Mensagens de Paixão


Uma vida para viver na
esperança de um amor
eterno.

Um acaso sem surpresa
e uma paixão que não
termina.

Um amor que nunca vai
terminar na estrada da
felicidade.

Uma luz que sempre
ilumina o chão onde
piso.
Felizmente!

Meu amor, minha namorada, minha paixão, como é feliz ao seu lado o meu coração!

Serei para ti um verso de canção
No horizonte, o sol a brilhar
Ou quem sabe, a terna emoção,
Que te fez um dia sonhar
Serei para ti, o amor calmo e tranqüilo,
A chuva que cai serenamente.
Ou quem sabe, serei tudo aquilo,
Que teu coração almeja docemente.
Serei para ti, o entardecer com mil promessas,
O luar prateando teu rosto.
Ou serei aquele amor doce e gentil,
Que a ti, por Deus foi proposto
Serei para ti, a sensual madrugada,
Queentonteia de desejos o coração.
Ou quem sabe serei aquela amada,
Que quase te mata de paixão.
Serei para ti, o ar que respiras,
O alimento que precisas para viver.
Ou quem sabe, serei a derradeira mira,
Repleta de encantos, amor e prazer...

Como esquecer
o que fizeste comigo?
Como ignorar a dor
em meu coração ferido?
Ele sangra e dói quando
me lembro da tua traição!
A cada batida em meu peito
ressoa solidão, solidão, solidão.
Tento esquecer e recomeçar,
talvez em teus braços
mesmo aprender a perdoar.
Olho para ti e meu corpo
arde de paixão, mas na minha
memória o desejo se mistura
com a tua traição.
Perdoar.
Será que algum dia conseguirei?
Esquecer.
Será que em algum momento
isso eu viverei?
Não sei...

Eu segui meu caminho de consciência tranquila, disse adeus ao nosso amor e não pretendo mudar de ideias. Você nunca me poderá acusar de ter deixado tudo para trás por iniciativa própria, pois sua negligência e indiferença é que fizeram com que nos perdêssemos um do outro a cada dia que passava.

Acredito que seja difícil querer consertar um relacionamento que já não existe, ou tentar mudar o que agora é irreversível. O melhor seria ter pensado nisso enquanto eu ainda estava ao seu lado. Só damos valor às pessoas quando as perdemos definitivamente da nossa vida, mas eu parti com a certeza que dei sempre tudo que tinha por nós.

Desejo que você seja feliz, muito feliz, pois talvez eu não seja a pessoa certa para despertar uma paixão ardente em seu coração. Espero que escolha o seu caminho, pois eu também já escolhi o meu, e desta vez ele terá um destino completamente oposto ao seu.

Feliz Aniversário, paixão! Receba todo o meu amor e celebre este dia com o coração cheio de alegria.

Dizem que o amor é cego e eu discordo plenamente. O amor verdadeiro, o amor sincero, não é cego, o amor tudo vê e aceita. Quando há amor de verdade todas as outras coisas ficam pequenas, todos os pequenos defeitos não têm importância. Afinal, o que pode ser maior do que o amor?

O amor é capaz de tolerar todas as manias; o amor reconhece as fraquezas e inseguranças; o amor sabe exatamente qual é o seu papel em nossas vidas. O amor é maduro, é sólido, é forte.

A paixão é que é cega. A paixão teme ver, pois ainda não é um sentimento forte o suficiente para tolerar aquilo que não gostamos no outro. A paixão é frágil e muitas vezes não chega a se tornar amor quando se depara com aquilo que consideramos defeitos. Já o amor é capaz de sobreviver mesmo em tempos difíceis e de transição.

Há quem diga que o amor é a base de tudo, porém eles se esquecem que:
Há os que se anulam em nome do amor e acabam abandonados.
Há os que investem tudo nos outros acreditando que serão correspondidos e vivem reclamando do egoísmo alheio.
Há os que sonham com um amor perfeito, pretendem encaixar o ser amado nesse modelo e acabam descobrindo que cada um é como é e não temos poder para mudar ninguém.
Há os que confundem paixão com amor. Não percebem que paixão é admirar no outro o que recalca em si. Quando a ilusão projetiva desaparece, percebemos o ridículo dos nossos atos apaixonados.
Há os que confundem apego com amor. São egoístas que esperam do outro exatamente o que não dão.
O amor verdadeiro nunca faz sofrer. Traz alegria, motivação e prazer, agindo sempre com seu poder de harmonizar as relações humanas.
Quando ser feliz passa a ser um objetivo sério nós logo percebemos que com o amor não se brinca.

