Mensagens de Ex-amor


As noites se tornaram demasiado longas, os dias demasiado sem graça, desde que você deixou de perfumar a minha vida com a sua mágica essência, desde que nosso relacionamento chegou na sua reta final.

Mas se nosso namoro acabou, o amor que eu sinto por você perdura, forte e em crescimento. E como são dolorosas as saudades que eu sinto de você, daquela que foi a mais perfeita das namoradas.

Como desejo poder recriar todos os momentos que vivemos juntos, como anseio poder construir novas e maravilhosas memórias que venham substituir ou acrescentar as que agora tanta dor e saudade me provocam. Eu ainda te amo, tanto ou mais do que antes!

Você chegou e mudou o meu mundo. Com você fui feliz como nunca antes, e enquanto durou fomos perfeitos juntos, o melhor casal de namorados que o mundo já conheceu.

Mas bastou um instante para tudo acabar, para esquecermos o que vivemos juntos, e quanto nos amávamos. Infantilidade? Imaturidade? Talvez...

Eu só sei que foi precipitado, que hoje dói muito a saudade e não sei o que fazer com este amor que sinto por você. Mas algo me diz que você sente o mesmo, e que talvez queira voltar a ser meu namorado?!

Triste é a hora em que um grande amor se transforma em esquecimento. Pois um amor vive apenas dentro do coração dos apaixonados, e quando eles param de bater por esse sentimento tudo se perde no tempo.

Triste é esta hora em que eu sei que este amor que vivemos irá virar pouco mais que nada. Quem irá se lembrar do que sentimos? Quem irá alimentar a memória quando ela faz apenas sofrer.

Não, o destino deste amor será também o esquecimento!

Nossas mãos se largaram, nossos rumos se afastaram e a história que nos uniu conheceu um ponto final. Mas eu não quero virar a página enquanto a saudade estiver presente no meu coração. Ainda acredito que as coisas entre nós podem resultar.

Estar longe de você me ensinou o valor que você tem e me ajudou a conhecer a falta que faz na minha vida. Eu prometo mudar em mim tudo o que fez você sofrer. Se ainda existir amor da sua parte, será que podemos tentar de novo a felicidade?

O amor não é aquela história perfeita que os livros e os filmes querem fazer parecer. Para o conseguirmos alcançar verdadeiramente é necessário esforço. E, pior que tudo, muitas vezes entregamos nossa alma e nosso coração por alguém que pensamos ser a pessoa ideal e acabamos decepcionados e magoados.

Assim como quem não tem carta de condução não pode conduzir, quem não tem capacidade de amar não deveria poder conquistar outra pessoa. Dessa forma, pouparíamos lágrimas e evitaríamos grandes tristezas.

Quando confiamos em alguém, a essa pessoa entregamos nosso coração e esperamos que ela saiba cuidar dele com carinho, que não o deixe cair, que não permita que ele se quebre. Eu entreguei meu coração a você, confiei que dele cuidaria, mas me enganei. Você deixou-o cair e ele se quebrou em mil pedaços.

Sua traição é agora como uma faca que para sempre carregarei enterrada no peito, e o amor que senti por você um dia foi transformado em cinza pelo sofrimento que você me causou.

Eu amo você! Não vou mentir – não vou dizer que já não sinto paixão, que já não sinto vontade de adormecer em seus braços. Isso seria mentira, falsidade! Ainda não consigo encarar que você é meu ex-namorado, que nosso namoro terminou.

Minha cabeça não permite que eu aceite isso. Meu coração não quer! Eu dava tudo e fazia tudo para retomar nossa relação, para uma nova chance. É que eu te amo e vou continuar amando, porque nossa história acaba nunca! Beijo com amor!

Eu perdoo você.
Apesar de estar me sentindo ainda bastante machucada com sua mentira, eu perdoo você. O amor foi privilegiado. Na balança, o prato tombou mais para o lado do nosso casamento. Espero que você consiga apagar seu erro em breve. De outra forma será difícil dar continuidade ao crescimento da insegurança e desconfiança que sinto neste momento.

Sempre desejei ter um casamento longo e feliz. É somente por isso, e por amar você de verdade, que nosso casamento está ainda de pé. Confesso que fiquei tremendamente desiludida porque tinha você na maior consideração. Sempre vi você como o marido perfeito. O marido que sempre cuidou de nossa família com empenho e muito carinho. São coisas dessas que motivam a gente a continuar em frente, sabe? O problema é quando a gente cai na real e se apercebe que tudo não passava de uma farsa. É muito complicado. Muito triste!

