Mensagens de Sentimentos


Perguntei a um sábio,
a diferença que havia
entre amor e amizade
ele me disse essa verdade...
O amor é mais sensível
a amizade mais segura,
o amor nos dás asas,
a amizade o chão.
No amor há mais carinho,
na amizade compreensão.
O amor é plantado
e com carinho cultivado,
a amizade vem faceira
e com troca de alegria e tristeza,
torna-se uma grande e querida companheira.
Mas quando o amor é sincero,
e quando a amizade é concreta,
ela é cheia de amor e carinho.
Quando se tem um amigo ou uma
grande paixão,
ambos sentimentos coexistem,
dentro de seu coração.

A cada frase que escrevo, uma nova lágrima se forma nos meus olhos.

Mas isso deve ser um bom sinal, sinal de que pelo menos por algum tempo conheci o mais puro e valioso sentimento que pode existir entre as pessoas...

O amor

O amor é uma das melhores coisas que pode acontecer na vida de uma pessoa. Um amor correspondido, cheio de afinidades, calmo, que traz satisfação, é uma das experiências mais enriquecedoras que alguém pode viver. No amor verdadeiro, no amor sincero, há troca, há cumplicidade, há companheirismo, e há apoio mútuo.

Quando vivemos um amor, a nossa vida fica mais plena, mais rica, mais leve. O amor pode transformar a vida de alguém. Muitas pessoas têm medo de amar, mas é preciso entender que o amor não mata. O amor traz vida, revigora, renova os ânimos e o fôlego. A vida, às vezes, pode ser muito dura, e ter alguém que nos ama e com quem podemos contar, alivia muito o peso da vida em nossas costas.

Amar é um compromisso com o outro. Para amar é preciso querer amar, é preciso saber fazer concessões, é preciso deixar de olhar para o próprio umbigo e entender que há outra pessoa olhando por nós, e muitas vezes com um olhar muito mais generoso e amoroso. Amar é um dos grandes aprendizados da vida, e como dizia o poeta, "só se aprende a amar, amando!"

Amar é um jeito próprio de sentir.
É o jeitinho gostoso
de ter alguém que nos ouve
com paciência, e nunca dá
sinal de estar se cansando
com a conversa da gente.

O amor surge quando a gente menos espera.
Começa nas coisas mais pequenas
no dia em que, pela primeira vez,
fazemos confidências a alguém
ou quando ajudamos a quem precisa da gente
ou quando, mesmo sem palavras,
alguém sabe que sentimentos
está outro alguém sentindo.
É um sentimento feliz
que fica no coração por toda a vida.

Já escondi um AMOR com medo de perdê-lo, já perdi um AMOR por escondê-lo.
Já segurei nas mãos de alguém por medo, já tive tanto medo, ao ponto de nem sentir minhas mãos.
Já expulsei pessoas que amava de minha vida, já me arrependi por isso.
Já passei noites chorando até pegar no sono, já fui dormir tão feliz, ao ponto de nem conseguir fechar os olhos.
Já acreditei em amores perfeitos, já descobri que eles não existem.
Já amei pessoas que me decepcionaram, já decepcionei pessoas que me amaram.
Já passei horas na frente do espelho tentando descobrir quem sou, já tive tanta certeza de mim, ao ponto de querer sumir.
Já menti e me arrependi depois, já falei a verdade e também me arrependi.
Já fingi não dar importância às pessoas que amava, para mais tarde chorar quieta em meu canto.
Já sorri chorando lágrimas de tristeza, já chorei de tanto rir.
Já acreditei em pessoas que não valiam a pena, já deixei de acreditar nas que realmente valiam.
Já tive crises de riso quando não podia.
Já quebrei pratos, copos e vasos, de raiva.
Já senti muita falta de alguém, mas nunca lhe disse.
Já gritei quando deveria calar, já calei quando deveria gritar.
Muitas vezes deixei de falar o que penso para agradar uns, outras vezes falei o que não pensava para magoar outros.
Já fingi ser o que não sou para agradar uns, já fingi ser o que não sou para desagradar outros.
Já contei piadas e mais piadas sem graça, apenas para ver um amigo feliz.
Já inventei histórias com final feliz para dar esperança a quem precisava.
Já sonhei demais, ao ponto de confundir com a realidade... Já tive medo do escuro, hoje no escuro
"me acho,me agacho, fico ali".
Já cai inúmeras vezes achando que não iria me reerguer, já me reergui inúmeras vezes achando que não cairia mais.
Já liguei para quem não queria apenas para não ligar para quem realmente queria.
Já corri atrás de um carro, por ele levar embora, quem eu amava.
Já chamei pela mamãe no meio da noite fugindo de um pesadelo. Mas ela não apareceu e foi um pesadelo maior ainda.
Já chamei pessoas próximas de "amigo" e descobri que não eram...
Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada e sempre foram e serão especiais para mim.
Não me dêem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre.
Não me mostre o que esperam de mim, porque vou seguir meu coração!
Não me façam ser o que não sou, não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente!
Não sei amar pela metade, não sei viver de mentiras, não sei voar com os pés no chão.
Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra SEMPRE!
Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas, das drogas mais poderosas, das idéias mais insanas,
dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes.
Tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.
Você pode até me empurrar de um penhasco q eu vou dizer:
- E daí? EU ADORO VOAR!