(Zíbia Gasparetto)
(Pensador)

Um casamento feliz é a experiência sentimental mais satisfatória que uma pessoa pode ter na vida. Para ter um casamento feliz é preciso haver afinidade, é preciso haver respeito. A história de que os opostos se atraem pode até ser verdade, mas os opostos não se suportam por muito tempo. Por isso, um dos segredos para um casamento feliz é descobrir se há afinidades entre o casal.

Mas ao contrário do que muitos pensam, em um casamento feliz os dois não devem se tornar um, não é porque há afinidades que deve se perder a individualidade. O casal deve ser capaz de aceitar e conviver bem com as diferenças, com companheirismo, amizade e compreensão.

Com o passar do tempo, também é comum que aqueles pequenos defeitos do dia a dia tomem o foco de atenção e muitas vezes ganhem uma dimensão maior do que têm na realidade. Precisamos fazer o exercício de olhar para o outro, para o nosso parceiro, e rever nele aquilo que despertou a nossa paixão, olhar com compaixão para aquilo que consideramos defeitos, e reconhecer aquele que amamos.

Acima de tudo, para ter um casamento feliz é preciso querer, é preciso dedicação. Amar é um exercício diário.

O meu jeito de amar pode nem sempre ser compreensível, e minha forma de mostrar o quanto quero você pode às vezes parecer sufocante. Mas acredite que tudo que faço é sincero e vem do coração. Tudo que dou, dia após dia, é o melhor de mim.

Não sou capaz de olhar em seus olhos sem sentir que a paixão cresce cada vez mais. Não consigo sequer imaginar o amanhã sem que você esteja presente. Tudo é perfeito entre nós porque preenche totalmente minha alma. Por favor, fique comigo para sempre!

Parabéns meu marido, meu amor, pois hoje comemoramos vinte anos da nossa união, do nosso casamento. E obrigada por ter caminhado sempre do meu lado, por ter construído comigo este pequeno pedaço de paraíso que é a nossa vida em conjunto.

Eu recordo o dia do nosso casamento, tão presente na memória, tão distante no tempo, e de como meu rosto se aquecia na fantasia daquilo que entretanto vivi e vivo. Mas nunca cheguei nem perto de na imaginação recriar toda a felicidade que então vivi e vivo ao seu lado.

Eu amo muito você, hoje ainda mais que antes.
Parabéns! A você, a mim, a nós por esses vinte anos de amor, de companheirismo, de paixão, e todas as dificuldades ultrapassadas lado a lado, e que assim permaneçamos, por muitos mais anos.

Sentir que você pensa em mim,
Sentir que você me olha,
Mesmo a tantos quilômetros,
Poderia me fazer duvidar,
Mas mesmo sem compreender,
Acredito nessa paixão,
Mesmo que seja um amor
Como que escondido entre nós dois,
Porque entre gestos e palavras
Sentimos que para o coração.
E sem notar o ruído,
De toda a gente, ao redor,
Deixamos que se passem
Os minutos e os dias,
Tendo por companhia apenas
A lembrança.
Falo de mim, sem medo do que digo,
Sobre aquilo que em mim nasceu.
Lembro dos seus olhos,
E neles o brilho relata
A tristeza da distância
Que se põe entre nós dois.
Falo de palavras sempre belas,
De dias cheios de emoções.
Escuta-me, porque falo de sonhos,
Que surgiram desse amor.
Não queira nada quando o
Sentimento gritar,
Porque eu serei capaz
De tudo para atendê-lo.
Sairei em sua direção,
Mesmo sabendo que não deveria.
Sei disso, porque mesmo
Contra a minha vontade
A esperança está aqui,
Nessa minha vida que se tornou
Vazia desde que você foi embora.
Hoje nada mais responde
Às minhas perguntas,
Porque nada me importa sem você.
Percebi que se foi o mel dos seus lábios
E ficou só o veneno da saudade;
Que se foi seu perfume,
E já não posso respirar;
Que se foi seu sorriso,
E em lugar dele me vieram as lágrimas.
Meu amor se cobriu de medo,
Porque com tudo se foi também
A minha vida.
Estou presa a noites de loucura,
Porque sei que sem você
Toda uma vida não basta
Para eu ser feliz.

Basta uma brisa da praia
Pra gente ficar com vontade de amar
Um vento ousado na saia
Revela o desejo guardado no olhar
Basta uma noite de lua
Pra gente ficar na maré da paixão
E quando a pele está nua
A gente descobre que a vida é um tesão
Tá na cara que a gente se ama
Tá na cara que a gente se adora
Tá na cara
Pra gente é desejo, é paixão, é loucura
É mais, é tara
Tá na cara que a gente se quer
Tá na cara que a gente se gosta
Tá na cara que essa loucura
Não passa, não pára jamais, não sara.

