Mensagens Coração Magoado


Tudo que fica: fica para sempre um amor, uma longa conversa e um abraço apertado... Essas memórias nunca serão esquecidas, não importa quanto tempo passe.

Assim será a nossa história, uma memória que nunca desaparecerá, será uma marca eterna. Em meio a uma música e outra, nossos pensamentos cruzaram a distância para nos conectarmos um ao outro.

Você foi meu anjo, meu escudeiro meu amante, com você fui do céu ao inferno. Com você eu atravessei barreiras, enfrentei meus piores medos e venci alguns deles. Me reinventei de forma mais simples, mas não consigo ser tão doce, sabe, coisa de instinto, sou assim azedinha mesmo.

Você fez meu coração ficar mais leve, leve de desejos e sonhos e de histórias bonitas, ele ficou tão leve que acabou saindo do peito e voando para longe, tão longe que eu acabei perdendo-o nessa busca de tentar fazer as coisas certas.

Eu nunca fui boa em fazer as coisas certas, sempre gostei do que não está escrito, do que é irreal, do que está fora do padrão, e de nunca fazer as coisas certas.

Escolhi me arriscar de cabeça nessa nossa história, mesmo sabendo que ela estava fadada a não funcionar, mesmo sabendo que tudo isso seria uma daquelas histórias com finais dramáticos e bem clichê.

Eu arrisquei, arrisquei meu coração, guardei meus sonhos e desejos mais devassos em uma caixinha e tranquei com sete chaves para tentar ser a menos errada possível.

Mas eu não consegui deixar a minha vida de lado, não consegui deixar minha bagagem no caminho, as minhas pegadas continuaram comigo, todas as dores e mágoas que ganhei nessa minha vida de erros continuaram comigo, pois essa era eu, essa sou eu, um conjunto de derrotas e acertos, de medos e incertezas.

E mesmo sabendo de tudo isso, você mostrou que daria conta, que suportaria cada peso, que curaria cada ferida. E juntos apostamos tudo que tínhamos.

Todas as moedas apostadas não valeram muito, acabaram jogadas em qualquer fonte dos desejos, porque esses desejos nunca se realizaram, ou talvez nunca foram cultivados da forma certa.

Nos perdermos não por falta de amor, talvez por amar de forma errada, por não compreender a forma do outro de amar, por não acreditar na forma do outro de amar.

Por não aceitar as escolhas do outro, e a minha escolha é buscar meu coração que saiu voando por aí, e a sua foi encontrar um coração sem tantos defeitos. Tudo que vivemos foi verdade, pelo menos para um lado da história. E nunca será esquecido.

Veja mais mensagens de Despedida de Amor

Eu sei que coração de mãe é grande e que sabe perdoar. E você além de minha mãe é uma pessoa boa e muito generosa. Graças a você e à maneira carinhosa e dedicada como você me criou, eu sou capaz de aprender com os meus erros.

Mãe, eu quero lhe pedir desculpas! Eu preciso que você saiba como eu me sinto mal por ter feito você sofrer. Nunca foi minha intenção fazer nada para a magoar ou a decepcionar, mas às vezes nos enganamos nas escolhas que fazemos na vida.

Eu quero que você saiba que é muito importante para mim, e que eu não posso viver longe de você. Eu preciso do seu amor e do seu abraço para me sentir mais seguro e mais forte. Você me conhece melhor do que ninguém, sabe quem eu sou, e sabe que eu mereço uma segunda chance.

Eu te amo muito, e já tenho muitas saudades!

Eu achei que tivesse o seu amor. Muitas vezes sonhei com você, construí em meus pensamentos cenas do nosso amor, cenas onde nosso amor superaria tudo, inclusive as nossas diferenças. Eu sonhei demais, hoje com a minha realidade vejo quanto me feri desejando coisas que ainda se encontravam distantes de mim, mas que algum dia se tornariam a mais bela realidade.

Dizem que o amor supera tudo, todas as dores, todas as mágoas. Eu não sei o que estou sentindo nesse exato momento. Não sei se choro, se finjo estar forte, se grito seu nome, se clamo pelo seu amor ou se me calo simplesmente.

Não desejo nunca a você que sinta o que eu estou sentindo. Dói demais saber que não me quer mais, que não me deseja, que não pensa mais em mim, que não tem como meta o nosso amor.

Foi lindo o que vivemos, foram praticamente alguns anos, pouco eu sei, para mim foi como um conto de fadas. Onde havia sim o meu príncipe, onde o amor reinava, onde nossos olhares se olhavam até o pôr do sol. Tive uma história tão bela quanto aquelas que já existem, mas infelizmente o nosso final foi terminar separados.

O destino nos uniu, e ele mesmo nos separou. Por quê? Por que teve que ser assim? De uma forma tão brusca? Peço um pouco de tranquilidade para o meu sofrimento, peço paz ao meu coração, peço noites frias para as minhas lágrimas, peço a Deus que guarde e proteja você.

Meu amor, sei que me deixou, sei que não me ama mais, sei que hoje em seu coração há um novo amor, um novo sonho, um novo começo. Mas mesmo com tanta dor em meu peito, ainda sim resta dentro do meu coração o desejo que seja feliz! Amo você, mas hoje em silêncio.