De qualquer forma, tenho esperança que tudo volte a ser como era. Que a gente possa deitar sossegado na almofada, orgulhoso do dia que passou.
Prova que não estou cometendo um erro.
Beijo

Essa traição que você cometeu, fez questionar tudo o que havia entre nós. Será que fui eu quem não deu meu melhor? Por que não chegou o amor que eu sentia? Minha confiança era cega e eu esperava lealdade em retorno. Minha paixão era imensa e eu só desejava vivê-la. Mas este cenário extinguiu todo o sentimento e nada sobra agora senão pedaços, restos de uma vida ainda por viver.

Hoje você tenta juntar retalhos e afirma que é possível a reconciliação. Não duvido do seu arrependimento e que suas lágrimas talvez sejam sinceras. Mas como vou olhar para você e não lembrar a dor que tanto me causou? Como vou deixar você me abraçar, sem recear que esse carinho acabe? Não basta apenas recomeçar. Vão ser necessárias forças para manter este amor de pé e fazê-lo sobreviver a um mar de dúvidas. Me dê um tempo. Dor de traição, custa a cicatrizar.

Dizer adeus a um grande amor é renunciar a uma parte maravilhosa da nossa vida. É uma decisão difícil que nos deixa marcas no coração, e quando a tomamos é porque não temos mesmo alternativa.

Ficam guardadas promessas e recordações que nunca mais se repetirão. É preciso determinação para abrir mão de algo que foi tão importante.

Mas o caminho é em frente, as oportunidades não se esgotam e a felicidade não se perderá por completo com o término de um relacionamento.

Dói. É uma dor física, é uma dor na alma. É uma dor que dura, é uma dor feita para durar. Dói enterrar um amor, dói como poucas coisas são capazes de doer na vida.

Um amor que morre é um amor que morre é um potencial de vida que deixa de existir. São projetos, são expectativas, são sonhos que nunca vão se realizar.

O amor tem essa estranha capacidade de nos fazer acreditar, que nos querer fazer lutar. Mas quando está destinado a acabar, a morrer, o melhor é aceitar.

No amor como na vida, não há como lutar contra a morte. Quando ela anuncia a sua chegada, é preciso respeitar. Não há mais nada a fazer, a não ser preparar o coração e alma para um período de luto e sofrimento, para os dias escuros, para a tristeza.

Mas não podemos nos entregar a dor. Um amor que morre é uma vida que renasce. Sonhos vão, mas outros vem. É preciso saber aceitar, é preciso sabedoria e força para seguir em frente, ainda que o corpo pareça pesado, e o coração pareça não mais querer bater.

Dói enterrar um amor.

Não existe nada no mundo capaz de impedir o tempo de avançar. Nada existe que o possa fazer recuar. Pois se houvesse eu voltaria ao tempo em que era feliz no conforto do lar, ao lado da família que tanta falta me faz.

As circunstâncias da vida me levaram para longe, mas meu coração continua junto da família que eu tanto amo. E na saudade profunda se mistura a esperança de para perto deles um dia regressar!

É cansativo cantar canções de amor para quem não quer ouvir.

Nós nos perdemos de nós sem aviso. Desaparecemos sem nos despedir, matamos o nosso amor sem dar-lhe direito a um último pedido, e ainda abafamos o último suspiro.

Podíamos ter feito tantas coisas boas. Podíamos ter vivido os sonhos sonhados.
Podíamos ter escolhido um caminho mais fácil e carregado bagagens mais leves.

Mas não, preferimos complicar as banalidades do cotidiano e fazer tudo que era simples se tornar difícil. Preferimos o silêncio solitário, preferimos nos fechar com nossas razões do que dialogar.

Agora estamos separados, cada um para o seu lado, com um amor que morreu sem motivo e que agora está entre nós, não como uma ponte que nos liga, mas como um muro que nos separa.

De tudo que vivemos, o que sobrou foi um amor é perdido, desperdiçado, despedaçado. E agora é tarde, agora é longe, agora é triste.

Por vezes me tenho questiono porque motivo amo tanto você. A dor que seu jeito inflige me tem mantido presa a você. Sinto até que estou cativa da tristeza. Só que na balança, o amor que sinto por você pesa mais que minha angústia por ter um marido tão rebelde, e muitas vezes tão ruim. Esta será a última chance para você, meu bem. Será a última chance para nosso casamento.

