Mensagens de Tristeza

Encontradas mais de 418 Mensagens de Tristeza:

Despedida de Trabalho Triste

Eu jamais iria imaginar que você sairia
antes de mim do trabalho. Amiga, você vai
fazer muita falta, pois você era a alegria
das minhas manhãs.

Eu não consigo imaginar outra pessoa me fazendo
companhia na mesa, eu não imagino outra pessoa
me dando as melhores dicas, eu não imagino outra
pessoa levando as melhores sobremesas e, entre
outras coisas.

Saiba que esses 10 anos juntas, você ganhou uma
grande amiga e, eu sei que por mais que a gente
não se encontre todos os dias, a gente vai se ver
muito.

Nunca esqueça de mim amiga, pois eu preciso de você
perto de mim.

Postar no Facebook
Meu Conforto é Você

Insegurança, medo?
Saiba: todos nós somos assim...
Pensas que eu sou sempre seguro de mim?

Enganas-te...
Às vezes sou um menino,
Carente, assustado,
E, cheio de preconceitos...

De mim mesmo, por que não?
Só não vivo meus medos,
Só não me exponho quebrado,
Pois tenho o teu amor e apoio,

Por que tenho você ao meu lado...
Fazes a diferença,
Alentas-me em meus caminhos...
Perco-me em sonhos contigo!

És sempre meu maior desejo,
Encontro em ti a paz,
Escondo neste amar as tristezas,
És meu mais doce abrigo!

(Shimon Goldwyn)

Postar no Facebook
Eu me lembro como se fosse agora...

Eu me lembro como se fosse agora nós dois falávamos do nosso amor e
não estávamos totalmente sozinhos. Durante tantas noites a lua foi a
nossa testemunha hoje ela apareceu e me encontrei tão triste, sozinho
sem a sua presença me descontrola completamente.

Você que tantas vezes me fez feliz, alegre, sabe... queria te ver
novamente falar palavras de carinho em seus ouvidos falar de mim e de
você.

Quando se ama ficamos cegos sem direito de reagir, pois o nosso coração
não tem culpa de se apaixonar você que está em toda parte por onde
passo me lembra do seu olhar assim desconfiada como se estivesse
pensado algo... fico preocupado achando que talvez você estivesse
pensando em mim, fico na expectativa imaginado você falando que você
me ama... que gostaria de me ver... quero declarar que eu preciso de
você e que sem você eu não posso viver.

Eu te gosto muito!!!

Postar no Facebook
Ser e Somente ser...

Ser, somente ser e mais nada,
Ter, somente ter e mais nada,
Sorrir, somente sorrir e nunca inventar um piada,
Cantar, somente cantar as músicas dos outros e nunca a própria.

Ser, ser forte para mudar,
Ter, ter coragem para mudar,
Sorrir, sorrir quando alguém te faz feliz,
Cantar, cantar também a história de tua luta.

Ser, ser triste hoje e lutar pela felicidade amanhã,
Ter, ter dor hoje e alívio amanhã pela suas conquistas,
Sorrir, sorrir lembrando da lágrima de ontem,
Cantar, cantar a beleza de estar conquistando tudo sem perder a melodia.

Ser, ser alguém para alguém,
Ter, ter coragem de ser você próprio,
Sorrir, sorrir sem cessar, sem parar, ser ter fim.
Cantar, por que cantar é simplesmente cantar e mais nada.

Postar no Facebook
Jovem...

Ser jovem é não perder o encanto e o susto de qualquer espera. É, sobretudo,
não ficar fixado nos padrões da própria formação.

Ser jovem é ter abertura para o novo na mesma medida do respeito ao
imutável. É acreditar um pouco na imortalidade da vida, é querer a festa, o
jogo, a brincadeira, o impossível, o distante. Ser jovem é ser bêbado de
infinitos que terminam logo ali. É só pensar na morte de vez em quando. É
não saber de nada e poder tudo.

Ser jovem é ainda acordar, pelo menos de vez em quando, assobiando uma
canção, antes mesmo de escovar os dentes. Ser jovem é não dar bola para o
síndico mas reconhecer que ele está na sua. É achar graça do riso, ter pena
dos tristes e ficar ao lado das crianças.