Amar alguém é perder a noção do espaço e do tempo enquanto se agarra com paixão a vida.

Caem lágrimas e sorrisos se perdem
no infinito do tempo entre um oi e
um amor que desabrocha.
E é amor.
Ou é calor.
E é paixão.
Ou é verão.
Nunca frio.
Nunca inverno.
Verão.

Juntos já demos dois passos, meu amor, pois este é o nosso segundo mês de namoro, e eu tenho certeza que não vamos parar por aqui. Estes dias de paixão, doçura e cumplicidade têm sido a razão do meu viver. É maravilhoso ter você ao meu lado incondicionalmente.

Quero agradecer por fazer com que a felicidade seja uma realidade da minha vida, e por me levar a ser uma pessoa melhor. Eu amor você hoje, amanhã e para sempre!

Quando te vi, vi a paixão, o desejo
Quando te vi meus olhos brilharam
Quando te vi, meu corpo tremeu
Quando te vi, desejei-te de corpo e alma
Quando te vi, tudo em mim mudou

Quando te vi, eu soube, soube que não era mais minha
Quando te vi, a solidão se foi, o vazio sumiu
Quando te vi, alucinei de paixão
Quando te vi, soube que era tua, sem nunca ter sido
Quando te vi, senti paz, conforto e alegrias

Quando te vi, vi a beleza, vi o perfeito
Quando te vi, pela primeira vez vi com os olhos do coração
Quando te vi, há, vi o que é um anjo que caminha entre os mortais
Quando te vi, descobri o mais profundo segredo do que é desejar
Quando te vi, me apaixonei, e soube o que amar
Agora quando te olho, meus olhos nem piscam
Meu corpo se enternece, a alma fica em festa
O coração fica em festa, a boca fica seca
As mãos suadas, o corpo quente, todo corpo sente tua presença

Agora eu só quero você
Agora que te quero, te quero em mim para sempre
Agora quero você, quero você para me fazer viva, me fazer tremer
Agora quero viver o belo, a maravilha que é amar
Agora me entrego toda a você em cada segundo do meu dia
Agora só penso: porque fui te ver? E porque tão tarde, poderia ter sido plena antes

Quero você, no corpo
Quero você nos pensamentos
Quero você no sexo
Quero você na alma
Quero ter você toda noite nos meus sonhos
Quero, quero, preciso de você em mim, agora e sempre.
Quero a oração mais bonita, sublime, pura e sincera
Que é chamar teu nome.

Quando te vir, quero me reparar
confessar, dizer da importância que tens para mim
Quando te vir, quero me ajoelhar, pedir ao eterno que
te faça me compreender
Quero dizer do vazio que teu silêncio me traz
Quando te vir, quero implorar uma nova chance

Enfim, quando te vir...

Ainda pior que a convicção do não, a incerteza do talvez é a desilusão de um "quase". É o quase que incomoda, que entristece, que mata, trazendo tudo que poderia ter sido e não foi. Quem quase ganhou ainda joga, quem quase passou ainda estuda, quem quase morreu está vivo, quem quase amou, não amou.

Basta pensar nas oportunidades que escaparam pelos dedos, nas chances que se perdem por medo, nas ideias que nunca sairão do papel por essa maldita mania de viver no outono do quase.

Pergunto então, às vezes, o que nos leva a escolher uma vida morna; ou melhor, não pergunto, contesto. A resposta sei de cor, está estampada na distância e frieza dos sorrisos, na frouxidão dos abraços, na indiferença dos "Bom dia", quase que sussurrados.

Sobra covardia e falta coragem até para ser feliz. A paixão queima, o amor enlouquece, o desejo trai. Talvez esses fossem bons motivos para decidir entre a alegria e a dor, sentir o nada, mas não são.

Se a virtude estivesse mesmo no meio termo, o mar não teria ondas, os dias seriam nublados e o arco-íris teria somente tons de cinza. O nada não ilumina, não inspira, não aflige nem acalma, apenas amplia o vazio que cada um traz dentro de si.

Não é que fé mova montanhas, nem que todas as estrelas estejam ao alcance, para as coisas que não podem ser mudadas resta-nos somente paciência, porém, preferir a derrota prévia à dúvida da vitória é desperdiçar a oportunidade de merecer.

Para os erros, há perdão; para os fracassos, chance; para os amores impossíveis, tempo. De nada adianta cercar um coração vazio ou economizar alma. Um romance cujo fim é instantâneo ou indolor não é romance.

