Saudades de algo que nunca existiu

A pior saudade não é aquela que é provocada pela solidão ou um qualquer adeus, mas sim aquela que é sentida quando os braços da pessoa que amamos não se abrem para nós.

Ficar próximo de quem se ama, de quem o coração deseja intensamente e não poder ter essa pessoa... Aí reside a verdadeira dor de uma saudade impossível, uma saudade de algo que nunca existiu nem vai existir.

Mensagens Relacionadas

Minha filha, meu amor por você é o maior que o mundo já viu e o mais belo que já existiu.

Não acredite em algo simplesmente porque ouviu. Não acredite em algo simplesmente porque todos falam a respeito. Não acredite em algo simplesmente porque esta escrito em seus livros religiosos. Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade. Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração.

Mas depois de muita análise e observação, se você vê que algo concorda com a razão, e que conduz ao bem e beneficio de todos, aceite-o e viva-o.

(Buda)

Todo começo de alguma coisa é especial, atrativo e renovador. Todo! Mas este nosso início de namoro é algo ainda mais forte. Sinto que nos conhecemos faz tempo e que estaremos juntos para sempre.

Eu sei que a vida nem sempre corre do jeito que queremos, mas prometo querer você todos os dias da minha vida. É que na verdade, estar ao seu lado é estar em casa! E nada é mais especial do que sentir conforto, amor e muita paixão. Te amo!

Não se abale com este momento difícil, o futuro reserva algo melhor para você. Força!

É mentira que exista a pessoa perfeita, e é irrealista pensar que no mundo podemos encontrar alguém que foi feito exclusivamente para nós. Mas com você eu aprendi que talvez seja possível nos cruzarmos com a pessoa certa, alguém capaz de despertar em nós os melhores sentimentos.

Um segundo ao seu lado é perder a noção da realidade, é perceber que a vida vale muito a pena. Você se tornou especial e eu não esperava que isso acontecesse, mas agora só quero desfrutar e cuidar de tudo aquilo que docemente nos une.