Ser jovem é estar sempre aprendendo inglês, é gostar de cor, xarope,
gengibirra e pastel de padaria. Ser jovem é não ter azia , é gostar de dormir e
crer na mudança; é meter o dedo no bolo e lamber o glacê. É cantar fora do
tom, mastigar depressa e engolir devagar a fala do avô. É gostar de barca da
Cantareira, carro velho e roupa sem amargura. É bater papo com a baiana,
curtir o ônibus e detestar meia marrom.

Ser jovem é beber curvas, ter estranhas, súbitas e inexplicáveis atrações. É
temer o testemunho, detestar os solenes, duvidar das palavras. Ser jovem é não
acreditar no que está pensando exceto se o pensamento permanecer depois. É
saber sorrir e alimentar secreta simpatia pelos crentes que cantam na praça
em semicírculo, Bíblia na mão, sonho no coração. É gostar de ler e tentar
silêncios quase impossíveis. É acreditar no dia novo como obra de Deus. É
ser metafísica sem ter metafísica. É curtir trem, alface fresquinha, cheiro de
hortelã. É gostar até de talco.

Ser jovem é ter ódio de cachimbo, de bala jujuba, de manipulação, de ser
usado. Ser jovem é ser capaz de compreender a tia, de entender o reclamo da
empregada e apoiar seu atraso. Ser jovem é continuar gostando de deitar na
grama. É gostar de beijo, de pele, de olho. Ser jovem é não perder o hábito de
se encabular. É ir para ser apresentado( já conhece fulano ) morrendo de
medo. Ser jovem é permanecer descobrindo. É querer ir a lua ou conhecer as
Finlândias, Escócias e praias advinhadas. É sentir cheiro de férias, cheiro de
mãe chegando em casa em dia de chuva, cheiro de fecom a baiana,
curtir o ônibus e detestar meia marrom.

Ser jovem é beber curvas, ter estranhas, súbitas e inexplicáveis atrações. É
temer o testemunho, detestar os solenes, duvidar das palavras. Ser jovem é não
acreditar no que está pensando exceto se o pensamento permanecer depois. É
saber sorrir e alimentar secreta simpatia pelos crentes que cantam na praça
em semicírculo, Bíblia na mão, sonho no coração. É gostar de ler e tentar
silêncios quase impossíveis. É acreditar no dia novo como obra de Deus. É
ser metafísica sem ter metafísica. É curtir trem, alface fresquinha, cheiro de
hortelã. É gostar até de talco.

Ser jovem é ter ódio de cachimbo, de bala jujuba, de manipulação, de ser
usado. Ser jovem é ser capaz de compreender a tia, de entender o reclamo da
empregada e apoiar seu atraso. Ser jovem é continuar gostando de deitar na
grama. É gostar de beijo, de pele, de olho. Ser jovem é não perder o hábito de
se encabular. É ir para ser apresentado( já conhece fulano ) morrendo de
medo. Ser jovem é permanecer descobrindo. É querer ir a lua ou conhecer as
Finlândias, Escócias e praias advinhadas. É sentir cheiro de férias, cheiro de
mãe chegando em casa em dia de chuva, cheiro de festa, aipim, camisa nova
ou toalha lá do clube.

Ser jovem é andar confiante como quem salta, se possível de mãos dadas com
o ar. É ter coragem de nascer a cada dia e embrulhar as fossas no celofane do
não faz mal. É acreditar em frases, pessoas, mitos, forças, sons, é crer no que
não vale a pena mas ai da vida se não fosse isso. É descobrir um belo que não
conta. É recear as revelações e ir para casa com gosto de seu silêncio amargo
ou agridoce. Ser jovem é ter capacidade do perdão e andar com os olhos
cheios de capim cheiroso. É ter tédios passageiros, é amar a vida, é ter uma
palavra de compreensão. Ser jovem é lembrar pouco da infância por não
precisar fazê-lo para suportar a vida.

Ser jovem é ser capaz de anestesia salvadoras. Ser jovem é misturar tudo isso
com a idade que tenha, trinta, quarenta, cinqüenta, sessenta, setenta ou
dezenove. É sempre abrir a porta com emoção. É esperar dos outros o que
ainda não desistiu de querer. Ser jovem é viver em estado de fundo musical de
superprodução da Metro. É abraçar esquinas, mundos, espaços, luzes, flores,
livros, discos, cachorros e a menininha com um profundo, aberto e
incomensurável abraço feito de festa, cocada preta, dentes brancos e dedos
tímidos, todos prontos para os desencontros da vida. Com uma profunda e
permanente vontade de SER.

