Mensagens de Paixão


Um ano passou sem que déssemos conta. Estávamos distraídos com nossa paixão. Estar do seu lado é conhecer o infinito, viajar pelo universo sem sair do lugar.

Ainda há tanto por descobrir e é com você que eu quero viver. O quanto eu te amo, vai além da eternidade. É muito mais do que aquilo que posso explicar.

Não é o tempo que tem um relacionamento que define a quantidade de amor entre duas pessoas, mas sim a intensidade com que ele é vivido. É por isso que, apesar de o nosso namoro ainda ser recente, sinto que a paixão que nos une é infinita.

Vamos contar dias e dias de cumplicidade. Temos um longo caminho a percorrer, meu amor, mas é apenas do seu lado que eu quero estar!

A paixão é um perigo, é um feitiço, é canto de sereia para encantar o coração. É forte, é quente, faz ficar turva a visão.

Quem nunca na vida quis sentir esta falta de ar, esta dificuldade na respiração que causa a paixão? Sentir por dentro um alvoroço, como se borboletas tivesse engolido ao almoço.

A paixão nos faz fortes, mas nos faz perder o norte. A paixão nos faz sonhar sem nem mesmo ser preciso adormecer. A paixão nos dá coragem para enfrentar o mar sem nem saber nadar A paixão é uma loucura, é um perigo.

Mas quem nunca se deixou velejar pelas águas turbulentas da paixão, talvez nunca aprenda a lidar com as coisas do coração: Sem passar pela torrente da paixão, talvez nunca seja possível reconhecer o prazer de navegar nas calmas águas do amor.

Ainda acordo com você na minha cabeça. Seu rosto sempre assalta meus sonhos; e em meus desejos você vive constantemente. Eu amo você! Apesar de todas as coisas, das inúmeras dificuldades, eu ainda amo seu jeito.

É uma paixão eterna, uma história de amor sem fim. Sabe, eu ainda não acredito que somos ex-namorados. Nunca vou acreditar! Por favor, me ajude a sonhar!

Todos os dias acordo e me apaixono, e sempre pela mesma pessoa: você! Bom dia, meu amor!

Muitas vezes eu paro e penso:
O que eu sinto por você?
Desejo? Atração?
Fascinação? Paixão?
Não sei.
Desejo? Sim, quero você.
Atração? Sim, você é
Diferente de tudo o que conheci.
Fascinação? Com certeza,
Pois quando estou com você,
O resto não tem a mínima importância.
Paixão? O que é paixão?
Querer alguém do nosso lado
Querer ver, estar, sentir esse alguém
Querer sentir o sabor da sua boca
A mágica do toque das suas mãos
O brilho do seu olhar.
Querer no meu corpo seus limites
E sentir você...
Se isso tem alguma coisa a ver
Com paixão, acho que posso dizer:
Estou Apaixonada por Você!

Só porque você existe meu coração sempre acorda cheio de alegria e paixão. Bom dia, meu amor!

Bom dia, meu amor! Acordar com a certeza da sua companhia é a melhor das razões para sorrir e ser feliz. Ao seu lado todos os dias são dias maravilhosos e repletos de emoção.

Nunca imaginei que o amor e a paixão fossem tão especiais. Na verdade, foi você que me mostrou o que é amar realmente outra pessoa. E por isso eu agradeço!

Tenha um dia lindo, minha paixão! Te amo!

Numa pequena vila, de uma pequena cidade, alguns homens trabalhando; cada um em sua tarefa. Naquele lugarejo não se tinha muitas opções de trabalho, quase todos os seus moradores se dedicavam ao plantio ou a criação de gado, e o cultivo de hortifrutigranjeiros.

Eram todos simples, porém muito tradicionais em suas crendices, supersticiosos e respeitadores das datas, principalmente as religiosas. Era véspera de sexta-feira santa. Naquela quinta-feira, todos procuravam adiantar o máximo seus afazeres, para que no dia seguinte, pudessem respeitar e guardar a paixão e morte de Nosso Senhor Jesus Cristo.

- É! Amanhã não vou tirar leite não, Joaquim.
- Eu também não, Mané.

(Conversavam os compadres), porém entre eles, havia um amigo incrédulo, que não obedecia nem respeitava nenhuma data.

