Mensagens de Planejamento


Planejar não é criar planos rígidos a serem seguidos independentemente do que acontecer na vida. Fazer um planejamento de vida é traçar objetivos e metas a serem alcançados, considerando a situação atual e analisando as possibilidades futuras.

Da mesma forma como a vida muda, o planos também pode mudar. Ter um planejamento de vida não é viver numa prisão. Por isso, um planejamento de vida deve ser flexível e considerar muitas variáveis possíveis… Ter planos é simplesmente andar livremente, mas com passos seguros.

Um planejamento nos mostra o melhor caminho para chegar ao destino desejado. Ter um planejamento, é como ter um mapa que, claro, não nos ajuda a prever o futuro. Mas se por acaso aparecerem estradas interditadas, com um planejamento em mãos, é sempre possível encontrar outros caminhos para se chegar onde se pretende.

Há quem goste de percorrer a vida, sem planos e sem destino. Há, inclusive quem tenha medo de fazer planos, talvez até por medo de fracassar. É uma escolha possível... Viver sem planos é uma maneira de viver tão legítima quanto qualquer outra. Mas quem não tem planos, deve estar preparado para tudo o que aparece à frente, para todos os imprevistos. E nem todo mundo está preparado para isto. As decisões tomadas sob pressão diante de acontecimentos inesperados nem sempre são as melhores, e só o tempo será capaz de nos mostrar. Por isso, planejar é saber por onde se pode pisar, sem correr tantos riscos de afundar.

Uma das principais funções administrativas, o Planejamento, o “P” do PODC ( Planejar, Organizar, Dirigir e Controlar), como função é fundamental para as organizações, é desta função que parte todas as ações previstas da organização, é a dela também que temos a oportunidade de fazer uma análise mais profunda do mercado e da própria organização. Outro ponto é a elaboração dos objetivos organizacionais.

As organizações nascem com propósitos às vezes não tão claros, nascem da vontade dos seus fundadores, que nem sempre estão comungadas com o mercado, e isto é que na maioria das vezes leva uma organização a uma morte prematura.

O planejamento é uma peça fundamental que começa com a formulação dos objetivos organizacionais, e estes estão ligados a visão desta organização, aos seus propósitos futuros. A elaboração dos objetivos tem seus pontos chaves, que começam com a análise tanto do ambiente interno da empresa, quanto o ambiente externo, não adianta também planejar objetivos futuros que certamente não serão cumpridos, isto é sonho, sonhar é bom, mas até mesmo sonhos para se tornar realidade devem estar atrelados a possibilidades verdadeiramente possíveis. Imaginar aonde vamos estar em um determinado tempo é um exercício interessante, pois por meio disto é que vamos construir possibilidades, e estas possibilidades é que são a tentativa de perpetuação, ou melhor, a tentativa de uma duração mais longa para a nossa empresa.

Um erro muito comum é afirmar que o planejamento estratégico é muito difícil de se fazer, e de se cumprir, não é difícil e sim trabalhoso, pois requer uma análise bem detalhada dos ambientes. É um exercício que envolve toda a organização e tem que ser construído a várias mãos, mas definido pela liderança da empresa. Isto toma tempo, esforço, até mesmo um custo, mas tudo é compensado pelo fato que com o planejamento evitamos erros futuros e economizamos tempo e recursos.

Outro erro comumente existente é de achar que depois de todo o esforço com a elaboração do planejamento este é uma peça acabada e não pode ser mudada. Todo planejamento deve sofrer um acompanhamento, e este acompanhamento está ligado ao controle, outra função administrativa, mas principalmente aos resultados esperados, resultados estes que irão fazer com que os objetivos sejam alcançados ou não.

A grande maioria das organizações não faz um planejamento, e vão andando de acordo com o sabor do vento, isto é importante apenas para os velejadores amadores, pois os velejadores profissionais também planejam muito bem suas ações.

Faça agora uma reflexão, quais são os objetivos da sua organização para os próximos cinco anos, ou melhor pare este exercício, se a resposta foi não sei, sua organização faz parte de uma grande maioria de empresas que não sabe para onde vai, isto não é bom.

