Mensagens de Saudade


Quando os nossos sonhos se acabam, fica um vazio imenso. Uma vontade de parar, de desistir de tudo. É um período difícil, em que os dias, as horas, e até os segundos são longos. Não conseguimos progredir. Falta vontade. Falta motivação.

Nos fechamos para tudo e para todos como se nada importasse, nada tivesse algum valor. Vamos nos destruindo pouco a pouco. Porque será que muitas coisas em que acreditamos chega ao fim?

Acreditamos na felicidade eterna e, muitas vezes, ela não passa de um pequeno tempo. Tempo suficiente para deixar uma saudade infinita. Até que um dia um novo sonho começa a dar o ar da sua graça. Vem chegando de mansinho, tentando abrir os cadeados do coração.

Estamos trancados, com um enorme medo de sofrer de novo, mas mesmo assim, o novo sonho vem chegando, trazendo na mala, tudo de novo. E como todo novo sonho, é regado de novidades que fascinam, mexendo com emoções adormecidas. Trazendo de volta, a emoção de viver, amar, recomeçar!

Nessa hora, quando tudo ressurge, podemos avaliar melhor a vida. Temos que transformar cada pequeno instante, em grandes momentos. Eliminar tudo que maltrata o nosso corpo, o nosso espírito, e dar lugar somente ao que nos engrandece como verdadeiro ser humano filho de Deus!

E se os seus sonhos estiverem nas nuvens, não se preocupe, eles estão no lugar certo. Construa os alicerces, e SUBA!!! Nunca desista de ser feliz!

Ah! Como é linda a amizade
Principal fruto da felicidade
Nasce como uma criança
Cheia de pureza e firmeza
E juntos entramos nessa dança
Consequência simples da natureza

E assim dançamos até a eternidade
Entre a alegria e a saudade
E, de repente, sem querer, a vida lança
Momentos de dor e de tristeza
E ficamos somente na esperança
Longe do encanto e da beleza

Por isso, escolha bem o seu caminho
A vida muda a cada momento
Nunca, jamais caminhes sozinho
Na dúvida mantenha-te atento
Pois em face de tanto perigo
Não quero perder-te, meu amigo!

Amigo, como lamento a sua perda! Infelizmente, perante a morte nada somos e nada podemos fazer. Resta-nos apenas aceitá-la o melhor que podemos, pois ela é condição de viver.

Muita força, meu amigo. Agora que o seu familiar partiu do plano físico, guarde com carinho todos os momentos que passou com ele e recorde-o, pois dessa forma ele viverá eternamente na sua saudade. Meus sentimentos.

Existem amigos que entram na nossa vida, sem nenhum aviso, sem frescuras e sem mentiras, curando nossa feridas, alegrando nossos dias, batizando nosso coração... Aparece na hora em que mais precisamos, ou que nem esperamos...

Entram pela porta da frente, fazendo pose de contente, com ar de quem ficará para sempre... Amigos que se encontram porque o destino é ser amigos, nada mais...

Amizade que começa em qualquer lugar em barzinhos, em parques, em cinema, em ruas, em calçadas, em frente ao teclado, em frente a igreja, dentro de ônibus, dentro de trem, dentro de metrô...

Amigo que vira irmão, amigo que vira cúmplice, amigo que tem a cara da gente. Amigo que vira amante, sim, amante, porque é fácil se apaixonar por um amigo, pois o conhecemos bem, e só podemos amar aquilo que já conhecemos.

Amigos se apaixonam um pelo outro, mas não deixam de ser amigos, ao contrário, ficam mais próximos, encontram mais afinidades, aprofundam mais nos sentimentos. Amigo que é amigo acima de tudo, defende a gente bravamente, fala com franqueza, suporta nossas falhas, perdoa nossos erros...

Existe amigo descuidado, amigo mal falado, amigo oculto, amigo sem cultura alguma, amigo doido, amigo sonhador, amigo bonito, amigo sem rosto, amigo sem dinheiro, amigo de boteco, amigo por algumas horas, amigo para qualquer parada...

Existe amigo como você, que traz paz, que faz sentir saudade, que conhece a alma, que aconchega o coração. Amigo, sempre amigo, somos amigos para sempre...

