Mensagens de Dúvidas

Encontradas mais de 111 Mensagens de Dúvidas:

Futura Mamãe

Quando um bebê decide vir ao mundo, nasce com ele uma mamãe.

Uma mãe é mãe desde o primeiro instante. Mesmo quando a vida ainda é um minúsculo ser implantado no ventre, a gente já é mãe do coração. Todo nosso pensamento, todo nosso cuidado se volta para esse serzinho que, tão minúsculo, já provoca emoções tão grandes.

A simples descoberta já nos traz um turbilhão de emoções inexplicáveis. A vida nunca mais vai ser a mesma. E nos perguntamos: "será que vou ser uma boa mãe?" "Será que vou saber cuidar do meu bebê?"

Mas uma mãe não nasce mãe e não aprende a ser em escolas. Uma mãe é e isso basta. Mãe sente, mãe adivinha, mãe aprende sofrendo, mãe sofre aprendendo.

Benditas são as mulheres! Se elas suportam uma das maiores dores, sentem sem dúvida a maior das felicidades. Uma mulher grávida é sempre algo sublime, ela tem algo de anjo e santo, uma aura invisível que reflete e ilumina seu rosto. Ela carrega nela a vida, um pedacinho dela mesma que vai um dia ter vida própria e isso é maravilhoso e assustador ao mesmo tempo.

Deve ser por isso que nos tornamos tão emotivas e choramos tão facilmente. Deve ser essa a razão de querermos estar satisfeitas em todos os nossos desejos.

Que a gravidez não é uma doença é verdade. Mas que não digam que é normal e que a pessoa pode viver normalmente, pois isso não é verdade. Todo o equilíbrio físico, psicológico e emocional fica balançado. Há ainda hoje civilizações onde as mulheres grávidas são tratadas como seres especiais e divinos.

Mãe que está descobrindo as alegrias da maternidade agora, deixa eu te dizer uma coisa: se você tem medo de não saber o suficiente para ensinar ao seu bebê os caminhos da vida, saiba que é com ele que você vai aprender a trilhar muitos desses caminhos. Viva a sua gravidez em todos os seus instantes e não se preocupe se está fazendo ou se fará as coisas certas ou erradas. Seu coração vai te ditar, confie nele! Aproveite ao máximo cada segundo, pois cada momento é único e esse privilégio não é dado a todos. Fale com seu bebê, faça carinho nele, sorria pra ele; viva o mais serenamente possível. Acredite: esses momentos são preciosos!...

E, sobretudo, você é uma pessoa agraciada! Deus os escolheu, para que fizessem parte um do outro. Ele saberá, certamente, conduzi-los nesse maravilhoso caminho.

Postar no Facebook
Superar Dificuldades

Você se considera uma pessoa vencedora? Como você encara as dificuldades na sua vida? Espero que você não seja do tipo reclamão, que se acha injustiçado. O sofrimento é diretamente proporcional às reclamações; ou seja, quanto mais você reclama, mais você sofre. Além disso, ninguém gosta de pessoas que vivem reclamando.

Eu sei que você sabe que cada um tem o que merece. Você sabe, não sabe? Cada um colhe o que plantou. Mas só saber não adianta, é preciso aceitar. Se você aceita o fato de que tudo o que acontece na sua vida foi provocado por você, então não há motivo pra revolta, não há do que reclamar.

Algumas pessoas nascem com mais comodidades que as outras. São uma minoria, mas existem. Você provavelmente conhece alguém nessas condições. Alguém que nasce num lar bem estruturado, ganha bons brinquedos e boas roupas na infância, estuda nos melhores colégios, escolhe uma faculdade com a anuência e o apoio dos pais, arranja uma bela noiva ou noivo, se casa e monta um belo e luxuoso consultório ou escritório. Depois de muitas viagens pela Europa e muito convívio com a alta sociedade, vem um ou dois filhos muito rechonchudos e sadios e todos são felizes para sempre.

Pessoas assim são privilegiadas? Aos olhos da Terra, sim. Mas se levarmos em consideração o processo reencarnatório, essa é só mais uma experiência na matéria, como qualquer outra. Pelas facilidades que essas pessoas encontram em suas vidas, sua responsabilidade é maior. Sem contar que para essas pessoas é mais difícil perceber e reconhecer suas fraquezas e falhas de caráter. São naturalmente menos experimentadas pela vida.

