Mensagens de Jovens

Encontradas mais de 31 Mensagens de Jovens:

Somos Jovens

Sonhamos como Jovens
Somos Jovens
Somos loucos

Encontramos barreiras como Jovens
Somos Jovens
Somos poucos

Mas lutaremos como Jovens
Venceremos como Jovens
Somos Jovens
Somos loucos!

(Augusto Branco)

Postar no Facebook
A Preocupação Excessiva dos Jovens Com A Beleza

Os jovens de hoje andam muito preocupados com a beleza, porque a mídia, de uma certa forma, influencia na busca por um padrão de beleza, ela sempre passa a informação que as pessoas para serem bonitas têm de ser magras, barriga sarada, rosto bem cuidado, pele lisinha, etc... Se a pessoa não for assim, ela não é bonita e também, ‘não pode ser feliz’, porque não cumpre o padrão estabelecido por eles.

Com essa grande preocupação com a beleza, muitos jovens têm uma certa facilidade para alcançar o padrão indicado pela mídia, porém, outros já não têm a mesma facilidade e passam por várias dificuldades para conseguir atingir a meta. Por isso, o número de jovens com diversas doenças por causa deste fato está aumentando cada vez mais, os maiores atingidos são as meninas, pois, na maioria das vezes, são elas que se preocupam mais. Os meninos se preocupam também, mas não são tão intensos na procura desse padrão físico.

Procurar ter uma boa aparência física não é errado, os jovens deveriam sim se preocupar com a beleza, pois nós vivemos em uma sociedade que cobra isso, mas também deveriam se lembrar que a felicidade nem sempre está de mão dada com a beleza, isso tudo não vem junto em um pacote. Muitos jovens deveriam se preocupar menos com a beleza e tentar buscar primeiramente a alegria e o prazer em viver as coisas únicas e simples do dia-a-dia.

Postar no Facebook
Mensagem de Solidariedade para Famílias de Santa Maria

Salmo 42:11 “Porque você esta assim tão triste, ó minha alma? Porque esta assim tão perturbada dentro de mim? Ponha sua esperança em Deus! Pois ainda o louvarei; Ele é o meu salvador e o meu Deus”

Lamentamos e choramos com vocês a perda de seus queridos jovens, que no vigor de sua juventude foram surpreendidos pela fatalidade do acidente ocorrido. Com certeza a dor esta grande e o desespero deseja controlar suas vidas, ora pelas perdas, ora pela indignação causada pela irresponsabilidade do estabelecimento que não ofereceu segurança aos seus queridos.

Como Igreja Metodista no Brasil e em Santa Maria, como escolas Metodistas, Instituto Metodista Centenário e Fames, nos unimos a vocês neste momento de dor e perdas. Não há palavras para expressar nosso desejo de consolo para vocês, por isto recorremos ao Deus e Pai, na pessoa de Jesus Cristo, pois Nele vocês podem encontrar consolo frente às tristezas que invadem seus corações e forças diante das fragilidades que se encontram em todos nós nesta hora.

Sejam fortes na força que está em Deus, sejam consolados pelo consolo que vem de Deus, dos amigos e de seus familiares, recebam todos a graça de Deus e nossa solidariedade.

Contem com a comunidade metodista que se coloca à disposição de vocês com tudo o que é e tem. Nossa solidariedade em Jesus nos permite sentir a dor que está em vocês.
Contem com nossas orações e apoio.

Salmo 30: 5 “O choro pode durar uma noite; pela manhã, porém, vem o cântico de júbilo”.

Fraternalmente em Jesus Cristo,

Bispo Adonias Pereira do Lago – Presidente do Colégio Episcopal
Bispos, Bispa, Pastores, Pastoras, Escolas Metodistas e Colégio Centenário.

(Igreja Metodista)