Não há maior frustração do que perceber que é impossível voltar atrás no tempo e apagar algumas palavras que foram ditas.

Se eu pudesse fazer, mudaria muita coisa para que nossa amizade não sofresse com minhas atitudes irrefletidas.

Talvez seja tarde demais e você esteja magoada o suficiente para não querer escutar o que meu coração tem para dizer.

Mas acredite que este pedido de desculpas é sincero e que o arrependimento que sinto me levará a fazer o que for preciso para voltar a ter sua confiança.

Veja mais Pedidos de Desculpas para Amiga

Escrevo apenas para desabafar.
Não sei o que anda acontecendo comigo.
Às vezes estou bem,
Outras vezes sinto vontade de chorar.

A tristeza já invadiu o meu coração,
Que pede por socorro
E quer sair dessa solidão.

Estou parecendo uma adolescente,
Que procura constantemente
Uma fortaleza para se abrigar
Dessa mágoa que não quer passar.

Preciso de um amigo que me
Estenda a mão para poder acalmar
Esse meu pobre coração.

Às vezes fico imaginando como seria feliz se você me entendesse; se não largasse minha mão; se me amasse de verdade. Sinto que vivo em outro mundo quando falamos.

Você não compreende o que meu coração sente. Dói demais não ser escutada, entendida. Dei tudo de mim para demonstrar este amor e no final sobra tristeza, dor e mágoa.

Se o tempo voltasse atrás, eu corrigiria tudo o que provocou nossa briga, minha amiga. Sim, eu reconheço que minhas palavras e também minha atitude não foram as melhores. Imagino como você deve estar magoada comigo.

Mas, se agora te escrevo estas palavras, é porque a sua amizade é realmente importante. Eu não quero que continuemos afastadas desta forma. Peço desculpas, de todo o coração!

Quantas vezes você andava na rua e sentiu um perfume e lembrou de alguém que gosta muito?
Quantas vezes você olhou para uma paisagem em uma foto, e não se imaginou lá com alguém...
Quantas vezes você estava do lado de alguém, e sua cabeça não estava ali?
Alguma vez você já se arrependeu de algo que falou dois segundos depois de ter falado?
Você deve ter visto que aquele filme, que vocês dois viram juntos no cinema, vai passar na TV...
E você gelou porque o bom daquele momento já passou...
E aquela música que você não gosta de ouvir porque lembra algo ou alguém que você quer esquecer mas não consegue?
Não teve aquele dia em que tudo deu errado, mas que no finzinho aconteceu algo maravilhoso?
E aquele dia em que tudo deu certo, exceto pelo final que estragou tudo?
Você já chorou por que lembrou de alguém que amava e não pôde dizer isso para essa pessoa?
Você já reencontrou um grande amor do passado e viu que ele mudou?
Para essas perguntas existem muitas respostas...
Mas o importante sobre elas não é a resposta em si...
Mas sim o sentimento...
Todos nós amamos, erramos ou julgamos mal...
Todos nós já fizemos uma coisa quando o coração mandava fazer outra...
Então, qual a moral disso tudo?
Nem tudo sai como planejamos portanto, uma coisa é certa...
Não continue pensando em suas fraquezas e erros, faça tudo que puder para ser feliz hoje!
Não deite com mágoas no coração.
Não durma sem ao menos fazer uma pessoa feliz!
E comece com você mesmo!!!

(Martha Medeiros)

O coração diz: te amo.
As circunstâncias dizem: não posso.
O amor diz: preciso de você.
E a mágoa diz: ele não merece.
O coração diz: te amo.
E a razão pergunta: por quê?
O meu olhar te chama,
o silêncio te afasta,
fecho os olhos e o sinto aqui
e quando olho, você não está.
Quero tocá-lo,
mas sinto somente o vazio.
Quero beijá-lo,
mas engulo em seco esse desejo.
Quero ouvir sua voz,
mas só ouço o grito do silêncio.
Quero chamá-lo, mas a solidão me cala.
Quero você com todos os defeitos.
Apesar de toda a mágoa,
o coração diz: procure-o.
O medo fala: não faça isso.
A esperança grita: acalme-se.
Mas o momento diz:
Basta, sua presença
é o meu maior desejo
e sua ausência
é a minha maior dor.
Volte logo
e me dê uma chance!

Oi, meu doce novembro! Seja bem-vindo, e que com sua primavera quente meu coração se aqueça e floresça. Leve por favor todas as surpresas e decepções de Outubro.

Que logo você, um mês tão injustiçado por ser corrido e ocupado, desocupe minha mente de todas as mágoas que ficaram. Venha novembro, e traga com você toda paz que eu mereço e esperei em vão por todo esse ano.

Me surpreenda por favor, ultimamente tenho odiado as surpresas, mas espero que você me traga somente boas noticias. Que em cada um dos seus 30 dias eu me faça mais completo, mais humano, mais exato, mais experiente e calmo.

Que você não passe na pressa de um ano que se acaba, mas que passe na calma de um ano que ainda pode me valer a pena.

Sabe novembro?! Meu ano foi muito confuso, muito duro, e por alguns instantes desacreditei em coisas que não podemos desacreditar de forma alguma, então por favor seja doce, e não permita que me magoem de novo.