A maioria de nós encontra sérias dificuldades desde o começo de nossas vidas. Famílias frágeis, dificuldades econômicas, contato com o trabalho desde cedo, estudo precário, companhias duvidosas, sem falar em doenças, às vezes graves… a lista das dificuldades é imensa.

Essa maioria de pessoas é obrigada a se superar pra conseguir alguma coisa na vida. Se você é bom observador e costuma analisar a si mesmo, sabe exatamente quais são as principais dificuldades que você precisa superar neste estágio na Terra.

A sua vinda pra cá foi planejada, você se comprometeu consigo mesmo a vencer a si próprio. Você desafiou a si mesmo, se propôs a superar seus principais pontos negativos. Para isso você teve que se sujeitar a reencarnar em determinadas condições. Você nasceu exatamente na família a que devia pertencer, no lugar e na época mais favoráveis e nos meios e condições mais propícios para realizar o que você veio realizar.

Não reclame da vida. Você tem a vida que merece. Você traz em você mesmo todas as condições necessárias para o seu próprio melhoramento. Há milhões de pessoas que gostariam muito de viver a sua vida, de estar no seu lugar. Existem bilhões de espíritos desencarnados que fariam grandes sacrifícios pra poder reencarnar na situação em que você reencarnou. Você mesmo, quando esteve em grandes dificuldades, quando passou por um período depressivo, desejaria muito viver o momento que você está vivendo agora.

Quando não estamos num bom momento, muitas coisas que ouvimos parecem simples consolos. Mas isso, por exemplo, não é consolo, é uma verdade incontestável: É na dificuldade que você busca forças dentro de si mesmo que de outra forma não encontraria. É a superação dos obstáculos que fortalece o seu caráter, que faz de você um vencedor. Ou você acha que pra ser um vencedor é preciso ser rico e famoso?

O maior vencedor é o que vence a si mesmo, e isso só é possível a quem conheceu muitas dificuldades, a quem tomou muitos tombos e aprendeu a levantar sempre. Sei que isso não é muito fácil de se colocar em prática. Mas você pode pelo menos reconhecer que as dificuldades são as melhores oportunidades da sua vida. Você cresce e se desenvolve moralmente a partir das dificuldades. Cada uma delas é uma lição que a vida lhe proporciona. A sua parte é aprender. Reclamar não adianta. Reclamar é para os fracos.

(Morel Felipe Wilkon)
(Espírito Imortal)

Postar no Facebook
Hoje não sou mais a mesma

Uma lágrima, uma única lágrima caiu do meu olho esquerdo... solitária, sozinha... Simplesmente eu escutei um "Não te amo mais" tão duro e seco e frio que eu me questionei inteiramente "Algum dia me amou?", o silêncio foi a resposta mais cruel que recebi, como se fossem palavras cortantes e chicoteadas em meu ser.
O silêncio doeu tanto que desejei escutar tumulto, agora eu abominava este silêncio. "Por que você não me responde? Eu queria tanto ouvir...". Olhou-me e secamente disse "Quer ouvir alguma coisa, mas não o que tenho a dizer...". Eu não podia me conformar com o silêncio "Algum dia você me amou?", perguntei novamente. "Não. Eu só estava tentando esquecer um amor com você." O que era pior a verdade das palavras ou a verdade do silêncio?
Partir o coração era pouco. Meu coração foi triturado. Meu coração não seria mais o mesmo tolo e inocente que até dois segundos atrás foi. Punhaladas assim não se reconstituem rápido, estarei para sempre deformada... Entreguei meu coração a quem não foi capaz de me amar, a alguém que só queria esquecer a pessoa que tinha quebrado seu coração. Amei alguém que não teve escrúpulos de quebrar meu coração. Entreguei-lhe meu coração ele o segurou, jogou pro alto e meu coração levou um tombo.
Hoje, não sou mais a mesma...
Hoje eu encaro o amor com outros olhos, olhos que duvidam, que tem medo. Olhos que já viram o amor despedaçar muitos corações e matar esperanças!

(Camila Márcia)
(Devaneios Fugazes)

Postar no Facebook
Mentira e Traição

Tem coisas que a gente acha que só acontece em filme. Algumas maldades eu achava que só podiam existir na cabeça de escritores, autores de novela ou de cinema. Por exemplo, gente que mente por compulsão, que tem coragem de enganar e trair com a cara mais lavada do mundo, que faz isso e ainda acredita que está certo. Talvez eu tenha tido a sorte de não ter vivenciado sofrimentos terríveis durante praticamente a minha vida toda, só algumas situações difíceis que não fogem ao padrão. Tudo bem, já me disseram que eu fui muito protegida, por isso acredito que todo mundo é legal até prova em contrário. Deve ser isso mesmo.

