Sentimos que transbordam do coração

Sentimos que transbordam do coração

Parabéns por mais um ano! Que todos os sentimentos bons transbordem no seu coração.

Mensagens Relacionadas

Às vezes nos sentimos o maior lixo, quando achamos que tudo acabou e que a vida perdeu o sentido, são pequenas palavras e simples gestos que nos confortam. É nessa hora que enxergamos as verdadeiras pessoas e os amigos de verdade. São com piadinhas idiotas que eles levantam nosso astral, são com risadas à toa, com companhia, e com sinceridade que percebemos que tem sim um sentido para viver. Obrigada por tudo, amiga!

O amor que sentimos pelos nossos filhos é maior que qualquer outro. Vai além da vida, além de qualquer decepção. Pois é o único amor que é incondicional, altruísta, que apenas quer saber do outro.

Nossa felicidade está ligada à deles, mas se tivermos que sacrificar a nossa pela dos nossos filhos, nunca hesitaremos.

É um amor que escala montanhas se necessário, e é o único que cresce e bate forte no coração até ao seu último sopro de vida, e mais além.

Porque amar um filho é um compromisso eterno, que nem a morte é capaz de interromper.

O coração quer o que o coração exige, e não existe cabeça ou razão algumas que o façam mudar de ideias. Infelizmente nem sempre o que o coração de um quer, tem correspondência positiva no coração que ele deseja.

Amor não correspondido dói no coração de quem sofre sem ser amado, mas às vezes também dói naquele de quem não ama.

Mas por muito que doa, você tem que entender que até mesmo a seta do cupido às vezes erra os alvos. Se um dia você sofre com um amor não correspondido, mais tarde pode ser o seu coração o que se fecha para outro por não sentir o mesmo.

Custa, mas ninguém pode ser culpado de não sentir amor, pois muito pior é trair um amor que se diz sentir, ou fingir sentir algo que não se sente. Então tenha fé e paciência e canalize esses sentimentos para o bem, e verá como em breve estará amando um coração que lhe vai corresponder!

Mas se houver um coração apaixonado por você, sem que você sinta o mesmo, use gentileza e carinho para a rejeição inevitável, e ajude quem sofre por amor.

Meu coração é teu e sempre será, princesa. Irei te amar até o mar se transformar em céu.

Como julgar o coração?
Como um simples músculo
Que controla a circulação
Ou um órgão que controla a emoção?
Como uma simples peça
Do quebra-cabeça do amor
Ou um alvo fácil do punhal do amor?
Forte como cordas de violão
Ou incapaz de aguentar um arranhão?
Como uma fonte de ternura
Ou uma impenetrável armadura?
Como possuidor da avareza
Ou um templo da mais caridosa beleza?
Como um radar da paixão
Ou apenas mera compulsão?
Como um ditador de regras
Ou como uma venda que cega?
Como um bibelô
Ou um tesouro tentador?
E aqui retorno a questão:
Quem será o cidadão,
Que vai julgar com distinção,
Os fundamentos do coração?