Não deixe que a saudade sufoque, que a rotina acomode, que o medo impeça de tentar. Desconfie do destino e acredite em você. Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando porque, embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive, já morreu!

O cupido, muitas vezes por distração ou por pura diversão, causa furor em nosso coração, se atrapalha com as flechas e nos faz viver amores não correspondidos. Quem nunca viveu uma paixão solitária? Nunca amou e não foi amado? Quem, pelo menos uma vez na vida, nunca viveu um amor não correspondido? É triste, é dolorido, mas ao menos uma vez na vida, vamos passar por isso...

Podemos demonstrar os nossos sentimentos, declarar o nosso amor, mas nunca exigir reciprocidade. Infelizmente, não mandamos nos nossos sentimentos e menos ainda nos sentimentos dos outros. Se você se descobriu vivendo um amor não correspondido, por muito que custe abandonar as expectativas, o melhor a fazer é dar o assunto por encerrado.

Não adianta tentar convencer o outro que ele só vai ser feliz se lhe amar. Se a pessoa por quem você se interessou não se interessa por você, não pense que a culpa é sua e não deixe que isso afete a sua autoestima. Pense que foi uma brincadeira irresponsável do cupido brincalhão, respire fundo, recupere e siga em frente.

O amor não correspondido pode até ser fonte de inspiração, mas é muito melhor quando é correspondido. Uma hora, com mais atenção, o cupido acertará as flechas nas pessoas certas.

O olhar de uma mulher revela suas fragilidades, sua coragem, seu jeito de ser. É no olhar de uma mulher que sua força é desvendada. Elas são o ser mais poderoso da Terra, são a sede e a paixão, a fome e o amor.

Sem elas tudo seria cinzento, os dias seriam chuvosos e o sol seria sempre luar. Toda mulher de verdade representa a vida no seu estado mais real. A todas elas, um agradecimento do tamanho do mundo!

Parabéns para nós, meu amor! Hoje celebramos uma data muito especial. Três anos de vida, de amor, de paixão e de muita cumplicidade merecem ser comemorados com toda intensidade do mundo.

Você é minha inspiração e a razão de todos os meus sorrisos. Só espero e desejo que estes três anos se transformem em trinta e depois em trezentos e em três mim e depois na eternidade do nosso sentimento. Adoro você, meu bem!

Por mais que a distância nos separe e o tempo passe sem que nossos olhares se encontrem, eu não me esqueço nem por um segundo de você e do amor verdadeiro que nos une.

Sinto falta do seu carinho, das tardes que passamos lado a lado desfrutando da nossa paixão. Mas estas circunstâncias não durarão para sempre, e quando menos esperarmos estaremos juntos novamente.

Amor incondicional é o que sinto por você, meu marido, e é nisso que eu quero que acredite, sem nunca duvidar. Tenha sempre a certeza de que somos como unha e carne, somos parte um do outro. Suas angústias e medos serão as minhas também, seus desejos e sonhos farão parte dos meus e junto de você lutarei com todas as minhas forças, só para ver você feliz.

Eu quero continuar nossa história de paixão, nosso caminho em comum, pois sei que só ele nos pode levar a felicidade. Não há nada melhor do que saber que não estamos sozinhos nesta vida, sobretudo se tivermos do nosso lado alguém carinhoso e sempre atento como você, meu amor. Os desafios do dia a dia são para vencermos e as amarguras para serem deixadas para trás. Cada momento com você continuará sendo uma bênção e é desse jeito que quero continuar eternamente.

Feliz Aniversário, meu amor! Estamos de parabéns. Passou um ano desde que descobrimos o amor, a paixão, o carinho um pelo outro. Foram dias difíceis – não é fácil esconder a pessoa que amamos por causa de outras pessoas.

Mas foi assim que decidimos e não me arrependo! Você é o amor da minha vida! Que cheguem mais anos, porque nós vamos estar aqui juntos a celebrar o amor! Felicitações para nós, meu bem!

Sinto que hoje amo você mais que ontem e tenho certeza que amanhã meu amor vai ser ainda maior que o de hoje. E será sempre assim, dia após dia!

É que desde a hora que iniciamos nossa história e começamos a namorar, minha vida se transformou em um jardim de amor e paixão repleto de cores novas a cada instante! Prometo que seremos sempre imensamente felizes! Feliz Dia dos Namorados, meu amor!

Falei-te dos meus sonhos, da minha fantasia, dos pesadelos, dos sonhos e da minha dor. Sorriste e me embalaste com este seu calor repleto sempre de muito carinho e alegria.

Rimos juntos das verdades e das mentiras que contamos em noites, idas e horas vividas neste virtual meio de comunicação. Mas hoje, com fervor te ofereço meu coração. Queres de amigo verdadeiro, ser meu novo amor?