Mas não é que esta semana descobri que gente maluca existe na vida real mesmo? Gente que sabe que está fazendo o outro sofrer e mesmo assim continua causando mal, de forma consciente? Insiste no erro? Impressionante! Gente capaz de achar que foi legal com uma pessoa que enganou de forma covarde, que fez sofrer além de qualquer limite? Gente que diz que não mentiu apesar de sempre ter inventado mil histórias para justificar todas as suas traições? Gente que afirma que vai continuar mentindo até o final, mesmo sabendo que essa é a causa do sofrimento da pessoa com quem divide o teto? Pois é...

Ainda assim, continuo dando o benefício da dúvida a essa criatura. Recuso-me a acreditar na existência da maldade pura e simples. Na minha opinião, só uma pessoa doente, mas muito doente mesmo, pode fazer tudo isso e achar que não está fazendo nada de errado. Mas há um lado bom nessa história sórdida: como não existe luz sem escuridão, as pessoas boas, de verdade, ganham ainda mais valor quando nos deparamos com esse tipo de gente louca. Otimista que sou, ver e sentir a loucura de tão perto me faz ser ainda mais grata pelas pessoas maravilhosas que tenho ao meu redor.

Pobres coitados não somos nós, os enganados e traídos. Pobre coitada é essa criatura louca, que vai continuar infeliz a vida toda, porque não sabe fazer outra coisa a não ser causar sofrimento justamente àquelas pessoas que se dispõem a dar a ela o melhor de si.

(Carmen Nascimento)
(Coisas da Vida)

Postar no Facebook
Seu Abraço É o Melhor Lugar

Seu abraço é sem dúvidas o melhor lugar, e meus pensamentos fogem velozmente quando minha pessoa vê seus sorrisos florescendo desde o canto da boca até as orelhas, se alargando, tomando todo seu rosto.

Sinto sua pessoa rindo de dentro para fora, com o coração, e isso é sincero, o que é sincero sempre me agrada, me faz transbordar, assim como agora transborda felicidade em cada poro de minha pessoa.

Não me recordo do momento exato em que nossos olhares se cruzaram, ou aquele que nossos dedos se entrelaçaram, mas me recordo de quando tive a certeza de que você sempre foi a minha outra asa, de quando confirmou aos meus ouvidos aquilo que já sabíamos há tanto tempo, tanta coisa se passou por nós, em nós, mas a vida deu um jeitinho curioso de nos colocar exatamente um na rota do outro.

Por agora me sinto protegida, e em meu relógio as horas demoram para passar, e quando estou ali do seu lado... as horas parecem congelar para que eternizemos cada detalhe dessa nossa história que vem sendo traçada com os melhores personagens, os melhores cheiros sendo transpassados de um para o outro, as melhores trilhas sonoras, os melhores olhares, o melhor de cada um de nós.

E isso tudo é como chuva, que nos lava, que nos completa, transborda, é como aquela chuva que minha pessoa não quer que passe, não quer que vá embora.

Sou apaixonada pelo sol, mas nesse caso enfrentaria uma eternidade de dias chuvosos, porque essa chuva faz com que eu me sinta viva. Ela veio com ventos, e esses ventos trouxeram você.

Agora estamos juntos e supostamente não queremos dias ensolarados tão cedo, que chova mais!

(N. Melo)

Postar no Facebook
Perseguindo a Felicidade

Quando você corre atrás da felicidade essa experiência pode ser muito frustrante. Um sinal indicador de que você está perseguindo a felicidade, sem no entanto encontrá-la se traduz em frases como: “Ah! se eu tivesse um novo carro, então eu seria feliz” “Ah! se eu encontrasse uma esposa(o), aí, sim, eu seria feliz...” “Ah! Se eu conseguisse um trabalho melhor, sem dúvida eu seria feliz”.

É ótimo ter sonhos cada vez maiores. No entanto, quando você torna a sua felicidade condicional, você nunca parece ter condições de preencher tais condições, porque novos “ses” irão surgindo a cada passo.