Postar no Facebook
Os Jovens de Hoje Em Dia

A juventude é a etapa pela qual todos devem passar, e experimentar, as suas próprias descobertas, e com isso fazer, com que estas descobertas sejam lições, na vida adulta. E uma vida adulta tem muita ligação, com a adolescência, e infância, pois se vivemos estas duas etapas bem, certamente teremos uma vida adulta adequada, e pronta para enfrentar todos os desafios da vida. Sendo assim, a família tem grande contribuição na vida dos jovens, pois é dentro do seio familiar, que os jovens se refugiam quando precisam, ou seja, eles recorrem aos pais quando precisam de ajuda, conselhos, apoios, enfim tudo que necessitarem. Porém os jovens da atualidade não se preocupam “tanto” com as famílias, pois é cada vez mais comum ouvirmos as pessoas dizerem, que os jovens não respeitam as suas famílias, os seus professores, enfim parece que eles não estão "nem aí" com nada, e isso pode ser muito ruim, para o futuro deles mesmos. Os jovens de hoje em dia começam a realizar as coisas mais cedo, assim como: os namoros, o sexo, muitos deles entram no caminho das drogas, outros não se preocupam com os estudos, e somente pensam na curtição, e o pensar num futuro promissor, realmente para muitos ficou para trás. Porém não são todos os jovens da atualidade, que pensam somente no momento presente não, muitos se preocupam grandemente com assuntos, e coisas sérias, assim como a solidariedade, a proteção ao meio ambiente, os estudos, e a educação, o respeito com pais, professores idosos, enfim existem ainda vários jovens pensativos, que se interessam por coisas importantes. E os adolescentes tendem a melhorar, quando a educação da família é presente, e principalmente adequada, ou seja, a família é imprescindível para os jovens de hoje, de ontem, e principalmente para os jovens de amanhã.
Portanto os jovens de hoje em dia fazem parte de um reflexo de vida, sendo que estes vivem nas grandes, e pequenas cidades, e as cidades estão cada vez mais modernas, e eles precisam absorver todas as modernidades, assuntos, informações de forma rápida, pois a modernidade exige isso. E isso tudo permite a juventude vivenciar características inéditas e magníficas.

(Guia Grátis Brasil)

Postar no Facebook
Jovens Segundo o Coração de Deus

Creio que o maior desafio desta geração é achar jovens destemidos que realmente estão dispostos a pagar o preço de viver uma vida de santidade na presença do Senhor.

Na Bíblia vemos que Jesus nunca dispensou os jovens das batalhas, pelo contrário sempre pôde usá-los de forma poderosa.

Mas hoje em dia satanás tem usado muitos atrativos para que o jovem se corrompa e não tenha ânimo pelas coisas do Senhor. Se observarmos na maioria da juventude de hoje vamos ver jovens dispostos a tudo, mas quando se fala em trabalhar para Deus eles escapam e dão muitas desculpas.

Agora também não vou generalizar, ainda tem os remanescentes fiéis, por isso onde passo aqui no Brasil procuro desafiar os jovens a serem diferentes, ousados e que corram contra a maré deste mundo.

Deus quer usar a todos, mas Ele sabe que somente os radicais contra o pecado é que vão fazer a diferença e impactar esta geração.

Mas também não quero ficar aqui falando que devemos ser diferentes, se não falar em que temos que ser diferentes não é verdade!!!!! Então vou ser mais claro: eu não acredito que um jovem que consegue passar 3 horas ou mais em frente de uma internet por dia e depois não passa mais que 10 minutos orando tenha força para fazer a diferença nesta babilônia que vivemos.

Pois sempre gosto de dizer que temos que ir contra o esquema que nos cercam, contra a multidão, porque saiba meu irmão, se você gostar de ficar por aí quando Jesus vier você também vai ficar, e será tarde demais.

Por isso seja diferente e verá o que Deus faz com um jovem comprometido com Ele.

(Webservo)

Postar no Facebook
Aprender a Aproveitar a Vida

Observo a dinâmica desse nosso mundão atual. O que vejo é um espetáculo de sensações fortes, indicando um comportamento adoentado. Como alguém da senda mística, ligada à sensibilidade, entendo ser necessária uma reeducação de nossa época, um resgate da arte e do fervor de saborear as coisas e os seres em suas múltiplas dimensões.

Temo que muitos jovens e adultos se comportem no mundo como se fossem donos e senhores, sem estabelecer relações de doçura e receptividade. Fechados no casulo da eletrônica e demais progressos tecnológicos, afogados em devaneios virtuais, temos esquecido da vida interior, deixado de extrair todo o seu sumo e sabor.

Diante disso, o que fazer? Proponho três exercícios difíceis, mas não impossíveis, que se fazem necessários para escapar da banalidade circundante. Vejamos:

Passo 1: O primeiro ato a praticar para modificar a qualidade da relação com o mundo é dar tempo a si mesmo. Tornar mais lento os ritmos, estancar a sucessão trepidante de acontecimentos. É na tranquilidade que fruímos a densidade do presente e podemos elaborar as emoções profundas, aquelas que penetram fundo na alma e a convidam a crescer.

Passo 2: Assumir uma postura de disponibilidade. Desenvolver interesse pelas coisas, mesmo que pequenas e aparentemente insignificantes. Entender a força dos prazeres minúsculos é aprender a viver melhor as possibilidades do cotidiano. Uma paisagem, um filme, jogar com uma criança, o aroma do sabonete, uma canção, coisas que estão ao nosso alcance com facilidade. Não custam quase nada e revelam as gigantescas belezas e qualidades emocionais do mundo.

