Mensagens de Sentimentos


Hoje falo para o amor, como se de uma pessoa se tratasse, como se ele tivesse acontecido em sua plenitude. Falo triste mas também o faço com convicção, pois são palavras de adeus o que eu tenho de proferir.

Durante tempos alimentei esta esperança em meu coração. Ter você em meus braços e me poder perder nos seus, era para mim já realidade, uma realidade na qual só eu vivia. Demorou, talvez, mas acabei por entender que este amor que eu sentia não era correspondido e tive que aceitar isso, por muita mágoa que me causasse.

Então adeus, sonhos que não foram concretizados. Até nunca, beijos e abraços que nunca foram dados. Tomara eu ter largado esta paixão infrutífera há mais tempo. Mas infelizmente, primeiro somos sempre arrastados pelo coração e só depois fazemos nossas escolhas. Agora eu sei que o que dói mais não é a despedida, mas saber o que nós dois poderíamos ter sido.

Quando se ama como eu amo você, não existem dúvidas, não se questiona o sentido da vida, o de onde vimos e para onde vamos, pois para todas as perguntas há apenas uma resposta. Eu nasci para te amar!

Não importa o que possam dizer, pensar, supor ou querer. Para mim importa apenas o nosso amor e acima de tudo a sua felicidade, pois da sua depende a minha, e pode ter certeza que eu tudo vou fazer sempre para que seja feliz. Eu te amo, hoje e para sempre!

Você é o homem da minha vida. É maravilhoso poder receber seu amor e ainda ter todos os dias um pouco da sua amizade. Você conversa comigo e diz sempre as palavras certas quando estou triste e do seu lado eu tenho vivido momentos inesquecíveis.

Tenho o privilégio de dizer que a pessoa que amo é o meu melhor amigo e eu não trocaria isso por nada deste mundo.

Minha querida avó, são tão grandes e diversos os sentimentos que carrego no coração por você que gostaria que existisse uma palavra que resumisse todos. Talvez amor seja o que mais se aproxima, amor com uma grande dose de gratidão.

Desde o início você esteve presente na minha vida. Quando precisei de uma mãe extra, você foi essa mãe; quando precisei de uma amiga, você foi essa amiga.

Quando precisei de carinho, consolo, de sabedoria foi em você que procurei e encontrei. E quando procurei simplesmente a minha doce vovó, você foi minha avozinha querida que me enchia de mimos.

Sinto muita gratidão por tudo, e apenas lamento que não existam palavras ou gestos capazes de a expressarem devidamente. Então, apenas me resta confiar que seu enorme coração consiga sentir todo amor e gratidão que lhe devoto.

Eu te amo, vovó do meu coração!

Quem inventou o amor?
Só pode ter sido alguém com
poder supremo, alguém capaz
de diferenciar os sentimentos,
capaz de mudar o mundo
com um simples gesto.
Quem inventou o amor?
Só pode ter sido alguém especial,
alguém único, capaz de inundar
corações com emoção,
com desejos de reparação.
Quem inventou o amor?
Só poderia mesmo ser nosso
Deus, nosso Pai!
Capaz de criar um mundo com
tantas perfeições, que só mesmo
o homem para danificá-lo com
suas más intenções.
O amor é perfeito, a vida é perfeita,
só depende de quais são olhos
que a vêm, de quais são os
corações que a sente.
Ame! Pois o amor é gratuito!

Amar significa querer estar junto
mas ficar longe se for preciso.
Pois quando o amor é verdadeiro
fazemos o que for preciso
pela felicidade da pessoa amada.
Não há obstáculos intransponíveis
quando se ama de verdade.
Amar significa cuidar, respeitar,
proteger e tudo fazer para ver
um simples sorriso no rosto amado.
Amar é das melhores coisas da vida,
principalmente quando somos
amados de volta!

Há vários tipos de amor e várias formas de amar, mas a melhor de todas é a verdadeira e incondicional.

Aquele amor que nunca se cansa, que nunca se esgota. Que não se importa se é assim ou de outra forma. Aquele tipo de amor que apenas quer o bem e a felicidade da pessoa amada.

Aquele amor que aconteça o que acontecer se mantém firme como uma rocha. Que atravessa tempo e distância. Que cuida, protege e fica sempre ao lado.