Que seja, doce, que seja leve , que seja lindo, tão lindo quanto aquele sorriso que tanto me faz falta, mas que sei que você vai me ajudar a esquecer com novos sorrisos mais lindos ainda.

Vem novembro, e vem com tudo, com tudo de bom que eu mereço.

(Daniel Cajueiro)

Eu até posso entender
Porque tanta tristeza
E tanto sofrimento
De pais e mães que na vida
Não vêem mais beleza

Nossos filhos estão sendo consumidos
Lentamente mortos pelas drogas
Quem é que nos pode ajudar?
E por nossas crianças olhar?

Há tempos são os jovens que adoecem
O preço do progresso aí está
Em nossas casas e lares sem parar
Nas escolas, nas praças e ruas
Inexoravelmente a nos cobrar

Por mais cuidados, amor
Carinho, compreensão e desvelo
É muito mais forte que nós
Do vício o apelo

Como podemos este mal combater?
Estamos impotentes e
Eles não querem entender
Que no final deste caminho
Todos nós vamos perder.

Nossos jovens estão morrendo
Nosso povo chorando
Desesperado, sofrido
E por ajuda clamando
E só promessas vazias escutando

Quem pode e deve nos ajudar
Não se preocupa
Quantas magoas, quantas frustrações
É pena que eles fiquem tão distantes
E até procurem não saber

Mas a realidade aí está
Todos os dias a nossa porta bate
Mais uma história triste
Menos um sorriso jovem para nos alegrar
Mais um coração de mãe em pedaços
Quem é que vai confortar?


(Dibruck )

Uma das decisões mais corajosas que podemos tomar na vida é de sermos felizes! Muitas vezes, é dos piores finais que vêm os melhores recomeços.

Quando você achar que não é mais capaz de seguir caminhando, coloque-se de pé e siga em frente. É esta força e capacidade que fazem de você uma pessoa especial.

Por maior que seja a tempestade, o sol, grande astro rei, sempre volta a brilhar! Deixe que todos os seus medos saiam de dentro do seu coração, assim você terá mais espaço para viver os seus sonhos.

Seja sempre forte e resistente, não se renda. E lembre-se: lute sempre pelo que quer, valorize ao máximo o que possui, conserve o que você tem de melhor, esqueça tudo aquilo que lhe magoa, e aproveite a vida e o que ela tem de bom!

Errar é humano, mas é também demasiado recorrente. O que é difícil é sabermos reconhecer o erro, assumi-lo e ter a nobreza de pedir desculpas por ele.

Hoje eu reconheço e assumo o erro que cometi com você, e com humildade e sinceridade peço por perdão. Me desculpe, querida amiga!

Saiba que nunca tive intenção de a magoar, pois gosto muito de você e sua amizade é importante para mim. Espero que consiga ser melhor pessoa do que eu fui e me perdoe.

Que você possa encontrar no seu coração disposição e vontade para relevar o meu erro, e que possamos manter nossa amizade.

Acredite na minha sinceridade, no meu arrependimento, no meu carinho por você e me desculpe. Nossa amizade merece que apostemos nela!

O coração é um lugar sagrado, é onde guardamos o que temos de mais precioso, a nossa capacidade de amar. Não se pode deixar qualquer um entrar rapidamente.

O coração deve se abrir aos poucos, com cuidado. As expectativas em relação às pessoas também devem ser criadas aos poucos, à medida que elas nos mostram que nelas podemos confiar.

Cada decepção que vivemos deixa uma cicatriz no coração, às vezes difícil de apagar. Um coração desiludido pode se tornar um cristal quebrado e depois colado.

A decepção é fruto da frustração de expectativas não realizadas. Mas muitas vezes, a culpa das nossas decepções é nossa, pois apostamos todas as nossas fichas em quem não joga seguindo as mesmas regras. Por isso, precisamos ter cuidado, não podemos responsabilizar o outro pelas nossas frustrações e decepções, a não ser que esta pessoa tenha alimentado as nossas expectativas com falsas palavras e promessas. E é justamente este tipo de decepção que mais dói, pois é um misto de traição e desilusão.

Mas mesmo com o coração magoado, é possível voltar a sonhar e acreditar, pois cada cicatriz deixa uma lembrança, mas também uma lição.

Eu não posso acabar
com todos os seus problemas,
dúvidas ou medos...
Mas eu posso ouvir você
e juntos podemos procurar soluções.

Eu não posso apagar as mágoas
e as dores do seu passado,
nem posso decidir qual será o seu futuro...
Mas no presente eu posso estar com você
se precisar de mim.

Eu não posso impedir
que você leve tombos...
Mas posso oferecer minha mão
para você agarrar e levantar-se.

Suas alegrias, triunfos,
sucessos e felicidades não me pertencem...
Mas seus risos e sorrisos
fazem parte dos meus maiores bens.

Não é de minha alçada
tomar decisões por você,
nem posso julgar as decisões que você toma...
Mas eu posso apoiar,
encorajar e ajudar se me pedir.

Eu não posso traçar
ou impor-lhe limites...
Mas posso apontar-lhe
caminhos alternativos,
procurar com você medidas de crescimento,
formas de encontrar-se,
meios de ser você
mesmo com medo da rejeição.