Ofereço-te de mim, apenas a lealdade, não te prometo paixão, pois carrego ainda esta dor, e de ti só peço, compreensão e sinceridade próprias do teu grande coração.

Não te ofertarei agora, muitos versos ou poemas, pois como te disse e repito agora, mágoas ainda arrefecem minha emoção de teimosa poeta, que busca sempre a ilusão de ser amada com muita, muita paixão.

Amigo, amigo, verdade.. Amigo é quase paixão. De amigo pra namorado, basta um empurrão. Queres ser meu namorado? Dê-me um sim ou dê-me um não. Se não receber um sim agora, partirei, para sempre irei embora, pois na amizade basta um passo em falso para na sadia convivência colocar fim.

Beijo-te agora, num beijo terno e te digo até mais, até mais ver se voltares, que voltes para um bem querer com muito amor e ternura para dar e receber. Se não for assim, siga teu caminho, eu não quero ser um espinho a destruir tua alegria, ou o teu bom viver.

Eu amo você! Não vou mentir – não vou dizer que já não sinto paixão, que já não sinto vontade de adormecer em seus braços. Isso seria mentira, falsidade! Ainda não consigo encarar que você é meu ex-namorado, que nosso namoro terminou.

Minha cabeça não permite que eu aceite isso. Meu coração não quer! Eu dava tudo e fazia tudo para retomar nossa relação, para uma nova chance. É que eu te amo e vou continuar amando, porque nossa história acaba nunca! Beijo com amor!

“O pecado da luxúria é ser dominado pelo desejo desmedido de sensualidade e exuberância dos sentidos. É o melhor lugar nesse estudo para entendermos o que Santo Agostinho nos diz: “O pecado é o excesso do bom.”
De difícil compreensão, a luxúria, que é a orgia dos sentidos, é facilmente confundida com a primária gula sexual. A civilização romana e, infelizmente a civilização atual, têm inúmeros exemplos da voraz gula sexual e de seus rodízios carnais.
O pecado da luxúria está relacionado com o 5° Chakra (chakra da garganta, localiza-se no plexo laríngeo ou cervical). Corresponde à glândula tireóide responsável pela expressão, emitindo os impulsos de comunicação, expressão pessoal nos níveis lógicos, sensoriais e de criação artística, o centro da expressão criativa. 0 5° Chakra seleciona e purifica os impulsos originados na região lateral do quadril - centro da criação; ativa e filtra os movimentos de crescimento físico e emocional, conecta os centros básicos aos centros mais sutis e ativa as sensações de vibrações e abundância.
A sofisticada luxúria deseja a qualidade, a expressão criativa, a liberdade e a sexualidade obtidas por meio do esplendor dos sentidos. É necessário evocar na memória a civilização Grega e sua decadência para captar o sentido da luxúria e sua embriaguez do corpo, da alma e das sensações.
Como ensina a cozinha francesa, clássico exemplo de luxúria do paladar, é preciso se entregar às nuanças criativas, às sutilezas da qualidades para atingir as altas voltagens do prazer com todos os seus sentidos, instalando-se então o deleite e o prazer oferecido pela volúpia.
O desejo intemperante de volúpia torna a liberdade libertinagem e a sensualidade impõe o desfrutar ilimitado. Sem a virtude da temperança, que pertence à arte do sentir, a sensualidade é prisioneira fácil da paixão, torna-se escrava de seus vícios. O pecado da luxúria, então corre o risco de com suas exigências desmedidas se ver rebaixado à condição de gula empanturrada ou de buscar os efeitos dos narcóticos e drogas que só a sua irmã indolência conhece. "

O mês de dezembro é o mais importante, mais belo e deslumbrante. É nesta etapa do ano que as festas têm um sabor mais delicioso e os relacionamentos são mais genuínos. Dezembro é o mês do amor!

É este calor típico do dezembro que me traz mais inspiração e força para superar desafios. Vamos viver esta data com paixão, alegria e muito emoção positiva. Seja bem-vindo, dezembro!

E por falar em saudade onde anda você
Onde andam seus olhos que a gente não vê
Onde anda esse corpo
Que me deixou louco de tanto prazer
E por falar em beleza onde anda a canção
Que se ouvia na noite dos bares de então
Onde a gente ficava,onde a gente se amava
Em total solidão
Hoje eu saio da noite vazia
Numa boemia sem razão de ser
Na rotina dos bares,que apesar dos pesares
Me trazem você
E por falar em paixão, em razão de viver
Você bem que podia me aparecer
Nesses mesmos lugares, na noite, nos bares
Onde anda você.