(Clarice Lispector)

Amor possessivo não é amor, como todo mundo sabe e estão cansados de ouvir que: “Ninguém é de ninguém neste mundo”. Nem nossos filhos são nossos, o que dirá um homem ou uma mulher. As pessoas são livres; livres para amar e escolherem quem querem amar.

O amor que exige exclusão e posse não é amor. O amor possessivo amarra, impede o crescimento, enquanto que o amor verdadeiro é a força, é o impulso que faz o outro crescer. Amar alguém é comprometer-se.

O amor é uma soma para que cada um possa ser mais ele mesmo, ele não existe para aliviar a dor e nem tampouco para resolver necessidades, carências e interesses do outro.

O amor verdadeiro, maduro, é livre, é incondicional, sabe ceder e perder com serenidade para o bem da pessoa amada; sabe viver quando tem o bem e também quando não tem; sabe dialogar e chegar a conclusões maduras e sensatas.

O amor não nasce pronto, de uma vez. Tem que haver vibração, tem que ser harmônico. Como um amigo, companheiro nas horas felizes e tristes, é ser honesto, sincero, confiante, verdadeiro em palavras e atitudes.

O amor é como uma rosa, mas para que essa rosa exista, é preciso que existam também espinhos. Mas mesmo assim, o amor ainda é a maior força que existe em nós, e é só o amor que nos transforma, que nos amadurece.

Se não aceitarmos de coração aberto a dinâmica transformadora do amor estaremos definitivamente nos negando a crescer e para sempre permaneceremos num estado infantil.

Não importa quem você ama. Como diz Hermann Hesse: "Não é felicidade ser amado; todos amam a si mesmos, amar aos outros, sim, é que é felicidade!"

Nunca imaginei que amaria de forma tão intensa e incondicionalmente. Você me mostrou um amor que não conhecia, que independe completamente da opinião de qualquer outra pessoa, como se o mundo fosse habitado apenas por nós dois. É um amor que não ver defeitos e todas as características não passam de peculiaridades.

É tudo tão forte e vivo que às vezes sinto como se o ar que eu respiro dependesse da sua presença, tudo vindo de você me faz bem, é algo tão especial e incrível que às vezes me belisco para ter a certeza que realmente estou vivendo tudo isso.

Você me retirou de um poço profundo onde só entrava tristeza e mágoas. Com você conheci a verdadeira felicidade, entendi o sentido da vida e me despedi para sempre da dor e da ansiedade. Você é meu amor incondicional personificado, que me traz afeto, alegria e muita tranquilidade.

Você é o sol que ilumina todo dia;
Você é a beleza de Deus estampada em cada sorriso meu e seu;
Você é a música mais linda feita com amor e cantada com todo carinho;
Você é a brisa leve que passa e deixa rastros;
Você é o amor divino, amor de amigo, amor de pessoa, amor de viver, amor de amar;
Você é sensível, você é compaixão, delicadeza, você é você;
Você é diferente, você é igual a mim, você é meu sonho;
Você é choro,é alegria, é ânimo, é sopro de vida;
Você é medo, é incerteza, insegurança, mas você é REAL;
Você é cada onda que se quebra no mar, mas você está lá numa concha, você é uma pérola;
Você é o exemplo, a superação, determinação;
Você, aiai! Você é meu suspiro, minha inspiração;
Você é minha respiração acelerada, você tira meu fôlego, você abastece meu coração;
Você é o céu, você é a chuva, você é vida;
Você é livre, independente, mas você não é sozinho;
Você é pensamento, é meu sono é meu amanhecer;
Você é minha serenata, você é a canção perfeita;
Você é cedo, é tarde, é a noite, você está no meu dia;
Você é a melhor companhia, é a melhor falta, é a melhor saudade;
Você pode ser a melhor mágoa, a melhor tristeza, mas você é a melhor verdade a melhor espera a melhor coisa que arrisquei;
Você é o melhor presente, melhor dádiva, você pode ser a melhor perda mas não tem problema, você vai ser feliz;
Você é fase, você é instante é presente é futuro você é eterno;
Você é o sorriso de criança, é a revolta do adolescente, você é a maturidade do adulto e a sabedoria do mais velho;
Você, é todo cuidado que alguém pode ter, de você irei cuidar;
Você é a pureza, é o especial, é intenso, você é cristalino como a água;
Você para mim é o arroz e eu sou o feijão e a vida é o café com o leite;
Você é um sentimento, é a frequência cardíaca, é a pulsação, você é o coração gigantesco;
Você é o Oi, é o tchau, é o adeus, mas você é VOCÊ!!!
Você é a cama quentinha, o leite na caneca, o edredom mais gostoso;
Você é o casulo, é a lagarta, a borboleta;
Você é adorável, você é carinhoso, você é importante, você é AMOR;
Você, Você, você........

