Mensagens de Consolo


Te ter como meu amigo, é mais que ter uma amizade, é saber que você faz parte de mim, é saber que você estará para o que der e vier ao meu lado.

Te agradeço por todas as vezes em que chorei e você soube me consolar, quando eu sorri e você sorriu comigo, quando tive dúvidas e você me ajudou a tirá-las, quando eu mais precisei você esteve ali do meu lado.

Cada abraço seu, mesmo de longe eu sentia, mas agora eu acho que não te quero mais ao meu lado como meu amigo, por quê? Me peguei pensando em você, diferente do que sempre pensei. Agora tenho medo de perder tua amizade. Devo calar e sofrer por dentro ou falar e talvez sofrer por você não me querer, pois creio que eu não faça parte de seus desejos, apenas me vê como uma amiga que precisa muito de ti.

Eu não sei o que fazer, mas antes de mais nada quero te agradecer! Pois até esse sentimento, que não sentia a tempos, você me fez sentir outra vez. Mesmo que meu carinho por você tenha mudado, pois agora te vejo como o homem, e não mais como o amigo, ainda assim te agradeço por ter sido o melhor de todos os amigos que eu já tive em minha vida. Você é especial demais pra mim, te amo muito, meu amigo amado!

O verdadeiro homem de bem é o que cumpre a lei de justiça, de amor e de caridade, na sua maior pureza. Se ele interroga a consciência sobre seus próprios atos, a si mesmo perguntará se violou essa lei, se não praticou o mal, se fez todo o bem que podia, se desprezou voluntariamente alguma ocasião de ser útil, se ninguém tem qualquer queixa dele; enfim, se fez a outrem tudo o que desejara lhe fizessem.

Deposita fé em Deus, na Sua bondade, na Sua justiça e na Sua sabedoria. Sabe que sem a Sua permissão nada acontece e se Lhe submete à vontade em todas as coisas.

Tem fé no futuro, razão por que coloca os bens espirituais acima dos bens temporais.

Sabe que todas as vicissitudes da vida, todas as dores, todas as decepções são provas ou expiações e as aceita sem murmurar.

Possuído do sentimento de caridade e de amor ao próximo, faz o bem pelo bem, sem esperar paga alguma; retribui o mal com o bem, toma a defesa do fraco contra o forte, e sacrifica sempre seus interesses à justiça.

Encontra satisfação nos benefícios que espalha, nos serviços que presta, no fazer ditosos os outros, nas lágrimas que enxuga, nas consolações que prodigaliza aos aflitos. Seu primeiro impulso é para pensar nos outros, antes de pensar em si, é para cuidar dos interesses dos outros antes do seu próprio interesse. O egoísta, ao contrário, calcula os proventos e as perdas decorrentes de toda ação generosa.

O homem de bem é bom, humano e benevolente para com todos, sem distinção de raças, nem de crenças, porque em todos os homens vê irmãos seus.

Respeita nos outros todas as convicções sinceras e não lança anátema aos que como ele não pensam.

Em todas as circunstâncias, toma por guia a caridade, tendo como certo que aquele que prejudica a outrem com palavras malévolas, que fere com o seu orgulho e o seu desprezo a suscetibilidade de alguém, que não recua à idéia de causar um sofrimento, uma contrariedade, ainda que ligeira, quando a pode evitar, falta ao dever de amar o próximo e não merece a demência do Senhor.

Não alimenta ódio, nem rancor, nem desejo de vingança; a exemplo de Jesus, perdoa e esquece as ofensas e só dos benefícios se lembra, por saber que perdoado lhe será conforme houver perdoado.

É indulgente para as fraquezas alheias, porque sabe que também necessita de indulgência e tem presente esta sentença do Cristo: "Atire-lhe a primeira pedra aquele que se achar sem pecado." Nunca se compraz em rebuscar os defeitos alheios, nem, ainda, em evidenciá-los. Se a isso se vê obrigado, procura sempre o bem que possa atenuar o mal.

Estuda suas próprias imperfeições e trabalha incessantemente em combatê-las. Todos os esforços emprega para poder dizer, no dia seguinte, que alguma coisa traz em si de melhor do que na véspera.

Não procura dar valor ao seu espírito, nem aos seus talentos, a expensas de outrem; aproveita, ao revés, todas as ocasiões para fazer ressaltar o que seja proveitoso aos outros.

