Mensagens de Verdadeiras Amizades


Poucos são os que se podem orgulhar e alegrar por, na sua vida, possuírem uma amizade verdadeira e de tantos anos quanto a nossa.
Por todos esses anos, e pelo inestimável sentimento que nos une, eu te agradeço de coração, meu amigo!
São muitos momentos colecionados, alegria compartilhadas, tristezas divididas.
Obrigado por tudo, amigo! É uma alegria e um conforto incomparáveis o ter você sempre presente em minha vida.

Se há coisa que põe a gente para baixo, essa coisa se chama ingratidão. Mas se há coisa que arrasa você ao ponto de se sentir infinitamente machucado, essa coisa é a ingratidão de seu maior amigo.

É triste quando você se entrega à amizade, à pessoa e acaba verificando que não encontra gratidão nos atos do seu melhor amigo. Quando é assim, fica fácil enxergar que essa sua relação nunca foi madura e verdadeira.

Houve tempos em que precisei chorar,
e você me consolou.
Houve tempos em que sorri,
e você sorriu comigo.
Houve tempos em que briguei, questionei
e você me apoiou.
Houve tempos em que sonhei, lutei, acreditei
e vivi intensamente muitas emoções.

E você, com sua amizade verdadeira
esteve ao meu lado,
enfrentando todos os obstáculos,
acreditando em mim e em meus ideais.
Houve tempos em que me senti sozinho,
mas como um presente maravilhoso de Deus
você apareceu em minha vida
com seu jeito especial e sua amizade verdadeira.
E hoje não mais estou só, porque tenho você!

Os verdadeiros amigos surgem na nossa vida nas horas que mais precisamos deles,
são lápis de cor trazendo alegria, a essa nossa vida cinzenta,
são estrelas que guiam para um porto seguro, o triste e solitário navegador,
são passos suaves na rua deserta,
são traços sensíveis na pele guerreira,
são lindas tatuagens com formas bonitas,
pois ficam pra sempre na vida da gente.

Nos últimos tempos, conservar boas amizades não tem sido um tarefa muito fácil, principalmente as mais antigas. As pessoas estão cada vez mais independentes, sentindo-se livres para expressar os seus sentimentos e já não são mais forçadas pela sociedade a manter determinado tipo de comportamento.

Talvez por absorvemos esta sensação de liberdade, as verdadeiras amizades podem ser raras, mas por outro lado, são muito mais autênticas, espontâneas e honestas. Estar rodeado de verdadeiras amizades nos possibilita alcançar bons momentos de felicidade de uma forma muito mais rápida e fácil.

Transformar antigas amizades em amizades verdadeiras pode não ser algo habitual, mas quando acontece, temos o privilégio de receber mais alegria na vida. Passamos a alimentar a nossa alma com sentimentos verdadeiros, que nos deixam ainda mais perto da felicidade por muito mais tempo.

Amigos verdadeiros são raros, preciosidades que pintam nossas vidas com alegres cores, com sorrisos espontâneos, com genuína alegria.
Amigos de verdade deixam marca eterna e uma saudade infinita, semelhante à que agora sinto dos meus, amigos de verdade, amigos para todas as ocasiões sem exceção, sem condição ou senão.
Saudades de vocês, queridos amigos! Saudades profundas dos vossos abraços sinceros.

Eu tenho a sorte de ter os melhores amigos do mundo. Amigos que são poucos, mas que valem muito na minha vida. Amigos que estão comigo para o que der e vier, que me apoiam naquilo que eu acredito, que me incentivam, que me ajudam a manter os pés no chão, mas também me deixam viajar pelo mundo da lua em segurança. Amigos que partilham comigo as suas vidas, que escrevem histórias junto comigo, e que guardam em seus corações parte das minhas lembranças.

Vocês são aquilo que se pode chamar de amigos de verdade. Eu agradeço a Deus por ter a sorte de conhecer a amizade verdadeira pelas mãos de vocês, que são pessoas incríveis, que eu admiro e respeito. Obrigado por fazerem parte da minha vida. Espero que a nossa amizade perdure e que os nossos laços se mantenham sempre firmes.

Um abraço muito carinhoso a vocês!

Perca alguns segundos lendo e torne seu dia um pouquinho mais feliz...