Você é um sedutor inveterado. Talvez por isso me sinta sempre conquistada por seu feitiço. A questão é que você anda usando isso fora da porta de nossa casa. Você é tão mulherengo. Quero muito acreditar que a mudança será a palavra de ordem em sua vida daqui para a frente. Preciso que você me prove que não estou fazendo figura de parva, sabe? Dói muito amar alguém, partilhar a cama e as refeições com uma pessoa que está enganado a gente. Dói demais porque quando a gente acredita numa relação, num casamento, a insegurança e a dúvida são inimigas da prosperidade.

Ninguém ama tanto você como eu amo.
Não deite tudo a perder, por favor.

Como lâmina cortante, ácida, penetrando em minha alma esquartejada, sua traição foi tão dolorosa quanto surpreendente. Na cabeceira de minha cama, o nosso retrato é agora resto de um passado que vive em cada ferida que tenho por curar. Não há remédios, palavras ou desculpas que apaziguem este sufoco e hoje é junção de amor e ódio, ainda o que sinto.

Como é que você esqueceu e jogou fora toda a paixão que nos unia? Pensava eu que pudesse morrer de amor, enquanto em segredo era esse amor que você matava. Nossas promessas e planos não passavam afinal de miragens, um caminho sem retorno, uma história de inveracidade.

Não tenho escolha senão seguir meu caminho. Não me chame mais, não pronuncie sequer meu nome. Vou partir sem olhar para trás, feliz em saber que dei o melhor de mim. Seus atos irrefletidos só magoaram a mim, mas no fundo, foi a nós dois quem você traiu.

Já sorri e dei até risada; já me senti especial do nada ou do tudo que um dia o amor me ofereceu. Já amei sem preconceito e senti o amor junto ao meu peito. Mas hoje meu coração celebra tristeza com toda emoção.

Sinto que a infelicidade é o meu caminho e todos os atalhos me levarão a algo parecido com tristeza. Preciso de uma luz que me lembre que o amor não é a coisa mais importante do mundo, mas sim a razão de todas as coisas.

O amor é felicidade. Sempre acreditei que o amor é e traz felicidade. Mas agora descobri que isso não passa de uma grande mentira. Amar é bom mas pode não durar eternamente. E isso dói; e isso é triste.

Não vou desistir de me sentir alegre e em paz com o mundo e as pessoas. Mas confesso que não acredito no amor como um dia acreditei. E assim serei feliz do meu jeito.

E a felicidade se transforma em tristeza quando o amor passa a desilusão, ódio ou amargura.

Gostaria que tudo fosse diferente, mas não consigo! Eu continuo amar você! Juntos formamos um casal muito lindo com muitas histórias para contar. E agora estamos separados; longe um do outro e isso me enche de tristeza.

Mas confesso sentir alguma esperança. Sim, porque um amor como nosso não pode terminar assim. Eu ainda estou esperando você para juntos continuarmos a escrever nossa história! Por favor, meu bem, não desista de nós! Te amo.

O amor é uma fronteira, uma linha fina onde é fácil cair na lágrima; mas onde é fácil também escorregar para dentro de sorrisos infinitos. Eu caí na tristeza desde a hora que nossa relação terminou, meu amor!

Mas acredito que ainda posso sorrir muito com você do meu lado! É que não consigo entender o final do nosso namoro, sabe? Sinto que existe amor de verdade; parece que nossa história está ainda no princípio, no início.

Por favor, preciso de uma nova chance para regressar a fronteira onde você me vai empurrar para dentro da felicidade sem fim. É que eu sem você sou um ser incompleto, isolado. E eu sei que meu coração é seu, e que o seu é todo meu! Adoro você, meu bem!

Passo a noite em claro revivendo a nossa história, à procura dos nossos erros e dos motivos pelos quais nós não estamos mais juntos.

Penso se foi algo que eu disse que afastou você de mim, se me comportei de alguma maneira ruim ou, sem perceber, se fiz você infeliz. São muitas hipóteses, mas o desfecho é sempre o mesmo, o fim do amor entre nós.

Ainda me sinto triste, afinal, além dos sentimentos, nós fizemos muitos planos, mas não me deixo derrotar pelo fim, pois assim como o amor veio e agora se foi, sei que um dia ele irá voltar.

Não sei quando teve início ou se houve um evento que causou o nosso fim, mas isso é irrelevante, achar um motivo ou uma data não muda o que vivemos e sentimos hoje.

Demorei para ouvir o que meu coração já me dizia há algum tempo, de que o amor não morreu, mas se transformou em afeto, carinho e amizade, sentimentos que nunca vou deixar de ter por você.