(Iran Barros)
(Administradores)

O dia de amanhã é hoje uma surpresa! Nada é garantido quando o assunto é o futuro, contudo é fundamental acreditar, ter fé que o momento seguinte será maravilhoso. É por isso que é absolutamente necessário planejar sua vida. Por vezes, é mais bonito o planejamento que a própria conquista.

É que o sonho rejuvenesce qualquer pessoa. Além de todas essas coisas, se você trabalhar para atingir algo no futuro, tudo será mais gratificante e sempre diminui as probabilidades de fracasso. Hoje é o dia de planejar seu dia de amanhã!

Depois de algum tempo você aprende a diferença,
a sutil diferença entre dar a mão e acorrentar uma alma.

E você aprende que amar não significa apoiar-se, e que
companhia nem sempre significa segurança.

E começa a aprender que beijos não são contratos e
presentes não são promessas. E começa a aceitar suas
derrotas com a cabeça erguida e olhos adiante, com a
graça de um adulto e não com a tristeza de uma criança.

E aprende a construir todas as suas estradas no hoje,
porque o terreno amanhã é incerto demais para os
planos, e o futuro tem o costume de cair em meio ao vão.

Depois de um tempo você aprende que o sol queima se ficar
exposto por muito tempo. E aprende que não importa o quanto
você se importe, algumas pessoas simplesmente não se importam...

E aceita que não importa quão boa seja uma pessoa, ela vai
feri-lo de vez em quando e você precisa perdoá-la por isso.

Aprende que falar pode aliviar dores emocionais.

Descobre que se leva anos para se construir confiança e apenas
segundos para destrui-la, e que você pode fazer coisas em um
instante, das quais se arrependerá pelo resto da vida.

Aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer mesmo
a longas distâncias. E o que importa não é o que você tem na vida,
mas quem você tem na vida. E que bons amigos são a família que
nos permitiram escolher.

Aprende que não temos que mudar de amigos se compreendemos
que os amigos mudam, percebe que seu melhor amigo e você
podem fazer qualquer coisa, ou nada, e terem bons momentos juntos.

Descobre que devemos deixar as pessoas que amamos com
palavras amorosas, pode ser a última vez que as vejamos.

Aprende que as circunstâncias e os ambientes tem influência
sobre nós, mas nós somos responsáveis por nós mesmos.

Começa a aprender que não se deve comparar com os outros,
mas com o melhor que pode ser. Descobre que se leva muito tempo
para se tornar a pessoa que quer ser, e que o tempo é curto.

Aprende que não importa onde já chegou, mas onde está indo,
mas se você não sabe para onde está indo, qualquer lugar serve.

Aprende que, ou você controla seus atos ou eles o controlarão,
e que ser flexível não significa ser fraco ou não ter personalidade,
pois não importa quão delicada e frágil seja uma situação,
sempre existem dois lados.

Aprende que heróis são pessoas que fizeram o que era
necessário fazer, enfrentando as consequências.

Aprende que paciência requer muita prática.

Descobre que algumas vezes a pessoa que você espera
que o chute, quando você cai é uma das poucas que o ajudam
a levantar-se.

Aprende que maturidade tem mais a ver com os tipos de
experiências que se teve, e o que você aprendeu com elas,
do que com quantos aniversários você celebrou.

Aprende que há mais dos seus pais em você do que você supunha.

Aprende que nunca se deve dizer a uma criança que sonhos
são bobagens, poucas coisas são tão humilhantes, e seria uma
tragédia se ela acreditasse nisso.

Aprende que quando está com raiva tem o direito de estar com
raiva, mas isso não lhe dá o direito de ser cruel.

Descobre que só porque alguém não o ama do jeito que você
quer que ame, não significa que esse alguém não sabe amar,
contudo, o ama como pode, pois existem pessoas que nos amam,
mas simplesmente não sabem como demonstrar ou viver isso.

Aprende que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém,
algumas vezes você tem que aprender a perdoar-se a si mesmo.

Aprende que com a mesma severidade com que julga, você será
em algum momento condenado. Aprende que não importa em
quantos pedaços seu coração foi partido, o mundo não para para
que você o conserte.

Aprende que o tempo não é algo que possa voltar para trás,
portanto, plante seu jardim e decore sua alma, ao invés de esperar
que alguém lhe traga flores...

E você aprende que realmente pode suportar... que realmente é
forte, e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não
se pode mais.

E que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida!

