Mensagens Motivacionais

Encontradas mais de 25 Mensagens Motivacionais:

A Motivação Melhora a Vida

Para que tudo saia direito é preciso ter motivação. Ela te fará obter sucesso em qualquer atividade da vida.

Há quem reclame do casamento. Pode ser falta de motivação. Lembra quando você estava para se casar? Misturava o amor com a motivação. Só com amor você pode ficar com a pessoa amada sem casar, mas quando entra a motivação, vem a coragem para dar o passo para selar definitivamente a união.

Para iniciar uma tarefa, um trabalho, elaborar um projeto, praticar esporte, tomar decisões simples em casa ou difíceis no trabalho, casar, ter filhos, comprar alguns presentes, enfim, ser alegre na vida, é preciso motivação. Podemos dizer que ela é tudo o que todo mundo precisa para viver e realizar seus sonhos. Viver com motivação é valorizar-se, gostar da vida, de si mesmo e vibrar a cada conquista, mesmo que essa conquista seja pequena, ela tem que ter satisfação.

Porém, motivação deve estar presente no início, no meio e no fim dos seus objetivos. Quem se entusiasma com as pequenas conquistas, ganha o merecimento e o aprendizado de ir cada vez mais longe na busca dos seus objetivos, seja financeiramente, emocionalmente ou espiritualmente.

A preguiça é a inimiga número um da motivação. A palavra "não" pode ser a alavanca para você se motivar e buscar os seus objetivos.

Como conseguir a motivação e reanimá-la dentro de você? Há várias maneiras, e uma delas está em conhecer-se melhor, conhecer seu verdadeiro "dom", sua verdadeira vontade de realização, saber seus limites e se motivar para ultrapassá-los. Buscar ser uma pessoa melhor é um atrativo a mais, porque você vai ter a preocupação de falar somente aquilo que gostaria de ouvir e isso vai lhe oferecer satisfação. Esta motivação tem um sabor especial. Estando motivado, a sua vida vai mudar e você estará ajudando o próximo a mudar a dele também.

Saber seu limite e respeitar o limite dos outros pode levá-lo ao sucesso, mas como obter o sucesso se você não se conhece? Se você não procurar se conhecer melhor, não vai saber do que gosta, e se não sabe o que gosta, poderá deixar escapar as boas oportunidades.

A gente costuma ter motivação sempre que aparece algo novo, mas todo dia é um novo dia e cabe a você torná-lo sempre um bom dia. Viver motivado é viver o momento, é buscar o que parece impossível, é transcender as suas manias, a sua vergonha, é livrar-se do apego e buscar a magia de viver em meio à turbulência, com alegria.

Este tesouro chamado motivação está no seu interior. Ela tem a ver com a lei da atração, que atrai e realiza os seus desejos, mas o ideal na busca da motivação é ser disciplinado em seus pensamentos e atitudes.

Motivação é uma decisão pessoal, depende da vontade humana. E não há nada místico, não há nada mais prático para se ter uma vida melhor. Podemos ter tudo, mas nada vem sem a dedicação, sem vontade.

Logo ao acordar, coloque motivação em seu dia e transformará sua vida em prazer, porque tudo se transforma quando se faz motivado.

Você pode estudar e ter muitos conhecimentos, mas se não colocar motivação em seus conhecimentos, não vai encontrar o seu dom, e sua felicidade estará ameaçada.
Deixe a motivação circular em suas veias. O universo perceberá quando você estiver fazendo algo com motivação, e toda essa energia começará a fluir em seu favor.

Esta é a questão, buscar a motivação para melhorar a vida, para que a admiração ganhe destaque. Você tem que polir o seu espírito e fazer crescer a confiança em cada tormenta. Assim, compreenderá que é possível obter o sucesso e a alegria de viver.

(Bernardino Nilton Nascimento)
(Somos Todos Um)

Postar no Facebook
Direção Motivacional

Descobrir a direção da sua motivação, desejos, objetivos ou sonhos é um fator fundamental para construir de forma eficaz a estratégia que lhe permite se manter alinhado com as suas ações. Esta direcção pode ser no caminho daquilo que queremos ou pelo contrário, no caminho daquilo que não queremos. A direção motivacional é um programa mental que afeta toda a nossa vida. A um nível biológico ou físico, todos nós desenvolvemos ambos: a motivação para nos afastarmos ou nos dirigirmos para algo. Nos afastamos da dor, desconforto, e stress, e nos dirigimos para o prazer, conforto, e relaxamento. Em determinadas alturas da nossa vida e em diferentes situações estas duas formas motivacionais podem nos servir. Todos nós usamos ambas em determinado grau. A motivação que surge quando nos dirigimos para o nosso objetivo e é mais apelativa do que a de nos afastarmos daquilo que não desejamos.