Eu não posso salvar
o seu coração de ser partido pela dor,
pela mágoa, perda ou tristeza...
Mas posso chorar com você
e ajudá-lo a juntar os pedaços.

Eu não posso dizer quem você é
ou como deveria ser...

Eu só posso ser seu amigo
e amar você, do jeito que você é!

Hoje falo para o amor, como se de uma pessoa se tratasse, como se ele tivesse acontecido em sua plenitude. Falo triste mas também o faço com convicção, pois são palavras de adeus o que eu tenho de proferir.

Durante tempos alimentei esta esperança em meu coração. Ter você em meus braços e me poder perder nos seus, era para mim já realidade, uma realidade na qual só eu vivia. Demorou, talvez, mas acabei por entender que este amor que eu sentia não era correspondido e tive que aceitar isso, por muita mágoa que me causasse.

Então adeus, sonhos que não foram concretizados. Até nunca, beijos e abraços que nunca foram dados. Tomara eu ter largado esta paixão infrutífera há mais tempo. Mas infelizmente, primeiro somos sempre arrastados pelo coração e só depois fazemos nossas escolhas. Agora eu sei que o que dói mais não é a despedida, mas saber o que nós dois poderíamos ter sido.

Já escondi um AMOR com medo de perdê-lo, já perdi um AMOR por escondê-lo.
Já segurei nas mãos de alguém por medo, já tive tanto medo, ao ponto de nem sentir minhas mãos.
Já expulsei pessoas que amava de minha vida, já me arrependi por isso.
Já passei noites chorando até pegar no sono, já fui dormir tão feliz, ao ponto de nem conseguir fechar os olhos.
Já acreditei em amores perfeitos, já descobri que eles não existem.
Já amei pessoas que me decepcionaram, já decepcionei pessoas que me amaram.
Já passei horas na frente do espelho tentando descobrir quem sou, já tive tanta certeza de mim, ao ponto de querer sumir.
Já menti e me arrependi depois, já falei a verdade e também me arrependi.
Já fingi não dar importância às pessoas que amava, para mais tarde chorar quieta em meu canto.
Já sorri chorando lágrimas de tristeza, já chorei de tanto rir.
Já acreditei em pessoas que não valiam a pena, já deixei de acreditar nas que realmente valiam.
Já tive crises de riso quando não podia.
Já quebrei pratos, copos e vasos, de raiva.
Já senti muita falta de alguém, mas nunca lhe disse.
Já gritei quando deveria calar, já calei quando deveria gritar.
Muitas vezes deixei de falar o que penso para agradar uns, outras vezes falei o que não pensava para magoar outros.
Já fingi ser o que não sou para agradar uns, já fingi ser o que não sou para desagradar outros.
Já contei piadas e mais piadas sem graça, apenas para ver um amigo feliz.
Já inventei histórias com final feliz para dar esperança a quem precisava.
Já sonhei demais, ao ponto de confundir com a realidade... Já tive medo do escuro, hoje no escuro
"me acho,me agacho, fico ali".
Já cai inúmeras vezes achando que não iria me reerguer, já me reergui inúmeras vezes achando que não cairia mais.
Já liguei para quem não queria apenas para não ligar para quem realmente queria.
Já corri atrás de um carro, por ele levar embora, quem eu amava.
Já chamei pela mamãe no meio da noite fugindo de um pesadelo. Mas ela não apareceu e foi um pesadelo maior ainda.
Já chamei pessoas próximas de "amigo" e descobri que não eram...
Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada e sempre foram e serão especiais para mim.
Não me dêem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre.
Não me mostre o que esperam de mim, porque vou seguir meu coração!
Não me façam ser o que não sou, não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente!
Não sei amar pela metade, não sei viver de mentiras, não sei voar com os pés no chão.
Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra SEMPRE!
Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas, das drogas mais poderosas, das idéias mais insanas,
dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes.
Tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.
Você pode até me empurrar de um penhasco q eu vou dizer:
- E daí? EU ADORO VOAR!


(Clarice Lispector)

Enquanto ficamos focados em problemas que aconteceram no passado, decepções com amigos, derrotas, etc...vamos adoecendo e os outros vão continuar seguindo suas vidas e sendo felizes.

Não vale a pena! Cuide de você, esqueça os outros. A mágoa e outros sentimentos só nos impedem de sermos felizes e conquistarmos o que desejamos (no meu caso, o sonho de ser mãe). Aprendi isso na marra. Esqueçamos as mágoas, bola para frente! A vitória e a derrota só dependem de nós e de Deus.

Se escolher viver sofrendo, você vai viver sofrendo, se resolver perdoar e tocar a vida, verá como ela será generosa com você, lhe dando a chance de ser feliz e deixar o que passou para trás. Quem guarda mágoa no coração, não deixa espaço para a felicidade.

Posso dizer uma coisa sem medo de errar, muitas doenças e enfermidades que acontecem na nossa vida, foram geradas em momentos de profunda angústia, onde ficamos acumulando problemas na nossa mente e no nosso coração. Só precisamos perdoar e esquecer, aí teremos livre acesso às promessas de Deus.