Passo 3: Aprimorar uma atitude de brandura. O século XX foi de espírito forte e violento, de desbravadores e empreendedores. Sua identidade era ligada a adiantamentos técnicos, conquistas práticas, desenvolvimentos materiais. Nossa missão é outra, diferente. Há, como ensina a sabedoria popular, tempo de plantar e tempo de colher. Estamos no segundo estágio. Herdeiros de tamanha agitação, precisamos trabalhar para frutificar a meiguice, a leveza, a delicadeza, o desprendimento, a ternura.

Perceba que são muitas as dádivas que recebemos. Vamos ser delas merecedoras. Construir uma vida melhor para nós e para as gerações depois da nossa. Vida com mais tempo, disponibilidade e brandura. Simples assim.

(Marina Gold)
(Vida e Estilo)

Postar no Facebook
Aproveitando Uma Experiência de Vida

Sempre é interessante observar a vida, analisando erros e acertos por outros cometidos, principalmente daqueles que por sua vivência, podem nos transmitir sua experiência de vida, algo que jamais deverá ser desprezado.
A melhor experiência que existe, é você saber aproveitar e analisar os erros que os mais velhos cometem ou cometeram, para não repeti-los.
Costumam os jovens dizer que "a sua experiência não serve para mim", o que indiscutivelmente é um grande engano, pois se as experiências vividas tiveram bons resultados, por que não aproveitar a fórmula usada, claro que adequando a fórmula antiga aos tempos modernos? Se, pelo contrário, as experiências foram más, já se pode saber, ao menos, o que NÃO se deve fazer.
Por exemplo, na minha infância, pude observar os efeitos altamente nocivos que o cigarro produzia para a saúde de meu pai. Ele tinha homéricos acessos de tosse, além de problemas cardíacos, e uma série de outros efeitos que todo fumante conhece de sobejo.
Vendo isso na minha frente, a atitude mais lógica foi aquela que tomei. Decidi NUNCA fumar. Ainda mais que meu pai, em suas longas conversas comigo, sempre costumava dizer que, se alguém o houvesse alertado na juventude sobre os efeitos do cigarro no organismo, jamais teria fumado. Claro, se o cigarro era o responsável direto por todos os problemas de saúde que ele enfrentava, por que não aproveitar sua experiência infeliz, e tomar a decisão mais acertada de minha vida?
Claro que tive que defender minha decisão com bravura, pois naquela época, eu fazia parte de uma "turminha da pesada" , e para defender meu ponto de vista, fui obrigado muitas vezes a "sair no braço" com os outros moleques, que queriam me obrigar a fumar.
Eis aí um bom exemplo de que as experiências dos mais velhos sempre podem ser extremamente úteis, desde que devidamente analisadas.
Fica aqui um alerta para todos, jovens e não tão jovens. Uns, que procurem dar bons exemplos, e que procurem o caminho do diálogo, e outros, que saibam aproveitar, tanto os bons quanto os maus exemplos, para melhor direcionar seu caminho, podendo assim, fazer de cada dia, sempre UM LINDO DIA.

(Marcial Salaverry)
(Recanto das Letras)

Postar no Facebook
O Avivamento Que A Igreja Precisa

O que é, e o que não é avivamento

Avivamento não é emocionalismo momentâneo produzido pelos evangelistas, onde a duração é até a saída do mesmo para anunciar as Boas Novas em outra cidade.

Avivamento é o estado constante da igreja, abrasada pelo glorioso fogo do Espírito Santo (Lev.6:13).

Avivamento não é grandes movimentos e festas de confraternizações, embora épocas como essas sejam propícias para despertamentos espirituais (Jo.7:37).

Avivamento é o constante mover do Espírito na igreja, produzindo vida e energia espiritual (At.4:31).

Avivamento não é animação fantasiosa, promovida por grandes líderes, visando maior arrecadação financeira da igreja.

Avivamento é a busca incessante da igreja, aos dons espirituais e, o anelante desejo de gerar o fruto do Espírito (I Cor.12,Gal.5:22).

Buscamos um avivamento...

...Que traga de volta o Espírito Santo às nossas igrejas, afastado que foi pelo formalismo, hipocrisia e vaidade do povo de Deus (Gen.6:3,I Ts.5:19,Ef.4:30).

...Que traga de volta os crentes aos nossos templos, para voltarem à prática da oração e adoração a Deus (Sal.27:4,84:10,At.1:13;14).

...Que dê à igreja o padrão bíblico de Atos dos Apóstolos, onde em toda a alma havia temor e, e muitos sinais e maravilhas se faziam pelas mãos dos apóstolos (At.2:43).

...Que tome a igreja das mãos de obreiros néscios, insinceros, profanos, caluniadores, divisores, iracundos, vaidosos, infiéis, orgulhosos, sem amor, senhores de si, e que não aceitam a operação de Deus para esse tempo do fim, entregando-a nas mãos de quem de fato e de direito é o Senhor dela: O Espírito de Deus.