(Miguel Lucas)
(Escola Psicologia)

Postar no Facebook
Como Aumentar sua Motivação

Não dá para se sentir extremamente motivado todos os dias. Há dias em que é difícil acordar cedo, ir trabalhar, estudar, tomar ônibus, metrô, enfrentar o trânsito e assim vai a interminável lista. Só por esta enumeração, fica claro que é necessário motivação para aguentar uma jornada desafiadora. Portanto, quando você estiver naqueles dias cinzas, em que tudo é mais difícil, use estes artifícios para aumentar sua força de vontade.

1 - Fazer o que gosta
Esta dica é muito mais simples dita do que feita. Nem sempre é possível fazer tudo o que queremos em nossas vidas. Mas, em geral, tente focar sua vida em atividades que você gosta. Por exemplo, se o seu trabalho não colabora com isso, tente sair mais frequentemente, faça um exercício do seu gosto, tenha hobbies que te façam feliz, etc.

2 - Foco
Está desanimado? Pense grande. Pense que este dia faz parte de uma jornada para um objetivo maior, pelo qual você tem lutado há tempo demais para perdê-lo por uma besteira. Desvie seu foco para metas maiores.

3 - Conquistas simples
Você não precisa se focar toda hora em objetivos imensos, em sucesso profissional absoluto, etc. Você também pode colocar seu foco em conquistas menores, como não cair na tentação de comer aquele chocolate no almoço ou de ir assistir à televisão ao invés de ir à academia. Pequenas conquistas também trazem boas sensações e ajuda a te manter motivado.

4 - Partes mais difíceis
Esta é uma alternativa para a dica número 3. Depois de aumentar sua força de vontade realizando coisas pequenas, comece a fazer o mais difícil para se livrar do problema o mais rápido possível. A ordem depende da sua motivação no dia.

5 - Intervalos
Intervalos não são perda de tempo. Se você fica o dia inteiro fazendo a mesma coisa, logo perderá o foco e gastará seu tempo tendo que refazer o que você fez de errado porque não realizou aquela pausa.

6 - Não se cobre demais
Atualmente, muitas pessoas assumem mais posições e tarefas do que poderiam assumir. Isso é frustrante e faz mal. Não importa quão motivado você for, se você não tiver hábitos saudáveis e uma carga de trabalho decente, você não vai manter esta força de vontade por muito tempo.

7 - Presenteie-se
Conseguiu atingir aquele objetivo tão esperado? Presenteie-se, permita-se. Afinal, você merece ser recompensado. E quem melhor do que você mesmo para escolher o presente perfeito?

(Universia Brasil)

Postar no Facebook
Seja Feliz com Pequenas Alegrias

O advérbio “melhor” nos acompanha quase que diariamente nos nossos pensamentos. Sempre procuramos o melhor para as nossas vidas, seja um emprego, uma casa ou um caminho para o trabalho. Essa busca eterna por algo mais, pode nos impedir de enxergar quantas alegrias vivemos nesse meio tempo.

É obvio que não devemos passar a vida inteira se contentando com pouco, mas certamente nos deparamos todos os dias com pequenos gestos que nos causam muita alegria. Se acharmos que o “mais” e o “melhor” são determinantes para a nossa felicidade, perderemos inúmeras maravilhas que passam o tempo todo do nosso lado.

Seja o modo engraçado do seu filho acordar pela manhã, ou como sua mulher ri do seu jeito desastrado, tudo isso também deve ser incluído como felicidade. As peculiaridades diárias são as pequenas alegrias que não podemos dispensá-las, mesmo que busque algo “melhor”, não deixe de valorizar os pequenos risos que também fazem parte da sua felicidade.

Postar no Facebook
Motivos para Dar Certo

Eu acredito que tudo acontece por um motivo. As pessoas mudam para que você possa aprender a deixá-las, as coisas dão errado para que você possa dar valor a elas quando estiverem certas, você acredita em mentiras e eventualmente aprende a confiar em ninguém exceto você mesmo e as vezes coisas boas dão errado para que coisas melhores possam dar certo.

(Marilyn Monroe)

Postar no Facebook
Realização Profissional

Quantas vezes nos questionamos se estamos felizes no trabalho e se fazemos aquilo que realmente gostamos? Muitas vezes até sonhamos com outra ocupação. Mas o que fazer? Largar tudo e tentar algo melhor?

No tempo dos nossos pais ou avós era muito comum que os profissionais permanecessem a vida toda em uma única empresa na mesma área e muitos anos realizando a mesma atividade. Como o importante era ter emprego e salário para sustentar a família, bastava fazer o seu trabalho direito e obedecer à empresa, que tudo estava resolvido. Os valores eram outros, um bom emprego era aquele que lhe dava estabilidade e salário.

(...)

O dinamismo do contexto econômico atual faz com que profissões novas surjam a cada dia, assim como outras caem na obsolescência. Neste último caso, o profissional se vê obrigado a fazer uma mudança de carreira para garantir sua manutenção no mercado. O mesmo ocorre com carreiras que estão saturadas de profissionais. Como tem oferta sobrando, faltam oportunidades, e a tendência, nessa situação, é que as remunerações também caiam.