Postar no Facebook
A Maior Alegria dessa Vida

Você é alegre? Estou perguntando se você é feliz, se tem a felicidade verdadeira, aquela que gente sente mesmo em momentos de tristeza. A alegria é irmã gêmea da felicidade, e felicidade sem alegria não se torna convincente.

É muito bom dar boas gargalhadas, sorrir cordial e sinceramente. A alegria torna o nosso espírito mais leve, faz a vida ficar menos dura e seca. A alegria não significa rir o tempo todo, mas, ela não perde uma oportunidade de fazê-lo.

Cristo no coração da pessoa traz a alegria e o prazer de sorrir. Nas palavras de Provérbios 15.13: “O coração alegre aformoseia o rosto, mas com a tristeza do coração o espírito se abate”.

(Olivar Alves Pereira)

Postar no Facebook
Ressurreição

Nada me mataria mais,
se apenas ela me amasse.
Nada seria mais eficaz,
se por misericórdia inda me rejeitasse.
Não morreria mais essa minha fé,
se ao menos me apunhalasse;
mas ainda cai desgraça de pé
e morro sem que ela me falasse.
Inda viveria mais,
se a paixão não me desse jugo tão duro.
Inda assim acharia meu cais,
se soubesse que moro em seu novo futuro.
Mas ainda assim me mata,
me deixando viver sem seus olhos...
Viver sem ti de morte não passa;
flores para mim, assim, não passam de tristes abrolhos...

Postar no Facebook
Quando se perde um Grande Amor

É tão difícil compreender as emoções quando se rompe uma relação. Às vezes, temos certeza que tudo passou e de repente tudo volta. Como definir se o que sentimos é amor ou não é? Se é saudade ou solidão? Tristeza ou decepção? Posse ou desejo? Perda. Quando se perde um grande amor, muitas dúvidas emergem sob o fundo do sofrimento. Para alguns é um momento de intenso crescimento. Muito se pode aprender, uma aprendizagem que nos faz humildes diante da própria fragilidade.

Deparamo-nos com o que é a dor, a impotência diante dos sentimentos, a paciência necessária para esperar passar, pois a dor de amor não passa na velocidade da net, do gigas, dos chips, e o tempo que isso leva é indeterminado, é pessoal e singular.

Aceitar os altos e baixos, os enganos, os tropeços, as dúvidas, a falta de controle. Aceitar a não certeza, o não acesso ao que o outro sente e pensa, a incoerência do humano, a fraqueza, o medo, a culpa, o erro que não tem concerto, a marca da mentira e o que fazer com tudo isso?

O tempo não volta e as coisas não se apagam, por amor que tentamos, mas nada vai permanecer do jeito que está. A incerteza do futuro corrói, o medo do que virá, a ansiedade pelo novo e desconhecido, a prisão do passado, do familiar, que falta faz, será abstinência? Temos sim abstinência do outro a quem amamos e perdemos, somos forçados a esquecer quando ainda, ainda não estávamos preparados.

O choro que insiste em voltar, a vida que segue, e o tempo que insiste em passar, a confusão que não consegue chegar ao fim, tempos distintos, tempos diversos, tempo de cada um. Amor perdido, amor doído, amor esquecido, quando? Quando você está preparado para correr o risco de passar por tudo isso de novo e lembrar da abundância de felicidade num coração que ama, e é também amado...

(Priscila Lima e Melissa Coutinho)
(Terapiólogas)

Postar no Facebook
Ela...

Ela é mais uma garota só...
O amor que você não vai dar,
é o que Ela sempre quis...
Ela não é feliz.
Eu me lembro bem de quando tudo começou,
De quando te conheceu,
Sei também que você nem reparou nela,
Mas Ela não te esqueceu...
É tão triste quando é assim,
O que vai se fazer?
Sei que você deve estar dizendo:
- Nada!!!
Mas Ela nunca vai conquistar o seu amor...
E eu???
Bem, eu vou fazer o que puder para não dizer,
Para esconder,
Para esquecer,
Que Ela...
Bem...
Ela... Sou eu...