...Que faça-nos voltar ao antigo critério de escolha dos obreiros para apascentar o rebanho, onde o próprio Deus fazia a escolha, sem nenhum apadrinhamento e preferência pessoal (At.13:2,9e15).

...Que faça os crentes saírem de quatro paredes, para um evangelismo amplo e irrestrito, antes da volta gloriosa de Jesus (Mat.24:14).

...Que tire os crentes da frente da maléfica programação televisiva, levando-os para uma vida de temor e santidade ao Senhor (Sal.131:3).

...Que traga arrependimento e confissões de pecados, motivando os crentes a temerem a Deus e evitarem a iniquidade, causa maior da falta de curas e milagres no meio do povo de Deus (Tg.4:9,5:16).

...Que traga de volta os crentes ao primeiro amor e a prática das antigas primeiras obras, negligenciadas e deixadas de lado pela chamada evolução (Ap.2:4e5).

...Que devolva aos obreiros do Senhor, a santa ousadia no falar, apontando e nomeando os pecados, sem rodeios e precauções de perder membros da igreja (At.4:29,13:10,11eMat.3:7a10).

...Que traga de volta os dons espirituais e a divina sabedoria para usá-los corretamente, segundo a sábia revelação e orientação do Espírito de Deus (II Cor.12:31,Rom.12:6a8).

...Que devolva aos nossos jovens aquela força apregoada por João, e que foi perdida pelos desejos sensuais da carne, que ocupou mentes e corações da mocidade (I Jo.2:14,I Sam.16:11).

...Que infunda vida poderosa nos institutos bíblicos e teológicos, mostrando que o poder de Deus não está apenas no papel, mas na vida real dos servos e servas de Deus (At.26:24).

...Que tire da U.T.I. muitas vidas cristãs que agonizam, por faltar alimento sólido, consistente da Palavra de Deus, e por padecerem vitimadas por intoxição alimentar com doutrinas falsas e errôneas (I Tim.4:1).

...Que devolva a nossa Escola Dominical a mesma graça e beleza que tinha nos primórdios da obra pentecostal no Brasil, dando a todos a oportunidade de crescerem e robustecerem-se na fé (Prov.22:28).

...Que devolva aquele santo desejo de tudo ter em comum, repartindo com todos, segundo cada um havia de mister (At.2:44a46).

...Que reacenda o pavio fumegante, tornando a igreja numa grande e gigantesca obra amada por Deus, respeitada por satanás e temida pelos adversários.

(Josias Gomes de Almeida)
(Produzindo Vencedores)

Postar no Facebook
A Importância da Família na Sociedade

É grande a importância da família para a construção de uma sociedade estruturada, saudável e equilibrada.
A família continua sendo sem dúvida a base. Se a base for desestruturada, automaticamente estaremos construindo uma sociedade doente e desequilibrada.

A influência exercida pela família determina o estilo de uma sociedade. Infelizmente podemos observar uma sociedade com visões distorcidas, e a consequência disto é uma geração que não conhece o que é o amor, que não acredita nas pessoas, que não respeita o ser humano, uma sociedade desonesta, egoísta, individualista, que passa em cima de tudo e de todos para alcançar seus objetivos, mesmo que tenha que matar, roubar, mentir, extorquir.

Vivemos em uma sociedade que se intitula livre, jovens que dizem estar desfrutando de uma liberdade conquistada. Falam-se muito em direitos, mas esquecem dos deveres. Quanta falsidade. Com muita tristeza, observamos nossos jovens presos em suas emoções, em busca de preencher seus vazios interiores enveredam pelas drogas, vícios, prostituições, violências, roubos, assassinatos. Existe um grito abafado de socorro em suas gargantas, que não estamos sabendo discernir, e deturpados seus pedidos e não conseguimos entendê-los. Culpamos o sistema, o governo, os outros, mas esquecemos de olhar para a nossa grande responsabilidade neste processo.

Pais que dão tudo em termos materiais, mas não sabem dar a si mesmo. Não se dialogam, não tem tempo de qualidade uns para com os outros. Falam-se muito de crianças abandonadas nas ruas, mas esquecem que as crianças estão sendo abandonadas dentro dos lares, entregues as babás eletrônicas que tem sido responsáveis pela educação dos filhos, estamos transferindo nossas responsabilidades de educarmos para a TV, internet, jogos eletrônicos, transferimos nossa responsabilidade de transmitirmos valores morais, éticos, sociais para a escola, para os professores. E depois não compreendemos o motivo que tem levado nossos jovens para o submundo dos vícios. Enchemos nossos filhos com atividades, para que eles não tenham tempo de perceber nossa falta. Depois não entendemos o motivo que eles se tornam indiferentes a nossa companhia quando estão na fase de adolescência ou adultas. Pessoas egoístas reproduzirão filhos egoístas, individualistas. Casais que desaparecem em função dos filhos, casa onde os filhos não tem limites, fazem o que querem, mandam e desmandam.