É esse o amor que sinto por você, e que sempre sentirei.

Hoje, do nosso namoro restam memórias, tantas e afinal tão poucas. Hoje, do nosso amor resta uma história que em breve será esquecida.

Pois eu sei que até mesmo nós deixaremos de a contar, e como quase tudo na vida, acabará caindo no esquecimento do tempo. Mas há algo que nunca vai morrer completamente, que é o meu amor por você!

Com o tempo ficou claro que nosso relacionamento se tornou impossível. Não soubemos contornar as diferenças e tantos outros obstáculos. Não fomos mais fortes que as contrariedades e ambos sabíamos que o definitivo final era apenas uma questão de tempo.

Mas o final chegou e foi embora, nós nos separamos e o tempo varreu as mágoas, e ficou a certeza de que a nossa é uma história de amor impossível. Eu continuo amando você, eu sei que vou amar a vida toda, mas também sei que jamais poderemos ficar juntos.

Meu amor, você é o melhor namorado do mundo! Sinto uma alegria enorme quando estou junto de você e uma ansiedade que me deixa tremendo quando fico esperando sua chegado. Isto é amor.

O tempo, quando estamos juntos, passa voando. É que nunca vivi momentos desses, sabe? São instantes onde nossa ligação vai crescendo. E isso me deixa tão feliz.
Me sinto abençoada por ter seu amor.

Obrigado por me fazer viver desta forma tão linda.
Vou sempre amar você.

Viver uma verdadeira experiência amorosa é um dos maiores prazeres da vida. Gostar é sentir com a alma, mas expressar os sentimentos depende das idéias de cada um. Condicionamos o amor às nossas necessidades neuróticas e acabamos com ele. Vivemos uma vida tentando fazer com que os outros se responsabilizem pelas nossas necessidades enquanto nós nos abandonamos irresponsavelmente.

Queremos ser amados e não nos amamos, queremos ser compreendidos e não nos compreendemos, queremos o apoio dos outros e damos o nosso a eles. Quando nos abandonamos, queremos achar alguém que venha a preencher o buraco que nós cavamos. A insatisfação, o vazio interior se transformam na busca contínua de novos relacionamentos, cujos resultados frustrantes se repetirão.

Cada um é o único responsável pelas suas próprias necessidades. Só quem se ama pode encontrar em sua vida Um Amor de Verdade.

Zíbia Gasparetto

Em você eu depositei toda a minha confiança, o meu amor e a você me entreguei sem qualquer condicionamento. Você era o meu namorado, o meu homem de sonho a quem eu confiei os meu sonhos. Eu amava você, eu acreditava em você, e por isso dói tanto, por isso pesa tanto esta tristeza.

É decepção o que eu sinto!

Estou profundamente decepcionada, triste e sem vontade de voltar a acreditar. É este o resultado das suas ações! Você me roubou a ilusão, a inocência de um sonho, a confiança que estava cega de amor. Meu estômago fica pequenino e apertado, em meu peito parece que se afunda um punhal e minha garganta fica seca quando agora penso em você. Você era o maior amor da minha vida, e agora é a maior decepção!

Um tipo de amor tão falado e aclamado, mas muito pouco visualizado e realmente atestado. Por sempre ser tantas vezes atribuído, é normal que o real significado desse tipo de amor fique por aí perdido.

Independente do que seja, tudo que é chamado de incondicional é aquilo que não pode ser restringido ou limitado. Mas será que esse tipo de amor é mesmo verdadeiro? Será que existe alguém que ame sem nenhum limite, sem ter mesmo nada que o restringe?

O mais provável é que seja somente aquele amor mais cobiçado, mas que de tão esperado acabe por ficar somente no nosso imaginário. É aquele amor que de tão anunciado torna-se por algum momento verdadeiro e até válido, para ser direcionado mesmo sem ter o mesmo correspondido.

Mas espera um pouco!

Se esse tipo de amor não pode ser restringido, então muito menos necessita ser correspondido. Então a partir de agora fica tudo definido. O amor incondicional é aquele amor magnífico, é de todos eles o que é mais sentido, e com certeza o que é mais vivido! É o que nos faz falar coisas sem sentido, e antes de tudo, amar sem se preocupar com o que vai ser dito.