"Um homem, seu cavalo e seu cão, caminhavam por uma estrada. Depois de muito caminhar, esse homem se deu conta de que ele, seu cavalo e seu cão haviam morrido num acidente. As vezes os mortos levam tempo para se dar conta de sua nova condição...

A caminhada era muito longa, morro acima, o sol era forte e eles ficaram suados e com muita sede. Precisavam desesperadamente de água. Numa curva do caminho, avistaram um portão todo magnífico, todo de mármore, que conduzia a uma praça calçada com blocos de ouro, no centro da qual havia uma fonte de onde jorrava água cristalina. O caminhante dirigiu-se ao homem que numa guarita, guardava a entrada.

* Bom dia, ele disse.
* Bom dia, respondeu o homem.
* Que lugar é este, tão lindo? ele perguntou.
* Isto aqui é o céu, foi a resposta..
* Que bom que nós chegamos ao céu, estamos com muita sede, disse o homem.
* O senhor pode entrar e beber água à vontade, disse o guarda, indicando-lhe a fonte.
* Meu cavalo e meu cachorro também estão com sede.
* Lamento muito, disse o guarda. Aqui não se permite a entrada de animais.
O homem ficou muito desapontado porque sua sede era grande. Mas ele não beberia, deixando seus amigos com sede. Assim, prosseguiu seu caminho.
Depois de muito caminharem morro acima, com sede e cansaço multiplicados, ele chegou a um sítio, cuja entrada era marcada por uma porteira velha semi aberta.A porteira se abria para um caminho de terra, com árvores dos dois lados que lhe faziam sombra. A sombra de uma das árvores, um homem estava deitado, cabeça coberta com um chapéu, parecia que estava dormindo:

* Bom dia, disse o caminhante.
* Bom dia, disse o homem.
* Estamos com muita sede, eu, meu cavalo e meu cachorro.
* Há uma fonte naquelas pedras, disse o homem e indicando o lugar.
* Podem beber à vontade.
O homem, o cavalo e o cachorro foram até a fonte e mataram a sede.

* Muito obrigado, ele disse ao sair.
* Voltem quando quiserem , respondeu o homem.
* A propósito, disse o caminhante, qual é o nome deste lugar?
* Céu, respondeu o homem.
* Céu? Mas o homem na guarita ao lado do portão de mármore disse que lá era o céu!
* Aquilo não é o céu, aquilo é o inferno.
O caminhante ficou perplexo.
* Mas então, disse ele, essa informação falsa deve causar grandes confusões.
* De forma alguma, respondeu o homem. Na verdade, eles nos fazem um grande favor. Porque lá ficam aqueles que são capazes de abandonar até seus melhores amigos..."

É quando nunca estamos cansados para ouvir;
É quando existe um carinho todo especiaal;
É quando ficamos preocupados com coisas que acha-
mos que estão erradas;
É quando o amigo se faz presente até nas horas que achamos que não são precisas,
É quando existe cumplicidade;
É quando temos plena confianca;
É quando tentamos abrir os olhos do amigo quando
julgamos que esteja fazendo coisa errada e mesmo sabendo que está fazendo coisa errada não abandonamos.
Enfim,amizade é um bem muito preciso que precisamos conservar sempre,mesmo com todas as dificulda
des que a amizade possa oferecer.Amigos são pesso
as muito importantes em nossas vidas que temos que ter,e saber sempre cativá-los.

Pítias, condenado à morte pelo tirano Dionísio, passava na prisão os seus últimos dias. Dizia não temer a morte, mas, como explicar que seus olhos se enchessem de lágrimas ao ver o caminho que se abria diante das grades da prisão? Sim, era a dura lembrança dos velhos pais! Era ele o arrimo e o consolo deles. Não mais suportando, um dia Pítias disse ao tirano:

- Permita-me ir à casa abraçar meus pais e resolver meus negócios. Estarei de volta em quatro dias, sem acrescentar nem uma hora a mais.

- Como posso acreditar na sua promessa? Os caminhos são desertos. O que você quer mesmo é fugir - respondeu Dionísio, irônica e zombeteiramente.

- Senhor, é preciso que eu vá. Meus pais estão velhinhos e só contam comigo para se defenderem - insistiu Pítias com o olhar nublado de lágrimas.

Vendo que o tirano se mantinha irredutível, Damon, jovem e amigo de Pítias, interveio propondo:

- Conceda a licença que meu amigo pede; conheço seus pais e sei que carecem da ajuda do filho. Deixe-o partir e garanto sua volta dentro dos dias previstos, sem faltar uma hora, para lhe entregar a cabeça.

