Mensagens de Paz

Não são borboletas, são corações
seriam flores de outras ocasiões
ou amores de certas devoções
dores de novas canções.

Seria infeliz o que do amor vive

ou em harmonia constante da
paixão vive desamparado ou
até do mar vive só o apaixonado.

Seria capaz qualquer olhar junto ou

ou em paz se sozinho vivesse o amor
que de rosas vivem espinhos e flores
vivem da suave sensação do vento cru.

Não são loucos ou deuses, são de
osso e com língua falam o que
mudos corações sem tamanho
sentem quando algo bate mais forte.

"Cuatro velas estaban encendidas. El ambiente estaba tan
silencioso que se podía oír el diálogo que tenían.

La primera dijo:

- Yo soy la Paz! Apesar de mi luz las personas no logran mantenerme

Y disminuyendo su luz despacio, se apagó totalmente.

La segunda dijo:

- Yo me llamo Fe! Infelizmente soy muy superflua. Las personas no quieren saber de Dios. No tiene sentido continuar encendida.

Al terminar de hablar, un aire leve sopló sobre ella, y esta se apago.

Bajito y triste la tercera vela se manifestó:

- Yo soy el Amor! No tengo mas fuerzas para seguir encendida. Las personas me dejan de lado, solo consiguen regañar, se olvidan hasta de aquellos que están a su lado y les aman.

Y sin esperar se apago.

De repente... entro un niño y vio las tres velas apagadas.

- Que es esto? Ustedes debían iluminar y estar encendidas hasta el final.

Diciendo eso comenzó a llorar.

Entonces la cuarta vela dijo:

- No tengas miedo pequeño, mientras yo siga encendida, podemos encender las otras velas, yo soy la Esperanza!

El niño con los ojos brillantes tomó l a vela que quedaba y encendió
todas las otras."

Que la vela de la esperanza nunca se apague dentro de nosotros.

Meu Deus, que no Teu Reino
Quem parte antes de mim
Encontre a paz na Tua eternidade
E bondade sem fim.
E para quem fica,
Que não falte o conforto
De saber que um dia
Nos Teus braços há de se encontrar.
Que hoje nossos corações
Se encham de amor e alegria
Ao recordar aqueles que já partiram,
Mas que pela Tua glória
Continuam vivendo.
Pois quem em Ti acredita, Senhor,
Jamais morre! Amém!

Juntos somos mais felizes; ao seu lado sou feliz. Você transmite tranquilidade, paz, energia positiva. Meu coração bate mais forte porque o seu bate por mim. Existe confiança, amor, respeito. Meu bem, eu quero casar com você.

Quero ser a pessoa mais realizada do mundo e isso acontecerá na hora que você responder afirmativamente à minha questão. Você, meu tudo, aceita viver ao meu lado para toda eternidade?

Aceita dar e receber o sentimento mais puro que existe no universo? É seu desejo compartilhar seus dias e reservar o melhor da sua existência para nós? Meu amor você aceita casar comigo?

Hoje despedimos da vida um grande homem, um exemplo de pai e avô. Até sempre, querido vovô! Sua memória viverá eternamente entre todos que o amam.

Nos que ficam você deixa profunda tristeza e uma saudade eterna, pois a todos marcou de forma especial e permanente.

Que Deus o receba na Sua infinita glória e lhe conceda paz eterna! A todos que sofrem pela sua partida, eu peço ao Senhor que nos dê um pouco de conforto, um pouco de consolo a todos estes corações despedaçados.

Mesmo depois do último adeus, aqueles que partem continuam fazendo parte da vida dos que ficam através da saudade.

Dessa forma quem morre nunca desaparece por completo. Lembrar e falar com carinho e a vida toda carregar a sua imagem no coração, é a melhor forma de prestar homenagem a quem se foi.

Acreditando que a morte não é uma separação definitiva, mas apenas temporária, oro para que todos os que já partiram encontrem a paz no reino de Deus!

Desde que nossos caminhos se cruzaram, meu bem, eu encontrei a paz e a felicidade. Você é o melhor namorado que algum dia pude sequer imaginar para mim. Você é inteligente, carinhoso, extremamente atencioso e não tem medo de demonstrar seu amor e sua paixão por mim, por nós.