Uma estratégia melhor é não perseguir a felicidade, mas aprender a arte de um saudável contentamento. Em lugar de colocar condições a respeito de sua felicidade, permita que ela aconteça no lugar onde você já está. Será que você pode ser feliz hoje aí onde você se encontra? Claro que sim! Jamais abandone seus sonhos! Continue a lutar por eles. Saiba no entanto que um contentamento saudável pode acrescentar muitos dias felizes à sua vida. Não existe razão alguma para esperar pela felicidade. Você não a alcançará pelo simples fato de persegui-la a todo custo. Ela já é sua, quando simplesmente você decide vivê-la.

Filipenses, 4:11,12

(Nélio DaSilva)

Postar no Facebook
Real Significado do Aprendizado

Nunca perca a oportunidade de aprender com uma dificuldade. Aprender geralmente é destruir uma visão e construir uma nova perspectiva

Quando alguém pára e se questiona sobre os motivos de estar enfrentando um problema, infelizmente, a maioria encontra a resposta do modo errado: culpando o outro. A culpa é do chefe, do companheiro, dos pais, do empregado.

O outro nunca é a resposta para os seus problemas. Se você não aprender com a dificuldade, vai repeti-la ao infinito. Vai trocar de emprego, de companheiro, de empregados... mas, quando perceber, trocou as pessoas e o problema continua o mesmo, e se repete.

As dificuldades são oportunidades de aprendizado, e quando perdemos essa lição a dor se torna inútil.

Para todo problema existe solução. Aliás, essa é uma definição: problema é um acontecimento sempre acompanhado de solução. Quando você não tiver uma solução, será necessário definir qual é o problema.

Você descobre que não tem dinheiro para pagar as contas. Está bem, não ter dinheiro é um problema, principalmente se os credores estão lhe cobrando e os juros aumentando. A solução certamente se inicia pelo corte de gastos, continua com uma negociação com os credores e alguma ação para ganhar mais dinheiro. No final, houve aprendizado nessa situação que parecia ter apenas um lado negativo. Você:

- Aprendeu a gastar de acordo com os seus rendimentos
- Aprendeu a ser humilde para negociar com os credores
- Aprendeu a ganhar mais

A solução sempre existe! E, na maior parte das vezes, a pessoa sabe qual é. O difícil é ter a coragem de realizá-la. Nunca perca a oportunidade de aprender com uma dificuldade. Aprender geralmente é destruir uma visão e construir uma nova perspectiva.
E, principalmente, tenha certeza de que o problema será resolvido. Se você tiver alguma dúvida, pense desta maneira: se morresse agora, qual seria a evolução do problema? Percebeu? Ele será resolvido de alguma maneira.

A única coisa que não funciona é jogar no outro a responsabilidade de suas dificuldades. O ódio bloqueia a criatividade e só piora as coisas. As pessoas que alguém chama de inimigos são os melhores mestres que a vida nos oferta por ajudar-nos a aprender as lições de crescimento. Eles nos mantêm acordados para poder evoluir. Depois que você resolve uma dificuldade, agradece a essa pessoa por ensinar-lhe uma lição. Por isso, Luís Gasparetto já falou: "Perdoar é descobrir que você não tem razão nenhuma para perdoar; é apenas viver o aprendizado. Isso só acontece quando você aproveita a oportunidade para crescer". Se carrega ódio de alguém, pense na lição que você tem a aprender e sua vida será muito melhor.

(Roberto Shinyashiki)
(UOL)

Postar no Facebook
Quando se perde um Grande Amor

É tão difícil compreender as emoções quando se rompe uma relação. Às vezes, temos certeza que tudo passou e de repente tudo volta. Como definir se o que sentimos é amor ou não é? Se é saudade ou solidão? Tristeza ou decepção? Posse ou desejo? Perda. Quando se perde um grande amor, muitas dúvidas emergem sob o fundo do sofrimento. Para alguns é um momento de intenso crescimento. Muito se pode aprender, uma aprendizagem que nos faz humildes diante da própria fragilidade.

Deparamo-nos com o que é a dor, a impotência diante dos sentimentos, a paciência necessária para esperar passar, pois a dor de amor não passa na velocidade da net, do gigas, dos chips, e o tempo que isso leva é indeterminado, é pessoal e singular.

Aceitar os altos e baixos, os enganos, os tropeços, as dúvidas, a falta de controle. Aceitar a não certeza, o não acesso ao que o outro sente e pensa, a incoerência do humano, a fraqueza, o medo, a culpa, o erro que não tem concerto, a marca da mentira e o que fazer com tudo isso?