(Vilma Galvão)

De todos os amores
Por mim vividos até hoje,
O seu foi o mais intenso.
De toda a saudade,
A sua foi a mais forte.
De todos os beijos,
O seu foi o mais gostoso.
De todo calor,
O seu foi o mais ardente.
De todas as almas,
A sua foi a mais gêmea.
De toda ânsia de cometer loucuras,
A sua foi a que mais me atentou.
De todos os corpos,
O seu foi o que mais me instigou.
De todas as esperanças
Em amores depositadas,
O seu foi o que teve mais crédito.
De toda a vontade de ficar junto,
A vontade que me domina é a sua.
Por isso de todos os amores eternos
Por mim prometidos,
O seu será o único cumprido à risca.

Há coisas na nossa vida que nos deixam felizes. Há outras que com o tempo se revelam e só nos causam sofrimento. Há outras ainda que aos poucos nos decepcionam, até ao ponto que o entusiasmo morre e aí já não sentimos mais emoção. Os relacionamentos são assim, às vezes.

No início nos transmitem tanta coisa boa, tudo é perfeito, o tratamento, o jeito de falar, de andar, de sorrir... o coração bate mais forte, as pernas tremem. Com o tempo, com a visão do dia a dia, com a intimidade, as pessoas já não parecem mais tão perfeitas para nós.

As amizades acabam, os namoros, os noivados, os casamentos acabam, os encantos são quebrados, a mágica é descoberta e não conseguimos mais enxergar as coisas boas que a outra pessoa tem.

Analisamos tudo por um prisma implacável que nos diz a pura verdade: aquele sentimento profundo, a percepção e a intuição de que aquela pessoa não tem mais lugar nas nossas vidas.

A vida é assim, encantamentos e decepções, amores e ilusões, alegrias e tristezas, saudade e indiferença, satisfações e frustrações. A única coisa que fica é a lembrança de momentos bons, de palavras de carinho, de um olhar, de um sorriso, do toque da pele, do cheiro, do sentimento que se foi.

A única sobrevivente é a esperança de um dia encontrarmos tudo isso novamente, e que dessa vez o encantamento dure muito, muito tempo em nossas vidas.

Todos nós precisamos amar e ser amados, todos precisamos de alguém que nos dê carinho. Que goste de nós verdadeiramente, sem querer nada em troca, sem interesses escusos ou conveniências momentâneas.

Alguém que nos ame pelo que nós somos, com todos os defeitos, com todas as virtudes. Pois todos nós precisamos ser felizes!

Depois de todo esse tempo nem acredito que já podemos matar toda saudade e posso riscar do meu calendário o último dia para sua chegada! Espero que tenha registrado cada segundo da sua viagem para me contar absolutamente tudo, não vejo a hora de poder ouvir todas suas histórias e acontecimentos.

Durante sua ausência também ocorreram diversos episódios dignos das nossas longas noites de conversa a beira da cama, portanto prepare seus ouvidos, pois você também ouvirá muitas histórias. Tantos meses se passaram, a saudade é tanta que fica difícil descrever a felicidade dentro de mim só pelo fato de pensar que vamos nos encontrar!

Se depender de mim já sabe que será muito bem recebido novamente a sua terra adorada, e espero que demore pelo menos um pouquinho para ficar tão longe outra vez, não é nada fácil passar tanto tempo sem a sua presença.

Seja muito bem-vindo meu amigo!

Sei que serei esquecida
Assim é a lei do mundo
Um sonho lindo e seguro,
Que dura apenas dias,
Minutos ou segundos.
Amor, ciúmes e paixão
Doídos sonhos se vão
E fica apenas a saudade,
Saudade do seu coração!

E chega enfim o grande dia, aquele em que pretendo relembrar os melhores momentos preservados durante todo esse tempo que estive na empresa, pois hoje é meu último dia aqui e quero guardar em minha memória sempre os melhores sentimentos.

Desde o dia da minha entrevista fui muito bem recebida e me senti realmente como se já fizesse parte desta família. Logo no primeiro dia de trabalho tive a certeza que fariam parte da minha vida para sempre. Aqui pude encontrar amigos verdadeiros, e sei que independente de qualquer coisa nunca mais nos largaremos.

Vocês me ensinaram tantas coisas que hoje posso afirmar que saio com muito mais competências e conhecimentos. Sigo o meu caminho sempre em frente e chegou a hora de ultrapassar mais um etapa, que infelizmente não me permitiu continuar nesse trabalho.