Outro motivo para uma mudança de carreira e que está cada vez mais comum é a descoberta de que a carreira escolhida não o faz feliz. Claro que nesse caso é importante analisar se o problema é momentâneo. Uma insatisfação com a função atual pode ser resolvida com uma mudança de função ou de área, por exemplo. Assim como se o problema for com a empresa, a busca de uma nova colocação pode solucionar a questão. Por isso uma autoanálise profunda é crucial nestas situações.

É comum também a mudança de carreira na busca de mudança de estilo de vida. Por exemplo, profissionais que têm uma rotina densa de trabalho que inclui muitas viagens, horas extras frequentes, trabalho aos finais de semana, acabam buscando uma opção mais “light”.

Para resolver este problema, siga alguns passos que podem ajudá-lo nessa transição:

Faça uma pesquisa: Identifique sua área de interesse, que outra profissão você gostaria de seguir e o que você acredita que lhe fará mais feliz? Feito isso, vamos conhecer a realidade desta profissão. Para isso, pesquise, busque informações sobre ela, converse com profissionais atuantes, obtenha dados sobre o mercado desta área. Antes de iniciar qualquer ação, é importante se certificar que a mudança valerá à pena.

Busque uma autoavaliação: Identifique seus pontos fortes e fracos, as oportunidades e as ameaças que você vislumbra no mercado. Faça um planejamento de como será a mudança, sempre tendo em mente que ela não será simples, tampouco rápida. Para ajudar nessa etapa, uma opção é buscar o serviço de Counseling, ou Aconselhamento de Carreira. Neste serviço, os especialistas realizam um mapeamento completo das competências do profissional, assim como apontam possíveis caminhos para seu desenvolvimento. Promovem o autoconhecimento, enumeram estratégias e desenvolvem um planejamento de carreira e de objetivos pessoais em conjunto com o profissional.

Estudar é preciso: A mudança de carreira pode também significar a necessidade de voltar ao banco da escola. Pode ser uma graduação, um curso técnico ou uma especialização. A falta de experiência na nova área deverá ser suprida com muito estudo e atualização. Você pode aproveitar suas férias e finais de semana para desenvolver projetos. Participações voluntárias, inclusive, podem ser uma boa opção para adquirir alguma experiência.

Planeje-se: Deve-se dar atenção especial à questão financeira. No começo da mudança de carreira, o mais provável é que a recompensa seja menor que a esperada. Você pode estudar uma redução de salário, mesmo que temporária. Um planejamento financeiro adequado poderá minimizar o impacto no seu padrão de vida. Por isso considero que o melhor momento para fazer uma mudança como esta sempre é quando se tem uma boa reserva financeira, que possa te sustentar neste período de preparação.

Preparação e motivação: Por último, mas não menos importante, será necessária uma alta dose de motivação e dedicação de sua parte. Uma mudança de carreira exige muito esforço e comprometimento. Tenha a certeza de que dificuldades irão surgir, por isso, grande parte do seu sucesso dependerá exclusivamente de você. Boa sorte!

(Bernt Entschev)
(Amanhã)

Postar no Facebook
Alcançando o Sucesso Profissional

Começar bem: “Viva a cada dia como se a vida estivesse começando.” (Johann Goethe)

Perseverança: “Perseverança é o trabalho duro que você faz depois de ter se cansado de fazer o trabalho duro que você já fez.” (Newt Gingrich)

Atitude correta: "Eu descobri que sempre tenho escolhas. E muitas vezes, trata-se apenas de uma escolha de atitude.” (Judith M. Knowlton)

A vida, na prática: “A vida acadêmica é essencial para nos mostrar a base teórica da profissão que queremos seguir, mas somente na prática do dia-a-dia é que colocaremos à prova tudo aquilo que os mestres nos ensinaram e muitas vezes veremos que não era bem daquela maneira.” (Luís Alves)

Tentar e tentar novamente: “Tentar e falhar é, pelo menos, aprender. Não chegar a tentar é sofrer a inestimável perda do que poderia ter sido.” (Albino Teixeira)

Oportunidade e sorte: “Sorte é o que acontece quando a preparação encontra a oportunidade.” (Elmer Letterman)

Motivação e sacrifício: ”É impossível avaliar a força que possuímos sem medir o tamanho do obstáculo que podemos vencer, nem o valor de uma ação sem sabermos o sacrifício que ela comporta.” (H. W. Beecher)

Quem sabe faz a hora: ”Já dizia a canção, quem sabe faz a hora, não espera acontecer, assim é a felicidade, enquanto muitos esperam, outros a buscam, tenha em mente que você é senhor de seu destino.” (Luis Alves – consultor e coaching)

Motivação no trabalho: “As pessoas que alcançam seu potencial pensam em aperfeiçoamento.” (John Maxwell)

A arte da guerra: “Deve-se utilizar a força do oponente a nosso favor.” (Sun Tzu)

Motivação para o sucesso profissional: “Motivar é criar interesse pelo tema e vontade, esse ânimo e auto-ajuda vão nos ajudar a progredir em conhecimentos e nas tarefas profissionais.” (Daniel Godri)