Enfim, é certamente o mais simples e verdadeiro que existe!

Apague com um sorriso a tristeza do seu rosto, e poupe seu amor de chorar com você a mesma tristeza. Assim, no sorriso dela, você encontrará o motivo de que precisa para sorrir de verdade!

Não quero estar mais remetida a algum orgulho que eu possa estar alimentando. Nem guardar ressentimento contra uma pessoa que eu amo tanto. Somos ambos imperfeitos e a nossa capacidade de sermos felizes, também envolve o saber perdoar e deitar os momentos ruins para trás das costas.

Peço desculpa, meu querido marido, por algo que eu tenha dito ou feito. Só quero que façamos as pazes, porque é em alegria que o nosso amor deve ser vivido.

Disse o poeta que as cartas de amor são ridículas. Quem me dera que Deus me desse a capacidade de escrever uma carta de amor ridícula. Mas não, não é por falta de amor, é por transbordar de amor! Sinto que o que sinto não tem palavras que consigam expressar.

Sei que os poetas usam paisagens bucólicas e muitas metáforas para declarar o amor. E se os poetas usam verbos no pretérito mais que perfeito, deve ser porque mais que perfeito é o amor. Sei também que os românticos usam expressões pouco habituais, e falam muito de sensações, usam muitos adjetivos e metáforas em suas cartas de amor.

Será que eu poderia inventar um alfabeto para declarar o meu amor por você? Ou seria melhor tentar expressar o meu sentimento com um desenho ou uma canção?

Um dia talvez eu encontre uma forma de expressar o que sinto por você de forma poética. Mas por enquanto, não tenho maneira mais simples, direta e romântica do que dizer na língua de Camões: "Amo-te"!

Aos poucos... Lentamente...
Estou começando a te amar!
Pois sabendo que tu gostas de mim,
me sinto bem, vulnerável a todos!
Com teu amor, aprendo aos poucos
a ver que sou alguém notada,
que tenho capacidade de ser amada,
e não só amar quem não me ama.
Pois é aos poucos... Lentamente...
Estou aprendendo a te amar!

Existem vários tipos de amor, mas é inquestionável que todos são fortes e determinam o quanto vale a pena viver. É preciso amar direito, sem medo nem preconceito.

É preciso encontrar no amor a fórmula da felicidade. Sim, porque não dá para viver com o coração cheio de alegria se não existir amor no nosso dia a dia. E por isso devemos cuidar do sentimento mais lindo que existe: o amor.

Será que é amor
esse sentimento que
acelera meu coração?
O que é amor?
Ficar acordada
pensando na pessoa amada,
pensando como será o amanhã.
Imaginando se aquele alguém
está com fome, sede ou frio.
Imaginando como seria
se a distância não existisse.
Querer a todo momento
sentir o sabor do beijo,
o beijo apaixonado
que é aprovado pelo amor.
Não parar de escrever
poesias apaixonadas
que falam de sonhos a dois.
Sentir a saudade apertar
e chorar, chorar de saudade.
Desejo de estar ao lado
daquela pessoa especial.
Se tudo isso tem alguma
coisa com o amor,
acho que posso declarar:
eu Amo Você!

Compare o amor ao mar, que é grandioso em si mesmo, tem uma força ainda desconhecida, e é capaz de encantar e até matar quem não tiver a devida atenção.

O amor e o mar se igualam na beleza, onde pessoas grandes viram crianças; os olhos brilham, o coração acelera, a vida tem outro sentido diante do amor, a beleza tem outra visão diante do mar, a vida tem outros valores diante do amor.

Assim como o mar, o amor se renova em ciclos, no mar são as marés, que elevam e abaixam as águas, no amor são os pequenos gestos, as delicadezas. O respeito, a admiração pelo outro, as lembranças que vão construindo um sentimento maior que o mar, maior que o próprio amor, avançando com a idade, sendo tão generoso que abre mão de si mesmo quando deixa de ser uma paixão, para se tornar cumplicidade.