Quero agradecer pela paciência que sempre tiveram comigo, por toda informação que me foi dada e principalmente por serem os maiores responsáveis pelo meu crescimento profissional.

Nunca vou esquecer minhas raízes e certamente vocês formam uma base extremamente importante da minha vida. Vou sentir bastante saudade e com certeza vou manter sempre contato! Agradeço a todos por tudo!

Não mais estamos juntos, não mais desfruto do seu amor, da sua companhia, mas amo você como antigamente.

Sinto saudades de tudo que juntos vivemos e que se tornou intenso, deu frutos, mas hoje apenas eu cultivo um grande e solitário amor, mas com prazer de ter vivido uma grande história de amor com você.

Amar é bom quando somos amados, quando sabemos que a troca existe, e infelizmente isso não acontece mais comigo.

Mas me agarro às lembranças do que fomos um dia, e independentemente de ser ou não amada continuo amando e desejando você, e não tenho porque cobrar uma reação sua.

Eu te amo e continuarei amando até quem sabe quando. E sinto grande saudade de um amor que ainda não acabou. Ainda Te Amo!

O tempo chegou trazendo marcas de lembranças. Revivi a vida, reencontrando em mim momentos de você. Sufoquei minha voz na dor de lembrar lembranças absorto. Senti o vento me aproximar da saudade. Meus passos voltaram para
desfilar por lugares vividos, e acariciar sorrisos delirantes que um dia
ornamentaram cenas de amor.

Desfilaram em minha mente e o sopro de saudade procurou meu corpo para se aconchegar. Me aproximei mais para ouvir o grito de saudade trazendo para mim momentos para reviver. Despertei dentro de mim cenas adormecidas. Da primavera, do quarto, com corpos em desalinho ocupando espaços com amor. Vozes felizes e sorrisos ocupando bocas acariciantes.

O vento me empurrou para a última saudade. Traguei meus últimos sussurros me agarrando ao silêncio, e meus pensamentos se perderam na última moldura de você.

Eu pensei que a falta que sinto de você iria passar com o tempo, mas eu estava enganado, eu continuo precisando de você.

Você não está mais aqui, mas a sua imagem continua em minha mente. Eu te vejo por todos os lados, mas não tenho você comigo.

Eu sinto sua falta, eu quero você aqui, mas você foi embora e não quer voltar para mim. Sinto uma saudade louca de você e tenho certeza que você sente o mesmo!

As palavras que tenho a dizer nunca parecem ser suficientes, mas eu engulo o meu orgulho e digo, porque preciso de você. E você, será que não pode engolir o seu orgulho?

Eu te amo e não suporto ficar sem os teus braços, sem o calor do teu corpo, sem o sabor do teu beijo. Acordado ou sonhando, eu te vejo e não posso te tocar.

Sinto a sua falta todos dias, você já faz parte de mim, eu não posso ficar sem você. Volta para o meu lado, volta para os meus braços, você faz parte de mim!

Lembro do tempo em que via você quase todos os dias, correndo e sorrindo com a pureza e a inocência da infância estampadas no seu rosto feliz. Lembro a toda a hora, pois agora quase nunca vejo você, meu neto, e não há como acalmar esta saudade.

Sei que são as circunstâncias da vida, e eu não poderia sentir maior orgulho no homem em que você se tornou. Mas este meu velho e cansado coração gostaria de vê-lo mais vezes.

Na verdade, o que realmente importa, é que você seja feliz. Eu amo muito você, de longe ou de perto, para sempre!

1 - Viva as emoções

Antes de botar um fim definitivo no namoro, tenham uma boa e velha DR. Conversem sobre tudo que se passou entre o casal, sem acusações, mas com argumentos que incentivarão a evolução de cada um. Bote para fora tudo o que sente e deixe bem claro o motivo do fim. Caso tenha tomado um fora, explique como se sente e não tenha vergonha de se expressar. É melhor chorar tudo de uma vez do que chorar aos poucos.

2 - Fique sem ver o ex por um tempo

Entenda de uma vez por todas que a regra número 2 para quem quer dar um fim em uma história de amor, sem dores de cabeça, é ficar um tempo sem ver o ex. Assim será possível desintoxicar dos anos vividos e guardá-los como boas lembranças. Ver o ex com frequência, além de criar esperanças para ambos os lados, desenvolve um vínculo não agradável e situações – como o ciúmes – que serão corriqueiras e futuramente incontroláveis.