Não depende do passado a nossa felicidade e de pessoas que nos fizeram mal, depende de nós, o desejo e o sacrifício têm que partir de nós, e o sacrifício é esse: perdoar! Houve momentos em que tudo que eu não queria era perdoar, esquecer, e quando fiz isso, Deus agiu em outras áreas na minha vida.

A depressão nada mais é do que você estar recebendo o que está dando a si mesma; mágoa, tristeza e frustração pelo que fizeram a você. Procure dar a si mesma a chance de enxergar que você tem um futuro lindo pela frente independentemente do que ficou lá atrás.

Tão certo como o nosso Senhor vive, digo sem medo de errar que quando deixamos tudo isso para trás - brigas, futilidades, o que foi certo ou errado, ver quem fez ou deixou de fazer, Deus nos abençoa e podemos orar sem culpa pedindo perdão pelos nossos pecados, afinal como poderemos pedir perdão, se tivermos tanta mágoa acumulada no coração pela falta do mesmo?

Creio que Deus vai fazer o que para nós parecia impossível. Você é uma bênção e sabe disso, só precisa ver que o único que precisa reconhecer isso em sua vida é o seu Senhor e não o homem.

Se for preciso, procure alguém, um psicólogo, alguém habilitado por Deus para lhe ajudar a superar estas coisas de mágoas, isso não é vergonha, lembrem que grandes homens da Bíblia também passaram por isso; (passaram e não ficaram) por momentos ruins, só não pode se entregar, tem que lutar para superar tudo e vencer! Fiquem na santa paz de Deus.

(Cristiane Melo)

Mágoa, uma palavra pequena, mas um sentimento enorme. É incrível como ela consegue nos dominar, por ela deixamos pessoas importantes partirem, deixamos de confiar, deixamos de arriscar por medo.

Confesso que guardo mágoas sim, afinal quem não guarda que atire a primeira pedra! Eu estou percebendo o quão caro ela está me custando, estou deixando para trás pessoas que já me fizeram sorrir, já pediram desculpas e eu percebi que foram de coração, já me fizeram chorar de felicidade, fizeram eu me sentir única em vários sentidos.

Percebi que estou errada e que tenho que mudar nesse aspecto, afinal todos erramos de uma forma ou de outra, ninguém é perfeito.

Já conheço bem a palavra MÁGOA, agora pretendo conhecer o sentido da palavra PERDÃO, aquele ditado "eu perdôo mas guardo nomes" isso é verdade, mas na hora que você perdoa uma pessoa e você vê que ela se arrependeu realmente, tem que deixar isso de lado, prestar atenção nas qualidades e relembrar os momentos bons.

Por isso, não deixe a mágoa te dominar, se for para quebrar a cara de novo, deixa quebrar, é só mais um aprendizado. Vai doer? Vai, mas você vai aprender novas lições da vida. Perdoe, não sabemos o dia de amanhã, todos erramos, e amanhã poderá ser você pedindo perdão.

(Priscielle Ramos)

Como dizem, as palavras são como balas, depois de disparadas não podem voltar atrás, e elas podem ferir mortalmente. Poucas coisas no mundo podem magoar tanto como as palavras. E é justamente por isso que nos momentos de raiva, nós as usamos, porque sabemos que são as armas mais poderosas que temos para atingir alguém.

As palavras ditas sem pensar, atiradas com a força do impulso, miradas contra o peito para magoar, são as mais difíceis de perdoar. Quanto mais se conhece uma pessoa, mais fácil é atingi-la com palavras duras, que nem sempre representam aquilo que realmente sentimos.

Por isso, quero que saiba que as balas que saíram da minha boca contra você foram disparadas sem razão, o gatilho foi puxado por emoções desequilibradas e momentos tempestuosos!

Infelizmente, não posso voltar no tempo e fazer você esquecer o que eu disse, peço apenas que entenda que tudo foi dito com o calor da emoção, e que nada do que eu disse é o que sinto realmente em meu coração.

Peço desculpas, mil vezes desculpas! Espero que você seja capaz de me perdoar e que em breve possamos conversar pessoalmente. Você é muito importante em minha vida.

Ficam aqui as minhas mais sinceras e profundas desculpas, e que possam ajudar a curar as mágoas que lhe causei.

Meu amor, esta carta é para que você perceba as saudades que estou sentindo. Agora que estamos separados, consigo entender a falta que você me faz, e eu dava tudo para poder voltar atrás no tempo. Todos os dias me arrependo das brigas tolas e desnecessárias que tivemos, do tempo que desperdiçamos sempre que ficávamos magoados. Fico com um peso no peito, quando penso que as coisas podiam ter sido diferentes.

Você é o amor da minha vida e enquanto estivemos juntos eu tentei lhe mostrar isso. Durante o caminho que percorremos lado a lado, nós vivemos coisas muito especiais, compartilhamos uma história de paixão perfeita. Não aceito que nosso passado foi em vão, mesmo que for vezes tenhamos sofrido. Por favor, não podemos desistir agora.

Tenho certeza que as coisas podem mudar. Eu tentarei ser uma pessoa melhor, alguém que preencha seu coração e faça você se sentir completo. Acima de tudo, eu prometo amá-lo como fui fazendo até hoje, mas desta vez com um esforço redobrado para que nada nos separe novamente.