Minha vida tomou o rumo certo, sabe? Sinto que a realização pessoal está mais que consumada para mim e tudo isso se deve ao fato de ter você do meu lado, junto a mim para tudo! Meu coração, minha cabeça sentem uma gratidão imensa por sua dedicação e empenho à ligação que nos une. Obrigado por me amar, meu bem!

Hoje você recebe o sagrado sacramento do batismo e em paz começa sua caminhada ao lado de Deus.

Por maior que seja meu luto eu acredito que você partiu para um lugar melhor e repleto de paz.

Eu tenho a Terra, o Céu e o Mar,
Se estou Juntinho de Você,
O sonho vem como o amanhã,
Que ilumina o meu viver.

Pois toda Paz que eu posso ter,
São suas mãos à me Afagar,
No teu abraço à me prender,
Na emoção do seu Olhar.

É o Amor Surgindo,
Os Corações se Abrindo,
É a Emoção que toma conta de nós
É o Doce som da sua Voz.

As pessoas mais belas que um dia podemos conhecer são aquelas que conhecem a derrota, conhecem o sofrimento, conhecem a luta, conhecem as perdas e mesmo assim encontram uma maneira de sair do abismo. Estas pessoas possuem uma percepção, sensibilidade e sabedoria sobre a vida que as preenche de compaixão, generosidade, e uma preocupação profundamente amorosa com o outro.

As pessoas belas, não se contentam em existir e estar presa a sua própria existência, elas mudam a vida dos outros mesmo depois de partirem. Muitas vezes, elas passam por nós em momentos de fragilidade e transformam a nossa existência. Assim foi você. Assim é você em minha vida, pois mesmo de pois de ter partido, a sua presença deixou marcas profundas, você foi e sempre será um exemplo de vida.

No dia de hoje, sinto-me triste por já não ter você conosco, mas acima de tudo, sinto-me eternamente grato por ter sido um dos escolhidos por Deus para estar no seu caminho.

Que Deus abençoe a sua alma e lhe dê a paz que você trazia para as nossas vidas.

A vida do samurai andava um inferno.

Dúvidas sobre o Bushido lhe atormentavam. Para ter paz, precisaria aprender mais sobre um dos princípios deste código dos samurais.

O guerreiro precisava aprender sobre compaixão. Ele nunca teria paz se vivesse apenas pela coragem e disciplina. A compaixão era um dos valores que norteavam o caminho do cavaleiro, o Bushido.

Aquele samurai se perguntava se não teria desviado do caminho ao cortar cabeças indefesas e não ajudar inimigos em dificuldades. Teria ele perdido o poder da compaixão? Teria ele perdido a honra? Por que sua vida estava um inferno e como seria alcançar o céu?

As dúvidas levaram o guerreiro em busca de um local sagrado – na esperança de encontrar um mestre que o tirasse de seu inferno e lhe ensinasse o que era o céu. Enquanto ia se aproximando do templo zen budista os lavradores se afastavam daquele homem. Chegando lá, o samurai exigiu ser levado à presença do monge chefe. Este ensinava na cozinha. O homem armado de espada ouviu os ensinamentos do outro, armado de uma colher. O mestre ensinava os aprendizes sobre a importância de transformarem em prática o pensamento zen. A importância de praticarem de fato o que quer que fossem ensinar. O mestre zen parou de falar e com sua colher remexeu cuidadosamente o cozido de legumes na panela. Voltou a falar do aspecto sagrado de cada ação cotidiana, que a prática da preparação diária do alimento é a mesma prática do caminho da iluminação.

“Pense que as panelas são você mesmo... Veja que a água é a sua própria vida...”

E voltou a mexer o cozido, borrifando temperos que ao caírem na panela exalaram vapores aromáticos...

Só que o samurai não queria saber de prática de “mestre cuca” coisa nenhuma! Ele não queria perder tempo da sua “busca espiritual” com futilidades diárias como culinária. Rompeu o silêncio dos vapores:

- Mestre: quero que me ensine sobre a compaixão. Quero que me ensine sobre o céu e o inferno.