É realmente caótica a situação que estamos vivendo, nos causa um certo temor, mas não podemos entregar os pontos, precisamos tomarmos posições, e cada um fazer a sua parte, para juntos construirmos um mundo melhor. Depende de mim e de você construirmos um futuro melhor. O melhor instrumento começa com o seu exemplo.

Pois o tipo de treinamento que os nossos filhos obtiverem no lar, há de determinar o tipo de pessoas que eles serão no seio da comunidade, determinando o caráter deles. É no lar que se aprende o respeito pelo próximo, bons hábitos, amor, lealdade, honestidade. Se isto não existe dentro de sua casa, automaticamente não haverá na sociedade onde vivem.
O lar molda o caráter, pode dar o senso de segurança ou não, onde ajudará a criança desenvolver a sua personalidade.

Famílias que sabem o valor da fidelidade primeiro com Deus e depois com o seu próximo. Sabem o valor do respeito ao ser humano.

Cada um fazendo a sua parte como investimentos na construção de famílias equilibradas, lares felizes, casais realizados.

Temos uma grande responsabilidade, e uma grande missão a cumprir aqui na terra. Precisamos não somente pregar o evangelho, mais do que isto, precisamos viver o evangelho. Evangelho que não traz transformação e mudanças de atitudes é uma mentira, uma hipocrisia.

Família é um projeto de Deus. Ele foi o seu criador. E nós temos a obrigação de cooperar com Ele na sua preservação.

(Pr. Salmo Diomar e Prª Cássia Vilela )
(Catedral da Família)

Postar no Facebook
Tempo Perdido

Todos os dias quando acordo
Não tenho mais
O tempo que passou
Mas tenho muito tempo
Temos todo o tempo do mundo

Todos os dias
Antes de dormir
Lembro e esqueço
Como foi o dia
Sempre em frente
Não temos tempo a perder

Nosso suor sagrado
É bem mais belo
Que esse sangue amargo
E tão sério
E Selvagem! Selvagem!
Selvagem!

Veja o sol
Dessa manhã tão cinza
A tempestade que chega
É da cor dos teus olhos
Castanhos

Então me abraça forte
E diz mais uma vez
Que já estamos
Distantes de tudo
Temos nosso próprio tempo
Temos nosso próprio tempo
Temos nosso próprio tempo

Não tenho medo do escuro
Mas deixe as luzes
Acesas agora
O que foi escondido
É o que se escondeu
E o que foi prometido
Ninguém prometeu
Nem foi tempo perdido
Somos tão jovens

Tão Jovens! Tão Jovens!

(Legião Urbana)

Postar no Facebook
Experiência de Vida

A experiência é uma coisa muito interessante. É nos servindo dela que aprendemos grande parte daquilo que sabemos; por ela orientamos, muitas vezes, os nossos passos; com ela evitamos a repetição de dissabores e procuramos aquilo que já sabemos ser bom. A experiência poderia servir para que a nossa vida fosse muito mais previsível e controlável, mais cômoda e segura, livre de problemas. Uma chatice, enfim... Felizmente, a natureza possui aspetos desconcertantes que têm o condão de permitir que, apesar de existir a experiência, a nossa vida seja em cada um dos seus momentos uma aventura louca e sem destino previsível. Um deles é que a experiência que adquirimos numa fase da nossa vida não nos serve de nada quando chegamos à fase seguinte. Apesar da experiência que vamos adquirindo, chegamos, a cada uma das nossas épocas, inexperientes e inseguros como da primeira vez. A vida, na sua magnífica diversidade, vai nos oferecendo constantemente novas situações, para as quais nunca estamos verdadeiramente preparados. Algumas são duras: um fracasso grande, uma doença que veio para ficar, a morte de alguém que nos faz falta... Estas limitações da experiência nos forçam a crescer continuamente; nos mantêm tensos, esforçados. Permitem que tenhamos constantemente objetivos diferentes. Dão colorido à nossa vida. É assim que nos podemos manter de algum modo jovens em qualquer idade. Quem programou este jogo da vida o fez de forma a que ele tivesse sempre interesse.
Subimos de nível, saltamos do material para o espiritual, varia o grau de dificuldade, mudam os adversários e o ambiente - como nos jogos electrônicos... Não somos poupados a sofrimentos, mas nos é dada a possibilidade de reagir e continuar a avançar. Se temos saudade do que ficou atrás, também nos é permitido sonhar com o que está adiante. Se conservamos o sabor de derrotas que tivemos, também planeamos a vitória que se segue. No jogo da vida, as derrotas deixam marcas, as feridas fazem mesmo doer, muitas vezes não recuperamos aquilo que perdemos. Estamos ancorados à realidade e, por isso, para nos divertirmos, para nos sentirmos como aventureiros no meio de tudo isto, temos necessidade de coragem. E de não calarmos aquilo que dentro de nós nos chama a um sonho, clama por aventura, pede para fazermos com a vida qualquer coisa que seja grande. Poderíamos dar ouvidos ao medíocre que quer se instalar em nós. E evitar, por medo e preguiça, as dificuldades, as complicações, o sonho. Mas "evitar o perigo não é, a longo prazo, tão seguro quanto se expor ao perigo. A vida é uma aventura ousada ou, então, não é nada".

