitinhas!

E as pretas, então . . .
Oh, que escuridão!

Vinícius de Moraes

Postar no Facebook
Ursinho pimpão

Vem meu ursinho querido
meu companheirinho
Ursinho Pimpão

Vamos sonhar aventuras
voar nas alturas
da imaginação

Como na história em quadrinhos
eu sou a Sininho
você Peterpan

Vamos fazer nossa festa
brincar na floresta
Ursinho Tarzan

Enquanto o sono
não vem
eu sou Chapeuzinho
você meu galã

Dança também
Pimpão
pelo salão
Pimpão

É tão bonita
nossa canção

Manhã já vem
Pimpão
dorme Pimpão
Pimpão

Urso folgado não tem lição

Vem meu ursinho querido
ator preferido
da minha estação

Vou te sonhar colorido
pegando bandido
na televisão

Vamos deixar o cansaço
dormir no meu braço
meu velho amigão

Não fique triste, zangado
se eu viro de lado e te jogo no chão

Ah! meu ursinho palhaço, teu circo é um pedaço do meu coração!!

Postar no Facebook
Queria voltar a ser criança

Crescer é ruim. Tem responsabilidades
Por que nos enganaram?
Disseram-me que adulto tem liberdade
Para fazer o que quer
Mentira, adulto é preso
Preso ao trabalho, à rotina, à alguém
Queria poder passar a tarde brincando
Assistir pela décima vez o filme da sessão da tarde
Ir dormir cedo e acordar com o beijo da mãe no rosto
E ainda ter que escutá-la gritadndo
Mandando ir tomar banho para fazer a tarefa de casa
Queria ver meu pai na reunião da escola
Atravessar a rua segurando bem firme em sua mão.
Ir à praia no domingo à tarde
E comer chocolate raspando a panela
Esperar meus pais no portão de casa
E contar como foi meu dia
Ah, se alguém souber uma fórmula
Para fazer o tempo voltar
Por favor me comunique
Estarei trabalhando.

Postar no Facebook
Jesus, Abençoa as Crianças

Jesus abençoa as crianças!
Trouxeram-lhe, então, algumas crianças, para que lhes impusesse as mãos e orasse; mas os discípulos os repreendiam.
Jesus, porém, disse: Deixai os pequeninos, não os embaraceis de vir a mim, porque dos tais é o reino dos céus...
(Mateus 19.13-14)

Postar no Facebook
A criança que ainda sou

Lembranças quantas lembranças

De meus tempos de criança

Bolinha de gude,

Pipa...

Passa anel!

Vamos brincar de passa anel?

Quem sabe em tua mão fica

E entendes que nesse anel

está todo o mel...

O mel do amor,

O meu amor criança.

Beijo, abraçõ ou aperto de mão!

Não será esta a melhor opção?

Podes me dar um beijo

Acalmando meu desejo

Podes me dar um abraço

E me aninhar em teus braços

Será um aperto de mão?

Segura então as duas mãos

e nunca as deixe largar...

Quantas perguntas sem respostas

Está meu coração a torturar...

Ah que saudades eu tenho

de meu tempo de criança...

Onde o enredo somente

era o riso e os folguedos...

Nem passado, nem presente,

nem futuro...tão somente

o amor que a gente sente

O que me faz criança simplesmente

é este amor semeado na eternidade

Este é meu terno e eterno presente!

Postar no Facebook
O Sol

Tenho um Sol só meu
Feito de sonho e magia,
De cor amarela
E jeito engraçado :
- Quando é dia
Ele sorri e me espia.
- Quando é noite
Ele dorme e se esfria.

Postar no Facebook
Infância

Sou pequeno
e penso em coisas grandes:
pomares e mais pomares,
jardins de flores e flores
e pelas montanhas e vales
grama verdinha e bosques,
com milhões de árvores
e asas de passarinhos.

Rios e mares de peixes
— aquários largos e livres
— ar dos campos e praias,
a manhã trazendo o dia
com o sol da esperança
e a noite de sonhos lindos,
nuvens calmas, lua e astros,
minhas mãos pegando estrelas
neste céu de doce infância.

E pelas estradas claras
meu cavalinho veloz
no galopar mais feliz:
— eu e ele sorrindo,
levando nosso cristal
para os meninos do mundo.

Postar no Facebook
A cachorrinha

Mas que amor de cachorrinha!
Mas que amor de cachorrinha!