O monge olhou longamente para o samurai. Reparou em seu calçado enlameado, em sua espada embainhada, em sua mente inquieta.

- Você não vai encontrar o que busca. Como posso ensinar a pureza e a beleza da compaixão a um homem com a bota, a espada e a mente completamente sujas? Sua presença deixa este templo feio e sujo. Seria melhor que saísse daqui agora!

O sangue do samurai se aqueceu mais rápido do que as panelas e em dois movimentos ele desembainhou a espada e preparou o ataque certeiro que faria rolar a cabeça daquele monge que desrespeitava a honra de um cavaleiro que, por sua vez, se afundaria ainda mais em seu inferno.

O monge permaneceu parado e quieto, mirando o outro com profundidade. Com a espada viajando pelo ar a poucos centímetros do seu pescoço, disse:

- Espere. Agora você já sabe o que é o inferno. Isto é o inferno!

O astuto espadachim fez parar sua katana antes dela atravessar a pele. Ficou espantado com a coragem e dedicação do mestre ao ensinar. O monge colocava suas palavras e sua própria vida à serviço do outro. Entendeu que a sua maior desonra não seria receber um insulto e sim praticar um ato violento.

O desejo de paz invadiu o guerreiro. Uma onda de compaixão o arrebatou.

O monge, enfim, enxergou o olhar iluminado e compassivo do samurai:

- Agora você já sabe o que é compaixão. Isto é o céu.

Há três meses conheci a pessoa que mais felicidade trouxe à minha vida. Você, meu amor, é tudo para mim e sem sua presença sou poeira, sou um vazio. Feliz bodas de algodão-doce!

Que nossa história esteja só no começo de algo memorável e repleto de surpresas maravilhosas. É ao seu lado que me sinto em paz, alegre e cheio de ânimo. Adoro você, nós dois e tudo que criamos. Te amo!

Nós não temos a inércia a nosso favor, se há algo em nossas vidas que não gostamos, devemos nos esforçar para mudar. Ninguém fará isso por nós! Somos os grandes responsáveis pela nossa vida, por tudo de bom e de mau que nos acontece, por todas as nossas realizações e frustrações. Tudo que fazemos diariamente, das coisas mais simples até as mais complexas interferem no curso de nossa vida.

Se há algo que lhe inquieta, que lhe deixa triste, infeliz, inseguro, ou que lhe tira a paz, reflita e tente descobrir o que você pode fazer para mudar, para melhorar. Nunca esqueça que você tem o poder de transformar a sua vida, não foque nos desafios e obstáculos, foque nos seus objetivos, foque no que é bom. Confie no seu poder de realização.

Só você é capaz de saber o que realmente lhe faz bem e lhe faz mal e reagir a isso. Respire fundo, olhe para dentro de si e desperte a força adormecida dentro de você. Confia no seu poder de transformação.

Então, Almitra disse: “Fala-nos do amor.”
E ele ergueu a fronte e olhou para a multidão,
e um silêncio caiu sobre todos, e com uma voz forte, disse:

Quando o amor vos chamar, segui-o,
Embora seus caminhos sejam agrestes e escarpados;
E quando ele vos envolver com suas asas, cedei-lhe,
Embora a espada oculta na sua plumagem possa ferir-vos;
E quando ele vos falar, acreditai nele,
Embora sua voz possa despedaçar vossos sonhos
Como o vento devasta o jardim.
Pois, da mesma forma que o amor vos coroa,
Assim ele vos crucifica.
E da mesma forma que contribui para vosso crescimento,
Trabalha para vossa queda.
E da mesma forma que alcança vossa altura
E acaricia vossos ramos mais tenros que se embalam ao sol,
Assim também desce até vossas raízes
E as sacode no seu apego à terra.
Como feixes de trigo, ele vos aperta junto ao seu coração.
Ele vos debulha para expor vossa nudez.
Ele vos peneira para libertar-vos das palhas.
Ele vos mói até a extrema brancura.
Ele vos amassa até que vos torneis maleáveis.
Então, ele vos leva ao fogo sagrado e vos transforma
No pão místico do banquete divino.
Todas essas coisas, o amor operará em vós
Para que conheçais os segredos de vossos corações
E, com esse conhecimento,
Vos convertais no pão místico do banquete divino.
Todavia, se no vosso temor,
Procurardes somente a paz do amor e o gozo do amor,
Então seria melhor para vós que cobrísseis vossa nudez
E abandonásseis a eira do amor,
Para entrar num mundo sem estações,
Onde rireis, mas não todos os vossos risos,
E chorareis, mas não todas as vossas lágrimas.
O amor nada dá senão de si próprio
E nada recebe senão de si próprio.
O amor não possui, nem se deixa possuir.
Porque o amor basta-se a si mesmo.
Quando um de vós ama, que não diga:
“Deus está no meu coração”,
Mas que diga antes:
"Eu estou no coração de Deus”.
E não imagineis que possais dirigir o curso do amor,
Pois o amor, se vos achar dignos,
Determinará ele próprio o vosso curso.
O amor não tem outro desejo
Senão o de atingir a sua plenitude.
Se, contudo, amardes e precisardes ter desejos,
Sejam estes os vossos desejos:
De vos diluirdes no amor e serdes como um riacho
Que canta sua melodia para a noite;
De conhecerdes a dor de sentir ternura demasiada;
De ficardes feridos por vossa própria compreensão do amor
E de sangrardes de boa vontade e com alegria;
De acordardes na aurora com o coração alado
E agradecerdes por um novo dia de amor;
De descansardes ao meio-dia
E meditardes sobre o êxtase do amor;
De voltardes para casa à noite com gratidão;
E de adormecerdes com uma prece no coração para o bem-amado,
E nos lábios uma canção de bem-aventurança.


(Khalil Gibran)

Perdoar é um verdadeiro desafio, pois muitas vezes o que está em causa são palavras e ações que magoaram nosso coração. Mas quando tomamos essa atitude sentimos uma verdadeira paz interior e estamos contribuindo para uma maior harmonia com alguém que provavelmente está arrependido pelo que nos fez.

Seja mais compreensivo e aprenda que errar é algo normal no ser humano. Evite o orgulho e o ressentimento e você perceberá como procurar a paz faz de você alguém mais feliz.

Como eu posso dizer ao meu coração que você partiu? Não posso acreditar que você se foi. Sinto-me triste, sinto-me só. Todos me dizem que eu preciso ficar forte, que eu preciso lhe libertar para que você encontre a paz. Eu sei que o meu sofrimento não lhe faz bem, mas ninguém entende o que estou sentindo.

Há pouco tempo, eu era feliz. De repente o meu mundo partiu-se ao meio. Eu preciso viver este luto, e preciso fazer isto do meu jeito. Preciso ficar só, preciso chorar e preciso pensar em você. Agora, a única forma que tenho para sentir o seu amor é ficando só e em silêncio para escutar as batidas do meu coração.

Eu sei que serão dias difíceis, sei que sofrerei por um longo tempo, e sempre que eu me lembrar de você, vou sentir novamente o meu coração lacrimejar sangue. Mas sei que um dia essa dor vai passar. Eu não quero prender a dor. Quando sentir que é o momento de voltar a viver, deixarei a dor e a tristeza irem embora e guardarei apenas a saudade.

Este é o meu jeito de viver o meu luto e de reaprender a viver sem você aqui. E não importa o que os outros vêem por fora, importa o que sinto em meu peito.

Dizer adeus é difícil, porque dói muito se despedir do nosso amor, da nossa vida juntos, da nossa casa. É sofrido acordar sem você e pensar que meu dia passará sem que eu ouça a sua voz, a sua risada e os seus conselhos. Nunca gostei de despedidas, mas esta é sem dúvidas a mais dolorosa de todas.

Preciso encontrar forças para me manter firme, seguir adiante e reconstruir uma nova vida. Se essa despedida trouxe tanto sofrimento, espero em breve me despedir também deste sofrimento e abraçar novamente a felicidade e principalmente a paz.