Não se envaidece da sua riqueza, nem de suas vantagens pessoais, por saber que tudo o que lhe foi dado pode ser-lhe tirado.

Usa, mas não abusa dos bens que lhe são concedidos, porque sabe que é um depósito de que terá de prestar contas e que o mais prejudicial emprego que lhe pode dar é o de aplicá-lo à satisfação de suas paixões.

Se a ordem social colocou sob o seu mando outros homens, trata-os com bondade e benevolência, porque são seus iguais perante Deus; usa da sua autoridade para lhes levantar o moral e não para os esmagar com o seu orgulho. Evita tudo quanto lhes possa tornar mais penosa a posição subalterna em que se encontram.

O subordinado, de sua parte, compreende os deveres da posição que ocupa e se empenha em cumpri-los conscienciosamente. (Cap. XVII, nº 9.) Finalmente, o homem de bem respeita todos os direitos que aos seus semelhantes dão as leis da Natureza, como quer que sejam respeitados os seus.

Não ficam assim enumeradas todas as qualidades que distinguem o homem de bem; mas, aquele que se esforce por possuir as que acabamos de mencionar, no caminho se acha que a todas as demais conduz.


(Allan Kardec)

Cumprimente as pessoas:
Isso se chama amizade.
Deseje a cada um o melhor:
Isso se chama sinceridade.
Programe o seu dia, a sua semana:
Isso se chama ação.
Acredite que tudo dará certo:
Isso se chama FÉ.
Faça tudo com alegria:
Isso se chama entusiasmo.
Dê o melhor de si.
Isso se chama perfeição
Ajude a quem precisa.
Isso se chama doação
Compreenda que nem todos são como você:
Isso se chama tolerância.
Receba as bênçãos com gratidão:
Isso se chama humildade.
Essa é uma fórmula infalível que vai ajudar a sua semana a ser mais feliz
Uma ótima semana pra você!!

No principio da vida todos são iniciados como sementes...
Quando o primeiro broto surge, o Mundo é apresentado a ele...
e muitas vezes os brotos se perguntam: "Como brotei?"
Outros nem sequer se dão conta.
Vivencie o broto do momento...
Flua nesse brotar...
Cultive com amor o seu território,
não deixe as ervas daninhas, construídas de sua própria ilusão,
interferirem no seu crescimento...
Vivencie este crescimento...
Assim você será uma bonita árvore
cheia de sabedoria e amor a oferecer...
Sinta a necessidade do coração
e vá em frente escalando a divindade do seu Ser...
Acredite, o supremo mora em vc...
Brote! Cresça! Sinta se vc está crescendo no caminho certo,
identifique, faça o movimento verdadeiro para que sua árvore não mingue.
Florescer na vida é florescer no hoje, no agora e no amanhã!
Floresça a sua vida, simplesmente floresça!

Não lute mais
Descanse
Não dê força para seus inimigos
Vença-os com o perdão
Não cultive a impaciência
Vença-a com a segurança
Não delapide a paz dos outros
Coopere com o silêncio
Não se afaste do seu coração
Una-se a si mesmo
Não dê trelas aos problemas
Vença-os com a luz interior
Não coopere com as críticas
Supere-as com seu desprezo
Não se deixe vitimar
Assuma sua liberdade de escolha
O bem é saber
que o único meio de vencer
É usar a inteligência
com compaixão
Por isso não lute mais
Descanse

(Luiz Gasparetto)

Quando tiver de escolher entre o sorriso e a lágrima, sorria sempre.
Se porém tiver que chorar, chore sem vergonha, pois suas lágrimas purificam sua alma.
Quando você tiver de escolher entre o amor e o ódio, ame com toda força do coração e quando tiver que odiar simplesmente não o faça.
Quando tiver de escolher entre a derrota e a vitória, lute, pois mesmo que não vença será vitorioso pôr não ter cruzado os braços.

A chave para mudar o padrão das relações viciadas ou desgastadas, transformar a rotina e recuperar o espírito de entusiasmo e cooperação está em cultivar atitudes baseadas na espiritualidade.

- Procure em seu trabalho um sentido maior do que apenas um meio de sobrevivência.

Por menos gratificante que seja sua função, é um elo na imensa cadeia de trabalho que traz prosperidade e bem-estar coletivos.

- Identifique seus dons e habilidades.

Ter consciência de que você é a pessoa certa no lugar certo é fundamental para a realização. A competência tem relação direta com o prazer. Avalie se sua função preenche sua necessidade de satisfação pessoal. Se não, é hora de começar a pensar em mudar de emprego ou profissão.

