Um Dia

Um dia você olha para trás e sente tristeza, arrependimento, decepção e angústia. E por muito que queira não consegue encontrar algo de bom para lhe dar ânimo.

Um dia você olha para a sua vida e sente desespero, como se nada mais valesse a pena. Mas acredite, há pelo menos um dia assim na vida de cada um de nós.

Mas esse dia não é o fim, e pelo contrário, será o início de uma nova vida. Basta mudar o que está errado, nem que seja preciso mudar tudo.

Você não pode se entregar à tristeza! Nesse dia você pode não conseguir enxergar tudo de bom que existe à sua volta, mas chegará o dia em que sim.

Mensagens Relacionadas

Bom dia e feliz dia dos namorados, meu amor! Hoje é um dia especial em que só tenho olhos para você e para esse relacionamento mágico que nós vivemos!

Minha vida ganhou um sentido novo no momento em que vi seu rosto pela primeira vez e de lá para cá todo dia que passo ao seu lado é uma dádiva.

Meu amor, hoje nós comemoramos nosso namoro, mas saiba que todos os dias eu celebro a nossa união e a importância que você tem na minha vida.

Feliz dia dos namorados e tenha um ótimo dia! Amo muito você e não vejo a hora de nos encontrarmos!

Hoje acordei com a luz do sol invadindo meu quarto, com o brilho da vida abraçando meu corpo e me lembrando da sorte que é ter você ao meu lado. Bom dia, feliz dia dos namorados!

Sinto que a jornada de hoje vai ser incrível, simplesmente maravilhosa. Quero aproveitar todos os segundinhos desta data que serve de homenagem ao sentimento mágico que nos une desde o primeiro dia.

Meu bem, saiba que meu coração é seu e sempre será. O meu foco está também em você. O seu bem-estar é o nosso, é a minha felicidade. Prometo amar e cuidar de nós dois todos os dias e todas as noites da nossa vida.

Eu gosto muito de você, meu bem.
Feliz Dia dos Namorados!

Todos os dias sinto falta do meu pai, do bem que ele me fazia, das palavras que gravou no meu coração.

Pensava que um dia iria superar, que o tempo iria curar, mas a dor da perda de uma pessoa especial é algo que, cada vez mais, sei que nunca vou deixar de sentir.

Ainda me pego chorando em silêncio, procurando por uma mão que sei que não está mais lá. Sofro por uma pessoa que já não faz parte do mundo, mas não há como deixar a minha mente. Meu luto é algo que vou ter de aprender a conviver.

A chave para mudar o padrão das relações viciadas ou desgastadas, transformar a rotina e recuperar o espírito de entusiasmo e cooperação está em cultivar atitudes baseadas na espiritualidade.

- Procure em seu trabalho um sentido maior do que apenas um meio de sobrevivência.

Por menos gratificante que seja sua função, é um elo na imensa cadeia de trabalho que traz prosperidade e bem-estar coletivos.

- Identifique seus dons e habilidades.

Ter consciência de que você é a pessoa certa no lugar certo é fundamental para a realização. A competência tem relação direta com o prazer. Avalie se sua função preenche sua necessidade de satisfação pessoal. Se não, é hora de começar a pensar em mudar de emprego ou profissão.

- Aceite e compreenda as diferenças.
Procure ver os aspectos positivos que todos nós temos e exercite a capacidade de perdoar e se colocar no lugar das outras pessoas. Isso evita atritos e desgastes desnecessários.

- Aprenda com a diversidade de pontos de vista.
Pessoas com formação cultural, idade ou nível social diferentes do nosso têm muito a nos acrescentar. Tente se abrir para quem parece diferente de você.

- Exercite o afeto e a gentileza com chefes e colegas.
Um sorriso, ou um gesto atencioso, são suficientes para tornar as relações mais amistosas e produtivas. Seja como um ponto de luz no seu ambiente de trabalho.

- Acredite que você tem vasto potencial a ser explorado.
Às vezes perdemos chances de expansão ou mudança na profissão por não apostar em nós mesmos. É o caso de quem acha não ser capaz de aprender outro idioma.

- Viva o momento presente.
Um dos princípios do budismo destaca a importância de estar sempre focado no momento presente e fazer todas as coisas como se fosse a primeira vez. Isso nos dá motivação e nos conecta com nosso foco.

- Equilibre trabalho, família e espiritualidade.
Dê a devida atenção a cada uma dessas áreas da vida, sem achar que uma é mais importante que outra.

(Alkíndar de Oliveira)