E mais uma vez essa dor que dilacera a alma e faz todo o corpo sentir... Olhos inchados, cabeça rodando, no peito um buraco, no coração só o vazio que restou depois que, de novo e de novo, o amor fraquejou.

Se ainda pudesse acreditar nesse amor, amor que não sabe amar não é amor. Amor da boca pra fora, amor que não se incomoda com o que causa no outro.

Amor que foge, amor que magoa, amor que fere e nem sequer mostra arrependimento. Amor covarde de um coração frustrado que não tem atitude.

Amor que teima no que nunca quis, que desiste do que sempre esperou. Covardia e só! Covardia que faz da tua vida uma mesmice, que te faz sentir um babaca, que te retira os sonhos, que te faz sentir apenas a falta daquilo que poderia ter sido.

O tempo passa e a história se repete, e você continua se sentindo um idiota e eu tentando me convencer que um amor verdadeiro não pode ser assim.... E na acomodação dos teus dias apenas o abismo de alguém que segue tentando se convencer das impossibilidades que você mesmo criou. Segue e procura não pensar.

Não pensa, não sente, enterra tua vontade para não ter que encarar a própria verdade... Segue na superfície das coisas, na rotina dos dias, no vazio de abdicar de si mesmo. Você volta pra aparente calma dessa tua vidinha sem graça, e, olha só, mesmo sem querer pensar, sem querer sentir continua sentindo o mesmo vazio, a mesma frustração de antes...

E eu dilacerada, partida, quebrada... mas muito mais inteira que você! Porque assumo o que sou, e, principalmente, o que sinto! Senti, me entreguei, lutei, chorei, choro! Mas, jamais deixei de ser o que sou, sei que errei muitas vezes, disse o que devia e o que não devia também, mas vivi sempre de acordo com a verdade do que sinto.

Verdade! Foi tudo que sempre pedi a você. Mas, sei lá, o medo, a covardia, a mentira de uma vida que não é tua modifica as pessoas, será? Mesmo aquelas com a essência mais pura? O moço certinho, que não sabia mentir de repente não consegue falar a verdade? Ou nunca conseguiu? Ou nunca se deu conta da grande farsa em que se transformou?

Não sou e nem quero ser a dona da verdade, até porque andei me enganando também, insisti em acreditar num amor que era só meu, em alguém que me dizia impossível não me amar já que sempre me quis, tantas vezes te perguntei se você tinha dúvidas e sempre me respondeu que não, como se fosse normal amar alguém e nada fazer pra viver verdadeiramente esse amor.

As mesmas palavras, o mesmo desfecho sem adeus! E espero mesmo que seja assim, a ficha caiu, a ilusão acabou, ainda dói, mas não preciso dizer adeus pra, finalmente, me convencer do que você sempre me disse... é... sempre me avisou que você não valia a pena. Parabéns! Você me convenceu!

Não consigo mais acreditar nesse amor que você diz sentir... Amor que tem medo de amar? Impossível seguir acreditando num amor que não faz meu espírito sorrir...

(Cris)

Quando criança, por causa do meu caráter impulsivo, sentia raiva à menor provocação. Na maioria das vezes, depois de um desses incidentes sentia-me envergonhado e me esforçava por consolar a quem tinha magoado.

Um dia, meu professor me viu pedindo desculpas depois de uma explosão de raiva. Me entregou uma folha de papel lisa e disse:
- Amasse-a! - Com medo, obedeci e fiz com ela uma bolinha.
- Agora - voltou a dizer-me - deixe-a como estava antes.

É óbvio que não pude deixá-la como antes. Por mais que tentei, o papel ficou cheio de pregas. Então, disse-me o professor:
- O coração das pessoas é como esse papel... A impressão que neles deixamos será tão difícil de apagar como esses amassados.

Assim aprendi a ser mais compreensivo e mais paciente. Quando sinto vontade de estourar lembro desse papel amassado. A impressão que deixamos nas pessoas é impossível de apagar.

Quando magoamos com nossas ações ou com nossas palavras, logo queremos consertar o erro, mas é tarde demais. Alguém disse, certa vez: "Fale quando suas palavras sejam tão suaves como o silêncio". Como uma folha. Pense nisso!

Diga-me onde foi que errei, eu que só amei você, eu que só o bem lhe fiz. Errei ao lhe dar carinho, errei ao acreditar em nós, errei ao lhe dar o meu amor? Errei ao abrir meu coração, errei ao demonstrar emoção?

Eu sei que amar não é uma obrigação. Não entendo por que me quer prender nesta relação, se não quer estar ao meu lado? Qual é a sua intenção, é apenas me magoar, me fazer sofrer? O que eu fiz para merecer?

Se não quer a felicidade que eu tenho para lhe dar e o bem que lhe quero fazer, por que não vai embora e liberta o meu coração?

Sei que vou sofrer, mas sei também que meu amor não foi em vão! Fui feliz com você, mas agora já não sei o que fazer… Seu silêncio me mata, e se você não disser nada, tomo eu uma decisão. Vou embora sem olhar para atrás, sabendo que meu único pecado foi amar você demais!

Eu não quero que você continue com todo esse ressentimento no coração. A vida continua independentemente das nossas glórias ou dos nossos erros e fracassos. Não tema a vergonha! Todo mundo cai algum dia.