- Ah! Eu não estou nem aí... Amanhã é um dia como um outro qualquer uai, eu num quero nem saber. Vou é cuidar do meu animal e ordenhar a Malhada, tirar aquele leitinho gostoso que só ela tem... e num acontece nada...
- Juca... Você não teima não.
- É isso mesmo Juca, o Mané tem razão. Com essas coisas num se brinca gente!
- Que nada, depois eu conto.

Os amigos se separavam ali. Cada um se dirigira ao seu lar, já eram quase seis horas. Chegando em casa, o Joaquim solta os arreios do animal, dando-lhe um leve tapinha no lombo, de forma carinhosa lhe diz: - Vai meu amigo, amanhã você está de folga. (Joaquim era muito carinhoso e zeloso com seus animais e era dia santo, merecia soltar o animal).

Na casa do Manuel, o Mané como o chamavam, também estavam todos aguardando com muito respeito a chegada da sexta-feira santa. A esposa, Dona Genoveva, já estava a catar o milho para o preparo da tradicional canjica, enquanto as duas filhas, Inês e Graça, preparavam a limpeza da casa com muito carinho, já que no dia santo, era por tradição nem se pegar na vassoura, varrer a casa poderia ser interpretado como um gesto de desrespeito àquele dia.

- Mané, cadê a sua roupa suja, homem? Me dê logo, quero lavar tudo hoje, pois amanhã eu não lavo roupa, você sabe disso!
- Já vai Genoveva, vou só me lavar e já lhe dou a roupa suja, é só um instante.
- Mané, você pegou os peixes que o Sr. Geraldo ficou de guardar assim que chegasse? Olha lá hein, depois acaba e nós vamos comer o quê amanhã??? Carne não!
- Esquenta não sô, já deixei até pago, depois é só Inês ir buscar, uai!
- Então vá logo filha, do jeito que tem tanta gente à procura de peixes, é arriscado até vender o nosso.
- Sim mãe, já vou.

Enquanto isso o Juca, que não estava nem um pouco se importando se amanhã seria dia santo ou não, bebia mais uma branquinha em companhia de sua mulher, a Diva, essa até que era mais temente, já tinha preparado algumas coisas para o dia seguinte, ela era religiosa e temia praticar certas descrenças como o marido, muitas vezes lhe aconselhara à que não praticasse certos atos, que respeitasse mais as coisas de Deus, mas era inútil, o Juca sempre fora descrente, porque não dizer - Ateu.

Todos dormiram. Pela madrugada, por volta das 3 horas da manhã, o Juca levantou-se como de costume, dirigiu-se ao curral e chamou por Malhada, sua vaca mais produtiva; chamou uma, duas, três ou mais vezes, porém a Malhada naquele dia parecia não ouvir seu dono, ela não queria atendê-lo. Juca fora ficando indignado com a pirraça da malhada, e começou a agredi-la, à princípio com palavrões e depois com um chicote; quanto mais ele ficava furioso, mais a vaca se evadia dele.

Começou-se então uma verdadeira batalha - HOMEM X ANIMAL. Quem venceria? Era difícil saber e prever. Mas, porquê aquela reação? Aquele animal era sempre tão dócil, nunca se mostrara rebelde. Juca, não queria nem saber. Num gesto animalesco, possesso de fúria ordenhou a vaca, de uma forma brutal, amarrada sem poder defender-se. Mesmo assim, ele manipulava suas tetas com brutalidade, queria o seu leite, não importava se para isso tivesse até mesmo que matá-la. O líquido começou a sair das tetas de Malhada, ainda era escuro, a lua era nova, a claridade era pouca e Juca continuava a ordenhar...

Ordenhar, até então que finalmente enchera um balde e quando retirava o balde para já então substituí-lo por um outro, foi tomado por um grande pavor, seu rosto enrubesceu, ficou atônito, parecia transtornado, seus olhos esbugalhados parecendo querer saltar-se para fora, não podia acreditar no que estava vendo. No balde... no lugar do costumeiro e delicioso leite, havia sim...sangue... sangue... e muito sangue. Não podia acreditar, porque a Malhada ao invés de lhe dar o leite, lhe dera sim sangue??? Eram perguntas e mais perguntas. Tentou recompor-se do susto e a ignorância mais uma vez tomou conta daquele homem, que sacou uma peixeira que sempre trazia atada ao cinturão e desfechou vários golpes no lado peito daquela que era até então uma grande amiga e que lhe garantira bons lucros durante muito tempo, afinal era sagrado, diariamente lhe proporcionava uma média de 40 litros de leite de boa qualidade.