Como é difícil e agora me parece impossível ser feliz novamente. Mas sei que tudo passa e que essa dor vai passar. Talvez demore um pouco, mas enquanto isso vou jogando sementes pelo caminho e regando o terreno, que ao menos as minhas lágrimas sirvam para regá-las.

Quem sabe mais cedo do que eu pensava as flores e os frutos brotem? Quem sabe uma boa surpresa não me espera na esquina? Quem sabe eu volte a sorrir? Quem sabe eu me despeça da tristeza e da solidão mais cedo do que imagino.

Só me basta semear o que há de melhor em mim e na minha vida sem olhar para o passado e para a dor. Deus me abençoe e me dê forças para não me render ao sofrimento!

Ouviram do Ipiranga as margens plácidas
De um povo heróico o brado retumbante,
E o sol da Liberdade, em raios fúlgidos,
Brilhou no céu da Pátria nesse instante.

Se o penhor dessa igualdade
Conseguimos conquistar com braço forte,
Em teu seio, ó Liberdade,
Desafia o nosso peito a própria morte!

Ó Pátria amada,
Idolatrada,
Salve! Salve!

Brasil, um sonho intenso, um raio vívido
De amor e de esperança à terra desce,
Se em teu formoso céu, risonho e límpido,
A imagem do Cruzeiro resplandece.

Gigante pela própria natureza,
És belo, és forte, impávido colosso,
E o teu futuro espelha essa grandeza

Terra adorada,
Entre outras mil,
És tu, Brasil,
Ó Pátria amada!

Dos filhos deste solo és mãe gentil,
Pátria amada,
Brasil!

II

Deitado eternamente em berço esplêndido,
Ao som do mar e à luz do céu profundo,
Fulguras, ó Brasil, florão da América,
Iluminado ao sol do Novo Mundo!

Do que a terra mais garrida
Teus risonhos, lindos campos têm mais flores;
"Nossos bosques têm mais vida",
"Nossa vida" no teu seio "mais amores".

Ó Pátria amada,
Idolatrada,
Salve! Salve!

Brasil, de amor eterno seja símbolo
O lábaro que ostentas estrelado,
E diga o verde-louro desta flâmula
- Paz no futuro e glória no passado.

Mas, se ergues da justiça a clava forte,
Verás que um filho teu não foge à luta,
Nem teme, quem te adora, a própria morte.

Terra adorada
Entre outras mil,
És tu, Brasil,
Ó Pátria amada!

Dos filhos deste solo és mãe gentil,
Pátria amada,
Brasil!

De todos os meses do ano este é o meu preferido. Chegou a hora de celebrar o amor, a vida e a festa mais colorida que existe. Desejo que este fevereiro traga muita paz, mas também saúde, alegria e vontade de viver.

Ser feliz é aproveitar cada instante de cada dia deste mês tão ímpar e especial. Quero samba! Quero festa! Quero tornar os próximos dias em algo que jamais será esquecido. Bem-vindo, fevereiro!

Quando o silêncio da noite
Aos poucos vai sendo tomado
Pelos acordes de uma música suave
Romântica, envolvente... Eu

Imaginariamente seguro em
Suas mãos e sinto o pulsar
Acelerado de seu coração...
Aos poucos tomando um ritmo ameno
Fazendo com que o meu também se acalme... E eu

Entro em sintonia contigo,
Apesar da distância e... Então...
Nossas asas se tocam levemente... E
Juntos alçamos voo... Indo até o infinito
Chegando aos pés de Deus para então...

Agradecer a bondade infinita de nos permitir...
Momentos sublimes de harmonia e paz...
Flutuando na imensidão dos céus...
Momentos esses... Apenas imaginários... Mas...
Se o imaginamos juntos... Então não é imaginação...

É realidade!

Nunca deixei as oportunidades passarem, porque nunca soube se a minha vida seria longa ou breve.

Quando eu quero alguma coisa, eu vou à luta, e arrisco! Quando quero me divertir, eu me divirto, saio, danço, dou muitas risadas. Quando quero ficar em casa sem ver ninguém, eu fico e curto a minha companhia.

Mas se as pessoas criticam, sabe o que eu faço?