E o mais importante é levantar cabeça e continuar percorrendo a estrada dos nossos sonhos. Viva sem o peso do arrependimento. Viva sem a dor da mágoa ou da amargura!

Jamais se arrependerá de ter refreado a língua, quando teve vontade de dizer o que não convinha ou o que não era verdade. De ter formado o melhor conceito sobre o proceder de outrem. De não ter julgado com severidade os atos alheios, ignorando a real motivação de cada ser.

Jamais se arrependerá de ter perdoado aqueles que magoaram você e de ter contribuído para sua evolução espiritual. De ter cumprido pontualmente suas promessas bem pensadas. De ser fiel aos compromissos dignos e nobres a que se vinculou.

Jamais se arrependerá de ter suportado com paciência as faltas alheias. De ter ignorado as mentiras e as maledicências que lhe chegaram aos ouvidos. De ter dirigido palavras bondosas aos desventurados e tristes. De ter simpatizado com os menos afortunados e de ter realizado algo de efetivo e bom em prol de alguém.

Jamais se arrependerá de ter pedido perdão pelas faltas cometidas. De ter reparado o mal que causou. De ter pensado antes de falar. De ter honrado a seus pais, agindo com gratidão por todo o bem que deles recebeu. De ter sido cortês e honesto em tudo e com todos.

Jamais se arrependerás de ter ensinado algo de bom e verdadeiro a uma criança. De ter sido capaz de cativar um coração e de ter feito uma amizade verdadeira. De ter oferecido pão a um faminto e consolo a um aflito. De se desviar do caminho errado e seguir pelo caminho correto, por mais árduo que esse possa ser.

Pode escolher os caminhos que vai seguir no curso de sua vida. Pode optar quais posturas assumirá diante das mais variadas circunstâncias da vida. Você é o senhor dos seus passos e o dono de seu futuro. Não compete a mais ninguém as escolhas que afetarão a sua história.

Por mais que terceiros possam atingi-lo, somente os seus próprios atos, suas reações definirão o rumo do seu destino. Antes de agir, reflita com ponderação e sabedoria. O arrependimento nas decisões equivocadas, tomadas sob a influência do egoísmo e da ira, o fará sofrer.

Fazer o bem sempre é motivo de satisfação e alegria. Para o homem de bem não interessa o reconhecimento pelo seu ato, nem gratidões e honrarias. A consciência tranquila e a certeza de que se fez o melhor e o possível, é o suficiente para apaziguar o coração.

Não tenha medo de ousar e fazer coisas que nunca fez antes e nem tampouco de mudar em sua vida aquilo que for necessário. Siga sempre pelo caminho do bem e jamais se arrependerá dessa escolha. Controle-se e procure escutar o que seu coração tem para lhe contar e investigue suas razões. Compartilhe seus desejos com a pessoa amada, quem sabe também ela tenha algo para compartilhar com você. Utilize seus talentos, use a iniciativa e dê início aos seus projetos com amor, coragem e dedicação.

Esse será o segredo do seu sucesso. E quando amar, não encontre justificativas para fugir dele. Lembre-se que às vezes ele está nos lugares menos prováveis e onde menos esperamos. Jamais se arrependerá de ter tido calma e paciência, pois se esse amor ainda não chegou, uma hora ele chegará até você.

Estou deixando o orgulho de lado e reconhecendo que minhas atitudes e palavras não foram as melhores. Às vezes faço coisas sem pensar e acabo magoando as pessoas que mais amo. Desculpe se eu errei, mãe!

Você me conhece como ninguém e sabe que meu arrependimento é sincero. Prometo que tentarei ser alguém melhor e moderar meu comportamento, porque ver seu sorriso é o que dá luz ao meu coração.

Com a noite veio a solidão, porque é nas horas mais mortas que a nossa alma se põe de joelhos e começa a refletir sobre as coisas que ama.

E a noite parecia um manto alto trazido pela tristeza e a névoa, enroscando-se na imensidão de vales desolados, amortecendo a própria voz dos ramos batidos pelo vento.

E a solidão veio falar de saudade. Era uma estranha névoa coroada por uma luz que ia entrando lentamente no meu coração.

Era um estranho sentimento que ia acariciando de leve a minha alma, tocando os recantos mais íntimos do meu ser.

Compreendi então, meu amor, a tristeza de estar sozinha, pois junto comigo trazia as infinitas mágoas de sonhar com a ausência de ser amada.

Nós sofremos mais por causa das pessoas do que por causa das circunstâncias. As pessoas nos fazem chorar mais do que as vicissitudes da vida. As pessoas nos decepcionam e nós decepcionamos as pessoas. Os relacionamentos dentro da família, no trabalho e até igreja, algumas vezes, se tornam tensos.

Feridas são abertas na alma e mágoas profundas se instalam no coração. Amizades são rompidas, casamentos são abalados, relacionamentos sólidos entram em colapso. Nesse processo, a comunicação é rompida, o silêncio gelado substitui as palavras de amor e a desconstrução da imagem do outro se torna uma verdadeira ação de desmonte.