Nossas dúvidas são traidoras e nos fazem perder o bem que poderíamos
conquistar, se não fosse o medo de tentar.

Quantas vezes nos questionamos se estamos felizes no trabalho e se fazemos aquilo que realmente gostamos? Muitas vezes até sonhamos com outra ocupação. Mas o que fazer? Largar tudo e tentar algo melhor?

No tempo dos nossos pais ou avós era muito comum que os profissionais permanecessem a vida toda em uma única empresa na mesma área e muitos anos realizando a mesma atividade. Como o importante era ter emprego e salário para sustentar a família, bastava fazer o seu trabalho direito e obedecer à empresa, que tudo estava resolvido. Os valores eram outros, um bom emprego era aquele que lhe dava estabilidade e salário.

(...)

O dinamismo do contexto econômico atual faz com que profissões novas surjam a cada dia, assim como outras caem na obsolescência. Neste último caso, o profissional se vê obrigado a fazer uma mudança de carreira para garantir sua manutenção no mercado. O mesmo ocorre com carreiras que estão saturadas de profissionais. Como tem oferta sobrando, faltam oportunidades, e a tendência, nessa situação, é que as remunerações também caiam.

Outro motivo para uma mudança de carreira e que está cada vez mais comum é a descoberta de que a carreira escolhida não o faz feliz. Claro que nesse caso é importante analisar se o problema é momentâneo. Uma insatisfação com a função atual pode ser resolvida com uma mudança de função ou de área, por exemplo. Assim como se o problema for com a empresa, a busca de uma nova colocação pode solucionar a questão. Por isso uma autoanálise profunda é crucial nestas situações.

É comum também a mudança de carreira na busca de mudança de estilo de vida. Por exemplo, profissionais que têm uma rotina densa de trabalho que inclui muitas viagens, horas extras frequentes, trabalho aos finais de semana, acabam buscando uma opção mais “light”.

Para resolver este problema, siga alguns passos que podem ajudá-lo nessa transição:

Faça uma pesquisa: Identifique sua área de interesse, que outra profissão você gostaria de seguir e o que você acredita que lhe fará mais feliz? Feito isso, vamos conhecer a realidade desta profissão. Para isso, pesquise, busque informações sobre ela, converse com profissionais atuantes, obtenha dados sobre o mercado desta área. Antes de iniciar qualquer ação, é importante se certificar que a mudança valerá à pena.

Busque uma autoavaliação: Identifique seus pontos fortes e fracos, as oportunidades e as ameaças que você vislumbra no mercado. Faça um planejamento de como será a mudança, sempre tendo em mente que ela não será simples, tampouco rápida. Para ajudar nessa etapa, uma opção é buscar o serviço de Counseling, ou Aconselhamento de Carreira. Neste serviço, os especialistas realizam um mapeamento completo das competências do profissional, assim como apontam possíveis caminhos para seu desenvolvimento. Promovem o autoconhecimento, enumeram estratégias e desenvolvem um planejamento de carreira e de objetivos pessoais em conjunto com o profissional.

Estudar é preciso: A mudança de carreira pode também significar a necessidade de voltar ao banco da escola. Pode ser uma graduação, um curso técnico ou uma especialização. A falta de experiência na nova área deverá ser suprida com muito estudo e atualização. Você pode aproveitar suas férias e finais de semana para desenvolver projetos. Participações voluntárias, inclusive, podem ser uma boa opção para adquirir alguma experiência.

Planeje-se: Deve-se dar atenção especial à questão financeira. No começo da mudança de carreira, o mais provável é que a recompensa seja menor que a esperada. Você pode estudar uma redução de salário, mesmo que temporária. Um planejamento financeiro adequado poderá minimizar o impacto no seu padrão de vida. Por isso considero que o melhor momento para fazer uma mudança como esta sempre é quando se tem uma boa reserva financeira, que possa te sustentar neste período de preparação.

Preparação e motivação: Por último, mas não menos importante, será necessária uma alta dose de motivação e dedicação de sua parte. Uma mudança de carreira exige muito esforço e comprometimento. Tenha a certeza de que dificuldades irão surgir, por isso, grande parte do seu sucesso dependerá exclusivamente de você. Boa sorte!