(Helen Keller)
(Shvoong)

Postar no Facebook
O Poder das Mães

A mãe tem um poder marcante na vida de cada ser humano. Nos nove meses em que ficou em gestação dentro do ventre materno, recebeu dela muitos estímulos pelo líquido uterino, morno e aconchegante, ouvia as setenta e duas batidas por minuto do seu coração, sentia as vibrações, pressão e movimentos do seu corpo, durante o andar ou o seu falar.

Sentia até quando a mãe acariciava a barriga como se estivesse acariciando o bebê, estímulos físicos que a acalmavam e também ao feto. Ao sair do ambiente aconchegante do útero materno, no qual sentia-se bem, protegido e em segurança, o bebê obviamente continua a receber de sua mãe os estímulos físicos e psicológicos, além dos cuidados que o fazem, nesse período sentir-se bem e feliz: é amamentado, cuidado, abraçado, beijado, acariciado, embalado, lavado, carregado, etc. Quando o bebê vai crescendo, desenvolvendo a sua independência como ser humano, ele recebe ainda grande influência de sua mãe, além de outros adultos que com ele convivem.

O poder de uma mãe na vida de cada ser humano é tão forte que poderá formar uma personalidade sadia ou desequilibrada na criança, dependendo de como a mãe a trata e estimula. Se cada mãe fizer bem o seu trabalho, na sua importante missão como educadora e incentivadora de uma vida saudável na criança, certamente os resultados serão muito positivos. Uma mãe incentivadora dará estímulos positivos ao filho como, por exemplo: "Amo você, como fico feliz de você ter nascido, meu filho/a", "Parabéns, está muito bom isso que fez", "Você é inteligente e uma boa criança", "Sei que você é capaz de fazer, tente de novo".

Feliz da criança que tiver uma mãe que lhe dá estímulos positivos como esses, estímulos de amor, de aceitação e de confiança, que sabe valorizar os seus acertos e que sabe agir quando a criança erra, orientando-a para aprender a fazer o certo. Esse é o agir de uma mãe com atitudes de firmeza mas com um coração enorme, formando um filho saudável, uma pessoa com qualidades humanas. Uma mãe que faz a criança aprender as regras de um conviver sadio, aprendendo a ser disciplinada nas coisas da vida, e a aprender os limites que existem, evitando que a criança desenvolva a atitude de que "pode tudo" sendo uma "pequena tirana", dominando os pais com suas birras e vontades, e em casos extremos, ache normal realizar atos de vandalismo, a ser agressiva e violenta.

É preciso que haja, cada vez mais, mães educadoras e estimuladoras, mães atentas e interessadas no desenvolvimento dos seus filhos. Agindo assim, essas mães estarão influenciando positivamente na formação da personalidade da criança, formando nelas uma auto-imagem positiva. Essa formação saudável influenciará toda a vida daquela criança levando-a, quando adulta, a ser equilibrada e feliz, contribuindo para que a sociedade humana seja melhor, com pessoas de qualidade.

Ao contrário disso, se uma mãe der à criança mensagens negativas, depreciativas ou agressivas, certamente estará formando uma personalidade problemática. Mensagens negativas como, por exemplo: "Você não deveria ter nascido, detesto você!", "Espera só seu pai chegar para ver a surra que vai levar!", "Não adianta tentar, você não é capaz de fazer", "Desça já daí! Você não tem capacidade para subir aí!", "Como você é burra!", "Como você é lerda para aprender!", "Burrice igual à sua eu nunca vi!", "Você é surda, sua idiota?!" Estímulos negativos como esses certamente irão contribuir para formar uma criança insegura, medrosa ou agressiva, com problemas de relacionamento e até uma criança violenta, que terá problemas de aceitação de si mesma e dos outros. Quando a mãe é educadora negativa está, na realidade realizando um grande desperdício de oportunidades para formar um filho saudável e equilibrado.

Na adolescência ou na vida adulta desse filho, é que a mãe (e a sociedade) colherá "a tempestade" dos desequilíbrios que ela própria, como mãe, plantou na educação do filho.