Pode haver coisa no mundo
Mais branca, mais bonitinha
Do que a tua barriguinha
Crivada de mamiquinha?
Pode haver coisa no mundo
Mais travessa, mais tontinha
Que esse amor de cachorrinha
Quando vem fazer festinha
Remexendo a traseirinha?

(Vinícius de Moraes)

Postar no Facebook
O macaco e a lebre

Um macaco, passando pela mata, foi pego pela armadilha de um caçador e ficou horas pendurado numa árvore, preso na rede . Uma lebre que ia passando por ali, viu o macaco e se ofereceu para ajuda-lo. A lebre roeu a corda até rebentar e livrou o macaco da armadilha. Muito agradecido, ele disse:

- espero que sejamos amigos para sempre e, se precisar de mim, ficarei muito feliz em servi-la.

A lebre agradeceu e saiu andando com muita elegância. O tempo passou e o macaco esqueceu a lebre. Certa vez , o macaco encontrou uma bananeira com um bonito cacho. apanhou algumas bananas e foi comê-las mais andiante. tendo visto por ali alguns macacos, subiu em uma árvore e, sentado nos galhos ,fez uma coroa de folhas para fingir ser o rei e não ser incomodado pelos outros macacos.Perto da árvore, também havia uma parreira e o macaco começou a chupar uvas.De repente, a lebre apareceu e,olhando pra cima, disse:

-Olá. como vai,amigo? O macaco não respondeu e ela insistiu:

-Eu sou a lebre, sua amiga. estou com fome e gostaria que você jogasse umas uvas e bananas para mim. Lembra-se que disse para procurar você se um dia precisasse?

O macaco ,pondo a coroa na cabeça, respondeu :

- Sou o rei dos macacos e não lhe prometi nada, nem ao menos a conheço.

A lebre ia saindo,tristonha e de cabeça baixa , quando o macaco, fazendo pose, tropeçou no galho da árvore e caiu , se estatelando no chão. Com a queda, a coroa feita de folhas se desfez e foi levada pelo vento. O macaco então percebeu que sua pose não adiantava de nada e, arrenpedido , chamou a lebre de volta e deu a ela todas as frutas que pôde alcançar.

Postar no Facebook
Sonhos da Menina

A flor com que a menina sonha
está no sonho?
ou na fronha?

Sonho
risonho:

O vento sozinho
no seu carrinho.

De que tamanho
seria o rebanho?

A vizinha
apanha
a sombrinha
de teia de aranha . . .

Na lua há um ninho
de passarinho.

A lua com que a menina sonha
é o linho do sonho
ou a lua da fronha?

Postar no Facebook
A Formiguinha...

A formiguinha coitadinha
cansada de trabalhar
carregava sua folhinha
só pensava em descansar...

Ao chegar no formigueiro
encontrou um tremendo bafafá
suas irmãzinhas temiam o traiçoeiro
tamanduá...

A formiguinha correu ligeiro
e a folhinha carregou
achou um novo formigueiro
onde a depositou...

Era um formigueiro protegido
perto de um rio corrente
o tamanduá temido
ali não seria valente...

Penou o dia inteiro
e resolveu descansar
com um doce açucareiro
pôs-se a sonhar!

Sua vida trabalhosa
era dura e azeda
sonhava com os doces da roça
na casa da Dona Leda...

Lá entre potes de goiabada
viveu anos esquecida
até ser expulsa, coitada,
culpa do inseticida !

Lambuzou-se com o mel
de sonhos açucarados
acordou e olhou ao léu
lembrando do pesado...

Lá se foi a formiguinha
para mais uma batalha
mesmo pequenininha
diariamente trabalha...

Sua vida é assim
e esperta ela olha
procurando entre capins
encontrar suas folhas...

Quando chegar o frio
Ela terá sua comida
e perto do leito rio
estará protegida...

A formiguinha sabe que o inverno
não custa a tardar
e de seu trabalho eterno
irá se beneficiar!

Postar no Facebook
Carrossel

Upa, meu cavalinho,
deixemos os patos pra trás.
Carrinhos, podem parar.
Upa, meu cavalinho,
nosso círculo não pode fechar.
Com a crina vermelha ao vento,
galopa no espaço, comendo ar.
Seu eixo é nosso desejo,
suas patas livres a alegria
dos meninos do parque
que, no seu dorso liso,
galopando, galopando
sobre a terra e o mar,
o mundo querem ganhar.

Postar no Facebook