Oração da Noite

Boa noite, Pai! Termina o dia
E a Ti entrego o meu cansaço.
Obrigado por tudo e perdão!
Obrigado pela esperança
Que hoje animou meus passos.
Pela alegria que vi
No rosto das crianças.
Obrigado pelo exemplo que recebi
Dos outros. Obrigado também
Pelo que me fez sofrer...
Obrigado porque naquele
Momento de desânimo
Me lembrei de que Tu és meu Pai.

Obrigado pela luz, pela noite,
Pela brisa, pela comida,
Pelo meu desejo de superação.
Obrigado, Pai, porque me deste
Uma mãe compreensiva e carinhosa.
Perdão também, Senhor!
Perdão por meu rosto carrancudo.
Perdão porque me esqueci
De que não sou filho único,
Mas irmão de muitos.

Perdão, Pai, pela falta de colaboração,
Pela ausência de espírito de servir.
Perdão porque não evitei
Aquela lágrima, aquele desgosto.
Perdão por ter aprisionado em mim
A Tua mensagem de Amor.
Perdão porque não estive disposto
A dizer "sim", como Maria.
Perdão por aqueles
Que deveriam pedir-Te perdão
E não se decidem a fazê-lo.

Perdoa-me, Pai, e abençoa meus
Propósitos para o dia de amanhã!
Que ao despertar me domine um
Novo entusiasmo. Que o dia de
Amanhã seja um contínuo "sim",
Em uma vida consciente.
Boa noite, Pai, até amanhã!

Mensagens Relacionadas

A noite cai e a graça de Deus
continua sendo revelada em
cada ponto no céu e em cada
luz na Terra, e em cada estrela
Sua bondade antecipa um mar
belo de descanso e renovação.
Instantes de harmonia são
ofertas do Senhor abençoadas
e iguais ao Seu coração.
Que o sono seja esperança para
um acordar glorioso e que esta
oração da noite seja paz para
a dádiva do novo dia de amanhã.

Também na escuridão da madrugada
Se encontra Tua grandiosidade
E assim quando me preparo para dormir
Te dedico esta oração da noite, Senhor.
A Ti entrego minhas preocupações
E a Ti peço perdão pelas minhas falhas.
Meu Deus, fazei que minha fé
Seja maior que qualquer tribulação
E nesta hora de descanso e paz
Trazei a meu coração a esperança
E uma renovada energia
Para o dia de amanhã enfrentar
Com garra, fé e determinação!
Obrigada, Senhor, pela Tua bondade
Por seres Pai generoso
E sempre presente! Amém!

Viver é errar, e eu errei com você
Agora lhe peço perdão
Carregando nas mãos o coração.
Espero sua bondade
Sua generosidade para comigo
Espero que você seja melhor que eu
E que encontre pelo menos uma razão
Para me desculpar.

Em nome de Deus me perdoe!
Aceite minha penitência
Meu arrependimento e toda minha dor
Pois sofro por ter feito você sofrer.
Deus sabe o quanto me dói o coração
E que apenas você pode curar essa dor
Apenas o seu amor é salvação
Apenas ao seu lado retornará o calor.
Você é minha vida, meu amor,
Minha razão para seguir... Me perdoe!

Senhor,
Faça com que eu compartilhe
A vida com os meus amigos.
Que eu seja tudo para cada um deles.
Que a todos dê minha amizade,
Minha compreensão, meu carinho,
Minha simpatia, minha alegria,
Minha solidariedade, minha atenção,
Minha lealdade.
Que eu os aceite e os ame como são.
Que eu seja um refúgio poderoso
E um amigo fiel.
Faça com que permaneçamos unidos,
Pela nossa eternidade.
Que essa amizade floresça sempre
Como um belo jardim,
Para que nós possamos nos lembrar
Com gratidão.
Que sejamos todos cúmplices de bons
E maus momentos.
Que eu possa estar presente
Sempre que precisarem,
Mesmo que seja só para dizer:
- Oi , tudo bem com você?
Senhor, presente em meu coração!
Eu peço que continue a nos guiar,
Amparar e proteger!

Perdoe-me porque, um dia, não toquei
Em seus loiros cabelos cheios de maciez.
Perdoe-me pelos versos que não lhe dei
Por falta de coragem, excesso de timidez.

Perdoe-me pelas horas que eu não vivi
Estendido, como raios-de-sol, em seu colo.
Perdoe-me pelas veredas que eu segui,
Chutando a paz, como pedras no solo.

Perdoe-me, se soou minha voz pra outro canto,
Não levando a você as minhas frases.
Perdoe-me, se eu fiz da dor seu manto
E não olhei suas lágrimas nessa fase.

Perdoe-me, amor, pelas ausências bruscas,
Quando você estava sozinha a me esperar.
Perdoe-me pelas minhas inveteradas buscas
Que eu dei por mim, sem nunca me encontrar.

Perdoe-me, estou sonolento, estou confuso
E tento desvendar meu real sentido.
Perdoe-me minhas retrações, meus abusos.
Em troca, receba a oração de um arrependido.

(Carlos Alemida)
(pensador.uol.com.br)