Eu faço tudo de novo! Não me importo com o que os outros vão pensar. Pois sei que muitas pessoas não vivem, apenas sobrevivem, e eu não finjo que estou vivendo.

Sempre estarei muito ocupada em viver!

Porque eu só tenho uma vida e coragem nunca me faltou.

Ousadia tenho de sobra. Aprendi a ter ousadia com meu próprio coração, é ele quem manda na minha coragem.

Só preciso manter minha paz interna. A vida me ensinou que a paz está dentro de mim mesma!

(Blog da Madame)

Que Deus abençoe minha família linda com uma noite de paz e muita tranquilidade.

Peça ao céu um pouco de silêncio
E procure conversar com a noite.
Faça de cada ilusão uma saudade.
Repita mais de mil vezes
Que tudo que passou é porque passou.
Lá fora o ar pode estar pesado,
Mas o desejo é seguir, é amar, é respeitar.
Liberte-se dos preconceitos e saía por aí,
Vá passear, ironize essa amargura
E faça dela uma sombra fértil,
Tanto que não vale a pena pensar.
Não sinta receio de nada;
A vida é assim, tudo acaba.
Mas existe um amanhã de saída,
Do meio e da chegada,
Há sempre um amanhã para hoje
Que é feito de aventuras.
Olhe-se no espelho e gaste tudo de bom
Que você tem para dar, aquele que viu, ouviu,
Adorou, e mesmo aquele que sofreu, gostou.
Afirme-se no desejo de quem sempre encontrará
Outros desejos mais fortes.
Tudo é natural, tudo partiu de dentro de nós.
E um dia em algum lugar existiu,
Durante 20 minutos, um alguém que
Comparou e fez de você algo melhor.
Vibre com a lua, mas contra a tempestade
Fique feliz por ainda saber sorrir.
Vá! Levante a cabeça, imponha no rosto
Uma expressão feliz, tudo é fácil. Notou?
Abra a janela e preste atenção
Nos pássaros brancos que voam no céu.
Tudo é paz, naturalidade e franqueza.
Por que esta melancolia?
Lembre-se de um sonho, de
Alguém que está sempre ao seu lado,
Mesmo você não estando
E sinta como é fácil ser feliz!

Ele conquista a todos com seu jeitinho doce;
A pureza é uma de suas maiores características;
É meigo e amável;
Seus cabelos pretos e finos como pluminhas
entram em perfeita harmonia com a cor clara de sua pele,
que ao toque é macia e delicada.
Seus olhos arredondados e ainda sem cor definida, acinzentados no momento,
são dois pontinhos brilhantes
que carregam toda a inocência característica das crianças.
O narizinho achatado e pequenininho
ainda está se acostumando aos variados cheiros deste mundo.
Sua boca ainda sem dentes com de lábios finos e rosados
é no momento a coisa mais importante de sua vida,
pois é através dela que se comunica com o mundo.
Seu sorriso discreto é algo magnífico, apesar de não dar gargalhadas,
transmite muita alegria e paz de espírito
através de seus pequenos olhinhos.
A harmonia de seus traços resulta
em um rosto lindo e rechonchudo
que com sua chupeta de cor azul, amarela e vermelha
observa o mundo e as pessoas que o rodeiam.
Seu pescoço é muito cheiroso e adora um cafunezinho;
As mãos gordas, com unhas tão pequenas
ainda não aprenderam a pegar objetos,mas
já sabem tocar com delicadeza e ternura o seio ao mamar.
Seus pés são largos e frágeis, com dedos longos,
e nem sabem o quanto são úteis,
mas a cada dia novas descobertas acontecem e o quão
lindo é observar o desabrochar de uma vida
Seu corpo é coberto por uma lanugem
que o deixa parecer um ursinho.
É tão frágil que se torna dependente,
mas aos poucos vai descobrindo
como é a vida fora do útero.
Enfim, juntando todas as suas partes formamos o todo
de uma "pessoinha" muito especial que é meu filho,
um ser iluminado que veio fazer parte da minha vida e
enriquecer minha existência.
Carrego ele no coração e no pensamento
aonde quer que eu vá , onde quer que eu esteja!