A sociedade atual necessita urgente de mães que realizem ações para que seus filhos evoluam com personalidades saudáveis e equilibradas, contribuindo assim, para que a sociedade seja formada por crianças, jovens e adultos melhores. Ainda é tempo, ainda é possível realizar mudanças para uma sociedade melhor. Você que é mãe, faça bem a sua parte!

(Antônio de Andrade)

Postar no Facebook
Como Superar Uma Decepção Amorosa Pela Fé

1° - Jogue fora tudo o que traz lembranças:
Fotos, chaves, presentes (estou sendo radical). Como você quer “esquecer” de alguém guardando pertences ou presentes dela dentro da sua casa? Já ouviu aquela expressão no seu aniversário: É só uma lembrancinha!
Pois é, lembrancinha é para lembrar. Presente lembra momentos, conversas, discussões e até PROMESSAS.

2° - Evite tocar no assunto:
Quando alguém perguntar se você terminou um namoro, noivado e etc. Diga: SIM e pronto. “Pra quê” ficar dando satisfações da sua vida para a vendedora, cabelereira ou açougueiro? (risos)

3° - Busque força através do Espírito Santo:
Eu sou psicóloga, no exercício do meu trabalho eu não posso induzir ninguém à religião, minha missão é fazer a pessoa ver que ela tem uma força dentro dela que é capaz de ajudá-la a sair daquela depressão, bipolaridade, tristeza e etc. Porém, como Cristã eu sei que há coisas que somente o Espírito Santo é capaz de “apagar” da nossa memória. Então nestes momentos difíceis de separação ou término, é necessário ir muito à igreja, buscar pelo Espírito de Deus e se comunicar com os irmãos da igreja.

4° - Saia, se divirta:
Infelizmente há casos onde um namoro termina e parece que junto com o namoro acabou a vida da pessoa. Minha irmã, acorda para vida. Vai no salão, arrume sua unha e seu cabelo, vai fazer alguma coisa e largue este pote de sorvete (risos). Acorde para a vida, você é linda, não se deixe destruir por causa de um “babaca” que não tem capacidade de amar de verdade. Eu tenho certeza que DEUS tem o melhor para você.

5° - Seja jovem:
O jovem tem aquela coisa da descoberta, já viu? Tudo é novo, quer ir para todos os lugares, quer conhecer gente nova e etc. Quando você namora durante uns 2 anos direto, dependendo do namoro, você esquece completamente o que significa a palavra diversão. Então, vai lá e procure lembrar o que é, seja jovem. Vá em congressos de jovens, vá em shows Gospel, acesse a internet, faça amizades (cuidado, hein) participe dos encontros da igreja, seja jovem, seja jovem. Quando eu era noiva, para ser senhora bastaria o fio de cabelo branco (risos). Eu me sinto muito bem hoje, quando digo ser jovem, não quero dizer: SEJA IMATURO. Quero dizer: SEJA LIVRE, APROVEITE!

Deus nos deu o Espírito Santo, e o Espírito Santo é chamado pelo SENHOR JESUS de O ESPÍRITO CONSOLADOR. Portanto, o Espírito Santo continua sendo a maior solução para você superar todas as decepções, não somente amorosa, mas todas no geral. Abra o teu coração para receber o Espírito de Deus.

(Emanuele Guterres)
(Evangelizai)

Postar no Facebook
Meu Grande Herói

Caro herói,

Venho lhe pedir, por meio desta carta, que me ajude. Não só a mim, mas a todo o mundo. Tenho apenas 8 anos, mas já posso ver a situação em que nosso planeta se encontra. O terror corre solto: a fome, a miséria, as doenças, o aquecimento global, causado por nós mesmos, os humanos, e todos os outros problemas mundiais.

Por favor herói, só você pode nos salvar. Você é, e sempre será, o meu ídolo. Me espelho em ti, para tornar-me uma pessoa melhor.

É claro que com 8 anos, eu não escreveria uma carta tão complexa. Minha mãe vem me ajudando, e agradeço muito a ela.

Não sei seu endereço, mas eu pedi ao Papai Noel (que também faz parte da nossa trupe a favor do planeta), que levasse essa carta até você. E eu sei que ele fará isso. Depois que ler a carta, por favor, conceda-me esse pedido, e ajude.

Ajude a acabar com as necessidades humanas, a acabar com o aquecimento global... Eu sei que não pode resolver tudo em um piscar de olhos, mas AJUDE.

Precisamos de cada um. Por isso, temos uma trupe, que está só crescendo, e com ela, vamos conseguir. Precisamos criar o caráter das pessoas, dos jovens, que serão o futuro.