3 - Se puder, dê um tempo nas redes socais

Uma pesquisa feita pela Western University (Canadá) revelou que 88% dos usuários do Facebook acessam o perfil de seus respectivos ex-namorados e 52% assumiram que ficam com ciúmes das fotos publicadas no mural dos antigos namorados. Por isso o Facebook, Twitter e até o saudoso Orkut são um prato cheio para cair em um bad romance. Para não se tornar uma stalker profissional, determine um prazo longe das redes, por exemplo, um mês e cultive o outro lado da vida.

4 - Leia um livro

Já percebeu que o pior inimigo de quem precisa ficar longe do ex é a mente? Por isso, ocupe-a da melhor maneira possível. Não troque a vontade de vê-lo por um hábito novo, mas sim, ocupe a mente com outros interesses seus. A leitura é uma ótima medida, afinal, dá para desencanar do roteiro real e viver outra história e até mesmo entender melhor o que se passa na própria vida, baseada nas histórias lidas.

5 - Ligue para uma amiga

Quando a saudade for forte e a vontade de ver o ex for maior ainda, ligue para uma amiga. Prefira aquela que acompanhou o relacionamento por mais tempo e que vai entender sem julgamentos o que se passa no momento. Desabafe mesmo, ela vai entender perfeitamente seu lado. Só não vale ligar todos os dias, afinal ela não é sua psicóloga, mas sim, sua amiga.

6 – Segure-se antes do próximo relacionamento

Com o tempo, após o fim do namoro, todo mundo sabe que bate uma carência. É aí que mora o perigo. Nada de trocar uma paixão antiga, por uma nova paixão. Às vezes, aparece aquele amigo legal que de repente nem se sente atraída, mas por estar fragilizada acaba se envolvendo demais. Depois do fim de um namoro é normal ficar frágil e assim se apaixonar facilmente também. O ruim disso é substituir as emoções e até comparar as atitudes do atual com o ex. Não é saudável, seja verdadeira consigo mesma.

7 - Trabalhe a autoestima

Ficar triste por dentro, transparece por fora. Por isso, dê um trato no visual! Se estiver insatisfeita com o peso é hora de investir em uma nova dieta, mude o look, invista naquele esporte que sempre teve vontade, compre uma roupa nova, etc. Nenhuma mulher resiste a mimos, não há humor que não melhore!

8 - Desacredite nas falsas esperanças

Ninguém quer deixar o posto de ex, para ser step de ninguém, certo? Portanto, aquela ligação de madrugada, a mensagem no celular que o ex mandou só para saber se está tudo bem, pode ser até fofo, mas deve acabar ali, sem resposta. Isso vale também para você, mocinha! Nada de ficar pedindo ajuda para ele, ou ligando quando bater a saudade. Enquanto os dois lados não estiverem prontos para se ver, qualquer olhar 43 é uma bomba relógio.

9 - Faça uma reavaliação do namoro

Depois de um tempo reflita os momentos vividos a dois e faça uma autoavaliação sua perante o namoro acabado. Veja quais foram os pontos mais frágeis e como agiria se fosse atualmente. Lembre-se que não é para cair na tristeza, ou nostalgia. A autoavaliação está longe de ser um túnel do tempo ao antigo namoro! É um exercício para evoluir seus atos e ver fora da situação o namoro como um todo.

10 – De quem é a culpa?

Tentar remoer o que já aconteceu só piora as coisas. No namoro, só o casal realmente sabe o que aconteceu durante o período juntos. Se existiu alguma coisa que magoou você, supere e continue a vida para frente. Não adianta ficar tentando saber quem errou e esclarecer mais ainda o que já acabou. A vida continua!

(Corpo a Corpo)

A despedida mais cruel é a que separa dois corações que se amam e os deixa entregues à saudade.

Minha princesa, eu amo tanto você que em cada segundo que estamos separados eu enlouqueço de saudades. Às vezes, mesmo ao seu lado eu sinto saudades suas, pois temo a todo instante ficar longe de você.