(Bernt Entschev)
(Amanhã)

Certamente não há quem goste de se sentir decepcionado, seja com alguma pessoa ou algum momento muito esperado, ninguém gosta de ter uma surpresa desagradável. Muitas vezes a decepção pode estar ligada a uma expectativa sempre muito positiva em relação às situações diárias.

Esperar todas as circunstâncias de uma forma negativa também não ajudará para excluirmos a decepção das nossas vidas, o mais importante de tudo é pensar tudo é imprevisível e depende de vários fatores para terminar de maneira positiva ou negativa.

Ao percebermos que tal fato não aconteceu como esperávamos, não podemos nos achar tão poderosos ao ponto de que o futuro ocorrerá perfeitamente como foi planejado. Apesar do planejamento ser um bom guia para evitar um transtorno ou uma engano, temos que contar com o acaso e os imprevistos que não podem ser controlados.

Porque o mundo é assim?
Planos são destruídos pelo tempo
A vida não é, e nunca será a mesma
Pessoas, amigos que nunca você vai encontrar
Amigos de verdade são poucos,
Apenas alguns nas entrelinhas da vida
Rostos que marcaram presença,
Amigos que marcaram época,
Hoje é tempo de guardar profundamente esses amigos
Lembrar dos momentos e dos risos
Porque tudo que é bom a gente não esquece
Imagino esses amigos se afastando
Cada um seguindo seu rumo
A depressão que tomar conta
Não posso calar minha boca

Tenho que dizer
Te Amo Meu(Minha) Amigo(a)
Foi um prazer te conhecer...nunca mais vou te esquecer
Não importa se foi um dia, um ano,
ou uma vida inteira, que nós nos conhecemos
Se somos amigos essa chama nunca ira se apagar
Lembre-se que você sempre terá um lugar para morar
No meu coração você sempre estará...
Pode parecer...esta evidente que estou triste

Nos formaremos, cada um construirá uma família
Partirá deixando lagrimas
Todos chorando pelo seu amigo
Contaremos ao nossos netos histórias...
histórias da nossa vida, das brincadeiras,
dos momentos felizes, dos tristes...
Mas o mais importante,
Histórias dos nossos amigos.

Esqueça os dias quando forem cinzentos, mas não esqueça o brilho dos Sol.
Esqueça as horas quando foi derrotado, mas não esqueça da vitórias que teve.
Esqueça todos os erros que vc não pode mudar mais, mas não esqueça das lições que aprendeu.
Esqueça as tristezas que encontrarás, mas não esqueça as vezes que sua sorte mudou.
Esqueça os dias que vc ficou só, mas não esqueça os amigos que teve.
Esqueça os planos que pareciam não dar certo, MAS NÃO ESQUEÇA DE SONHAR.

Cá entre nós e que ninguém nos ouça:

É pena que alguns familiares, amigos e conhecidos
não consigam entender a grandeza da amizade
que compartilhamos através da nossa rede virtual.

Eles não podem compreender
como pessoas podem trocar tanto carinho,
sem nunca ter se encontrado,
sem nunca ter se visto,
sem nunca ter se conhecido pessoalmente.

Cá entre nós e que ninguém nos ouça:

Eu quero que você saiba como você é importante
e o quanto representa para mim neste espaço virtual.

Nós dividimos nossos pensamentos,
nossos sonhos, nossos planos para o futuro ...

Com que outro meio faríamos isso tão bem?!?

Eles não sabem que nós
não nos julgamos nem nos condenamos:
apenas buscamos e oferecemos mãos para ajudar.

Não sabem que trocamos abraços ( e até beijinhos! )

Eles não sabem que nós,
amigos virtuais, nos preocupamos um com o outro,
ponderamos situações
e trocamos tantas coisas que aprendemos aqui.

Eles não sabem o quanto podemos e temos ainda a aprender!

Cá entre nós e que ninguém nos ouça:

Eu quero que você saiba
que meus dias são mais brilhantes
e que meus pensamentos são muito mais felizes
só por sua causa.

Eis porque agora eu lhe envio esta "sigilosa" mensagem:

Quero que você sinta
que existe alguém aqui que se importa com você,
que quer dar brilho ao seu dia,
que deseja-lhe toda a felicidade
em todos os dias de sua vida!

