Ser mãe é amar incondicionalmente

Ser mãe é carregar no corpo o dom da criação, a dádiva da vida, e no coração um amor que não conhece limites pela vida toda.

Ser mãe é chamar para si a maior e mais divina das responsabilidades. É ter no colo o poder de acalmar, no sorriso o poder de confortar. Ser mãe é ser estabilidade e fortaleza, mesmo na incerteza, mesmo no sofrimento. Ser mãe é tudo isso e muito mais, mas acima de tudo é ter a capacidade de amar incondicionalmente os seus filhos!

Mensagens Relacionadas

Uma verdadeira amizade tem muito valor, pois um amigo é capaz de largar a sua paz para enfrentar ao nosso lado cada dificuldade que nos surge pela frente. Na verdade, quem tem bons amigos nunca se sentirá sozinho e sempre receberá um amor incondicional que dificilmente encontrará em outro lugar.

Por isso, a melhor decisão que podemos tomar é a de sempre lembrarmos àqueles amigos que nos acompanham a importância que têm para nós. É o mínimo que podemos fazer por quem luta diariamente pela nossa felicidade.

Há vários tipos de amor e várias formas de amar, mas a melhor de todas é a verdadeira e incondicional.

Aquele amor que nunca se cansa, que nunca se esgota. Que não se importa se é assim ou de outra forma. Aquele tipo de amor que apenas quer o bem e a felicidade da pessoa amada.

Aquele amor que aconteça o que acontecer se mantém firme como uma rocha. Que atravessa tempo e distância. Que cuida, protege e fica sempre ao lado.

É esse o amor que sinto por você, e que sempre sentirei.

Costuma dizer-se que quando uma criança nasce, com ela nasce uma mãe. É uma ideia bonita, mas nem sempre ela encontra correspondência na vida real. Às vezes a criança nasce, e só mais tarde na vida desse rebento de luz é que vai nascer a mãe que o vai amar.

Assim é com uma mãe adotiva, que nasce quando o seu olhar se cruza com o do filho que não gerou no ventre, mas que naquele momento, e daí em diante, se planta com firmeza no seu coração. Assim é, e assim foi comigo.

Ser mãe adotiva é amar tão completamente, e mais do que a própria, a vida daquele que chegou pelas mãos da divina providência, não da biologia. É olhar o corpinho do ser onde não corre o mesmo sangue e enxergar a alma do próprio filho. É ver nele a extensão daquilo que ela é.

Ser mãe adotiva é amar, sacrificar, sofrer em silêncio, chorar de alegria... Com um coração, lágrimas ou sorrisos semelhantes aos de qualquer outra mãe, pois ser mãe adotiva é ser Mãe, ponto!

Meu amor, minha amada esposa, mulher forte e corajosa, mãe carinhosa e dedicada. Em você se concentra o verdadeiro e mais profundo significado do que é ser mãe! Pois ser mãe é ser como você, e ter no corpo todo o encanto da criação, no ventre gerar vida, no coração amor infinito.

Ser mãe é ter como você, um coração tão grande quanto todos os oceanos multiplicados até ao infinito, uma paciência do tamanho do universo, e um sorriso permanente que acalma e conforta. Ser mãe é ser como você, sublime essência de proteção, amor incondicional e carinho que nunca esgotam.

Você está sempre presente, incansável, constante. Você sabe se impor quando é necessário, dar sem nunca exigir de volta. Você é mulher de infinitos encantos e fortalezas; esposa carinhosa e dedicada; mãe maravilhosa, protetora, atenta, exemplar. Você é aquela que melhor sabe honrar todos os nomes onde cabe o seu!

Ser mãe é ser presença constante, carinho incansável, proteção e segurança que me garantem que jamais ficarei só na vida.

Ser mãe é ser o que você sempre foi para mim, querida mãe. Um sorriso que conforta e anima na hora mais aflita, uma palavra que acalma e orienta.

O seu coração é tão grande e generoso quanto a imensidão do universo, e o seu colo uma certeza de paz. Eu te amo, melhor mãe do mundo!