Quando estamos afastados, no silêncio da sua ausência, eu penso escutar sua voz me sussurrando palavras de amor. Mas na verdade, é apenas a saudade que eu escuto reprovando a minha existência longe da sua.

São as saudades dos seus beijos doces que me enfeitiçam; são as saudades do calor da sua pele macia, da suavidade do seu toque, da intensidade do seu abraço.

Você é o combustível que alimenta e a luz que ilumina os meus dias, e sem você por perto a luz se apaga, o silêncio reina e a saudade consome...

A amizade que tínhamos era de dar inveja a qualquer um. Éramos como irmãos, e em outras horas até mesmo como namorados. Andávamos pouco juntos, mas sempre ligados um ao outro.

Qualquer problema que você tinha, me pedia ajuda e eu a mesma coisa com você; ligava para apenas lhe dizer 'Oi'! Nunca cansávamos de nos falar, mesmo sem ter assunto.

Como você mesmo disse, o mundo dá voltas, muitas voltas. Quem diria que nos poderia acontecer isso tudo. Hoje estou aqui sofrendo, agora você, nem sei muito bem.

Você não sabe a falta que me faz, dei muito valor à sua amizade. Muitos falam que talvez você não tivesse levado tão a sério a amizade, mas lembrando de tudo entre nós dois, não acredito nos outros.

Bom, eu lhe peço desculpas se algum dia magoei você, mas o motivo de pararmos de nos falar não foi minha culpa. Isso você pode ter certeza, não acredite em tudo que os outros falam.

Se algum dia ainda quiser falar comigo, se tiver sentindo minha falta, me procure, me ligue apenas para dizer 'Oi', eu estava com saudades! Em momentos penso em fazer isso, mas tenho medo da sua reação.

Saiba que sinto muito sua falta, estou com muita saudade. Pena que nossa amizade foi destruída por pessoas que nem sabem de nossa história. Te adoro muito! Apesar de tudo, ainda considero você como meu amigo do coração.

Que mulher nunca teve:
Um sutiã meio furado,
Um tio meio tarado
Ou um amigo meio veado?
Que mulher nunca tomou
Um fora de querer sumir,
Um porre de cair
Ou um remédio para dormir?
Que mulher nunca sonhou
Com a sogra morta, estendida,
Em ser muito feliz na vida
Ou com uma lipo na barriga?
Que mulher nunca pensou
Em zunir uma panela,
Jogar os filhos pela janela
Ou que a culpa era toda dela?
Que mulher nunca penou
Para ter a perna depilada,
Para aturar uma empregada
Ou para trabalhar menstruada?
Que mulher nunca acordou
Com um desconhecido ao lado,
Com o cabelo desgrenhado
Ou com o travesseiro babado?
Que mulher nunca comeu
Uma caixa de bombons
Pela mais pura ansiedade,
Uma alface, no almoço,
Por vaidade ou um canalha
Por saudade?
Que mulher nunca apertou
O pé no sapato para caber,
A barriga para emagrecer
Ou um ursinho para não
Enlouquecer?
Que mulher nunca jurou
Que não estava ao telefone,
Que não pensa em silicone
Ou que "dele" não lembra
Nem o nome?

Não tenha vergonha caso
Você se identifique com tudo,
Ou quase tudo! Só mesmo
As mulheres para entenderem
O significado deste poema!

Mesmo morrendo de saudade, esperaria por você até ao meu último suspiro. Te amo!

Será que é amor
esse sentimento que
acelera meu coração?
O que é amor?
Ficar acordada
pensando na pessoa amada,
pensando como será o amanhã.
Imaginando se aquele alguém
está com fome, sede ou frio.
Imaginando como seria
se a distância não existisse.
Querer a todo momento
sentir o sabor do beijo,
o beijo apaixonado
que é aprovado pelo amor.
Não parar de escrever
poesias apaixonadas
que falam de sonhos a dois.
Sentir a saudade apertar
e chorar, chorar de saudade.
Desejo de estar ao lado
daquela pessoa especial.
Se tudo isso tem alguma
coisa com o amor,
acho que posso declarar:
eu Amo Você!

Com a noite veio a solidão, porque é nas horas mais mortas que a nossa alma se põe de joelhos e começa a refletir sobre as coisas que ama.

E a noite parecia um manto alto trazido pela tristeza e a névoa, enroscando-se na imensidão de vales desolados, amortecendo a própria voz dos ramos batidos pelo vento.