Cá entre nós e que ninguém nos ouça:

Eu agradeço aos céus este mundo virtual
porque sem ele eu nunca conseguiria
chegar assim tão perto de você!

Não respondo teus e-mails, e quando respondo sou ríspido, distante, mantenho-me alheio: FAZ DE CONTA QUE EU TE ODEIO

Te encho de palavras carinhosas, não economizo elogios, me surpreendo de tanto afeto que consigo inventar, sou uma atriz, sou do ramo: FAZ DE CONTA QUE EU TE AMO.

Estou sempre olhando para o relógio, sempre enaltecendo os planos que eu tinha e que os outros boicotaram, sempre reclamando que os outros fazem tudo errado: FAZ DE CONTA QUE EU DOU CONTA DO RECADO.

Debocho de festas e de roupas glamorosas, não entendo como é que alguém consegue dormir tarde todas as noites, convidados permanentes para baladas na área vip do inferno: FAZ DE CONTA QUE EU NÃO QUERO.

Choro ao assistir o telejornal, lamento a dor dos outros e passo noites em claro tentando entender corrupções, descasos, tudo o que demonstra o quanto foi desperdiçado meu voto: FAZ DE CONTA QUE EU ME IMPORTO.

Digo que perdôo, ofereço cafézinho, lembro dos bons momentos, digo que os ruins ficaram no passado, que já não lembro de nada, pessoas maduras sabem que toda mágoa é peso morto: FAZ DE CONTA QUE EU NÃO SOFRO.

Cito Aristóteles e Platão, aplaudo ferros retorcidos em galerias de arte, leio poesia concreta, compro telas abstratas, fico fascinada com um arranjo techno para uma música clássica e assisto sem legenda o mais recente filme romeno: FAZ DE CONTA QUE EU ENTENDO.

Tenho todos os ingredientes para um sanduíche inesquecível, a porta da geladeira está lotada de imãs de tele-entrega, mantenho um bar razoavelmente abastecido, um pouco de sal e pimenta na despensa e o fogão tem oito anos mas parece zerinho: FAZ DE CONTA QUE EU COZINHO.

Bem-vindo à Disney, o mundo da fantasia, qual é o seu papel? Você pode ser um fantasma que atravessa paredes, ser anão ou ser gigante, um menino prodígio que decorou bem o texto, a criança ingênua que confiou na bruxa, uma sex symbol à espera do seu cowboy: FAZ DE CONTA QUE NÃO DÓI.

Não deixe aqueles sonhos que acha impossível de acontecer atrapalhar sua felicidade, levante a cabeça e perceba que às vezes aquilo que acha impossível pode ser apenas um pouco mais difícil.

Se pretender ter um sonho concretizado, comece primeiramente a enumerar as possibilidades de conseguir realiza-lo, mesmo aqueles que parecem um pouco distante da sua realizada, com paciência e planejamento, pode ser alcançado.

Seja o comandante da sua vida, não permita que as dificuldades levem o seu sorriso, nem impeça que sua vida possa ser transformada. A maneira como encara seus problemas define a presença ou ausência da felicidade.

Não ouse ser infeliz, a vida passa muito rápido para perdermos tempo com sentimentos ruins, pense positivamente e aquilo que é seu, certamente vai conseguir!

O sucesso é construído à noite!
Durante o dia você faz o que todos fazem.”
Não conheço ninguém que conseguiu realizar seu sonho, sem sacrificar feriados e domingos pelo menos
uma centena de vezes.
Da mesma forma, se você quiser construir uma relação amiga com seus filhos, terá que se dedicar a isso, superar o cansaço, arrumar tempo para ficar com eles, deixar de lado o orgulho e o comodismo.
Se quiser um casamento gratificante, terá que investir tempo, energia e sentimentos nesse objetivo.
O sucesso é construído à noite!
Durante o dia você faz o que todos fazem.
Mas, para obter resultado diferente da maioria, você tem que ser especial.
Se fizer igual a todo mundo, obterá os mesmos resultados.
Não compare à maioria, pois infelizmente ela não é modelo de sucesso.
Se você quiser atingir uma meta especial, terá que estudar no horário em que os outros estão
tomando chope com batatas fritas.
Terá de planejar, enquanto os outros permanecem à frente da televisão.
Terá de trabalhar enquanto os outros tomam sol à beira da piscina.
A realização de um sonho depende de dedicação.
Há muita gente que espera que o sonho se realize por mágica.
Mas toda mágica é ilusão.
A ilusão não tira ninguém de onde está.
Ilusão é combustível de perdedores.
” Quem quer fazer alguma coisa, encontra um meio.
Quem não quer fazer nada, encontra uma desculpa.”