Diante do mar vejo as ondas no vai e vem sem fim, e posso ter esperanças que assim como as ondas, o amor que se foi, pode voltar ou se renovar, e assim como estou diante do mar, poderei estar diante de um novo amor, para um recomeço, em um indo e vindo infinito como o próprio mar, como o próprio amor...

Triste é a hora em que um grande amor se transforma em esquecimento. Pois um amor vive apenas dentro do coração dos apaixonados, e quando eles param de bater por esse sentimento tudo se perde no tempo.

Triste é esta hora em que eu sei que este amor que vivemos irá virar pouco mais que nada. Quem irá se lembrar do que sentimos? Quem irá alimentar a memória quando ela faz apenas sofrer.

Não, o destino deste amor será também o esquecimento!

Por mais tempo que passe e obstáculos que surjam no nosso caminho, nada nos conseguirá separar, querida filha. Quando ainda nem tinha nascido, o meu amor por você já era incondicional. É um sentimento inexplicável, tão forte que até daria minha vida por você, se fosse necessário. Quero estar sempre perto de você e prometo lutar com todas as forças pela sua felicidade.

A partir do momento que entendi o que realmente é o amor, passei a imaginar se era mesmo possível senti-lo de uma forma eterna, permanente, sem ser diminuído nem transformado. Tentava perceber se quando alguém dizia que amaria uma pessoa eternamente, tal sentimento poderia ser mesmo verdadeiro.

Então o tempo passou e aprendi que existem inúmeras formas de sentir o amor. Percebi que apesar da variação da intensidade, aquilo que sentimos pelos nossos pais, pelo animal de estimação ou mesmo pelo namorado, pode ser chamado de amor, mas o que muda é a relevância e o significado que cada um tem na sua vida.

Não devemos usar da hipocrisia e achar que amamos todas as pessoas do mesmo jeito, certamente existem aqueles que quando estão longe a falta é tão grande que chega a doer lá dentro do peito. Há outras que a dor não é tão grande assim e sobrevivemos muito bem com a sua ausência, mas isso não quer dizer que não há amor, apenas elas interferem na sua vida de maneiras diferentes.

Acredito que o amor eterno existe mesmo, que algumas pessoas passam pelas nossas vidas de uma forma tão intensa que o sentimento que temos por elas nunca será diminuído, muito menos esquecido. Só precisamos perceber quando esse sentimento nascer para não deixa-lo camuflado, pois seria inadmissível sentir um amor tão grande e não permitir que ele seja liberado.

Estou sentindo uma aterradora tristeza em mim! Dói tanto... tanto. Depositava em você toda a confiança do mundo e já viu no que deu? Me entreguei a você porque acreditava ter encontrado meu namorado para a vida.

E agora aqui estou eu, cabisbaixa e com feridas no coração. Estou tão desiludida. Nunca julguei me decepcionar tanto em minha vida, muito menos com você.

Sinto que fui uma idiota, aliás, sinto que sou uma idiota porque ainda amo você. Mas porque o amor dói tanto para quem ama realmente? Por quê? Ninguém merece sofrer tanto na vida, ninguém!

E logo eu, acabei por cair nas teias do desapontamento. Fico perguntando para o espelho o que fiz de errado para você cometer essa maldade comigo. Fui sempre uma namorada honesta e que tudo fez para a felicidade andar junto conosco.

Eu fiz tudo e tudo perdi, tudo me caiu das mãos como se de cinza se tratasse. Vou sempre lembrar você como o amor da minha vida. E nada mais...

Não descuide o amor. Ele é o poderoso medicamento na cura das dores da alma. Entenda isso. Sendo Deus amor, sempre há amor no nosso coração. Pela energia positiva, Deus anula a energia negativa causada pelo sofrimento, e aí vem o alívio.

Se você sofre, não se revolte. Procure amar os outros, e eles lhe devolverão também esse amor. Esse amor que sai e que entra, dará paz a você.

Ninguém pode suprimir a ânsia do coração a não ser com amor. Não lute contra o coração, siga as sua leis. Valorizar o amor é aprender a viver!

O amor não surge do dia para a noite, nem se constrói na brevidade de um momento. Amor é verdadeiro companheirismo, caminhar lado a lado mesmo que perante dificuldades. Por essa razão é que estamos juntos, minha querida esposa. O sentimento que nasceu entre nós tem como base nossa cumplicidade. E o tempo de paixão que ambos temos vivido, tem servido para provar que nossa união é forte.

