Nossa casa ficará mais vazia

Está se aproximando o dia mais especial da sua vida. Fico alegre em ver você dar esse passo tão importante, mas triste por sentir como esta casa ficará vazia e imaginar como serão as coisas com você mais longe de mim.

Ser sua irmã é um orgulho que me preenche a alma e nunca terei vergonha de o dizer. Desejo acima de tudo que você seja muito feliz e que muitas bênçãos preencham o caminho que escolheu.

Mensagens Relacionadas

Está chegando o momento de dar um passo muito importante na sua vida. Para você, representará o início de uma linda história a dois. Para nós, será o dia de vermos partir da nossa casa uma pessoa que fará muita falta.

Você irá casar e ficaremos tristes por perder alguém que nos dava muita alegria todos os dias, mas estamos por outro lado felizes em ver que está seguindo o rumo que o amor lhe indicou.

Que sua nova etapa seja muito abençoada, querida irmã!

Ante as dificuldades do cotidiano, exerçamos a paciência, não apenas em auxílio aos outros, mas igualmente a favor de nós mesmos.
Desejamos referir-nos, sobretudo, ao sofrimento inútil da tensão mental que nos inclina à enfermidade e nos aniquila valiosas oportunidades de serviço.

No passado e no presente, instrutores do espírito e médicos do corpo combatem a ansiedade como sendo um dos piores corrosivos da alma. De nossa parte, é justo colaboremos com eles, a benefício próprio, imunizando-nos contra essa nuvem da imaginação que nos atormenta sem proveito, ameaçando-nos a organização emotiva.

Aceitemos a hora difícil com a paz do aluno honesto, que deu o melhor de si, no estudo da lição, de modo a comparecer diante da prova, evidenciando consciência tranqila.

Se o nosso caminho tem as marcas do dever cumprido, a inquietação nos visita a casa íntima na condição do malfeitor decidido a subvertê-la ou dilapidá-la; e assim como é forçoso defender a atmosfera do lar contra a invasão de agentes destrutivos, é indispensável policiar o âmbito de nossos pensamentos, assegurando-lhes a serenidade necessária...

Tensão à face de possíveis acontecimentos lamentáveis é facilitar-lhes a eclosão, de vez que a idéia voltada para o mal é contribuição para que o mal aconteça; e tensão à frente de sucessos menos felizes é dificultar a ação regenerativa do bem, necessário ao reajuste das energias que desastres ou erros hajam desperdiçado.

Analisemos desapaixonadamente os prejuízos que as nossas preocupações injustificáveis causam aos outros e a nós mesmos, e evitemos semelhante desgaste empregando em trabalho nobilitante os minutos ou as horas que, muita vez, inadvertidamente, reservamos à aflição vazia.

Lembremo-nos de que as Leis Divinas, através dos processos de ação visível e invisível da natureza, a todos nos tratam em bases de equilíbrio, entregando-nos a elas, entre as necessidade do aperfeiçoamento e os desafios do progresso, com a lógica de quem sabe que tensão não substitui esforço construtivo, ante os problemas naturais do caminho. E façamos isso, não apenas por amor aos que nos cercam, mas também a fim de proteger-nos contra a hora da ansiedade que nasce e cresce de nossa invigilância para asfixiar-nos a alma ou arrasar-nos o tempo sem qualquer razão de ser.

Fala, fala, fala tanto e no final, diz tão pouco!

Querida amiga,

O maior desgosto que poderia ter em minha vida, seria perder sua importante amizade por algo tão irrelevante. Reconheço que não procedi corretamente, mas eu quero pedir desculpas por minha atitude e me certificar que não vou agir de novo desse jeito.

Você sabe como nossa amizade é fundamental para minha vida e por isso eu a quero prezar eternamente.

Sempre que nos aproximamos de uma nova etapa é muito comum repensarmos sobre tudo que nos levou até este ponto. Lembrar um pouco do que já passamos pode nos ajudar a direcionar nossas perspectivas com relação à nova fase que está começando.

A chegada de um novo ano também é uma ótima oportunidade para refletirmos sobre o que passou e ampliar o nosso horizonte para alcançar melhores ambições. Tentar não repetir os mesmos erros e atrair melhores sentimentos normalmente é um desejo comum, mas atingido por pouca gente.

Talvez se agíssemos na mesma proporção que a nossa imaginação atua, teríamos mais chances de ser feliz. Não são os erros ou os acertos que conduzem a nossa felicidade, e sim a forma como lidamos com cada um deles, negativa ou positivamente.

Se o ano que passou não foi bom o suficiente, faça pelo menos o que deu errado de uma maneira diferente. Agora, se a alegria permaneceu ao seu lado como uma grande amiga, continue no mesmo caminho, e tente repetir mais vezes os momentos que lhe renderam muitos sorrisos.