Postar no Facebook
Carta de Despedida de Kurt Cobain

Para Boddah

Falando como um simplório experiente que obviamente preferiria ser um efeminado, infantil e chorão. Este bilhete deve ser fácil de entender. Todas as advertências dadas nas aulas de punk rock ao longo dos anos, desde minha primeira introdução a, digamos assim, ética envolvendo independência e o abraçar de sua comunidade, provaram ser verdadeiras.

Há muitos anos eu não venho sentindo excitação ao ouvir ou fazer música, bem como ao ler ou escrever. Minha culpa por isso é indescritível em palavras. Por exemplo, quando estou atrás do palco, as luzes se apagam e o ruído ensandecido da multidão começa, nada me afeta do jeito que afetava Freddie Mercury, que costumava amar, se deliciar com o amor e adoração da multidão - o que é uma coisa que totalmente admiro e invejo.

O fato é que não consigo enganar vocês, nenhum de vocês. Simplesmente não é justo para vocês e para mim. O pior crime que posso imaginar seria enganar as pessoas sendo falso e fingindo que estou me divertindo 100 por cento. Às vezes acho que eu deveria acionar um despertador antes de entrar no palco. Tentei tudo que está em meus poderes para gostar disso (e eu gosto, Deus, acreditem-me, eu gosto, mas não o suficiente). Me agrada o fato de que eu e nós atingimos e divertimos uma porção de gente.

Devo ser um daqueles narcisistas que só dão valor as coisas quando elas se vão. Eu sou sensível demais. Preciso ficar um pouco dormente para ter de volta o entusiasmo que tinha quando criança. Em nossas últimas três turnês, tive um reconhecimento por parte de todas as pessoas que conheci pessoalmente e dos fãs de nossa música, mas eu ainda não consigo superar a frustração, a culpa e a empatia que tenho por todos.

Existe o bom em todos nós e acho que eu simplesmente amo as pessoas demais, tanto que chego a me sentir mal. O triste, sensível, insatisfeito, pisciano, pequeno homem de Jesus. Por que você simplesmente não aproveita? Eu não sei! Tenho uma esposa que é uma deusa, que transipira ambição e empatia e uma filha que me lembra demais de como eu costumava ser, cheio de amor e alegria, beijando todo mundo que encontra porque todo mundo é bom e não vai fazer mal a ela. Isto me aterroriza a ponto de eu mal conseguir funcionar. Mal posso suportar a idéia de Frances se tornando o triste, autodestrutivo e mórbido roqueiro que virei.

Eu tive muito, muito mesmo, e sou grato por isso, mas desde os sete anos de idade passei a ter ódio de todos os humanos em geral. Apenas porque parece muito fácil se relacionar e ter empatia. Apenas porque eu amo e sinto demais por todas as pessoas, eu acho. Obrigado do fundo de meu nauseado estômago queimando por suas cartas e sua peocupação ao longo dos anos. Eu sou mesmo um bebê errático e triste! Não tenho mais a paixão, então lembrem, é melhor queimar do que se apagar aos poucos. Paz, Amor, Empatia.

Frances e Courtney, estarei em seu altar. Por favor, vá em frente, Courtney, por Frances. Pela vida dela, que vai ser tão mais feliz sem mim. EU TE AMO, EU TE AMO!

(Kurt Cobain)

Postar no Facebook
Um sonho de uma bela amizade

O importante não foi o dia que te conheci, mas o dia que aprendi a compartilhar com você minhas alegrias e tristezas.
Quando descobri que nascia em mim o sentimento da amizade.
Pude perceber que nascia entre nós um sonho de uma bela amizade.
A palavra é complicada, mas quem sabe seu significado é só quem tem a capacidade de poder apreciar seus defeitos e qualidades.
A amizade quando verdadeira é um sentimento eterno que não tem fim.
A minha amizade por você é tão especial que não saberei explicar em meras palavras.
Sempre sinto vontade de dizer o quanto é importante contar com amigos como você.
Hoje você já faz parte da minha vida, agradeço a Deus por ter te encontrado e descoberto com você a verdadeira amizade.
Só te digo uma coisa, que minha amizade teve:
Um início, meio e nunca terá fim.

Postar no Facebook
11 de Setembro

Uma carta interessante para ser refletida!... Onde quer que eu esteja.

Um dia, logo após o 11 de setembro, eu conversava com uma pessoa que era responsável pela segurança de uma empresa no World Trade Center.