Te amo e sempre te amarei, minha esposa!

Os amantes se arrependem do bem que fizeram, quando o seu desejo já se extinguiu, enquanto que aqueles que não têm amor nunca tiveram a oportunidade de se arrepender; pois não é sob o jugo da paixão, mas voluntariamente, e conduzindo bem os seus interesses, sem ultrapassar os limites dos seus próprios recursos, que eles fazem bem ao amigo. Além disso, os amantes repassam na mente os danos que o amor lhes causou nos negócios e as liberalidades que eles fizeram, e, acrescentando a isso a dor que sentiram, julgam que há muito tempo que têm vindo a pagar o preço dos favores obtidos. Já aqueles que não estão apaixonados não podem nem usar como pretexto os seus negócios negligenciados por causa do amor, nem alegar as intrigas dos familiares, de modo que, isentos de todos esses aborrecimentos, eles só têm que se empenhar em fazer tudo o que acham que deve agradar ao seu bem-amado.

(Platão)

Há tanto tempo que te vejo
Mas de forma totalmente diferente.
Tenho certeza que nem imagina
Qual é o sentimento que invade minha vida.

Desde a primeira vez que te vi,
Algo estranho aconteceu,
Não sei se foi amor, calor ou atração,
Ou todos de uma só vez
Só tenho a completa certeza
Que nenhum desses sentimentos
Chega até mim através de você.

Vivo todo esse amor tão intensamente,
Mas não consigo ter coragem
De demonstrá-lo na sua frente.
Tenho medo do que pode acontecer,
Se me amará de volta ou me pedirá para desaparecer.

Sempre tão gentil com outras pessoas
Fico imaginando como agiria comigo.
Quem sabe um dia ganho forças
E enfim expresso tudo o que sinto,
Mesmo que todo o meu amor
Permaneça não correspondido.

Na luz do teu olhar
Encontro a verdadeira razão
Da existência do amor
Que no meu coração vive a crescer.
Caminho no mundo a te buscar,
Mas a cada dia revivo a sensação
De não merecer o teu amor
Ou sequer a teu lado viver.
Queria poder aos ventos cantar
A mais bela e doce canção
Pra te dizer com muito amor:
-Não quero te perder
Queria ser o que respiras no ar
E penetrar em teu corpo, na intenção
De encontrar a razão do temor
Que te faz desprezar o meu querer.
Queria por fim te amar sem medo,
Sentir-me parte do teu coração,
embriagar-me no teu amor
E nunca mais chorar por não te ter.

Mesmo contra tudo e todos, não consigo esquecer você. Você entrou na minha vida como uma brisa leve de verão, que faz a nossa alma ficar sossegada trazendo bons sentimentos que há muito não sabia mais onde estavam.

Você foi a melhor coisa que já aconteceu na minha vida e não posso permitir que nada nos afaste outra vez. Não sei se compartilha do meu sentimento, mas saiba que farei o que estiver ao meu alcance para reavivar nosso amor verdadeiro.

Todas as minhas forças estarão direcionadas para recomeçarmos nosso relacionamento. Todo esse tempo separados só me fez ter a mais pura certeza que ainda amo você mais que tudo, e já não consigo reprimir esse sentimento.

Não vejo a hora de fazer você feliz novamente, e poder permanecer ao seu lado por toda eternidade!

Um amor verdadeiro é aquele que nos faz pessoas melhores, sem no entanto mudar a nossa essência. Um amor verdadeiro nos coloca para cima, nos faz amar mais ainda a nós mesmos.

Este amor nos faz ver o sol quando está chovendo, nos faz sorrir quando queremos chorar, nos faz ver beleza mesmo em paisagens feias. Um amor verdadeiro nos dá as mãos quando precisamos caminhar por caminhos árduos.

Um amor verdadeiro não morre, ele renasce constantemente, mais forte e muito mais bonito. Se você achou esse amor, cultive-o todos os dias e seja grato. Se você ainda não encontrou, tenha esperança e fé.

O seu amor verdadeiro estará esperando por você quando menos esperar.