O resultado do adoecimento das relações humanas é a mágoa. Esse sentimento de amargura se instala no solo do coração e lança suas raízes trazendo perturbação para a alma e contaminação para os que vivem ao redor. A mágoa é a ira congelada. A mágoa é o armazenamento do ressentimento. A mágoa é entulhar o coração com rancor, é alimentar-se do absinto do ranço, é afogar-se no lodo do ódio, é viver prisioneiro da armadilha da vingança.

A mágoa é uma prisão. Ela é o cárcere da alma, o calabouço das emoções, a masmorra escura onde seus prisioneiros são atormentados pelos verdugos da consciência. Quem se alimenta da mágoa não tem paz. Não tem liberdade. Não tem alegria. Não conhece o amor. Não tem comunhão com Deus. Não pode adorar a Deus, nem trazer sua oferta ao altar. Quem retém o perdão não pode orar a Deus nem receber dele o perdão.

A mágoa é autodestrutiva. Ferimo-nos a nós mesmo quando nutrimos mágoa por alguém. Guardar mágoa no coração é como beber veneno pensando que o outro é quem vai morrer. Quem guarda mágoa no coração vive amarrado pelas grossas correntes da culpa. Quem vive nessa masmorra adoece emocional, física e espiritualmente. Há muitas pessoas doentes porque se recusaram a perdoar.

Na igreja de Corinto havia pessoas fracas, outras doentes e algumas que já estavam mortas em virtude de relacionamentos adoecidos (“Quero, entretanto, que saibais ser Cristo o cabeça de todo homem, e o homem, o cabeça da mulher, e Deus, o cabeça de Cristo.” 1Co 11.3). Tiago ordena os crentes a confessarem seus pecados uns aos outros para serem curados (“Confessai, pois, os vossos pecados uns aos outros e orai uns pelos outros, para serdes curados. Muito pode, por sua eficácia, a súplica do justo.” Tg 5.16). Há muitas pessoas vivendo cativas no calabouço do diabo, prisioneiras do ódio, acorrentadas pela mágoa, cuja vida espiritual está arruinada. Gente que precisa ser liberta dessa prisão existencial, desse cativeiro espiritual.

O Salmista Davi orou pedindo a Deus para tirar a sua alma do cárcere (“Tira a minha alma do cárcere, para que eu dê graças ao teu nome.” Sl 142.7) A chave que abre a porta dessa masmorra é o perdão. O perdão traz cura onde a mágoa gerou doença. O perdão traz reconciliação onde a mágoa gerou afastamento. O perdão traz alegria, onde a mágoa produziu tristeza e dor. O perdão restitui àquilo que a mágoa saqueou. O perdão é a faxina da mente, a assepsia da alma, a limpeza dos porões do coração.

Perdoar é zerar a conta. É nunca mais lançar no rosto da pessoa a sua dívida. Perdoar é lembrar de sentir dor. Perdoar é não retaliar. É pagar o mal com o bem. É abençoar aqueles que nos amaldiçoaram. É fazer o bem àqueles que nos fizeram o mal. Perdoar é ser um vencedor, pois é vencer o inimigo não com a espada, mas com o amor. Perdoar é sair do cárcere da alma, é ser livre, é viver uma vida maiúscula, superlativa e abundante. Perdoar é viver como Jesus viveu, pois ele não retribuiu o mal com o mal, antes por seus algozes intercedeu. Perdoar é ter o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus.

Chegou a hora de raiar a liberdade em sua vida. A Palavra de Deus liberta: “Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará” (Jo 8.32). Jesus Cristo liberta: “Se o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres” (Jo 8.36). É hora de sair do cárcere que prende a sua alma com as grossas algemas da mágoa. É hora de experimentar a liberdade do perdão. É hora de tomar posse da vida abundante que Jesus lhe oferece!

(Rev. Hernandes Dias Lopes)

O perdão verdadeiro é um dos sentimentos mais nobres, mas também um dos mais difíceis de sentir.

Porque o perdão não pode ser da boca para fora, e nem pode brotar num coração rancoroso, magoado, raivoso.

O perdão verdadeiro só nasce quando o coração está reconciliado, tranquilo e sossegado com o motivo da dor.

Há pessoas que passam a vida inteiro remoendo dores do passado, porque nunca foram capazes de perdoar quem as magoou.

Mas saiba que o perdão é libertador, é faz muito mais bem a quem perdoa do que a quem é perdoado.

Perdoar-se a si mesmo é uma dádiva. Mas às vezes, pode ser ainda mais difícil perdoar os nossos erros do que os erros dos outros. Ter compaixão pelas nossas fraquezas e atitudes e mais difícil do que ter compaixão pelos outros.

Nós temos a capacidade de sermos o nosso maior carrasco! E, geralmente, é o sentimento de culpa é que nos impede de abrir o nosso coração e perdoar os nossos erros.

Por isso, parar exercer o perdão é preciso se reconciliar com a vida, com as suas experiências, com as suas fraquezas. O perdão é capaz de lhe tirar um peso enorme da alma, e deixá-lo leve para seguir o caminho da paz e da felicidade.

Recomendados para você

100 frases de amor para filha amada carregadas de sentimento que vão derreter seu coração
100 frases de amor para filha amada carregadas de sentimento que vão derreter seu coração
40 frases para fotos com namorado que vão derreter o coração dele
40 frases para fotos com namorado que vão derreter o coração dele