Ajude a cada um, para que possamos nos unir, e para que todos sejam conscientes em relação aos problemas existentes no nosso planeta. Ajude a não poluirmos, ou ao menos, diminuirmos a poluição. O planeta pode morrer a qualquer momento.

E se ninguém fizer nada, isso acontecerá cada vez mais rápido. Eu faço minha parte, mas sozinho, não posso salvar o planeta todo.

Por isso, lhe peço, meu querido herói, ajude-nos.

Beijos,
Miguel, seu maior fã.

(Saber Sonhar)

Postar no Facebook
A História de Rosa

No primeiro dia de aula nosso professor se apresentou aos alunos, e nos desafiou a que nos apresentássemos a alguém que não conhecêssemos ainda.

Eu fiquei em pé para olhar ao redor quando uma mão suave tocou meu ombro. Olhei para trás e vi uma pequena senhora, velhinha e enrugada, sorrindo radiante para mim. Um sorriso lindo que iluminava todo o seu ser. Ela disse: “Ei, bonitão. Meu nome é Rosa. Eu tenho oitenta e sete anos de idade. Posso te dar um abraço?” Eu ri, e respondi entusiasticamente: “É claro que pode!”, e ela me deu um gigantesco apertão.

Não resisti e perguntei-lhe: “Por que você está na faculdade em tão tenra e inocente idade?”, e ela respondeu brincalhona: “Estou aqui para encontrar um marido rico, casar, ter um casal de filhos, e então me aposentar e viajar”. “Está brincando”, eu disse.

Eu estava curioso em saber o que a havia motivado a entrar neste desafio com a sua idade, e ela disse: “Eu sempre sonhei em ter um estudo universitário, e agora estou tendo um!”

Após a aula nós caminhamos para o prédio da união dos estudantes, e dividimos um milk shake de chocolate. Nos tornamos amigos instantaneamente. Todos os dias nos próximos três meses nós teríamos aula juntos e falaríamos sem parar.

Eu ficava sempre extasiado ouvindo aquela “máquina do tempo” compartilhar sua experiência e sabedoria comigo. No decurso de um ano, Rosa tornou-se um ícone no campus universitário, e fazia amigos facilmente, onde quer que fosse.

Ela adorava vestir-se bem, e revelava-se na atenção que lhe davam os outros estudantes. Ela estava curtindo a vida!

No fim do semestre nós convidamos Rosa para falar no nosso banquete de futebol. Jamais esquecerei o que ela nos ensinou. Ela foi apresentada e se aproximou do podium. Quando ela começou a ler a sua fala, já preparada, deixou cair três, das cinco folhas no chão.

Frustrada e um pouco embaraçada, ela pegou o microfone e disse simplesmente: “Desculpem-me, eu estou tão nervosa! Eu não conseguirei colocar meus papéis em ordem de novo, então deixem-me apenas falar para vocês sobre aquilo que eu sei”.

Enquanto nós ríamos, ela limpou sua garganta e começou: “Nós não paramos de jogar porque ficamos velhos; nós nos tornamos velhos porque paramos de jogar. Existem somente quatro segredos para continuarmos jovens, felizes e conseguir o sucesso. Primeiro, você precisa rir e encontrar humor em cada dia. Segundo, você precisa ter um sonho. Quando você perde seus sonhos, você morre. Nós temos tantas pessoas caminhando por aí que estão mortas e nem desconfiam! Terceiro, há uma enorme diferença entre envelhecer e crescer... Se você tem dezenove anos de idade e ficar deitado na cama por um ano inteiro, sem fazer nada de produtivo, você ficará com vinte anos. Se eu tenho oitenta e sete anos e ficar na cama por um ano e não fizer coisa alguma, eu ficarei com oitenta e oito anos. Qualquer um, mais cedo ou mais tarde ficará mais velho. Isso não exige talento nem habilidade, é uma conseqüência natural da vida. A idéia é crescer através das oportunidades. E por último, não tenha remorsos. Os velhos geralmente não se arrependem por aquilo que fizeram, mas sim por aquelas coisas que deixaram de fazer. As únicas pessoas que tem medo da morte são aquelas que tem remorsos”.

Ela concluiu seu discurso cantando corajosamente “A Rosa”. Ela desafiou a cada um de nós a estudar poesia e vivê-la em nossa vida diária. No fim do ano Rosa terminou o último ano da faculdade que começara há tantos anos.

Uma semana depois da formatura, Rosa morreu tranqüilamente em seu sono. Mais de dois mil alunos da faculdade foram ao seu funeral, em tributo à maravilhosa mulher que ensinou, através de seu exemplo, que nunca é tarde demais para ser tudo aquilo que você pode provavelmente ser, se realmente desejar.

Lembre-se: Envelhecer é inevitável, mas crescer é opcional!

Postar no Facebook