Nada Vence as Paixões Profundas de Cada Um

As paixões se opõem às paixões, e podem servir de contrapeso umas às outras; mas a paixão dominante não se pode conduzir senão pelo seu próprio interesse, real ou imaginário, porque ela reina despoticamente sobre a vontade, sem a qual nada se pode. Contemplo humanamente as coisas, e acrescento nes­se espírito: nem todo o alimento é próprio para todos os cor­pos; nem todos os objetos são suficientes para tocar deter­minadas almas. Quem acredita serem os homens árbitros soberanos dos seus sentimentos não conhece a natureza; consiga-se que um surdo se divirta com os sons encantado­res de Mureti, peça-se a uma jogadora, que está a jogar uma grande partida, que tenha a complacência e a sabedo­ria de se enfadar durante a mesma, nenhuma arte pode fazê-lo.

Os sábios se enganam quando oferecem a paz às paixões: as paixões são inimigas dela. Eles elogiam a mo­deração para aqueles que nasceram para a ação e para uma vida agitada; que importa a um homem doente a delicadeza de um festim que lhe repugna? Nós não conhecemos os defeitos de nossa alma; mas ainda que pudéssemos conhecê-los, raramente havería­mos de os querer vencer.
As nossas paixões não são distintas de nós mesmos; al­gumas delas são todo o fundamento e toda a substância da nossa alma. O mais fraco dos seres iria querer perecer para se ver substituído pelo mais sábio? Dêem-me um es­pírito mais justo, mais amável, mais penetrante, aceito com alegria todos esses dons; mas se me tiram também a alma que deve desfrutar dele, esses presentes não são nada pa­ra mim.
Isso não dispensa ninguém de combater os seus hábitos e não deve inspirar aos homens nem abatimento nem tristeza. (...) A virtude sincera não abandona os seus amantes; os próprios vícios de um homem bem nas­cido podem passar a contribuir para a sua glória.

(Luc de Clapiers Vauvenargues)
(Citador)

Mensagens Relacionadas

Nada vence uma união de verdade, nem mesmo o maior problema do mundo!

Exagerada toda a vida: minhas paixões são ardentes; minhas dores de cotovelo, de querer morrer; louca do tipo desvairada; briguenta de tô de mal pra sempre; durmo treze horas seguidas; meus amigos são semi-irmãos; meus amores são sempre eternos e meus dramas, mexicanos!

(Clarice Lispector)

Na vida existem pessoas cujas extraordinárias existências nos tocam a alma de forma especial e irreversível. Quando nos cruzamos com alguém assim, que como você enriquecem nossas vidas de excelência, fica difícil aceitar a perda de tão preciosa companhia.

Como são profundas as saudades que sinto de você, querida amiga! Nossa amizade é especial e única, e a sua ausência deixou um vazio muito grande na minha vida. Ficou um lugar vago que só você pode preencher!

Minha querida filha,
Desde o dia em que você nasceu que se tornou no meu bem mais precioso, na minha principal prioridade. Você foi um sonho realizado e desde esse mágico dia tem apenas sido motivo de felicidade e aprendizagem.

Com você revivi meus tempos de infância, lembrei de muitas coisas que foram ficando perdidas na memória. Com você voltei a sorrir como em criança.

À medida que foi crescendo descobri um orgulho e uma alegria que não pensei que existissem. Você me deu muito, mais do que imagina, e por tudo isso, por todo o encantamento que trouxe para minha vida, eu quero lhe agradecer.

Meu amor por você tem raízes profundas em meu coração, e nasceu no dia em que soube que você crescia dentro de mim. Hoje esse amor continua crescendo, e assim será até que a vida deixe meu corpo!

O tempo vai passando com você longe de mim e eu fico me perguntando porque tem que ser assim. Criamos laços fortes crescendo debaixo do mesmo teto para agora vermos uma grande distância atravessando nossos caminhos.

A vida não é do jeito que queremos e nem sempre temos as pessoas mais importantes por perto. Ainda assim, constantemente me lembro de você, pois amor genuíno como este que nos une, não se encontra em outro lugar.

Feliz Dia do Irmão!