Motivação no trabalho: “O desempenho de uma empresa é baseado em soluções e problemas, se for um problema, tem solução! Se não tem solução, então não deve ser um problema. Não existe um caminho novo. O que existe de novo é o jeito de caminhar e é bom saber que a gente tropeça sempre nas pedras pequenas, porque as grandes a gente enxerga de longe, e saber administrar essas situações é o que caracteriza um comportamento otimista e de prosperidade.” (Autor Desconhecido)

“O insucesso é apenas uma oportunidade para recomeçar de novo com mais inteligência”.(Henry Ford)

"É muito melhor arriscar coisas grandiosas, alcançar triunfos e glórias, mesmo expondo-se à derrota, do que formar fila com os pobres de espírito que nem gozam muito nem sofrem muito, porque vivem nessa penumbra cinzenta que não conhece vitória nem derrota. (Theodore Roosevelt)

Postar no Facebook
Escolha o Instinto e Repense o Motivo

Há muitas pessoas que necessitam de vários motivos para permanecerem vivos. Para esses não há o instinto, somente o motivo. São aqueles que acordam já com diversas atividades programadas em mente, e se por um acaso algo não sair como o planejado, pode deixá-lo totalmente perdido.

Um café da manhã balanceado para continuar com o peso adequado, ter determinada profissão para manter certa posição social, ou ainda continuar casado pelos simples fato de ser mais fácil.

O que pode ter sido referido como motivação, neste caso não passa de estagnação. Quando fazer algo de uma forma diferente passa a ser tão distante que nem é mais lembrado, talvez toda essa falta de vontade deve ser repensada.

Obviamente é necessário um mínimo de planejamento, mas tornar tudo isso como uma prisão, sem a opção da liberdade dos pensamentos, pode ser transformado lá na frente em arrependimento. Todos os motivos que movimentam nossa vida devem ser sempre alterados à medida que são alcançados, mas se no meio do caminho percebeu que algum já não é mais válido, tenha a certeza que mais vale dispensá-lo.

Postar no Facebook
Aprendendo a Viver com a Dúvida

A dúvida é uma realidade na vida de muitas pessoas: empreendedores, funcionários, pais de famílias e muito provavelmente, de todas as pessoas que estejam vivas nesse momento.

Muitas vezes nos sentimos como fraudes de nós mesmos, vivendo com o peso da incerteza e com isso temos uma (falsa) crença geral de que a chave para ser bem sucedido na vida exige a superação de todos os vestígios de dúvida.

Mas, essa não é uma crença verdadeira.

Ela é jogada sobre nós por palestrantes motivacionais que giram a roda do empreendedorismo como uma simples questão de sentir-se bem e autoestima, afim de vender seus produtos.

A grande maioria dos empreendedores nunca vai superar a sua dúvida

Na verdade, o dia em que superarmos todas as nossas dúvidas será provavelmente o dia em que iremos nos tornar cegos pelos nossos delírios de natureza e controle.

O que os empreendedores realmente precisam fazer é aprender a conviver com a dúvida. Aprender a viver com a dúvida, ser capaz de aceitar a dúvida é uma coisa muito poderosa pois permite que continuemos a questionar suposições e ainda avançar em face às incertezas.

Um dos efeitos colaterais negativos de esmagar a cultura que cada um tem em si é que, normalmente, isso vem acompanhado de uma forte dose de falsa confiança.

As pessoas que pensam assim vão dizer que você deveria acordar todos os dias como uma espécie de força da natureza pronto para enfrentar o mundo. Só que, muitas vezes, essas são as pessoas mais fracas.

Eles bravejam esse projeto como um disfarce e quando o mundo gira, o que acontece diariamente, eles são geralmente os primeiros a voltarem correndo pra casa, quando a sua falsa auto confiança é atingida por uma realidade de que o que eles fazem pode não dar certo.

Isso causa uma dissonância cognitiva em sua cabeça que só pode ser explicada por inventar falsas desculpas falsas ou abraçando uma auto imagem ilusória de sucesso que não é suportada na sociedade.

Por outro lado, aquelas pessoas que aprendem a conviver com a dúvida estão certas apenas de que o futuro virá. E que esse futuro é maleável.

Ninguém é 100% auto confiante

E é esta a capacidade de lidar com a dúvida que não só permite um empreendedor de experimentar, mas permite também que ele se adapte às novas circunstâncias.

Como empreendedor é bem lógico que a dúvida assole o seu comportamento. Você não sabe para onde está indo ou o que o futuro lhe reserva. Você optou por navegar em águas desconhecidas…

Mas, mesmo com essas incertezas batendo à sua porta você ainda está rumando para a frente, enquanto grande maioria das pessoas que parecem tão seguras de si estão de volta em terra firme.

Muitas pessoas pensam que a dúvida torna as pessoas fracas. Mas é o contrário, é a capacidade de viver com a dúvida que faz as pessoas serem fortes.

Aqueles que precisam da segurança de um futuro previsível, ou não podem deixar a sua auto imagem inflexível de quem são, ou o que supostamente acha que estão presos pela certeza daquilo que buscam.