O tempo não volta e as coisas não se apagam, por amor que tentamos, mas nada vai permanecer do jeito que está. A incerteza do futuro corrói, o medo do que virá, a ansiedade pelo novo e desconhecido, a prisão do passado, do familiar, que falta faz, será abstinência? Temos sim abstinência do outro a quem amamos e perdemos, somos forçados a esquecer quando ainda, ainda não estávamos preparados.

O choro que insiste em voltar, a vida que segue, e o tempo que insiste em passar, a confusão que não consegue chegar ao fim, tempos distintos, tempos diversos, tempo de cada um. Amor perdido, amor doído, amor esquecido, quando? Quando você está preparado para correr o risco de passar por tudo isso de novo e lembrar da abundância de felicidade num coração que ama, e é também amado...

(Priscila Lima e Melissa Coutinho)
(Terapiólogas)

Postar no Facebook
A Mochila e as Pedras

Um fervoroso devoto estava atravessando uma fase muito penosa de sua vida, com graves problemas de saúde em família e sérias dificuldades financeiras. Por isso orava diariamente pedindo que o livrassem de tamanhas atribulações.

Um dia, enquanto fazia suas preces, um anjo lhe apareceu, trazendo-lhe uma mochila e a seguinte mensagem:

O Senhor se compadeceu da sua situação e lhe manda dizer que é para você colocar nesta mochila o máximo de pedras que conseguir, e carregá-la com você, em suas costas, por um ano, sem tirá-la por um instante sequer. Manda também lhe dizer que, se você fizer isso, no final desse tempo, ao abrir a mochila, terá uma grande alegria. E desapareceu, deixando o homem bastante confuso e revoltado.

"Como pode o Senhor brincar comigo dessa maneira? Eu oro sem cessar, pedindo a Sua ajuda, e Ele me manda carregar pedras?" Já não me bastam os tormentos e provações que estou vivendo? "Pensava o devoto. Mas, ao contar para sua mulher a estranha ordem que recebera do Senhor, ela lhe disse que talvez fosse prudente seguir as determinações dos Céus, e concluiu dizendo:

Deus sempre sabe o que faz...

O homem estava decidido a não fazer o que o Senhor lhe ordenara, mas, por via das dúvidas resolveu cumpri-la em parte, após ouvir a recomendação da sua mulher. Assim, colocou duas pedras pequenas, dentro da mochila e carregou-a nas costas por longos doze meses.

Findo esse tempo, na data marcada, mal se contendo de tanta curiosidade, abriu a mochila conforme as ordens do Senhor e descobriu que as duas pedras que carregara nas costas por um ano inteiro tinham se transformado em pepitas de ouro... , apenas duas pequenas pepitas.

Todos os episódios que vivemos na vida, inclusive os piores e mais duros de se suportar, são sempre extraordinárias e maravilhosas fontes de crescimento.

Temendo a dor, a maioria se recusa a enfrentar desafios, a partir para novas direções, a sair do lugar comum, da mesmice de sempre.

Temendo o peso e o cansaço, a maioria faz tudo para evitar situações novas, embaraçosas, que envolvam qualquer tipo de conflito.

Mas aqueles que encaram para valer as situações que a vida propõe, aqueles que resolvem "carregar as pedras", ao invés de evitá-las, negá-las ou esquivar-se delas, esses alcançam a plenitude do viver e transformam, com o tempo, o peso das pedras que transportaram em peso de sabedoria.

Como está sua mochila?

Postar no Facebook
Luz de Jah

Eu sou o futuro do incerto, o oposto do talvez, a contradição do contraditório. A luz de Jah, sou a água em pleno ar. Sou o contrário do que dizem, e o oposto do que pensam. Sou o certo de 2 minutos atrás e o errado de agora. Sou o confuso do inconfundível, a certeza do impossível. Sou o louco da lucidez, a lucidez de um louco. Um louco como poucos e um pouco louco. Sou o eu de mim mesmo, o dono das minhas ideias. Sou a palavra do silencio, a visão no meio dos cegos. Sou a ideia da certeza em plena duvida. Sou o contrário do que você pensa e a certeza de quem sou eu. O equilíbrio do desequilibrado, o surto do descontrolado. Sou o soar do vazio, a voz da minha mente. Sou o cara aí de cima. Sou eu mesmo a falar.