Em alguns momentos da vida nos vemos revoltados, sem conseguir entender porque tantos males nos assolam. Questionamos o poder e a bondade de Deus, como pode Ele nos deixar sofrer, nós que somos os Seus filhos, as Suas criaturas.

Em alguns momentos da vida até chegamos a virar as costas para Deus. Mas a verdade é que apesar de Deus ser onisciente e onipresente, viver está em nossas mãos. Ele não controla as nossas vidas e nem todas as coisas que nos acontecem, mas nos guia e nos ilumina para sabermos lidar com elas.

Meu Deus, eu sei que não tenho sido o melhor dos Teus filhos, sei que tenho questionado o Teu amor por mim e a Tua compaixão. Mas Senhor, quero que saibas que em momento algum perdi a fé em Ti!

Apesar da minha aparente rebeldia, o meu coração sempre foi fiel a Ti, nunca deixei apagar o fogo da minha fé. Eu peço perdão Senhor, se em algum momento Te ofendi. Eu sei que o Senhor só quer o melhor para mim.

Eu entrego o meu coração em Tuas mãos, ó Deus, me ilumina e me traz paz! Amém!

Hoje se completam dois anos desde que você partiu, desde o dia em que o adeus definitivo ditou o seu desaparecimento.

São dois anos de viva saudade e a certeza de que você nunca cairá no esquecimento, pois mora no meu coração, nas minhas memórias...

Lá onde você agora está, espero que esteja descansando em paz, e que consiga sentir minha saudade que por você será eterna!

Eu não escolhi ficar magoada. Foi sua atitude que fez com que eu sofresse uma dor inesperada. Todos somos imperfeitos e qualquer um pode falhar, mas não espere que eu finja que nada aconteceu.

Você sabe como é importante termos paz e estabilidade no nosso relacionamento, mas tudo pode ser facilmente perdido. Espero que reflita bem no seu comportamento, para que o amor que sentimos não saia prejudicado.

Não há mais desculpas
Você vai ter que me entender
Quando olhar pra trás
Procurando e não me ver
Chegou a hora de recomeçar
Ter cada coisa em seu lugar
Tentar viver sem recordar jamais
E se a saudade me deixar falhar
Deixar o tempo tentar te apagar

Te ligar de madrugada sem saber o que dizer
Esperando ouvir sua voz e você nem me atender
Nem ao menos pra dizer:

Que não vai voltar
Não vai tentar me entender
Que eu não fui nada pra você
Que eu deveria te deixar em paz
Eu já não sei mais
Não sei viver sem ter você
Hoje eu queria te esquecer
Mas quanto mais eu tento, mais eu lembro
Não sei viver sem ter você

Não sei viver sem ter você

É difícil de aceitar
Recomeçar do zero
Levantar e caminhar
Perceber que quem se ama
Já não se importa com você
E acordar sozinho ouvindo o som da sua TV
Chegou a hora de recomeçar

Acreditar que pode ser melhor assim tentar crescer
Fingir feliz e te deixar para depois
E a cada dia que eu morrer
Espero que você morra pois

Se eu ligar de madrugada sem saber o que dizer
Esperando ouvir sua voz e você nem me atender
Nem ao menos pra dizer...

Que não vai voltar
Não vai tentar me entender
Que eu não fui nada pra você
Que eu deveria te deixar em paz
Eu já não sei mais
Não sei viver sem ter você
Hoje eu queria te esquecer
Mas quanto mais eu tento, mais eu lembro
Não sei viver sem ter você
Não sei viver sem ter você

Preciso reaprender
A viver
Pra esquecer
Pra te esquecer

Pra te esquecer!

(CPM 22)

Meu querido namorado, estou aqui do seu lado com todas as palavras de carinho que encontrei para animar você. Sei que está triste por causa dessa doença que não deixa você em paz e por isso quero desejar as melhoras com todo o amor.

Tenha força e continue com esperança que virão melhores dias. Eu não permitirei que caia em desânimo, pois você é muito importante para mim e apenas sou feliz quando o vejo bem.