E agora... Malhada ainda agonizando, deu uma olhada aquele homem, possuidor de tanta ignorância. Viu ainda o seu pequeno bebê... Um lindo bezerrinho, apelidado de Totinho, não podia mais resistir, seu sangue lavava todo o curral, rodeando inclusive o balde que poucos instantes antes, servira para colher o que seria o seu leite. Era sangue no balde e fora. O homem ficara ainda mais aturdido vendo que o pobre e inocente Totinho, o filhinho de Malhada lhe cheirava como se dissesse: - Levanta mamãe. Era demais, saiu correndo pelo pasto sem destino, não havia ninguém. Todos estavam em seus lares, somente ele houvera desrespeitado aquele dia.

Sentou-se debaixo de uma frondosa árvore, acendeu um grande cigarro de palha, e sentiu que um vento lhe soprara os ouvidos, sentiu um forte arrepio, olhou, não havia ninguém, sentou, deitou-se e terminou por cochilar. Logo pegou no sono e começou a sonhar... Estava caminhando por um lugar muito bonito, era todo alvo, branco como a neve, pessoas com os rostos serenos, suaves passavam por ele, só que ele era ignorado, era como se ele não estivesse entre eles e ia andando, sempre aquela beleza... tudo muito suave, até que chegou finalmente à entrada de uma bela casa, toda branca, porém folhada de um brilho extasiante, parecia ouro.

Um Senhor, de barbas longas e brancas aproximou-se dele com um cajado apoiava-se, deveria ter 100, 200, quantos anos??? Não sabia, era idoso; com carinho, ele estendeu-lhe a mão e lhe disse:

- Meu filho... O que você te feito? Por que age assim? Por que é tão descrente? Não deveria ter feito o que fez ainda pouco! (Aquele homem não sabia o que responder...)
- Quem é o senhor?
- Não importa meu filho. Quero salvar você. Ainda é tempo, basta que se arrependa e passe a praticar daqui para a frente boas ações, não vou puni-lo pelo que diz sobre essa data. Quero apenas lhe dizer... Você matou sua Malhada, aquela sua vaquinha que tantas alegrias e lucros já lhe deu. Daqui a um ano, com certeza estará se lembrando desta data. E hoje, exatamente hoje, todos lembram que o meu filho também morreu. Há muitos anos, a humanidade toda se recorda com respeito e dor essa data. E você... porque não respeita também; o leite virou sangue, eu queria apenas alertá-lo, mas você não compreendeu, pensou que foi a pobre malhada. Ela não faria isso. Morreria como morreu, sempre fiel a você, mas vou lhe dar uma outra chance!
- Quem é o Senhor? Será que é quem eu estou pensando??? Se for me perdoe, me dê outra chance. Daqui para frente eu vou mudar... Eu prometo!!!
- Tenho certeza que sim. Você vai agora acordar e vai passar a respeitar aquele que morreu na cruz um dia por você e por todos e que é o MEU FILHO.

O homem acordou... Daquele dia em diante mudara completamente seu comportamento. Hoje respeita os animais, as pessoas, as datas religiosas, sexta feira santa, então... Seu animalzinho companheiro de todos os dias é o TOTINHO, os dois estão à correr pelo pasto, pois este fato ocorreu no ano passado!

Este texto foi escrito por Rita de Cássia Oliveira em 1° de Abril de 1994.

Você segue regras? Acredita que não pode viver sem elas? Então você não pode se apaixonar! Paixão é loucura... É viver sem regras.
Quando se está amando se vive totalmente o aqui e o agora.
Você começa amando alguém e quando dá conta está amando o pôr do sol.
Você começa amando alguém e passa a ver o mundo de forma diferente.
Começa a se ver a si mesmo com outros olhos.
Seu compromisso passa a ser com seus desejos mais íntimos, coisas que você nem pensava existirem.
Neste momento você é levado a fazer uma escolha, ou vive de forma plena essa paixão, se entregando a ela não importando onde vai levar, vivendo a espontaneidade do prazer, ou se submete às regras da rotina e faz parte do grupo do "eu não devo, eu não posso"...
Paixão não tem idade, não tem hora, não tem limites, desconhece o significado da palavra “mas”, na verdade não faz uso dela. Na paixão não existem condições.
Na paixão nada mais existe, nada mais importa, nada mais é preciso além de duas coisas: a paixão e os apaixonados.