(Se Eu For Embora)
(Tumblr)

Postar no Facebook
Corpo frio

Tudo era muito sem sentido em sua vida…
A razão de ser, era mera eventualidade, e
Não o queria aceitar... enfatizava seus conhecimentos em pequenos momentos do saber..

E sua vida era um conto de histórias que não tinha nada a merecer...
Do nada havia surgido, sem querer, ali estava..
Mas quase extinguido do seu eu ....

Caminhava sem saber de nada..queria apenas uma simples resposta, para uma pergunta que não havia mistério...o seu interior clamava!!!
Mas tudo continuava como estava ...

Seu mundo dividido...no mais absoluto e secreto..
Sem resposta se encontrava, mas continuava sua trajetória sem poder qualquer palavra ocultar em si...

Seu pensamento dissipou-se e suas lágrimas sem sentido tornou-se..
Um mistério no ar ficou, e para sempre na sua mente talvez uma dúvida lhe restou...

Sua alma não mais o clamava....
Sua voz já era oculta...suas mãos não podia sentir.. seu corpo frio se encontrava..
Num lugar que um dia talvez desejou... e assim sem nehuma palavra um dia nos deixou...

Postar no Facebook
Lenda Budista

Na Índia antiga, havia um vilarejo situado às margens de um rio largo e muito fundo.

Nesse vilarejo havia cerca de quinhentas casas. Seus habitantes nunca tinham ouvido falar do budismo ou de outras religiões e viviam como bárbaros, brigando e trapaceando uns aos outros.

Com o desejo de despertá-los para a Lei, certo dia Sakyamuni dirigiu-se até lá, sentou-se sob uma árvore e meditou profundamente.

Impressionados com o Buda, algumas pessoas reverenciaram-no, enquanto outras, agitadas, não paravam de perguntar quem era aquele homem.

Ciente do que acontecia no coração de cada um deles, Sakyamuni disse-lhes:

- Por favor, sentem-se e me escutem com atenção.

A multidão se calou e o Buda ensinou-lhes sobre a Lei e o modo correto de viver. Porém, as pessoas não conseguiam crer em suas palavras, pois durante muito tempo viveram em meio ao egoísmo e à falsidade.

Então, para levá-las à compreensão, o Buda fez surgir do outro lado do rio um homem que conseguia atravessá-lo caminhando sobre a água, deixando todos admirados.

Quando ele chegou à margem onde a multidão estava reunida, algumas pessoas lhe disseram:

— Nosso povo vive aqui há centenas de anos e nunca vimos ninguém andar sobre a água. Que truque é esse? Ensine-nos!

E o homem lhe respondeu:

— Sou uma pessoa comum que mora ao sul do rio. Soube que o Buda estava aqui e vim vê-lo a todo custo. Quando cheguei à margem do outro lado, fiquei perdido, pois não tinha como chegar até aqui. Então, ouvi alguém dizer que o rio era raso e o suficiente para atravessá-lo a pé, e não duvidei.

O Buda o elogiou, dizendo:

— Aquele que crê, consegue atravessar com facilidade até mesmo o rio vida e da morte Assim, não é de se admirar que alguém consiga atravessar um rio de poucas milhas de extensão.

O Buda ensinou que a fé é como um barco para atravessar um rio. Aquele que ouve atentamente reúne conhecimento e aquele que acredita e segue os preceitos é um homem corajoso capaz de atingir a iluminação.

Após ouvir as palavras do Buda, os habitantes do vilarejo decidiram crer e praticar seus ensinos. Nunca mais cometeram más ações e passaram a viver como homens e mulheres de bem.

(Mais Belas Histórias Budistas)

Postar no Facebook
Não Acredito Nesse Amor

E mais uma vez essa dor que dilacera a alma e faz todo o corpo sentir... Olhos inchados, cabeça rodando, no peito um buraco, no coração só o vazio que restou depois que, de novo e de novo, o amor fraquejou.

Se ainda pudesse acreditar nesse amor, amor que não sabe amar não é amor. Amor da boca pra fora, amor que não se incomoda com o que causa no outro.

Amor que foge, amor que magoa, amor que fere e nem sequer mostra arrependimento. Amor covarde de um coração frustrado que não tem atitude.

Amor que teima no que nunca quis, que desiste do que sempre esperou. Covardia e só! Covardia que faz da tua vida uma mesmice, que te faz sentir um babaca, que te retira os sonhos, que te faz sentir apenas a falta daquilo que poderia ter sido.