E a solidão veio falar de saudade. Era uma estranha névoa coroada por uma luz que ia entrando lentamente no meu coração.

Era um estranho sentimento que ia acariciando de leve a minha alma, tocando os recantos mais íntimos do meu ser.

Compreendi então, meu amor, a tristeza de estar sozinha, pois junto comigo trazia as infinitas mágoas de sonhar com a ausência de ser amada.

Ainda que distante, tenha certeza
não a esqueceremos.
Você é muito especial.
A sua dedicação, o seu trabalho,
o seu carinho, jamais serão
esquecidos, ficarão plantados
em nossos corações.

E um dia com certeza iremos
nos encontrar por esses caminhos.
Lembraremos dos momentos
vividos, do trabalho dividido.
Ilumine Deus esse novo caminho.
Boa sorte e muito sucesso!

A saudade vai ficar, mas a certeza
da sua felicidade é o nosso maior
prazer. Eu não sabia que essa
despedida de trabalho, iria ser tão
dolorosa assim. Te amo!

Não é um adeus definitivo...
preciso de tempo
vou sair pelo mundo!
vou viajar, estudar.
vou curar as feridas da alma...
e também do coração...
Vou analisar o mundo, os astros..
Mas levo todos vocês em meu coração
Vou deixar a porta aberta para quem quiser
visitar-me e deixar o seu recado...
Onde quer que eu esteja
sempre que der eu passarei para lhe visitar
Sou errante...viajante do tempo
Eu sou como o vento
Apenas eu passo
Se sentires um leve aroma de jasmim...
Serei eu que estarei chegando
Pra matar minha saudade...
Dos amigos que aqui deixei!
Vou passar na Argentina
Vou dançar um tango de Gardel
Vou levar meu violão
Vou rimar meus versos
Vou ouvir meu coração
Vou apreciar a natureza
Vou observar o colorido das flores
Vou melhorar meu visual
Vou aos anjos agradecer...
Não é um adeus...Apenas uma partida
Na vida precisamos inovar novos caminhos...
E eu ainda sou um mero aprendiz....

Estou me despedindo do trabalho amigo, mas é porque
preciso de um tempo. Mas vou sentir saudades de todos.

Ser mãe de um menino foi a coisa mais impressionante que a vida me proporcionou. Estou muito feliz e eternamente agradecida por essa dádiva que ostento com tanto orgulho.

Eu adoro meu filho e adoro ser sua mãe! Recordo com saudade os pontapés na barriga, a primeira vez que peguei no colo e até os primeiros passos do meu bebê. Minha vida é bem mais feliz desde o momento que meu filho chegou até mim.

Eu penso em ti, contemplando a aurora,
No fim de tarde, a toda hora eu penso em ti,
Caminhando à margem do rio, sinto um profundo vazio,
E sozinho em meu caminho, eu penso em ti.

Em penso em ti, com a cabeça ao travesseiro,
No trabalho, o tempo inteiro, eu penso em ti,
Quando ouço uma canção, você invade meu coração,
E entre lembranças e esperanças, eu penso em ti.

Eu penso em ti, numa roda de amigos,
Recordando fatos antigos, eu penso em ti,
Foragido noutros braços, beijando outras bocas,
Dançando com alguém, por mal ou por bem,
Eu penso em ti.

Quisera aprender a te esquecer, ou pelo menos pensar
Que você não existe, mas a saudade insiste...
E novamente eu penso em ti.

Eu penso em ti, quando não quero pensar,
Confesso que muitas vezes dá raiva de lembrar,
Mas... Eu penso em ti,
O que é que eu vou fazer?
Eu penso em ti,
Eu penso em ti
Porque não dá pra te esquecer.

Era uma vez uma menina que tinha um pássaro como seu melhor amigo. Ele era um pássaro diferente de todos os demais: Era encantado. Os pássaros comuns, se a porta da gaiola estiver aberta, vão embora para nunca mais voltar. Mas o pássaro da menina voava livre e vinha quando sentia saudades...

Suas penas também eram diferentes. Mudavam de cor. Eram sempre pintadas pelas cores dos lugares estranhos e longínquos por onde voava.
Certa vez, voltou totalmente branco, cauda enorme de plumas fofas como o algodão.