Estas são as pessoas que você vê subindo escadas corporativas, ou sentadas em conferências procurando garantias e pílulas mágicas nos oradores dos palcos.

Estas são as pessoas que você vê colocando a palavra empreendedor, mas que sempre têm uma desculpa para isso de que não podem parar de trabalhar todos os dias e se arriscarem.

Pior de tudo, estas são as pessoas quem enganaram a si mesmas em acreditar que elas têm todas as respostas e as anunciam tão alto que os outros acabam sendo cegados por eles.
Não se engane, a dúvida sempre vai existir. Portanto, aprenda a dribá-la

Considere que o que Bruce Lee disse sobre artistas de segunda mão que cegamente seguem ou aceitam o outro como padrão.

Como resultado, a sua ação e, mais importante do que isso, o seu pensamento, se tornam mecânico.

Suas respostas se tornam automáticas, de acordo com os padrões estabelecidos, tornando as pessoas estreitas e limitadas.

Este é o destino daqueles que exigem a certeza de respostas claras e regras estabelecidas. Este é o destino daqueles que não querem ou não podem viver com a dúvida.

(Enrico Cardoso)
(Jornal do Empreendedor)

Postar no Facebook
Como Melhorar Seu Dia a Dia no Trabalho

A chave para mudar o padrão das relações viciadas ou desgastadas, transformar a rotina e recuperar o espírito de entusiasmo e cooperação está em cultivar atitudes baseadas na espiritualidade.

- Procure em seu trabalho um sentido maior do que apenas um meio de sobrevivência.

Por menos gratificante que seja sua função, é um elo na imensa cadeia de trabalho que traz prosperidade e bem-estar coletivos.

- Identifique seus dons e habilidades.

Ter consciência de que você é a pessoa certa no lugar certo é fundamental para a realização. A competência tem relação direta com o prazer. Avalie se sua função preenche sua necessidade de satisfação pessoal. Se não, é hora de começar a pensar em mudar de emprego ou profissão.

- Aceite e compreenda as diferenças.
Procure ver os aspectos positivos que todos nós temos e exercite a capacidade de perdoar e se colocar no lugar das outras pessoas. Isso evita atritos e desgastes desnecessários.

- Aprenda com a diversidade de pontos de vista.
Pessoas com formação cultural, idade ou nível social diferentes do nosso têm muito a nos acrescentar. Tente se abrir para quem parece diferente de você.

- Exercite o afeto e a gentileza com chefes e colegas.
Um sorriso, ou um gesto atencioso, são suficientes para tornar as relações mais amistosas e produtivas. Seja como um ponto de luz no seu ambiente de trabalho.

- Acredite que você tem vasto potencial a ser explorado.
Às vezes perdemos chances de expansão ou mudança na profissão por não apostar em nós mesmos. É o caso de quem acha não ser capaz de aprender outro idioma.

- Viva o momento presente.
Um dos princípios do budismo destaca a importância de estar sempre focado no momento presente e fazer todas as coisas como se fosse a primeira vez. Isso nos dá motivação e nos conecta com nosso foco.

- Equilibre trabalho, família e espiritualidade.
Dê a devida atenção a cada uma dessas áreas da vida, sem achar que uma é mais importante que outra.

(Alkíndar de Oliveira)

Postar no Facebook
Um Dia...

Um dia você pára de esperar. Você pára de sonhar, de desejar e de se importar. E você entende que andou sozinho a maior parte da tua vida. Quanto mais cedo você compreende essa assustadora verdade, mais preparado você ficará para viver neste lugar desamparado.

Um dia você acorda e tudo está preto e branco. Você tenta desesperadamente encontrar um pouco de cor, mas é inútil. Você tenta pintar uma nova realidade, mas você não é um artista. Até que um dia você simplesmente esquece a beleza de um mundo colorido.

Um dia você acha que encontrou o amor. Mas na realidade você não encontrou. Você tropeçou e caiu no amor. Se o amor fosse tão bom, será que ele te faria cair? O que parecia ser um grande ponto de apoio acabou por ser uma pedra de tropeço. E você fica no chão, sofrendo e se perguntando: Será que eu quero me levantar de novo?

Um dia você se olha no espelho e não reconhece a pessoa do outro lado. E você tenta rastrear seus movimentos, suas escolhas, suas encruzilhadas. Só para tentar descobrir onde você se separou da sua concha. E você tenta descobrir: será que você vai encontrá-la, e vai se encontrar? Você quer se encontrar? Será que vale a pena?

Um dia, o sol deixa de te aquecer, e a chuva não consegue mais limpar a mancha de uma existência miserável. A comida não tem o mesmo gosto, e mesmo que tivesse, nunca conseguiria disfarçar o gosto ruim e azedo que dominou a sua boca.