É muito triste chegar nesta conclusão, afinal, você fez parte da minha vida e ao seu lado cresci muito mais que poderia imaginar, mas agora somos pessoas diferentes e não podemos mais nos enganar.

A nossa história nunca será apagada e quero que saiba que sempre vou ter um lugar reservado para você no meu coração. Espero que você encontre a felicidade, o amor e a vida que merece.

Eu nunca vou esquecer você! Não é possível que um amor termine do jeito que você diz que terminou. Eu nunca vou ser sua ex-namorada. Nunca!

Eu acho que você está confuso, com mil e uma ideias erradas no pensamento e com os sentimentos trocados no coração. Nós fomos tão felizes juntos, meu bem! Por favor, me faça feliz novamente. Eu quero seu amor; eu quero dar meu amor para você!

Para o amor resultar é necessário o esforço de duas pessoas. Quando um se desmazela, deixa de valorizar o outro, se esquece que um relacionamento requer uma conquista diária, a paixão simplesmente desaparece e a cumplicidade vai desvanecendo até que tudo vira uma mera rotina.

É inevitável o fim quando o interesse não é mútuo, tudo começa cambaleando, mas acaba sempre por quebrar. E o sofrimento surge por entre feridas e mágoas que ficam por curar. É triste quando o amor dá lugar a uma profunda e dolorosa decepção.

O amor nem sempre é belo como nos filmes ou novelas. Às vezes ele pode nos machucar, ele nos deixa no chão, sem esperança. Eu estou sofrendo muito por amor, parece que nada poderá melhorar na minha vida!

Este é o lado triste do amor, aquele que ninguém fala, que é difícil revelar. Quando amamos alguém podemos conhecer a desilusão, o fracasso e quem vai sofrer é o coração; é sempre o coração.

Quero acreditar que a minha sorte não chegou ainda. Não vou ceder à vontade de desistir, de baixar os braços e esquecer o amor que a vida tem reservado para mim. Quero voltar a amar, mas agora um amor maior, verdadeiro, do bem.

Para você que está longe, minha irmã, não esqueça nunca que o verdadeiro valor das coisas consiste no que é conquistado com o coração, independentemente da distância que separa a gente, e isso vale bastante na nossa luta contra a saudade.

Não vou mentir para você dizendo que tudo está bem, porque sua falta é imensamente sentida aqui, mas Deus é grande e daqui a pouco estamos juntas, rindo do que choramos hoje.

Eu segui meu caminho de consciência tranquila, disse adeus ao nosso amor e não pretendo mudar de ideias. Você nunca me poderá acusar de ter deixado tudo para trás por iniciativa própria, pois sua negligência e indiferença é que fizeram com que nos perdêssemos um do outro a cada dia que passava.

Acredito que seja difícil querer consertar um relacionamento que já não existe, ou tentar mudar o que agora é irreversível. O melhor seria ter pensado nisso enquanto eu ainda estava ao seu lado. Só damos valor às pessoas quando as perdemos definitivamente da nossa vida, mas eu parti com a certeza que dei sempre tudo que tinha por nós.

Desejo que você seja feliz, muito feliz, pois talvez eu não seja a pessoa certa para despertar uma paixão ardente em seu coração. Espero que escolha o seu caminho, pois eu também já escolhi o meu, e desta vez ele terá um destino completamente oposto ao seu.

Minha querida mãe, gostava que soubesse como você ainda está presente em cada recanto de nossa casa. E mais importante, como você ainda vive no coração de cada membro de nossa família. Gostava que percebesse a falta que nos tem feito e que, de alguma forma, isso pudesse deixar você feliz. Seria a melhor homenagem para uma mãe que foi uma verdadeira heroína em todos os momentos de sua vida.

Sua força, que não tinha limites, parece que permaneceu entre nós e é isso que nos tem dado ânimo para continuarmos. É como se o exemplo de dedicação e esforço que você sempre demonstrou, tivesse ficado guardado em algum lugar e fosse transformado agora em palavras, que nos servem de motivação. Eu sei que você diria, se pudesse de alguma forma falar, para nunca desistirmos de nossa felicidade. E é isso o que também tentarei fazer, pelo amor que nos continuará unindo eternamente.

Por mais que nos custe, às vezes é necessário ficarmos longe de certas pessoas. Não importa o que elas já significaram para nós, nem os sentimentos que anteriormente nos despertaram. A nossa felicidade consiste em deixarmos para trás quem nos faz sofrer.

Não vale a pena continuar a entregar nosso coração a alguém que não sabe cuidar dele. Ame-se por escolher com critério quem quer ter ao seu lado e sua vida ganhará um novo sentido.