(Roberto Shinyashiki)

Existe somente uma idade para a gente ser feliz,
somente uma época na vida de cada pessoa
em que é possível sonhar e fazer planos
e ter energia bastante para realizá-las
a despeito de todas as dificuldades e obstáculos.

Uma só idade para a gente se encantar com a vida e viver apaixonadamente
e desfrutar tudo com toda intensidade
sem medo, nem culpa de sentir prazer.

Fase dourada em que a gente pode criar
e recriar a vida,
a nossa própria imagem e semelhança
e vestir-se com todas as cores
e experimentar todos os sabores
e entregar-se a todos os amores
sem preconceito nem pudor.

Tempo de entusiasmo e coragem
em que todo o desafio é mais um convite à luta
que a gente enfrenta com toda disposição
de tentar algo NOVO, de NOVO e de NOVO,
e quantas vezes for preciso.

Essa idade tão fugaz na vida da gente
chama-se PRESENTE
e tem a duração do instante que passa.

A inveja provoca a cegueira e desperta a ganância. Conta-se que um dia a inveja e a ganância passeavam de mãos dadas. De repente, tropeçaram numa lâmpada maravilhosa e de lá saiu um gênio. Ele foi logo perguntando:
- Quem são vocês?
A inveja bateu no peito e disse:
- Sou a inveja. Estou caminhando com minha amiga ganância.
E o gênio pergunta?
- Quem é a mais velha, você ou a ganância?
- Eu, disse a inveja, eu nasci primeiro.
E o gênio virou-se para a inveja e disse:
- Você pode pedir tudo o que você quiser. Entendeu? Tudo. Só que eu darei em dobro para a ganância aquilo que você pedir.
A inveja pensou, pensou, pensou e disse: - Fura um olho meu.
Muita gente perde ótimas oportunidades pela vida afora, porque ficou o tempo todo contabilizando o que o outro tem. Fica imaginando um jeito de prejudicar, explorar, de tomar, de se comparar.
O invejoso não é só invejoso! É fingido também.
Para não despertar tanta inveja nos outros, evite contar suas vitórias retumbantes, conte suas lutas diárias! O invejoso ficará mais aliviado com suas dores na sobrevivência. Há um ditado popular que diz: "Não grite sua felicidade tão alto, a inveja tem sono leve.”
Não dê relatório do seu patrimônio financeiro nem cultural, seja simples. Inveja de rico talvez seja pior do que inveja de pobre. O rico finge que não viu e sofre, porque você conseguiu o seu charme. Aí começa a esnobar, contar vantagem. Fantasia-se para o carnaval social e vai cheio de brilhos e paetês na comissão de frente! O pobre não disfarça, vê e sofre, empina o nariz, cultiva complexos. Ambos perturbam, desgastam, estressam.
Comece agora mesmo um novo jeito de viver! Nunca compare o que você tem hoje com o que o outro tem. Compare o que você tem hoje com o que você não tinha ontem.
Nunca olhe para as conquistas alheias e se esqueça das suas. Nunca finja que não viu os talentos, dons e virtudes do outro. Comece agora a treinar para elogiar o próximo vitorioso. Planeje sua vida para melhorar, pelo menos, 1% todo dia!
Tire a lupa de cima dos defeitos e erros do seu vizinho, do amigo, do colega de trabalho. Faça um balanço diário, com avaliação de suas atitudes por onde você caminha e influencia.

(Ivone Boechat)

Essa nossa amizade...
Será engano?
Esse teu jeito de perdoar...
Será engano??
Esse modo como me conta os teus planos, tristezas e alegrias...
Será engano?
O que meu coraçao pensa a respeito de você...
Será engano?
O que todos me dizem...
Mas se for engano...o meu perdão e minhas desculpas, são maiores.
E se um dia, eu descobrir, que o que fizemos, sentimos e falamos foram mentiras...
me PERDOE...
talvez, eu não soube te perdoar como eu devia!