Um Amor Eterno

Te amarei a cada pôr-do-sol, e em cada nascer do dia. Te amarei de Janeiro a Janeiro, e isso inclui também feriados e fins de semana. Te amarei nos dias chuvosos, tanto lá fora quando aqui dentro, mas te amarei ainda mais nas horas de alegria, quando a vontade de te ter ao meu lado para partilhar o sorriso me fizer ver o quão necessário você é para minha existência.

Te amarei por tudo, ou apesar de tudo. Te amarei com seus defeitos, suas manias irremediáveis e seu jeito brincalhão de um garoto que ainda sonha em conquistar o mundo, mas nem imagina o poder que tem sobre mim. Te amarei enquanto houver esperanças, mas também na falta dela.

Te amarei com o coração, a alma e a vida. Te amarei por horas, dias, meses, anos e em cada oportunidade que tiver direi aos céus o quanto preciso de um sorriso teu, para que de algum lugar do mundo, essa curva se forme em teus lábios, me fazendo te amar mais ainda.

Te amo, te amo e te amo. Não tenho vergonha, medo ou qualquer outra coisa… apenas te amo, porque sempre foi você, sempre será você e todos os dias encontrarei razões para te amar ainda mais.

(Cartas Pro Luan)

Mensagens Relacionadas

Meu amor por você
Não cabe em meras palavras
Não cabe em uma vida só
Não cabe no meu peito até

Meu amor por você
É tão maior do que eu
Tão profundo como o mar
Tão infinito quanto o tempo
Tão sem princípio ou fim

Quisera eu ter
Mil vidas e até mais
E ainda assim ficaria
Aquém de viver toda a eternidade
Desse amor que me consome...

Quero que nosso amor dure para sempre, pois sempre que olho para você, é a beleza de todo o universo que eu estou contemplando. E com tempo, reuniria todas as pedras preciosas deste mundo para você, só para sentir sua felicidade.

Quero que nossa paixão não acabe nunca, por mais tempo que passe. Você é uma namorada maravilhosa e ter você em meus braços, faz minha vida ganhar todo o sentido.

Essa brisa que abraça meu rosto
é força que sempre lembra o
quanto meu coração ama o seu.

É um vento refrescante, é paz
que conta os minutos aguardando
sua chegada e aí, meu bem,
somos um do outro, viramos um só.

É um sopro que me fala palavras
doces, que me toca no peito ao
de leve e que encanta meu olhar
nas noites em claro, mas felizes.

Essa aragem que me pega no colo
é a flecha de nosso amor que recebo
com um sorriso no coração, meu anjo.

Porque somos um só corpo!
Porque somos uma vida só!
Amor eterno é o de nós dois!
Só nosso, só meu e seu!

A partir do momento que entendi o que realmente é o amor, passei a imaginar se era mesmo possível senti-lo de uma forma eterna, permanente, sem ser diminuído nem transformado. Tentava perceber se quando alguém dizia que amaria uma pessoa eternamente, tal sentimento poderia ser mesmo verdadeiro.

Então o tempo passou e aprendi que existem inúmeras formas de sentir o amor. Percebi que apesar da variação da intensidade, aquilo que sentimos pelos nossos pais, pelo animal de estimação ou mesmo pelo namorado, pode ser chamado de amor, mas o que muda é a relevância e o significado que cada um tem na sua vida.

Não devemos usar da hipocrisia e achar que amamos todas as pessoas do mesmo jeito, certamente existem aqueles que quando estão longe a falta é tão grande que chega a doer lá dentro do peito. Há outras que a dor não é tão grande assim e sobrevivemos muito bem com a sua ausência, mas isso não quer dizer que não há amor, apenas elas interferem na sua vida de maneiras diferentes.

Acredito que o amor eterno existe mesmo, que algumas pessoas passam pelas nossas vidas de uma forma tão intensa que o sentimento que temos por elas nunca será diminuído, muito menos esquecido. Só precisamos perceber quando esse sentimento nascer para não deixa-lo camuflado, pois seria inadmissível sentir um amor tão grande e não permitir que ele seja liberado.

Uma vida para viver na
esperança de um amor
eterno.

Um acaso sem surpresa
e uma paixão que não
termina.

Um amor que nunca vai
terminar na estrada da
felicidade.

Uma luz que sempre
ilumina o chão onde
piso.
Felizmente!