Um dia você esquece como sorrir. Como sorrir de forma genuína. Você só mexe os lábios, você finge. Você é oco, vazio, você não tem motivação, inspiração, força de vontade. E todos os dias você vai para o seu próprio funeral, e você não tem últimas palavras para dizer. Você cava, cava e cava. Você vai enterrando partes de você. Sem últimos sacramentos, sem orações. Apenas silêncio e apatia. Tudo o que você pode fazer é continuar cavando. Porque isso é o que você faz melhor: você cava suas próprias sepulturas.

Um dia você simplesmente se recusa a ligar a luz. Ela não pode mais te ajudar. Mas a escuridão também não é sua amiga. Porque você não tem amigos. Você tem conhecidos, pessoas que te testam e te usam como um fantoche para a sua própria diversão.

Um dia todos os seus medos e fraquezas aparecem na sua porta. E eles não tocam a campainha. Eles derrubam a porta, te derrubam e roubam tudo o que você tem. Seu mundo desaba e você só pode olhar enquanto tudo desmorona.

Um dia... Um dia você decide escrever sobre esse dia. E quando você termina de escrever você entende que... Hoje é esse dia.

Postar no Facebook
Há Quem Diga

Há quem diga que o amor é a base de tudo, porém eles se esquecem que:
Há os que se anulam em nome do amor e acabam abandonados.
Há os que investem tudo nos outros acreditando que serão correspondidos e vivem reclamando do egoísmo alheio.
Há os que sonham com um amor perfeito, pretendem encaixar o ser amado nesse modelo e acabam descobrindo que cada um é como é e não temos poder para mudar ninguém.
Há os que confundem paixão com amor. Não percebem que paixão é admirar no outro o que recalca em si. Quando a ilusão projetiva desaparece, percebemos o ridículo dos nossos atos apaixonados.
Há os que confundem apego com amor. São egoístas que esperam do outro exatamente o que não dão.
O amor verdadeiro nunca faz sofrer. Traz alegria, motivação e prazer, agindo sempre com seu poder de harmonizar as relações humanas.
Quando ser feliz passa a ser um objetivo sério nós logo percebemos que com o amor não se brinca.

(Zíbia Gasparetto)
(Pensador)

Postar no Facebook
Aumente Seu Aprendizado

Para ajudar você a aumentar seu conhecimento, separamos algumas dicas, confira:

Para estudar melhor: Método SOAR

O professor de psicologia educacional, Ken Kiewra, explica que “o aprendizado acontece de maneira mais eficiente quando informações importantes são separadas de ideias menos importantes, organizadas graficamente, quando são criadas associações entre ideias e quando o entendimento é regulado por meio do auto-teste”. Simplificando esses conceitos, o método SOAR de aprendizado significa: selecionar, organizar, associar e regular. Você pode colocar isso em prática criando quadros comparativos, construindo associações, gravando anotações e praticando os conteúdos por meio de testes feitos consigo mesmo.

Para estudar melhor: Faça exercícios

Pode parecer inusitado, mas o que você faz fora da sala de aula desempenha um papel muito importante em seu aprendizado. O biólogo molecular John Medina, autor do livro “Aumente o poder do seu cérebro”, explica que os exercícios físicos “aprimoram inúmeras habilidades que são valorizadas tanto na sala de aula quanto no ambiente de trabalho”. Medina acrescenta que “o risco geral de demência também é diminuído pela metade quando as pessoas participam de atividades físicas, sejam exercícios ou apenas lazer”.

Para estudar melhor: Se reúna com amigos

Conversar por apenas 10 minutos antes das provas pode aprimorar sua memória e seu desempenho. Um estudo feito por pesquisadores da Universidade de Michigan mostrou que quanto maior o nível de sociabilidade das pessoas, melhor sua performance cognitiva. Esse resultado foi observado em todas as faixas etárias presentes no estudo, que ia de 24 a 96 anos.

Para estudar melhor: Estudar para fazer testes ou fazer testes para estudar?

Um estudo publicado no jornal Science descobriu que os estudantes que leram um trecho de texto e depois fizeram um teste que pedia a eles que se lembrassem do que haviam lido absorveram as informações 50% a mais do que os outros participantes do experimento. Quando for estudar para uma prova, por exemplo, procure testar seus conhecimentos com boas questões. Você pode pedir a ajuda de um amigo ou de seus pais para que corrijam suas respostas e as avaliem.

Para estudar melhor: Não evite os erros

Quando fizer os auto-testes, não tenha medo de errar. Na realidade, isso pode ajudá-lo a aprender. Diversas pesquisas já mostraram que o erro é uma das melhores formas de absorvermos conteúdos, pois praticamos aquilo que precisamos estudar. Faça provas para si mesmo que sejam desafiadores e que vão além do que o professor pede, para que na hora dos testes reais você esteja preparado, tanto mental como psicologicamente.

Para estudar melhor: Beba algo doce

Da mesma forma como os exercícios podem ajudar você a aumentar sua capacidade cognitiva, a glicose também é muito útil. Uma bebida doce, consumida de 30 minutos a uma hora antes que você tenha que se lembrar dos conteúdos irá aumentar sua capacidade de memória. Essa dica é válida especialmente antes de provas, vestibulares e outros tipos de teste. Você pode beber um chá, suco ou café. No caso da terceira opção, os resultados podem ser ainda melhores.