Com muita calma, ele me contou histórias de sobreviventes e todas continham pequenos detalhes. Como você talvez já saiba, o chefe de uma empresa chegou tarde, simplesmente, porque era o primeiro dia do seu caçula no jardim de infância. Um outro estava vivo porque era seu dia de trazer rosquinhas para o café. Uma mulher atrasou-se porque o despertador não funcionou. Outra porque ficou presa num congestionamento causado por um acidente. Um outro havia perdido o ônibus. Uma mulher teve que trocar de roupa porque derramou café. Alguém teve que atender a uma ligação. O filho de outro se demorou em sair da cama. Alguém não encontrava um táxi. Muitas outras histórias... Pequenos detalhes... contratempos... talvez, algum dia, seja escrito num livro.

E aquele homem com quem eu conversava estava vivo porque naquele dia estava usando sapatos novos que lhe causaram uma bolha no pé e teve que parar numa farmácia para comprar um bandeide (Band-Aid - J&J). Hoje, quando pego um congestionamento de trânsito, perco um elevador, atendo uma ligação no momento de uma saída... pequenas coisas que me aborreciam, penso comigo... estou exatamente onde Deus quer que eu esteja neste momento. Que Deus continue a abençoar você com todos estes pequenos aborrecimentos que o faça lembrar de seus propósitos. Na próxima vez em que parecer que "se levantou com o pé esquerdo", seus filhos demorando em se vestir, não lembrar onde deixou as chaves do carro, pegar todos os semáforos fechados no caminho do trabalho, não fique triste, não se irrite, não se sinta frustrado, louve a Deus, e agradeça, porque Ele está cuidando de você. Nem sempre compreendemos os desígnios de Deus. Acredito que Ele queira sempre o melhor para nós, o difícil é ler suas entrelinhas...

Postar no Facebook
Estrela Cadente

À noite, olhando o céu, pensativa, e distraída
Algo me chama a atenção, mexe com meu coração
As estrelas estão com menos brilho, sem vida
Uma tristeza profunda parece invadir a escuridão

Sinto uma noite azeda, sem graça sem sabor
Sem nada de bom, nada para admirar
Mas somente eu a vejo assim meu Deus e Senhor
Porque essa tristeza está só dentro de mim...

Sinto a alma definhando, o coração se afogando
Sofrendo por um amor que não pode ser vivido
Minhas noites todas muito tristes vão ficando
Sem saber por que não posso ver um céu colorido

Uma estrela cadente subitamente risca o firmamento
Imagino ser um aviso de que ele vai voltar
Meus pensamentos loucos voam nesse momento
Meu coração então parece que vai saltar

Num momento penso que esse amor insano
Que me fez muito feliz, quase durou um ano
Que enche meu peito, que me sufoca tanto assim
Sentiu a minha ausência e vai voltar para mim

Que sonho lindo, mas quanta esperança perdida!
Como pensar assim se ele não se importa com a minha vida?

(Cassia Amaral)

Postar no Facebook
Meu Bem Amado

Eu vivia triste e amargurada na minha vida vazia, quando veio alguém e disse:
VIVA
Eu vivia, mas a solidão da vida logo me fez entristecer de novo, e então alguém me disse:
AME
Eu amei, mas logo veio a dor da decepção então alguém disse de novo:
PERDOE
Eu perdoei, mas o vazio continuava e bateu a saudade, mais uma vez alguém
disse:
ESQUEÇA
E agora eu disse:
Eu amei e perdoei, mas esquecer você
JAMAIS

Postar no Facebook
A Menina e o Pássaro Encantado

Era uma vez uma menina que tinha um pássaro como seu melhor amigo. Ele era um pássaro diferente de todos os demais: Era encantado. Os pássaros comuns, se a porta da gaiola estiver aberta, vão embora para nunca mais voltar. Mas o pássaro da menina voava livre e vinha quando sentia saudades...

Suas penas também eram diferentes. Mudavam de cor. Eram sempre pintadas pelas cores dos lugares estranhos e longínquos por onde voava.
Certa vez, voltou totalmente branco, cauda enorme de plumas fofas como o algodão.

"- Menina, eu venho de montanhas frias e cobertas de neve, tudo maravilhosamente branco e puro, brilhando sob a luz da lua, nada se ouvindo a não ser o barulho do vento que faz estalar o gelo que cobre os galhos das árvores. Trouxe, nas minhas penas, um pouco de encanto que eu vi, como presente para você...".