- Aceite e compreenda as diferenças.
Procure ver os aspectos positivos que todos nós temos e exercite a capacidade de perdoar e se colocar no lugar das outras pessoas. Isso evita atritos e desgastes desnecessários.

- Aprenda com a diversidade de pontos de vista.
Pessoas com formação cultural, idade ou nível social diferentes do nosso têm muito a nos acrescentar. Tente se abrir para quem parece diferente de você.

- Exercite o afeto e a gentileza com chefes e colegas.
Um sorriso, ou um gesto atencioso, são suficientes para tornar as relações mais amistosas e produtivas. Seja como um ponto de luz no seu ambiente de trabalho.

- Acredite que você tem vasto potencial a ser explorado.
Às vezes perdemos chances de expansão ou mudança na profissão por não apostar em nós mesmos. É o caso de quem acha não ser capaz de aprender outro idioma.

- Viva o momento presente.
Um dos princípios do budismo destaca a importância de estar sempre focado no momento presente e fazer todas as coisas como se fosse a primeira vez. Isso nos dá motivação e nos conecta com nosso foco.

- Equilibre trabalho, família e espiritualidade.
Dê a devida atenção a cada uma dessas áreas da vida, sem achar que uma é mais importante que outra.

(Alkíndar de Oliveira)

Todo mundo carrega dentro de si uma criança.
E todo mundo aprende a reprimi-la para ser adulto.
Crescemos e "temos" que ser sérios.

Quantas vezes você já não ouviu alguém dizer: "deixe de criancice!"?
E desde quando precisamos deixar de ser crianças?

Ria de você mesmo, seja "ridículo",
brinque na chuva, de fazer castelos na areia, de fazer castelos no ar…
sonhe, faça bagunça no meio da rua, cante na hora que der vontade,
converse com você mesmo como se tivesse conversando com um amiguinho,
assista desenho animado e veja a sua vida
como se ela fosse um desenho animado,
brinque com uma criança… como uma criança…

Fique feliz simplesmente por ficar,
sorria e ria sem motivo,
ria de você, dos seus dramas, do ridículo das situações…

E acredite na pureza do ser humano…
na pureza de criança que talvez esteja escondida,
mas que existe em cada um de nós.

Para alguns você vai parecer louco, bobo ou infantil…
mostre a língua para esses "alguns" e diga,
como uma criança: "sou bobo mas sou feliz!"

Esses "alguns" com certeza têm uma criança maluquinha,
doida pra fazer bagunça também.

A vida já é muito complicada para vivermos sérios e carrancudos.

E isso tudo não é deixar de viver com seriedade…
é viver com a leveza de uma criança
e obrigações de adulto.

Fica muito mais fácil viver assim.

Então, coloque uma panela na cabeça
e solte o menino(a) maluquinho(a) que existe dentro de você!
Só não vale subir no muro e achar que sabe voar, né?

Feliz Dia das Crianças!

Quando você se aceita, você se liberta porque não precisa que ninguém aceite você. Se aceitar é se amar a si mesmo com suas qualidades e defeitos. É não precisar que ninguém digas o quão bela você é, o como você é inteligente e autêntica. Você deve ser a primeira pessoa a dizer isso. Acima de tudo, você deve ser a primeira pessoa a acreditar que é maravilhosa. Afinal, se você não acredita em você mesma, quem irá acreditar? Pense nisso! Não deixe que insegurança destrua a sua autoestima.

Não deixe que pessoas inseguras e invejosas coloquem você para baixo. Procure sempre estar cercado de pessoas que lhe fazem bem. Se afaste de pessoas negativas, cínicas e invejosas. E pare de uma vez por todas de se odiar por aquilo que você não é, se ame por tudo aquilo que você é. Seja gentil com você mesmo e se perdoe quando for necessário.

E se alguém não valorizou você o quanto merecia, se lembre que isso não diminui suas virtudes. Talvez essa pessoa não foi capaz de conviver com alguém tão especial e virtuoso. Talvez essa pessoa seja fraca. Mas você é forte, lembre-se! Todos os dias lute para manter aceso o seu amor próprio, um amor que deve ser eterno. Mesmo quando você estiver triste, desiludida e arrependida, o seu amor próprio deve falar mais alto! Se ame hoje, amanhã e sempre.