Para estudar melhor: Desligue as distrações

Música, aparelhos digitais e qualquer outra fonte de desatenção deve ser eliminados de seu espaço de estudos. Se você precisa de seu computador, instale programas de bloqueio temporário de sites que podem distraí-lo, como redes sociais e jogos online. Você deve se empenhar para criar esse hábito e disciplina, caso contrário, seu aprendizado será prejudicado.

Para estudar melhor: Estude em grupo

É claro que estudar em grupos pode ser uma estratégia de aprendizado útil, mas é necessário saber a hora certa para usá-la. Estude com seus amigos para relembrar os conteúdos que você já revisou sozinho. Você podem compartilhar exemplos e métodos, mas todos devem ter se preparado com antecedência para não desequilibrar os outros colegas. Se algum de seus amigos estiver com maior dificuldade, ensine a matéria para ele. Além de ajudá-lo, você também estará aprendendo junto.

Para estudar melhor: Gesticule

A gesticulação pode desempenhar um papel muito importante no aprendizado, pois ela ajuda os estudantes a incorporar de maneira alternativa as novas ideias que foram ensinadas. Mova suas mãos enquanto recita as matérias e tenha um gesto específico para cada uma delas. Na hora da prova, esses movimentos poderão diminuir a dificuldade de se lembrar das matérias.

Para estudar melhor: Seja supersticioso

Se você acredita em desejos e amuletos, fique atento para essa dica. Esse tipo de recurso pode ajudar você a ir bem na prova. Mais do que um poder de outra dimensão, eles aumentam a autoconfiança e, consequentemente, seus resultados nos tarefas.

Para estudar melhor: Converse consigo mesmo

Use essa estratégia quando for aprender novos conteúdos. Fale-os em voz alta, em frente a um espelho ou sozinho em um quarto. Você pode usar essa técnica com diferentes matérias: história, geografia, biologia e até mesmo educação física, como motivação.

Para estudar melhor: Durma bem

Dormir é essencial para sua saúde física e mental. Pessoas com hábitos ruins e desequilibrados de descanso possuem problemas de memória, concentração e raciocínio. É importante que você durma de seis a oito horas por dia. Se puder, cochile rapidamente, por até meia hora, em um intervalo entre atividades. Isso ajuda você a se sentir revigorado e apto para a nova tarefa. Se ultrapassar esse tempo, o cochilo pode causar o efeito contrário, deixando você mais sonolento e lento.

Para estudar melhor: Rabisque

Durante as aulas, enquanto o professor passa os conteúdos, rabisque em um papel de rascunho. O psicólogo e escritor Simon M. Laham explica que isso pode ser usado durante reuniões ou na leitura de um livro. Pesquisas científicas mostram que pessoas que rabiscam conseguem memorizar até 30% a mais do que as que ficam passivas.

Para estudar melhor: Use o método socrático

Tanto para praticar quanto para aprender, o método socrático é muito útil e pode ajudar você a estudar. Debata os conteúdos com seus amigos e testes as matérias e opiniões entre vocês para comprovar o aprendizado.

Para estudar melhor: Ensine outras pessoas

Como dissemos anteriormente, estudar com seus amigos pode ser muito bom para seu aprendizado. Desenvolvendo essa ideia, você também pode pedir a atenção de seus pais e outros colegas para ensiná-los aquilo que aprender ou que será cobrado na prova. Isso ajuda você a rever os conteúdos, testar seus conhecimentos e a memorizar aquilo que é necessário.

Para estudar melhor: Faça resumos

Uma ótima forma de aprendizado para quem gosta de escrever é fazer resumos das principais matérias. Você deve separar de seu caderno e livros o que é mais importante e que irá ser cobrado nas provas. Faça um texto com suas próprias palavras explicando cada tópico de maneira clara e objetiva.

Para estudar melhor: Relacione conteúdos

É importante que você evite decorar as matérias, pois na hora da prova pode acontecer o famoso “branco” que prejudica tantas pessoas. Procure relacionar os conteúdos entre si e estabelecer associações para que, mesmo que uma matéria seja esquecida, outra relacionada ajuda você a relembrar.

Para estudar melhor: Faça uma boa refeição

Você deve fazer um bom café da manhã sempre, mas principalmente no dia de uma prova importante. Uma refeição com muitos carboidratos, fibras e alimentos de digestão lenta, como a aveia. Sua alimentação deve ser sempre equilibrada e saudável, não apenas em época de provas.

Para estudar melhor: Fique calmo

Evite o estresse, pois ele prejudica seu sono e concentração. Aprenda a controlar suas emoções e a manter suas expectativas sobre controle para que você não seja traído por si mesmo.

Para estudar melhor: Não se atrase

É importante que você não deixe tudo para a última hora. Faça as leituras com antecedência e esteja preparado para as provas antes do dia anterior. Você terá tempo de sobra para tirar dúvidas e aprofundar seu conhecimento, sem a pressão do tempo causando ansiedade desnecessária.