(Aline Savieto)
(Pensador)

Desconhecidos, eram duas almas
Que agiam e pensavam iguais.
Destemidos, não havia como impedir o
Encontro entre esses tais.
Imaginativos, podiam ser os dois que viviam
Em lugares distantes.
Impulsivos, são para sempre um do outro
Como eternos amantes.

A história deles ainda será
Contada um belo dia,
De como havia sido encontrada
A grande alegria,
Através de uma tela de computador, acredite,
Aprenderam sobre como é o amor, não evite.

Todo o suspense em virtude de nossos atos.
Quando se encontrará,
A verdade que surgirá.
Tomo a primeira atitude, os primeiros passos.
Onde vamos nos encontrar,
O destino não pode tardar.

Alguém está andando?
Nosso tempo está passando.
O que estou falando?
Nosso tempo está passando.
Algo está faltando?

Nosso tempo está passando.
Tempo de amar,
Tempo de querer,
Tempo de alegrar,
Tempo de te ver.

Desconhecidos, não mais serão,
Tudo será lindo,
Amados, em todo o nosso bem,
A vida será linda.
Depois desse amor por computador
Nada mais será real e sim especial.

Há aproximadamente 15 anos atrás quando eu era apenas uma criança, um anjo procurou-me e confiou a mim uma missão muito importante, ele me disse que o anjo mais lindo e mais especial do senhor avia sido enviado a terra, para levar alegria aos corações das pessoas que tenham o prazer e a sorte de conhecê-lo.

E que o meu dever é proteger, amar, dar alegrias e muito carinho a este anjo, aquela situação me deixou muito espantado e sem entender muito do que estava acontecendo eu perguntei a ele, como iria fazer isso sendo tão pequeno e fraco, ele me respondeu, que ia fazer com que eu crescesse e me tornasse uma pessoa com potencial para realizar tal tarefa.

Ele também me disse que eu iria ter que procurar por este anjo e que durante esta procura, eu iria encontrar varias dificuldades, entre as quais fogo e água, sol e chuva, calor e frio, tristezas e alegrias, e que algumas vezes eu iria até me enganar achando que avia encontrado o meu anjo, e que por estes erros eu iria pagar caro, pagar com solidão e sofrimento, mas que as duas maiores dificuldades mesmo iam ser, conquistar o meu anjo e o tempo.

O tempo por que ele ia fazer com que eu ficasse ansioso e em alguns momentos até pensasse em desistir, mas ele também disse que conquistar o meu anjo não iria ser nada fácil, mas eu deveria persisti, persisti até consegui. E antes que ele encerra-se a conversa eu perguntei como ia saber quem é o meu anjo e ele me respondeu que eu iria saber quando o encontra-se, e que ia ser recompensado por todos os sacrifícios pelos quais passei e que o meu anjo ia ter o que lê foi prometido quando fostes envia do a terra.

E agora tendo superado todas as dificuldades anteriores tenho certeza de que finalmente encontrei o meu anjo e é por isso que estou insistindo tanto, quero que saibas que gosto muito de você e que tenho certeza de que tu és o meu anjo, talvez esta seja uma das ultimas chances que tenho de conquistar você, por isso, mesmo correndo o risco de parecer bobo, chato e não ser perdoado pelo silencio eu te peço “fica comigo!!!”.

Querida amiga, sei que está triste porque ainda não encontrou o amor que espera e procura, e eu entendo a sua tristeza, mas nela não quero que demore o seu coração, pois eu tenho a certeza de que muito brevemente o que procura será encontrado.
Basta olhar você, escutar você falar, para perceber que você é uma pessoa maravilhosa e que merece toda a felicidade do mundo.

Você merece amar e ser amada na mesma intensidade. Você merece ser tratada como uma princesa, com todo o carinho e dedicação, e talvez por isso esse amor que tanto anseia esteja demorando, porque essa pessoa que vai chegar está aprimorando a própria maneira de ser para poder estar à sua altura.
O amor vai chegar, meu bem, mas enquanto espera não desespere e vá desfrutando do que a vida lhe vai oferecendo, de outros tipos de amor, como a amizade ou o amor da família.