"- Menina, eu venho de montanhas frias e cobertas de neve, tudo maravilhosamente branco e puro, brilhando sob a luz da lua, nada se ouvindo a não ser o barulho do vento que faz estalar o gelo que cobre os galhos das árvores. Trouxe, nas minhas penas, um pouco de encanto que eu vi, como presente para você...".

E assim ele começava a cantar as canções e as estórias daquele mundo que a menina nunca vira. Até que ela adormecia, e sonhava que voava nas asas do pássaro. Outra vez voltou vermelho como fogo, penacho dourado na cabeça.

"... Venho de uma terra queimada pela seca, terra quente e sem água, onde os grandes, os pequenos e os bichos sofrem a tristeza do sol que não se apaga. Minhas penas ficaram como aquele sol e eu trago canções tristes daqueles que gostariam de ouvir o barulho das cachoeiras e ver a beleza dos campos verdes."

E de novo começavam as estórias. A menina amava aquele pássaro e podia ouvi-lo sem parar, dia após dia. E o pássaro amava a menina, e por isso voltava sempre.

Mas chegava sempre uma hora de tristeza.

"- Tenho que ir", ele dizia.

"- Por favor não vá, fico tão triste, terei saudades e vou chorar....".

"- Eu também terei saudades", dizia o pássaro.
- Eu também vou chorar. Mas eu vou lhe contar um segredo: As plantas precisam da água, nós precisamos do ar, os peixes precisam dos rios... E o meu encanto precisa da saudade. É aquela tristeza, na espera da volta, que faz com que minhas penas fiquem bonitas. Se eu não for, não haverá saudades. Eu deixarei de ser um pássaro encantado e você deixará de me amar."

Assim ele partiu. A menina sozinha, chorava de tristeza à noite. Imaginando se o pássaro voltaria. E foi numa destas noites que ela teve uma idéia malvada.
"- Se eu o prender numa gaiola, ele nunca mais partirá; será meu para sempre. Nunca mais terei saudades, e ficarei feliz".

Com estes pensamentos comprou uma linda gaiola, própria para um pássaro que se ama muito. E ficou à espera.

Finalmente ele chegou, maravilhoso, com suas novas cores, com estórias diferentes para contar. Cansado da viagem, adormeceu.

Foi então que a menina, cuidadosamente, para que ele não acordasse, o prendeu na gaiola para que ele nunca mais a abandonasse. E adormeceu feliz.

Foi acordar de madrugada, com um gemido triste do pássaro.

"- Ah! Menina... Que é que você fez? Quebrou-se o encanto. Minhas penas ficarão feias e eu me esquecerei das estórias... Sem a saudade, o amor irá embora..."

A menina não acreditou. Pensou que ele acabaria por se acostumar. Mas isto não aconteceu. O tempo ia passando, e o pássaro ia ficando diferente.

Caíram suas plumas, os vermelhos, os verdes e os azuis das penas transformaram-se num cinzento triste. E veio o silêncio; deixou de cantar. Também a menina se entristeceu. Não, aquele não era o pássaro que ela amava.

E de noite ela chorava pensando naquilo que havia feito ao seu amigo...
Até que não mais agüentou. Abriu a porta da gaiola.

"- Pode ir, pássaro, volte quando quiser...".

"- Obrigado, menina. É, eu tenho que partir. É preciso partir para que a saudade chegue e eu tenha vontade de voltar. Longe, na saudade, muitas coisas boas começam a crescer dentro da gente. Sempre que você ficar com saudades, eu ficarei mais bonito. Sempre que eu ficar com saudades, você ficará mais bonita. E você se enfeitará para me esperar...".

E partiu. Voou que voou para lugares distantes. A menina contava os dias, e cada dia que passava a saudade crescia.

"- Que bom, pensava ela, meu pássaro está ficando encantado de novo...".

E ela ia ao guarda-roupa, escolher os vestidos; e penteava seus cabelos, colocava flores nos vasos...

"- Nunca se sabe. Pode ser que ele volte hoje..."

Sem que ela percebesse, o mundo inteiro foi ficando encantado como o pássaro. Porque em algum lugar ele deveria estar voando. De algum lugar ele haveria de voltar.

Ah! Mundo maravilhoso, que guarda em algum lugar secreto o pássaro encantado que se ama...