(Amigos.com)

Mesmo distante
Sempre estarei te olhando
Mesmo que não me toque
Estarei te sentindo
Por onde você passar
Sempre estarei te seguindo
Em teus olhos eu sempre me vejo
Com seu belo sorriso me fascino
Em teu corpo encontro meus desejos
E em tua alma sempre encontrarei
Os meus sentidos, porque eu
Te Amo Paixão...

Olhares que enfeitiçam
Pequenos gestos que seduzem...
Desejos em chamas,
Corpos inquietos
Em que as chamas dos desejos
Faz queimar em delírios.
Chamas da Paixão
Que brinca com a sedução,
E faz dos desejos
Detalhes principais
De momentos inesquecíveis.
Beijos já não são inocentes
São caminhos para o infinito,
Onde o prazer da paixão
Enlouquece o tempo.
Fantasias alucinantes
Que surpreendem a imaginação.
São momentos de murmúrios
Que desejos são os únicos alvos.
Paixão...
Algo incontrolável,
Sentimento que não há explicações,
Que pode passar ou marcar um destino.
Chamas de dois mundos
Transformando-se em um...
Chamas que ardem os sentidos,
Metamorfose de sentimentos
Causada por
Chamas da Paixão.

(Declaração de Amor)

A paixão cresce na mesma medida que a rejeição, mas isso sempre foi assim. Foi sempre assim e sempre doeu. É um incômodo. É uma dor. E como dói! Quando saio todas as manhãs para observar o dia e, eventualmente, me apaixonar de novo. Não esperava que aquela paixão arrebatadora tomasse meu coração. Acho tudo isso muito engraçado e dou risadas despretensiosas. Mas aos poucos vou tomando consciência que já não posso controlar esse sentimento e aos poucos o riso cessa. O silêncio é assustador. A paixão intimida. Sinto medo. Volto a sorrir. A paixão vence e me silencia. Estou apaixonada!

(Poetinha Feia)

Conheço pessoas que afirmam que para ser feliz é preciso amar. Amar a família, os amigos, a terra, as árvores e até as alfaces. Sem esquecer, é claro, de um amor desses de tirar o fôlego e bater mais forte o coração.

Porém, já ouvi vários relatos de quem já amou muito, já teve seu coração saindo pela boca e mergulhou em abismo de paixões, de onde sempre demorava para emergir. Por isso mudaram o discurso e dizem que ser feliz é amar a si mesmo e proteger-se. Eles defendem que o melhor romance é aquele com data para terminar.

Num pensamento rápido, é interessante essa corrente. Todo mundo que tem medo de se envolver demais com alguém, poderia se atirar em paixões programadas para terminar antes que ultrapasse seu limite e comece a amar. Haveria apenas paixão entre os namorados, casais e amantes. Seriam todos ficantes, na verdade. A volta da poligamia. A extinção da traição. Mas fazendo uma reflexão maior, não sou adepto de paixão efêmera, que não possibilite o amor.

Talvez não seja tão pós-moderno ou nem moderno para entender esses amigos que pensam assim. Tampouco confiaria plenamente em alguém que não se entrega os próprios sentimentos e propusesse datar a minha paixão.

(Elder Nunes Corrêa Junior)
(Repórter de Bicicleta)

Você me faz feliz e acreditar que o nosso amor é para sempre. Feliz Dia dos Namorados, paixão!

Parabéns, amor! Hoje completamos mais um aniversário de namoro, com muita paixão e felicidade.

Carrego em mim todo o amor do mundo. Carrego os sentimentos mais primitivos. Olho para a lua e me sinto como um lobo selvagem que luta pela sua vida, mas a minha luta não é travada com sangue. Não quero destroçar o pescoço de presa alguma. A minha fome é de amor, a minha sede é de paixão.

Olho para a lua cor de mel, a lua cheia dos amantes, e sinto o doce sabor de um beijo roubado. Sinto um vazio em meu peito, um desejo louco de estar apaixonado. Não há melhor sentimento no mundo do que a paixão. A paixão mexe com as emoções, e faz estremecer o corpo. É um sentimento ansioso, como a gula, como uma aventura, uma verdadeira obsessão.

Sempre que olho para a lua cheia, sinto vontade louca de me apaixonar. Deve ser porque essa lua que está no céu, tem muitas histórias de amor para contar.