O tempo passa e a história se repete, e você continua se sentindo um idiota e eu tentando me convencer que um amor verdadeiro não pode ser assim.... E na acomodação dos teus dias apenas o abismo de alguém que segue tentando se convencer das impossibilidades que você mesmo criou. Segue e procura não pensar.

Não pensa, não sente, enterra tua vontade para não ter que encarar a própria verdade... Segue na superfície das coisas, na rotina dos dias, no vazio de abdicar de si mesmo. Você volta pra aparente calma dessa tua vidinha sem graça, e, olha só, mesmo sem querer pensar, sem querer sentir continua sentindo o mesmo vazio, a mesma frustração de antes...

E eu dilacerada, partida, quebrada... mas muito mais inteira que você! Porque assumo o que sou, e, principalmente, o que sinto! Senti, me entreguei, lutei, chorei, choro! Mas, jamais deixei de ser o que sou, sei que errei muitas vezes, disse o que devia e o que não devia também, mas vivi sempre de acordo com a verdade do que sinto.

Verdade! Foi tudo que sempre pedi a você. Mas, sei lá, o medo, a covardia, a mentira de uma vida que não é tua modifica as pessoas, será? Mesmo aquelas com a essência mais pura? O moço certinho, que não sabia mentir de repente não consegue falar a verdade? Ou nunca conseguiu? Ou nunca se deu conta da grande farsa em que se transformou?

Não sou e nem quero ser a dona da verdade, até porque andei me enganando também, insisti em acreditar num amor que era só meu, em alguém que me dizia impossível não me amar já que sempre me quis, tantas vezes te perguntei se você tinha dúvidas e sempre me respondeu que não, como se fosse normal amar alguém e nada fazer pra viver verdadeiramente esse amor.

As mesmas palavras, o mesmo desfecho sem adeus! E espero mesmo que seja assim, a ficha caiu, a ilusão acabou, ainda dói, mas não preciso dizer adeus pra, finalmente, me convencer do que você sempre me disse... é... sempre me avisou que você não valia a pena. Parabéns! Você me convenceu!

Não consigo mais acreditar nesse amor que você diz sentir... Amor que tem medo de amar? Impossível seguir acreditando num amor que não faz meu espírito sorrir...

(Cris)

Postar no Facebook
Remorso

Às vezes, uma dor me desespera...
Nestas ânsias e dúvidas em que ando.
Cismo e padeço, neste outono, quando
Calculo o que perdi na primavera.

Versos e amores sufoquei calando,
Sem os gozar numa explosão sincera...
Ah! Mais cem vidas! Com que ardor quisera
Mais viver, mais penar e amar cantando!

Sinto o que desperdicei na juventude;
Choro, neste começo de velhice,
Mártir da hipocrisia ou da virtude,

Os beijos que não tive por tolice,
Por timidez o que sofrer não pude,
E por pudor os versos que não disse!

(Olavo Bilac)

Postar no Facebook
Escoteiro

Dia do Escoteiro

No escotismo tudo é um doce sonho.
Se ouve falar da Ilha de Browsea, De Gilwell Park, sobre toda aquela mística, aquela fraternidade, aqueles aprendizados maravilhosos.
Ouve-se contar sobre os Jamborees passados, sobre o ultimo Mundial no Chile, sobre os acampamentos em outros estados.
Passam-se os dias, passam-se os sábados, o escoteiro interessado, aprende, estuda, lê, se diverte, acampa com a maior boa vontade, enfrenta problemas, discute as realidades, chora no Fogo de Conselho, se anima com a Jornada.
Sobe ao cume de um Pico, se alegra ao ser Escoteiro da Pátria.
Mas o tempo continua a passar, se prepara para a ponte pioneira, para quem sabe ser chefe da escoteirada.
Se recorda das palavras de BP, que para ser possível basta tirar o IM da palavra...Mas começa a duvidar de tudo, de tudo que o escotismo é capaz de fazer acontecer, pois nem mesmo um sonho da Juventude a classe média- baixa pode o escotismo ter assim mesmo o Escoteiro apaixonado continua ao Movimento Amar, com todo aquele pique de garoto, com todo o amor ao fundador, com toda a vontade de continuar a caminhada que pode levar mais um jovem a recomeçar a poesia por BP inventada

Postar no Facebook