Arrependimento Sincero

Sofro por um perdão,
Um perdão que parece impossível,
Será?
Será que você é capaz de me perdoar?
Será que atingi mesmo o seu coração?
Ou aquele seu ego masculino?
Só você pode devolver a minha vida,
Devolver a minha felicidade,
Será que você pode mesmo?
Me dar uma última,
Que seja última chance?
Tente. Por favor, faça isso!
E devolva à minha vida e ao meu coração
Tudo o que perdi!

Mensagens Relacionadas

Às vezes, nossa cabeça dificulta tudo. Outras vezes é o coração que não ajuda. E outras se devem ao fato da precipitação estar inerente ao ser humano. Eu errei com você. Errei comigo. E estou pedindo desculpa por ter sido tão cruel.

Acredite que você seria a última pessoa que queria machucar, mas é sempre assim. A gente acaba magoando quem mais gosta e isso me deixa profundamente abalado. Me perdoa, por favor!

O ser humano vive cheio de imperfeições, cheio de falhas em seu sistema, repleto de capacidades negras, mas o ser humano é também sinônimo de aprendizagem e de melhoramento. Tenho certeza que estou aprendendo com meus erros.

Este último, poxa vida, este último tem sido uma escola para mim. E é por isso que eu sei que vou mudar, vou virar uma pessoa melhor e mais correta com você. Isso é o mais importante para mim compensar meu erro que tanto tem feito você sofrer.

Preciso do seu perdão. Prometo que nunca mais vou machucar você!

Todos sabemos que aqueles a quem mais amamos, que aqueles que mais nos amam, são os que mais facilmente e com mais frequência feriremos, e os que com maior violência nos atingirão, mesmo não existindo intenção ou consciência disso.

Faz parte de amar e ser amado, faz parte de viver, assim como reconhecer o mal que se faz e se arrepender dele. É justamente isso que eu sinto, arrependimento pelo que fiz ao meu namorado, à pessoa que tanto amo, a você.

Me perdoe, por favor! A intenção nunca foi magoar você, e dói ainda mais pensar que o fiz. O castigo maior é a consciência do erro e o impacto dele na pessoa que amamos, é punição suficiente. Por isso me desculpe, pois já estou sofrendo por isso, e pelo muito que me arrependo de tudo!

O casamento é a união de duas pessoas imperfeitas que se amam e, por isso, tanto a esposa como o marido irão magoar e ser magoados com palavras e ações irrefletidas do seu parceiro. Não adianta insistirmos que quem ama não machuca. Quem ama machuca sim, porque todos falhamos. A diferença é que quem ama procura solucionar o seu erro e cuidar da pessoa a quem fez sofrer.

O perdão e o arrependimento surgem então como essenciais em qualquer relacionamento. Durante anos e anos de convívio, algumas vezes iremos estar no papel do arrependido e em outras ocasiões na posição do perdoador. Partir para um casamento sem essas duas atitudes tão nobres, traria sérios riscos de correr mal. Seria como sair com pouca roupa para um lugar onde está bastante frio, com a diferença de que, neste caso, a consequência seria uma constipação, mas no que se refere ao matrimónio, o resultado poderia ser uma triste separação.

Pensar que algo do passado poderia ter sido feito de outra forma ou mudar de opinião sobre o que já havia decidido anteriormente, não deveriam ser tratados como fracasso. Nossas vidas estão se tornando cada vez mais dinâmicas e olhar determinado assunto por outro lado não é nada de incomum muito menos errado.

Sentir arrependimento não pode ser tomado como um sentimento negativo ou que deve ser sempre censurado. Imaginar que alguns momentos da sua vida poderiam ser diferentes pode ser até transformado em algo positivo se for pensado como pode evitar tal fato futuramente.

O problema está em arrepender-se frequentemente, o que pode desencadear um intenso sofrimento por não estar satisfeito com a vida que está vivendo. O arrependimento deve surgir de forma esporádica, e quando aparecer que seja utilizado como incentivo para nunca mais ser repetido.

Arrepender-se de alguns poucos momentos pode mudar positivamente a forma como enxerga sua vida, mas viver achando que tudo deveria ter sido diferente, pode mostrar que existe uma grande dificuldade para conseguir realmente mudar de vida.

Não voltaria a cometer o mesmo erro. Eu juro que nunca mais vou fazer você sentir assim, minha mãe! Por favor, me perdoe, me desculpe! Não acene com a cabeça; responda sim com um abraço forte, pois é isso que estou precisando.

O arrependimento é um monstro terrível, um monstro que morde sem largar, um monstro que invade nossa cabeça. Então me ajude, mãe, e me perdoe! Eu adoro você!