Com você aprendi o verdadeiro significado da palavra Amor. Com você descobri que um coração palpita sem razão para chamar um médico. Com você eu despertei para a vida, como se estivesse adormecendo e vivendo o mais doce dos sonhos. Feliz dia dos namorados, minha namorada, meu primeiro e verdadeiro amor!

Dentro de mim arde o mais intenso e poderoso dos fogos: o da paixão; que aquece sem queimar, que consome sem destruir, e que existe apenas por você. Eu te amo! Eu queria lhe oferecer o universo, mas apenas posso prometer o meu amor eterno.

Há uma luz que brilha mais forte que as estrelas, mas que apenas pode ser vista com os olhos do coração. É a luz da paixão que ilumina aqueles que estão apaixonados tornando cada momento que vivem simplesmente inesquecível.

Sei o que é sonhar porque tenho você ao meu lado, sei o que é amar até quando não estamos juntos. Sei o que é estar pensando no que nos une e ficar completamente feliz, pois é isso que dá todo sentido à minha vida. Boa noite, amor!

Desde o dia em que nos conhecemos que você fazia meu coração bater apressado, como se estivesse tentando escapar do meu peito. Desde então que nossos caminhos se uniram e pouco depois dissemos o ‘Sim’ definitivo.

Meu amor, eu amo você como nunca pensei vir amar alguém. Eu admiro você como homem, como marido, como companheiro, amigo e amante. Com você a vida é maravilhosa, mesmo quando atravessamos dificuldades.

Você encheu meu mundo de uma felicidade sublime, você veio justificar a minha existência e juntos somos mais, melhores, uma equipe que tudo vencerá.

Eu te amo! Hoje, como no início, você continua acelerando o meu coração e aquecendo as minhas faces de paixão!

Um novo dia nasceu e eu espero que ele traga apenas alegrias e encha seu coração de muitas emoções positivas. Bom dia, paixão da minha vida!

Que cada passo que hoje der aproxime você ainda mais dos seus objetivos, e o dia em que todos os seus sonhos se realizem fique mais perto. Eu amo muito você e desejo que você seja feliz em todos os instantes, deste e de todos os outros dias!

Conversas animadas pela noite dentro, rir até não poder mais, momentos de confidência e de verdadeira amizade, beijos doces, abraços apertados, companheirismo nas mais diversas situações. Tudo isto é ser tia, e acreditem que é bom demais.

Olho para trás e vejo que esta relação da qual me orgulho tanto me tem proporcionado infindáveis instantes de pura felicidade. Não trocaria isto por nada deste mundo. Ser tia é a minha verdadeira paixão!

Meu amor, meu eterno amor,

Eu tenho todos os motivos e razões para ter este sentimento único e especial por você! Já tivemos nossos momentos, já construímos uma relação – fomos namorados.

O amor não desvanece com essa velocidade com que as coisas se destroem. O amor é algo que permanece contra tempestades e desastres. Esse é o sentimento rico e puro que tenho por você, por nós dois!

Não consigo aceitar que nossa história terminou tão cedo, meu bem. Ainda acordo a chamar por seu nome, ainda sinto o calor do seu abraço. Ainda sinto paixão por você! Fique comigo, volte para nós!

Estamos de parabéns, amor! Estou imensamente feliz por comemorar mais uma data marcante ao seu lado. São já sete meses de união, carinho, respeito e muita paixão.

Você é uma pessoa muito especial. Prometo amar e cuidar do seu coração todos os dias da minha vida. Na verdade, de outra forma jamais encontraria felicidade em viver. Te amo e amarei eternamente.

Se eu procurasse as palavras mais belas do mundo jamais conseguiria expressar o amor que sinto por você. É algo além da razão e da imaginação que só um coração apaixonado é capaz de sentir. Eu amo você pela sensibilidade que torna você especial em um mundo tão comum.

Existem pessoas que convivem anos e anos conosco e pouco acrescentam; outras pelo contrário, surgem em nossas vidas e sem que percebamos gravam o nosso nome em sua existência. Há pessoas que marcam nossas vidas! Você é uma delas!

Eu preciso tanto de você, não sei se dá para entender. Nem a distância, nem a saudade, nem a ausência podem tirar de nossas vidas o que se torna especial. Quantas e quantas vezes o destino nos coloca em situações complicadas, parece que ele gosta de brincar conosco, pois em nossos corações quase nunca se apresenta em caminhos retos e lisos, mais sim cheios de obstáculos.