E assim ele começava a cantar as canções e as estórias daquele mundo que a menina nunca vira. Até que ela adormecia, e sonhava que voava nas asas do pássaro. Outra vez voltou vermelho como fogo, penacho dourado na cabeça.

"... Venho de uma terra queimada pela seca, terra quente e sem água, onde os grandes, os pequenos e os bichos sofrem a tristeza do sol que não se apaga. Minhas penas ficaram como aquele sol e eu trago canções tristes daqueles que gostariam de ouvir o barulho das cachoeiras e ver a beleza dos campos verdes."

E de novo começavam as estórias. A menina amava aquele pássaro e podia ouvi-lo sem parar, dia após dia. E o pássaro amava a menina, e por isso voltava sempre.

Mas chegava sempre uma hora de tristeza.

"- Tenho que ir", ele dizia.

"- Por favor não vá, fico tão triste, terei saudades e vou chorar....".

"- Eu também terei saudades", dizia o pássaro.
- Eu também vou chorar. Mas eu vou lhe contar um segredo: As plantas precisam da água, nós precisamos do ar, os peixes precisam dos rios... E o meu encanto precisa da saudade. É aquela tristeza, na espera da volta, que faz com que minhas penas fiquem bonitas. Se eu não for, não haverá saudades. Eu deixarei de ser um pássaro encantado e você deixará de me amar."

Assim ele partiu. A menina sozinha, chorava de tristeza à noite. Imaginando se o pássaro voltaria. E foi numa destas noites que ela teve uma idéia malvada.
"- Se eu o prender numa gaiola, ele nunca mais partirá; será meu para sempre. Nunca mais terei saudades, e ficarei feliz".

Com estes pensamentos comprou uma linda gaiola, própria para um pássaro que se ama muito. E ficou à espera.

Finalmente ele chegou, maravilhoso, com suas novas cores, com estórias diferentes para contar. Cansado da viagem, adormeceu.

Foi então que a menina, cuidadosamente, para que ele não acordasse, o prendeu na gaiola para que ele nunca mais a abandonasse. E adormeceu feliz.

Foi acordar de madrugada, com um gemido triste do pássaro.

"- Ah! Menina... Que é que você fez? Quebrou-se o encanto. Minhas penas ficarão feias e eu me esquecerei das estórias... Sem a saudade, o amor irá embora..."

A menina não acreditou. Pensou que ele acabaria por se acostumar. Mas isto não aconteceu. O tempo ia passando, e o pássaro ia ficando diferente.

Caíram suas plumas, os vermelhos, os verdes e os azuis das penas transformaram-se num cinzento triste. E veio o silêncio; deixou de cantar. Também a menina se entristeceu. Não, aquele não era o pássaro que ela amava.

E de noite ela chorava pensando naquilo que havia feito ao seu amigo...
Até que não mais agüentou. Abriu a porta da gaiola.

"- Pode ir, pássaro, volte quando quiser...".

"- Obrigado, menina. É, eu tenho que partir. É preciso partir para que a saudade chegue e eu tenha vontade de voltar. Longe, na saudade, muitas coisas boas começam a crescer dentro da gente. Sempre que você ficar com saudades, eu ficarei mais bonito. Sempre que eu ficar com saudades, você ficará mais bonita. E você se enfeitará para me esperar...".

E partiu. Voou que voou para lugares distantes. A menina contava os dias, e cada dia que passava a saudade crescia.

"- Que bom, pensava ela, meu pássaro está ficando encantado de novo...".

E ela ia ao guarda-roupa, escolher os vestidos; e penteava seus cabelos, colocava flores nos vasos...

"- Nunca se sabe. Pode ser que ele volte hoje..."

Sem que ela percebesse, o mundo inteiro foi ficando encantado como o pássaro. Porque em algum lugar ele deveria estar voando. De algum lugar ele haveria de voltar.

Ah! Mundo maravilhoso, que guarda em algum lugar secreto o pássaro encantado que se ama...

E foi assim que ela, cada noite ia para a cama, triste de saudade, mas feliz com o pensamento:
"- Quem sabe ele voltará amanhã..."

E assim dormia e sonhava com a alegria do reencontro.

Postar no Facebook