E foi assim que ela, cada noite ia para a cama, triste de saudade, mas feliz com o pensamento:
"- Quem sabe ele voltará amanhã..."

E assim dormia e sonhava com a alegria do reencontro.

Tudo na vida um dia chega ao fim. Por mais que nos custe aceitar, é preciso se acostumar a dizer adeus. Dizer adeus a um amor é como enterrar um ente querido, pois um amor que acabou é como alguém que morreu.

Quando vivemos um amor fazemos planos, sonhamos, fazemos projeções. Temos um passado, vivemos um presente e pensamos em um futuro com esse amor. Quando o amor acaba, o presente se torna passado, o passado se torna uma memória que dói, uma saudade que magoa, e o futuro se torna naquilo que jamais vai existir.

Poucas coisas na vida doem tanto como ver um amor acabar. Mas é preciso saber dizer adeus. É preciso nos reconciliarmos com o fim, e entendermos que tudo na vida tem uma razão de ser, por mais que não consigamos entender. E é preciso ser otimista: quando algo acaba, é porque outras coisas estão começando.

Nem acredito que depois de tanto tempo longe falta muito pouco para nos encontrarmos de novo! A falta que você fez foi tanta que não chamo mais nem de saudade, pois até hoje não encontrei uma palavra que e descreve perfeitamente no dicionário.

Tenho certeza que chegará com ótimas histórias e muitas aventuras vividas para contar. Só em saber que seu maior sonho foi concretizado, a ansiedade em saber cada detalhe da sua viagem vai aumentando cada vez mais.

Espero que tenha realmente aproveitado bem a oportunidade, que a experiência tenha sido muito melhor do que esperava e que também esteja feliz pela sua chegada. Que a partir de agora seja iniciada uma nova jornada, repleta de muitas conquistas e muitos outros desejos realizados.

Esteja bem preparada para ser recebida por muitas pessoas, a espera foi longa a disputa pela sua atenção será muito acirrada. Que Deus lhe acompanhe na viagem de volta e que consiga interiorizar o sentimento de dever cumprido, você é uma guerreira e tudo que alcançou não foi mais que merecido!

Boa viagem de volta!

Até aqui viajamos juntos. Passamos vilas e cidades, cachoeiras e rios, bosques e florestas. Não faltaram os grandes obstáculos.

Frequentes foram as cercas, ajudando a transpor abismos. As subidas e descidas foram realidade sempre presente. Juntos percorremos retas, nos apoiamos nas curvas, descobrimos cidades. Mas agora chegou o momento de cada um seguir viagem sozinho.

Que as experiências compartilhadas no percurso até aqui sejam a alavanca para
alcançarmos a alegria de chegar ao destino projetado.

A nossa saudade e a nossa esperança de um reencontro aos que, por vários
motivos, nos deixaram, seguindo outros caminhos.

O nosso agradecimento àqueles que, mesmo de fora, mas sempre presentes, nos
quiseram bem e nos apoiaram nos bons e nos maus momentos.

Dividam conosco os méritos desta conquista, porque ela também pertence a vocês. Uma despedida é necessária antes de podermos nos encontrar outra vez.
Que nossas despedidas sejam um eterno reencontro!

Um bom professor deixa em cada um dos seus alunos uma marca indestrutível, um pedacinho do seu ‘eu’, da sua sabedoria, que não atrapalha, que muitas vezes não se consegue rastrear até ele, mas que está lá e cresce e evoluí com cada um dos alunos.

Esse bom professor é você, e por isso mesmo chega esta inevitável melancolia por saber que você se vai aposentar. Obrigado por tudo, professor!

A você, ao maravilhoso profissional e pessoa que você é e sempre foi, à sua infinita paciência, ao seu carisma, à sua sabedoria, muito obrigado. Esta é uma homenagem em forma de agradecimento que todos os que passaram pela sua vida profissional lhe quereriam prestar.

Agora se abre uma nova etapa na sua vida, e ninguém mereceu mais este descanso do que você, mas ficará para sempre a saudade de um professor que jamais será possível substituir. Obrigado por tudo, professor!

Recomendados para você

Nostalgia não é saudade: 32 frases que ajudam a compreender o que é a nostalgia
Nostalgia não é saudade: 32 frases que ajudam a compreender o que é a nostalgia