Dizem que Dona Felicidade mora longe dos sonhadores, mas não é verdade não! Dona Felicidade mora sempre onde colocamos os nossos sonhos. Uns, colocam seus sonhos em lugares muito altos, imaginam que ser feliz é possuir tudo, outros, já calejados pela vida e pelas lutas do dia a dia, aprenderam a colocar seus sonhos em lugares próximos, buscando realizar apenas um sonho de cada vez.

Dona Felicidade, ao contrário do que dizem as más línguas, não é exigente, não é "madame esnobe" que se esconde do povo, pelo contrário, Dona Felicidade é simples e muito humilde, é tão simples e tão humilde que as vezes está bem na nossa cara e não a enxergamos. Quantas pessoas passam uma vida inteira procurando por ela e ela está bem na frente de seus narizes.

Mas, tem uma coisa, Dona Felicidade exige que cada pessoa que deseja realmente encontrá-la, vá pessoalmente procurá-la. Ai daqueles que entregam a sua felicidade na mão dos outros, ai daqueles que esperam que outras pessoas venham trazer a felicidade para suas vidas. Pobre daqueles que investem as suas vidas em tentar mudar alguém, em consertar uma pessoa, em julgar outras...

Dona Felicidade está sentada à sua frente, está pertinho de você, basta enxergar a vida com a lente da simplicidade, dar o primeiro sorriso (afinal Dona Felicidade é muito alegre), dar o primeiro passo para se libertar de qualquer tipo de escravidão (Dona Felicidade é a própria liberdade), parar de ser a vítima infeliz (Dona Felicidade não acredita em vítimas, acredita em ação e reação).

Por fim, Dona Felicidade manda um recado para você que por qualquer motivo esteja sofrendo, esteja triste, desanimado da vida: "o tempo é o melhor remédio e melhor conselheiro" para qualquer situação, não julgue, deixe o tempo trazer a resposta. Enquanto isso, lute pela sua felicidade, lembre-se que você é a parte mais importante de sua vida e muito importante para a própria vida.

Sorria!!!

Eu não acho as palavras.

Eu sinto muito, mais do que consigo expressar. E isso se torna um veneno em certos momentos. Palavras ficam presas na garganta lhe matando sufocado, é triste morrer do seu próprio veneno.

E em meio ao desespero da ausência de palavras saírem da minha boca eu entro em pranto, eu choro, eu grito, eu fico sem saber o que fazer, mas me sinto melhor depois disso, embora não passe completamente.

Eu busco, busco uma forma de esvaziar emoções, situações, sentimentos, entre outros, mas elas (as palavras) continuam a fugir de mim. Talvez eu não tenha sido feito para explicar nada mesmo, apenas para sentir.

E sem perceber acabei falando o que anda me incomodando: Eu não acho as palavras, ou talvez eu já as tivesse e sem perceber, usei nos momentos errados, com as pessoas erradas.

Eu sinto muito.

(Acredite nas Estórias)

Qual a melhor atitude na época de Natal? Todos os anos temos a oportunidade de ter a atitude correta.

Coloque Jesus como aniversariante, Jesus não vai te cobrar um peru no jantar, pois Jesus veio para matar a sua fome. Jesus não vai te exigir alegria caso você esteja triste, pois Jesus veio para te consolar. Jesus não vai te culpar por você não ter dinheiro, Jesus veio dividir o pão com você. Jesus não vai te cobrar presente, pois Ele deu a própria vida para te salvar. Mas, se mesmo assim, o teu coração ainda estiver apertado nesta noite de Natal, ore a Deus, diga a Deus o motivo de sua tristeza. Cante um cântico espontâneo. Louve ao Senhor e tente acreditar no amor de Cristo por ti.

Neste Natal talvez você que chora pode sorrir para um amigo. Neste Natal talvez você que sorri, pode abraçar seu amigo que chora. Neste Natal você que tem condições de comer peru, talvez possa doar um frango para aquele que tem fome. Neste Natal você que tem vida, ainda tem tempo de dar amor para aquele que perdeu o ânimo pela vida. Neste Natal você ainda tem tempo de mudar o Natal de todos os que sentem falta de alguma coisa tão simples como esta frase:

"Eu te amo meu amigo ou Eu te amo minha amiga."

Boas festas!

Ainda pior que a convicção do não, a incerteza do talvez é a desilusão de um "quase". É o quase que incomoda, que entristece, que mata, trazendo tudo que poderia ter sido e não foi. Quem quase ganhou ainda joga, quem quase passou ainda estuda, quem quase morreu está vivo, quem quase amou, não amou.