A resposta foi um não categórico. Compreendendo o sofrimento do amigo, Damon propôs ficar na prisão em lugar de Pítias e morreria no lugar dele se necessário fosse. O tirano, surpreendido, aceitou a proposta e depois de um prolongado abraço no amigo, Pítias partiu.

O dia marcado para sua execução amanheceu ensolarado. As horas passavam céleres e a guarda já se mostrava inquieta. Entretanto, Damon procurava restabelecer a calma, garantindo que o amigo chegaria em tempo.

Finalmente chegara a hora da execução. Os guardas tiraram os grilhões dos pés de Damon e o conduziram à praça, onde a multidão acompanhava em silêncio a cada um dos seus passos.

Subiu, então, ao cadafalso. Uma estranha agitação levou a multidão a prorromper em gritos. Era Pítias que chegava exausto e quase sem fôlego. Porém, rompendo a multidão, galgou os degraus do cadafalso, onde, abraçando o amigo, entregou-se ao carrasco sem o menor pavor.

Os soluços da multidão comovida chegaram aos ouvidos do tirano.

Este, pondo-se de pé em sua tribuna, para melhor se convencer da cena que acabava de acontecer na praça, levantou as mãos e bradou com firmeza:

- Parem imediatamente com a execução! Esses dois jovens são dignos do amor dos homens de bem, porque sabem o quanto significa uma amizade.

Amizade quando é verdadeira, como a nossa querida amiga, supera qualquer contratempo e certamente não será destruída por distância alguma.
Minha amiga, ao longo deste tempo, entre as duas apertamos um laço de amizade de tal forma forte que imensidões de tempo e distância não serão jamais capazes de quebrar.
Você é por demais especial para mim, e assim o será até ao fim dos meus dias, minha eternamente amiga!

Uma amizade verdadeira é uma jóia rara que deve ser guardada a sete chaves. Às vezes, por descuido, a gente acaba por arranhar essa jóia. Mas como o diamante, uma amizade verdadeira, não se quebra, não se arranha, ela estará sempre integra, terá sempre o seu valor preservado.

Amiga, eu sei que você está decepcionada comigo. Eu sei que lhe magoei, mas quero que você saiba que esta não era a minha intenção. A sua amizade é muito importante para mim, eu quero e preciso que você continue fazendo parte da minha vida como antes, quero que você volte a confiar em mim.

Todos nós cometemos erros, mas poucos sabem pedir perdão. Eu reconheço o meu erro e te peço desculpas. Você é minha amiga, minha jóia, meu pequeno brilhante. A nossa amizade vale muito, não a deixe se perder.

Te adoro, minha amiga.

Nem todo o trabalho é difícil e nem todos os empregos são aborrecidos, quando se tem verdadeiros colegas do nosso lado. Vocês são um grande apoio e jamais esquecerei os momentos de genuíno companheirismo, que juntos partilhamos. Obrigado por enriquecerem minha vida profissional e por se terem tornado numa segunda família para mim. Vocês estarão eternamente em meu coração.

Se somos gratos pelas coisas boas que nos acontecem na vida e ficam guardadas em nossas memórias, devemos ser mais gratos ainda por tudo aquilo que permanece do nosso lado e continua fazendo parte do nosso dia a dia.

Você foi uma bênção que surgiu no meu caminho. Mas, melhor do que isso, você se tornou a minha melhor amiga, está sempre presente em todos os momentos e eu sinto que a nossa amizade nunca irá terminar. Obrigada por tudo isso!

Minha querida amiga, neste momento em que você se prepara para começar uma nova etapa na sua vida, e que infelizmente levará você para longe de mim, eu quero antes de mais lhe desejar as maiores felicidades e toda a sorte do mundo!
Tenha por certo também que muitas serão as saudades que você deixará em meu coração.

Contudo, pouco importa quantos quilômetros se interponham entre nós, pouco importa qual a distância física ou temporal, nossa amizade é forte e verdadeira como nenhuma outra, e a tudo saberá sobreviver.

Contarei os dias até poder abraçar você de novo, com a certeza que o meu sentimento por você se manterá inalterado e apenas a saudade se fará premente e inquieta. Muitas felicidades minha querida amiga! Amiga eterna não importa o quê nem onde, até breve!