O título desse texto na verdade não é meu, e sim de um poema do uruguaio Mario Benedetti. No original, chama-se "Alegría de la tristeza" e está no livro "La vida ese paréntesis" que, até onde sei, permanece inédito no Brasil.

O poema diz que a gente pode entristecer-se por vários motivos ou por nenhum motivo aparente, a tristeza pode ser por nós mesmos ou pelas dores do mundo, pode advir de uma palavra ou de um gesto, mas que ela sempre aparece e devemos nos aprontar para recebê-la, porque existe uma alegria inesperada na tristeza, que vem do fato de ainda conseguirmos senti-la.

Pode parecer confuso mas é um alento. Olhe para o lado: estamos vivendo numa era em que pessoas matam em briga de trânsito, matam por um boné, matam para se divertir. Além disso, as pessoas estão sem dinheiro. Quem tem emprego, segura. Quem não tem, procura. Os que possuem um amor desconfiam até da própria sombra, já que há muita oferta de sexo no mercado. E a gente corre pra caramba, é escravo do relógio, não consegue mais ficar deitado numa rede, lendo um livro, ouvindo música. Há tanta coisa pra fazer que resta pouco tempo pra sentir.

Por isso, qualquer sentimento é bem-vindo, mesmo que não seja uma euforia, um gozo, um entusiasmo, mesmo que seja uma melancolia. Sentir é um verbo que se conjuga para dentro, ao contrário do fazer, que é conjugado pra fora.

Sentir alimenta, sentir ensina, sentir aquieta. Fazer é muito barulhento.

Sentir é um retiro, fazer é uma festa. O sentir não pode ser escutado, apenas auscultado. Sentir e fazer, ambos são necessários, mas só o fazer rende grana, contatos, diplomas, convites, aquisições. Até parece que sentir não serve para subir na vida.

Uma pessoa triste é evitada. Não cabe no mundo da propaganda dos cremes dentais, dos pagodes, dos carnavais. Tristeza parece praga, lepra, doença contagiosa, um estacionamento proibido. Ok, tristeza não faz realmente bem pra saúde, mas a introspecção é um recuo providencial, pois é quando silenciamos que melhor conversamos com nossos botões. E dessa conversa sai luz, lições, sinais, e a tristeza acaba saindo também, dando espaço para uma alegria nova e revitalizada. Triste é não sentir nada.

(Martha Medeiros)

Eu sei, eu sei, o eterno clichê “isso passa”. Passa sim e, quando passar, algo muito mais triste vai acontecer: eu não vou mais te amar.

É triste saber que um dia vou ver você passar e não sentir cada milímetro do meu corpo arder e enjoar. É triste saber que um dia vou ouvir sua voz ou olhar seu rosto e o resto do mundo não vai desaparecer.

O fim do amor é ainda mais triste do que o nosso fim. Meu amor está cansado, surrado, ele quer me deixar para renascer depois, lindo e puro, em outro canto, mas eu não quero outro canto, eu quero insistir no nosso canto.

Eu me agarro à beiradinha do meu amor, eu imploro pra que ele fique, ainda que doa mais do que cabe em mim, eu imploro pra que pelo menos esse amor que eu sinto por você não me deixe, pelo menos ele, ainda que insuportável, não desista.

(Tati Bernardi)

O amor deve falar uma linguagem que eu não entendo. As pessoas falam em felicidade e exibem os seus sorrisos de cumplicidade. Os livros guardam histórias de paixões que mudaram a vida dos seus intervenientes. Mas a mim, o amor apenas trouxe tristeza e decepção.

Eu não acredito mais que a minha hora acabará por chegar e o meu coração fechou as portas a sentimentos românticos. Talvez o tempo prove que estou errada, mas por agora prefiro a paz da minha solidão.

De todo o tipo de amor, o de mãe para seus filhos é, sem sobre de dúvida, o mais forte. O arrebatador. Esse sentimento é o que eu tenho por vocês, meus filhos, meus amores.

Fiquem sabendo – e sei passo a vida dizendo isso – que dava minha vida por vocês. Faria tudo, aliás, eu sei que faço tudo pela bem-estar de vocês. Essa é minha missão aqui. E é isso que me deixa em paz.

Sempre pedi a Deus que me desse filhos perfeitos. Nunca de forma estética, sabem? Mas por dentro. De coração. E Deus me ouviu. Vocês meus queridos, são, para mim, o rosto da graça que é a vida! O que mais posso pedir? Se pedir algo mais a Deus, estarei sendo ingrata! Ele já me dá tanto.

Sempre que me encontrarem alegre, feliz, por favor, se lembrem que a razão de toda minha sorte e alegria é a vossa existência. O resto são apenas pormenores!

Façam sempre o que sempre fizeram até hoje.
Amo vocês por serem como são.
Vossa casa é em meu coração.