A vida é assim e talvez seja por isso que sofremos tanto, e o amor nos empolga tanto. Se tudo fosse claro e de fácil entendimento os relacionamentos amorosos seriam como contos de fadas! As pessoas não se tornam especiais pela maneira de ser ou agir, mas pela simples profundidade com que atingem os nossos corações e nos levam a viver e sonhar intensamente, mas entre todas as dúvidas guarde sempre essa verdade: Você é especial!

Não sei se a minha timidez escondeu o que sinto por você, ou se nos meus olhos dava para ler. Em todo caso, acho melhor esclarecer: eu gosto muito de você! Antes que você pense que me senti atraído apenas pelos seus lindos olhos, digo já que gostei do conjunto todo. Mas o que achei mais lindo em você, foi a beleza interior que deixa transparecer.

Nos conhecemos há pouco tempo, mas o coração é um velho sábio e nessas coisas ele não se engana. Ele me avisava que era amor para valer quando começava a bater mais forte toda vez que eu chegava perto de você. Ele me fez tentar entender porque eu estremecia ao seu lado, e acabei por perceber que era admiração e paixão o que sentia.

Depois de colocar cérebro e coração para dialogar, tomei a difícil decisão de me declarar. Espero que você não fique assustada, mas me sentiria mesmo um felizardo se me dissesse que também está apaixonada.

Desde o seu olhar ao seu jeito de falar tudo me apaixona em você.

Parabéns, meu amor! São dez anos de casamento que ilustram nossa verdade, nosso empenho, nosso amor. Sou a pessoa mais feliz do mundo! Tenho em mim todas as esperanças que alguém pode ter, e o medo não faz parte de meus dias. Toda essa segurança se deve ao modo como a gente se trata. Com honestidade, com respeito.

Sinto que nossa paixão ainda arde, ainda fere qualquer obstáculo. Sinto até que vai sempre ser assim! Todo o casamento passa por crises, por momentos mais difíceis. O nosso não é exceção, temos nossas brigas como todo o mundo. Acontece que algo maior nos mantém unidos e sempre nos ligamos ao que é real, ao que é transparente. Isso se chama amor.

Desejo que muitos mais dez anos assaltem nosso lar. Nossa família é bem mais precioso que possuímos e quero continuar construindo uma união de pedra entre nós. Feliz Aniversário de Casamento, meu amor! Obrigado por tudo!

Hoje falo para o amor, como se de uma pessoa se tratasse, como se ele tivesse acontecido em sua plenitude. Falo triste mas também o faço com convicção, pois são palavras de adeus o que eu tenho de proferir.

Durante tempos alimentei esta esperança em meu coração. Ter você em meus braços e me poder perder nos seus, era para mim já realidade, uma realidade na qual só eu vivia. Demorou, talvez, mas acabei por entender que este amor que eu sentia não era correspondido e tive que aceitar isso, por muita mágoa que me causasse.

Então adeus, sonhos que não foram concretizados. Até nunca, beijos e abraços que nunca foram dados. Tomara eu ter largado esta paixão infrutífera há mais tempo. Mas infelizmente, primeiro somos sempre arrastados pelo coração e só depois fazemos nossas escolhas. Agora eu sei que o que dói mais não é a despedida, mas saber o que nós dois poderíamos ter sido.

É paixão o sentimento que eu sinto por você e que me consome a alma. É paixão o sentimento que acompanha o desejo de ter você ao meu lado. Tudo o resto perde o interesse e a importância perto de você, do seu sorriso, do seu doce olhar.

Eu acho que também você sente algo por mim, mas como nunca escutei da sua boca a certeza dos seus sentimentos, preciso que me arranque esta dúvida que me aflige o peito, e que tanta dor me causa.

Todo o meu mundo se ajoelha perante você lhe pedindo, por favor, me diga se devo alimentar a esperança de ter você nos meus braços, ou não! Basta que diga que sim e por você espero o tempo que for necessário. Espero uma vida inteira ou várias vidas se você me pedir!

Mas se não houver esperança, diga-me por favor, e sofro de uma só vez, tudo de uma vez. Pois assim será melhor do que estar como agora, morrendo a cada dia um pouco mais por não saber o que você sente realmente por mim.