Basta pensar nas oportunidades que escaparam pelos dedos, nas chances que se perdem por medo, nas ideias que nunca sairão do papel por essa maldita mania de viver no outono do quase.

Pergunto então, às vezes, o que nos leva a escolher uma vida morna; ou melhor, não pergunto, contesto. A resposta sei de cor, está estampada na distância e frieza dos sorrisos, na frouxidão dos abraços, na indiferença dos "Bom dia", quase que sussurrados.

Sobra covardia e falta coragem até para ser feliz. A paixão queima, o amor enlouquece, o desejo trai. Talvez esses fossem bons motivos para decidir entre a alegria e a dor, sentir o nada, mas não são.

Se a virtude estivesse mesmo no meio termo, o mar não teria ondas, os dias seriam nublados e o arco-íris teria somente tons de cinza. O nada não ilumina, não inspira, não aflige nem acalma, apenas amplia o vazio que cada um traz dentro de si.

Não é que fé mova montanhas, nem que todas as estrelas estejam ao alcance, para as coisas que não podem ser mudadas resta-nos somente paciência, porém, preferir a derrota prévia à dúvida da vitória é desperdiçar a oportunidade de merecer.

Para os erros, há perdão; para os fracassos, chance; para os amores impossíveis, tempo. De nada adianta cercar um coração vazio ou economizar alma. Um romance cujo fim é instantâneo ou indolor não é romance.

Não deixe que a saudade sufoque, que a rotina acomode, que o medo impeça de tentar. Desconfie do destino e acredite em você. Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando porque, embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive, já morreu!

O que é a vitória? A vitória é vencer uma batalha, um inimigo, é obter êxito nalgum desafio. Mas não se deve pensar na vitória como um grande triunfo na vida, algo que apenas se vive uma vez, como um grande feito!

Diariamente, nós enfrentamos desafios, diariamente nós vencemos batalhas. A vitória pode se obter com pequenas conquistas diárias. E cada vitória tem o tamanho do seu desafio. Por isso também não podemos viver comparando a nossa vida com a vida dos outros, as nossas vitórias com as vitórias dos outros. Cada pessoa tem uma história de vida diferente, passa por desafios e batalhas diferentes, mais fáceis ou mais difíceis. Por isso cada vencedor tem um mérito diferente.

Não devemos ter ninguém como modelo de sucesso, além de nós mesmos em nossa melhor versão. O que para os outros pode não ser nada, para nós pode ser uma grande conquista, pois partimos de pontos diferentes na vida. Cada um é que sabe da sua trajetória e dos obstáculos que lhe aparecem pela frente.

Pense nisso sempre que se sentir fracassado ou derrotado. Pense nas batalhas diárias que enfrenta, e nos leões que precisa matar por dia para sobreviver. Chegar ao fim de cada dia já é uma vitória! E cada novo amanhecer é uma nova oportunidade que a vida lhe dá para vencer.

Em vez de reclamar, agradeça sempre pela chance de poder continuar lutando!

Bem sabemos que ultimamente o medo é um sentimento muito próximo na vida de muita gente. Por diversos motivos ele aparece e nos impede de seguir em frente com aquele sonho que por muitos anos foi desejado. Somos levados a tantos questionamentos que passamos a achar que o esforço exigido para alcança-lo será maior do que o prazer de tê-lo conquistado.

Enquanto o medo se mostra como apenas um receio em relação a algo perigoso, é um sentimento saudável e que certamente não por ser dispensado. Mas a partir no momento que envolve quase todas as atividades diárias, ele deve ser devidamente controlado através principalmente do entendimento das causas que levaram a essa situação.

Se um dia perceber que o medo está bloqueando sua evolução na vida profissional ou mesmo na pessoal, é sinal que ele está vencendo e a caso não lute contra esse sentimento, a tendência é que o aparecimento dele se torne cada vez mais frequente.

Avalie seu comportamento diante das situações diárias, veja se de fato há uma grande quantidade de projetos parados, esquecidos, como se não houvesse a possibilidade de dar certo. O medo pode ser o principal obstáculo para seguir em frente e realmente conseguir enfrentar aquelas dificuldades. Expulse-o da sua vida e comece a andar de mãos dadas com a coragem, muitas vezes ela é uma grande companheira para ajudar no encontro com a felicidade.