(Universia Brasil)
(Notícias Universia)

Postar no Facebook
Ciclos em Nossas Vidas

Sempre é preciso saber quando uma etapa chega ao final. Se insistirmos em permanecer nela mais do que o tempo necessário, perdemos a alegria e o sentido das outras etapas que precisamos viver.

Encerrando ciclos, fechando portas, terminando capítulos. Não importa o nome que damos, o que importa é deixar no passado os momentos da vida que já se acabaram.

Foi despedida do trabalho? Terminou uma relação? Deixou a casa dos pais?
Partiu para viver em outro país? A amizade tão longamente cultivada desapareceu sem explicações? Você pode passar muito tempo se perguntando por que isso aconteceu.

Pode dizer para si mesma que não dará mais um passo enquanto não entender as razões que levaram certas coisas, que eram tão importantes e sólidas em sua vida, serem subitamente transformadas em pó.

Mas tal atitude será um desgaste imenso para todos: seus pais, seu marido ou sua esposa, seus amigos, seus filhos, sua irmã, todos estarão encerrando capítulos, virando a folha, seguindo adiante, e todos sofrerão ao ver que você está parado.

Ninguém pode estar ao mesmo tempo no presente e no passado, nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem conosco.

O que passou não voltará: não podemos ser eternamente meninos, adolescentes tardios, filhos que se sentem culpados ou rancorosos com os pais, amantes que revivem noite e dia uma ligação com quem já foi embora e não tem a menor intenção de voltar.

As coisas passam, e o melhor que fazemos é deixar que elas realmente possam ir embora. Por isso é tão importante (por mais doloroso que seja!) destruir recordações, mudar de casa, dar muitas coisas para orfanatos, vender ou doar os livros que tem.

Tudo neste mundo visível é uma manifestação do mundo invisível, do que está acontecendo em nosso coração...e o desfazer-se de certas lembranças significa também abrir espaço para que outras tomem o seu lugar.

Deixar ir embora. Soltar. Desprender-se. Ninguém está jogando nesta vida com cartas marcadas, portanto às vezes ganhamos, e às vezes perdemos.
Não espere que devolvam algo, não espere que reconheçam seu esforço, que descubram seu gênio, que entendam seu amor.

Pare de ligar sua televisão emocional e assistir sempre ao mesmo programa, que mostra como você sofreu com determinada perda: isso o estará apenas envenenando, e nada mais.

Não há nada mais perigoso que rompimentos amorosos que não são aceitos, promessas de emprego que não têm data marcada para começar, decisões que sempre são adiadas em nome do "momento ideal".

Antes de começar um capítulo novo, é preciso terminar o antigo: diga a si mesmo que o que passou, jamais voltará. Lembre-se de que houve uma época em que podia viver sem aquilo, sem aquela pessoa - nada é insubstituível, um hábito não é uma necessidade. Pode parecer óbvio, pode mesmo ser difícil, mas é muito importante.

Encerrando ciclos. Não por causa do orgulho, por incapacidade, ou por soberba, mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida. Feche a porta, mude o disco, limpe a casa, sacuda a poeira. Deixe de ser quem era, e se transforme em quem é.

Torna-te uma pessoa melhor e assegura-te de que sabes bem quem és tu própria, antes de conheceres alguém e de esperares que ele veja quem tu és…

E lembra-te: "Tudo o que chega, chega sempre por alguma razão." (Fernando Pessoa)

Postar no Facebook
Compaixão e Não-Violência

No futuro, se quisermos uma humanidade mais feliz, um mundo mais feliz, deveremos cortar o problema pela raiz. É claro que os poderes econômicos e políticos também são causas. Mas as causas principais estão na mente humana. Cada ação do homem, verbal ou física, até mesmo as pequenas ações, tem alguma motivação. No final das contas, tudo depende de um motivo. A motivação apropriada ou seu desenvolvimento apropriado é um fator importante.

Desta forma, se a inteligência vier acompanhado de afeto e compaixão – o que chamo de sentimento humano – será muito útil. O sistema educacional moderno dá muita atenção ao conhecimento e ao cérebro, mas não presta atenção no desenvolvimento espiritual. Isso é deixado para as organizações religiosas e para as outras pessoas. Não considero isso suficiente. Embora todas as religiões do mundo tenham potencial para dar uma grande contribuição ao desenvolvimento da bondade, nem isso é suficiente. Além disso, muitas pessoas consideram a religião algo ultrapassado ou fora de moda, e os próprios religiosos às vezes são um pouco ortodoxos demais. Eles ficam isolados do mundo real e dos problemas do dia-a-dia. Às vezes, muitas tradições religiosas, incluindo as tibetanas, dão muita ênfase ao ritual ou à cerimônia, sem entender bem seu significado. Por isso, a contribuição e a influência religiosa também são limitadas. Não basta deixar as comunidades religiosas lidarem com as questões morais. Os problemas em geral são grandes demais, e o grupo de pessoas que deve lidar com eles, pequeno ou fraco demais.

(Dalai Lama)

Postar no Facebook